História O vento me levou até você(Saida) - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Black Pink, G-Friend, Got7, TWICE
Personagens BamBam, Chaeyoung, Dahyun, Jackson, JB, Jennie, Jihyo, Jinyoung, Jisoo, Jungyeon, Lisa, Mark, Mina, Momo, Nayeon, Rosé, Sana, SinB, Tzuyu, Youngjae, Yugyeom
Tags Dahyun, saida, Sana, Twice
Visualizações 26
Palavras 1.039
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Crossover, Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - *12*


Fanfic / Fanfiction O vento me levou até você(Saida) - Capítulo 12 - *12*

Pov Dahyun

Assim que abro meus olhos vejo Sana dormindo em quanto segurava minha mão,percebo que estou em uma sala branca e ja esta de manha, percebo que Sana estava mais magra e cheia de olheiras.

Dahyun-fala ela sorrindo- pensei que tinha te perdido- fala ela pulando em cima de mim.

Calma- falo ainda abraçando- nem faz tanto tempo que eu falei com você- falo sorrindo.

Dahyun- fala seria- você ficou tres meses em coma- fala seria- melhor eu ir chamar o medico- fala se levantando.

Assim que ela sai eu lembro do acidente,lembro de ver os meus pais sorrindo e então tudo ficando escuro.

Ola, vamos ter que fazer um exame para ver se esta tudo bem-fala ele me levando para outra sala.

Depois de quase uma hora de exames, volto para o quarto, e entao o medico fala que eu nao tenho nada com que se preocupar.

Sana- falo assim que a mesma entra- oque aconteceu com os meus pais?- pergunto seria mas com os olhos lacrimejando.

Dahyun-fala ela ja chorando- eles nao recistiram, você foi a única que sobreviveu- fala me abraçando.

Me diz que não é verdade- falo chorando e apertando mais-eu nao tenho mais ninguém além de você, eu nao tenho mais uma casa- falo chorando mais ainda.

Você tem aquela sua avó- fala tentando me acalmar, mas na verdade eu odiava aquela mulher.

Eu a odeio, ela sempre me tratou como lixo,so ia ate aquela casa por causa dos meus pais- falo chorando mais ao lembrar deles.

Dahyun- fala agora me encarando- more comigo- fala ela seria-eu sei que é cedo pra isso, more la por um tempo se quiser- fala seria- ou more la pra sempre- fala tao baixo que quase nao consigo ouvir.

Desculpe interromper- fala minha avó entrando- posso falar com você a sos- fala e Sana percebe que teria que sair.

Se precisar eu estou aqui fora- fala Sana para que so eu possa escutar, e entao sai.

Essa menina é bem,chata ela veio aqui todos os dias durante tres meses- fala ela olhando a vista que meu quarto tinha- você podia ter morrido- fala ela seria- mas essa mesma menina te salvou- fala agora me encarando.

Se você me odeia tanto por que ficou aqui- falo a olhando.

Seus pais tinham o seguro de vida deles- fala ela- acha mesmo que eu vou deixar você ficar com tudo?.

Você pode ficar com o dinheiro- falo seria- eu sei que minha guarda é sua agora, eu quero que vocês me emancipe.

Foi mais facil do que eu pensei- falo sorrindo- você não vai durar muito sozinha, você nem tem mais casa- fala deboxando.

Sana- a chamo entao a mesma parecia preocupada- eu aceito morar na sua casa ate achar um emprego e conseguir alugar uma- falo sorrindo para a mesma.

Vou preparar os papeis para você ja ser livre- fala a senhora se retirando.

Nossa,oque foi isso?-pergunta Sana confusa.

Ela tirando a mascara-falo seria-ela praticamente falou que eu devia ter morrido, mesmo eu nao gostando dela, doeu- falo sentindo uma lagrima.

 

Nao chore- fala limpando o meu rosto- ela so falou por falar, e tem muitas pessoas que gostam de você, em falar nisso daqui a pouco o pessoal vem te ver- fala ela sorrindo.

Dahyun- falam praticamente oito pessoas invandindo  o quarto.

Você não sabe o quanto nos ficamos com saudades- fala Momo me abraçando.

Desculpa interromper mais você todos nao podem ficar aqui- fala e enfermeira.

Tudo bem, vamos gente- fala tirando todos da sala-eu vou la com eles, e também vou comprar uma coisa deliciosa pra você comer- fala ela indo em direção a porta.


Pov Momo

Vamos decidir as duplas para ir conversar um pouco com a dahyun-falo- eu e Jackson, Lisa e Rose, Bambam e jennie, mark e Jisoo como Sinb e Yerin nao puderam vir agora depois elas conversam com ela.

Oi pessoal- fala Sana.

Oi- todos falam juntos.

Eu estou indo comprar o almoço vocês vao querer?- pergunta ela.

Traz logo pra todo mundo- falo.

Alguém quer ir comigo?-pergunta ja que seria um pouco difícil trazer a comida.

Eu e o Mark vamos- entao foram os tres as compras.

Vamos Jackson- falo o puxando ate o quarto da Dahyun.

Oi gente- fala e sorrindo.

Depois de conversamos com ela decidimos contar a ela que Sana estava praticamente largando a escola.

Dahyun, a Sana ja faz quase dois meses que ela não vai a escola, se ela continuar ela pode repetir- falo seria- depois do seu acidente a Sana parecia que nao tinha mais razão pra viver, hoje foi o dia que ela sorriu em dois meses-fala triste

Dahyun , ela vai voltar a ser como antes- fala Jackson

Eu espero- fala quase chorando.     

Depois nos voltamos, melhor irmos antes que os outros nos matem por demorar- falo me levantando e indo  ate a porta em quanto Jackson me seguia, depois que fui no banheiro no caminho da recepeçao sem querer esbarro em uma menina bem alta e bem bonita.

Desculpe- fala ela me ajudando a levantar-sou Tzuyu.

Não tem problema, sou Momo- falo- eu tenho que ir- falo me levantando e indo em direção a todos.


Pov Sana


Depois de comprar mos os lanches, vou ate o quarto onde a Dahyun estava.

Oi voltei  e trouxe comida- falo levantando a sacola.

Parece bom- fala sorrindo-e como você esta indo na escola?-pergunta mordendo um pedaço do lanche.

Ja faz um tempo que eu nao vou la- fala calma-eu nao consigo ir, e tbm eu arrumei um emprego em um cafe.

Você vai ir a escola, o medico disse que daqui alguns dias vou ter alta, e então vamos juntas para a escola- fala sorrindo.

Claro- falo sorrindo.

Alguns dias depois.

Finalmente Dahyun tera alta,estou indo busca la com minha mãe ja que eu nao tenho carteira de motorista, e também trouxe algumas roupas para ela .

Cheguei- falo entrando no quarto- eu trouxe algumas roupas- falo colocando em cima da cama.

Não vejo a hora de sair desse lugar-fala se levantando indo se trocar.

Depois de alguns minutos, ela sai e vejo a vontade de ir pra casa.

Ola, vejo que ja esta pronta pra ir embora-fala o medico entrando no quarto- pronto- fala anotando em um papel e entregando a Dahyun- mostre isso na recepiçao.

Assim que saimos do hospital fomos ate a antiga casa da Dahyun, pegamos as roupas, e uns quadros  de seus pais, assim que chegamos em minha casa.

Obrigada por me deixar ficar na sua casa- fala ela me olhando.

Agora essa é a nossa casa- falo sorrindo


Notas Finais


Obg por ler❤

E desculpa por não postar ontem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...