História O verdadeiro nome do amor é cativeiro ! - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga
Tags Gaahina, Itahina, Kakahina, Kibahina, Naruhina, Narusaku, Nejihina, Obihina, Sasuhina, Shikahina
Exibições 311
Palavras 1.079
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Harem, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Sabe, esse capítulo deu muito trabalho pra escrever, sério vcs não fazem idéia, depois dele todo terminado tive que reescrever ele todo por causa do meu celular maldito, mas o que importa é que o capítulo est aqui, então, boa leitura meus amores !

Capítulo 7 - Extra Sasuhina ...


Fanfic / Fanfiction O verdadeiro nome do amor é cativeiro ! - Capítulo 7 - Extra Sasuhina ...

Vendo Hinata deitada naquela cama, dormido serena e com os cabelos espalhados pelo travesseiro, eu me lembrava das palavras de Suigetsu, não podia acreditar que Hinata, a minha Hime havia ficado gravida, que ela teria um filho do Dobe, e que provavelmente seria sua maior alegria, e que ela havia perdido o bebê. A minha maior vontade naquele momento era de socar a cara do Uzumaki, como ela tão sem noção ao ponto de estar casado com a criatura mais linda do mundo e a trocar por umas noites de prazer com sua companheira de time ?!

Tudo o que Hinata passou, a dor que sentiu, eu não conseguia compreender aquele tipo de dor, Hinata era o exemplo de força, de amizade e lealdade ! 

Quando eu finalmente retornei para a vila, bem, muitos não me aceitaram, mas eu não me importei, com o passar do tempo todos foram se acostumando, fui designado para ótimas missões, consegui reerguer o clã junto a Itachi e os outros membros da Akatsuki, mas havia um ser que sempre esteve ao nosso lado, desde que chegamos a vila, até o momento da mesma partir, Hinata sempre esteve conosco, uma grande amiga, uma guerreira que não ligava para os comentários maldosos que eram lançados a ela por andar conosco, claro que assim que descobri que eu sentia amor por ela, e que também não era o único, bem, era tarde, ela já estava de casamento marcado com Naruto, fui ao casamento só pelo fato de a mesma ter dito querer minha participação, e que eu era uma pessoa muito especial.

Hinata estava linda na cerimônia, eu não pude me impedir de viajar e me ver ali no lugar do Dobe, dizendo eu aceito Hinata Hyuuga como minha legítima esposa, a beijando e tendo ela em meus braços na lua de mel. Infelizmente ele havia chegado primeiro, eles pareciam tão felizes juntos, se eu soubesse que ele teria feito algo como aquilo, eu teria lutado por ela, e posso dizer que, no passado eu abri mão de Hinata, mas agora eu não a deixaria escapar entre as minhas mãos mesmo que dependesse disso !

Eu estava sentado no parapeito da janela pela qual eu havia entrado, de acordo com Tsunade, Hinata estava impossibilitada de receber visitas, obviamente que eu não obedeceria essa regra. O sol sumia atrás do monte Kage, o céu fazia um turbilhão de cores e formas, e logo mais ia dando espaça para noite, as estrelas e a lua, sempre que eu olhava para a lua eu via os olhos de Hinata refletidos nela !

Me assustei ao ver Hinata se levantar da cama, não pude evitar de meus olhos vagarem para seu corpo, ela usava um short branco e uma regata vermelha, ela olhou para mim e se espreguisou, poderia ver ela acordar todos os dias. 

-Ola Hime, se sente melhor ?

Hinata se levantou e foi em direção a muda de roupas que Suigetsu havia levado para ela, apenas uma bota e um moletom ninja, rapidamente os vestiu e olhou para mim enquanto prendia os cabelos em um rabo de cavalo alto.

-Sim...Sasuke, o que acha de irmos comer ?

A olhei e dei um pequeno sorriso de lado, eu iria a onde aquela mulher fosse !

   ★_★

Hinata possuía o sorriso mais lindo que eu já virá, as bochechas coradas, os olhos brilhantes, as covinhas a amostra, ela era perfeita, pena que eu não era o único que não pensava assim, vários outros homens secavam Hinata com os olhos, e cada vez que um ameaçava chegar mais que dois metros de distância, eu rapidamente o fazia voltar com o rabo entre as pernas, meu olhar sobre eles era ameaçador.

-Sasuke, por favor pare de amedrontar os homens.

Gelei, era impossível, Hinata não poderia ter notado, poderia ? Eu estava sendo tão cauteloso para ela não perceber, tentando ao máximo ficar confortável sem tirar os olhos dela e ao mesmo tempo mandar aqueles filhos da mãe pararem de olhar a minha garota. Eu tinha total consciência de que estava com a maior cara de ridículo do mundo, Hinata era inteligente, eu sabia disso, mas ninguém antes havia me pegado tão desprevenido antes.

-Bem, talvez se eles pararem de te olhar como se fosse uma presa, talvez eu tentasse me controlar para me controlar de não tentar da um soco em cada um deles !

Ela riu, um sorriso bem fofo ao estilodela, nade de gargalhadas altas e escandalosas, os todos os dentes a amostra como se estivesse em um dentista, era uma risada típica dela... Veio como um estalo em minha mente, eu havia conseguido a chave do mundo e nem havia percebido !

-Hime, vem cá ...

Ela me olhou sem entender, mas chegou um pouco mais perto apoiando os cotovelos na mesa e inclinando mais o corpo na minha direção.

-Mais perto...

Ela me olhou desconfiada, mesmo assim o fez, um olhar rápido para baixo e pude ter uma visão privilegiada de seus belos e fartos seios.

-Vem aqui, eu quero lhe dizer uma coisa, e um segredo...

Era incrível como a curiosidade de Hinata as vezes chegava a níveis extremos, ela chegou mais perto e eu pude sentir sua respiração, seu cheiro suave meio amadeirado, o calor de seu corpo, ela estava bem inclinada sobre a mesa, de modo que sua bunda ficasse bem empinada.

Rapidamente a peguei pelo queixo e precionei meus labios contra os dela. Por um momento senti a tensão em seu corpo, logo ela suavizou e eu abri passagem com a língua, nossas bocas ainda estavam com gosto de tomate graças ao nosso jantar daquela noite, mas por alguma razão eu senti um leve gosto de menta na boca dela. Hinata possuía os labios mais macios que eu já havia experimentado, seu beijo era algo louco !

Nós separamos e ela me olhou, sorri, ela estava corada.

- Eu sei o que você fez Sasuke !

Droga...

DROGA, mil vezes...

Eu não acredito que ela havia descoberto sobre isso também, merda, muita merda. Me recostei na cadeira e deixei minha cabeça pender  para baixo, Hinata havia descoberto sobre o Genjutsu que eu havia jogado nela para nós nos beijarmos ... Voltei a minha posição normal, aquilo não era de todo ruim, afinal agora eu havia beijado a mulher que eu amo, e de uma maneira um tanto indireta eu havia me declaro para ela ...

-Hinata, minha Hime, agora você será minha !


Notas Finais


Eai ?
Bem, eu fiz, ele está aqui, agora para todos os outros que mandaram seus Ships, bem, eu devo dizer que " O seu desejo foi ouvido em alto e bom som !", Sim meus amores, eu irei fazer um capítulo especial para cada CRUSH de vcs, e só terem um pouquinho de paciência, Ok ?

Bjs da escritora ou escritor favorito de vcs !!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...