História Obrigada, Cipher - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gravity Falls
Personagens Bill Cipher, Personagens Originais
Tags Bill Cipher, Gravity Falls, Personagem Original
Exibições 11
Palavras 289
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Crossover

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom dia/tarde/noite.

Algumas explicações estarão nas notas finais.
Não me destruam por mudar as atitudes do Cipher ;w;

Espero que gostem. Boa leitura.
Até as notas finais

Capítulo 1 - -Capitulo Único-


"Você parece exausta" Bill disse me encarando "olha essa bagunça... E você ainda não comeu nada?!"
"Você não é minha babá" eu respondi e logo vi o que havia dito "... sinto muito... Não ando dormindo bem..."
"Pera pera pera. Você não anda dormindo nada Peão, ta horrível, sem ofensa"
"To muito cansada pra me ofender Bill"
"Peão? Ainda anda tendo pesadelos?" ele se sentou ao lado dos meus papéis de frente para mim. Em seu único olho podia ver preocupação enquanto ele retirava algumas mechas do meu cabelo do meu rosto.
"Pesadelos terríveis" afirmei.
"Será que eu posso te ajudar? Sem truque!" ele disse balançando as mãos.
"Prossiga Triângulo"
"Eu posso espantar seus pesadelos, entrando nos seus sonhos! Aí a gente passa a noite conversando ou matando seu pior inimigo de mil e uma formas diferentes!" Ele disse, alegria presente em sua voz.
"Qual o truque?"
"Nenhum!" ele estendeu a mão e uma chama fraca azul tomou forma "basta dizer que eu não terei acesso a sua mente, somente poderei intervir em seus sonhos para ter certeza que durma bem"
"Então tá, trato feito" e, com isso, apertamos as mãos e fechamos o trato.
"Pronto... AGORA VAI DORMIR QUE SEM VOCÊ EU VOU MORRER!" Ele disse fingindo estar bravo e nós dois rimos juntos.
Naquela noite um ser estranho apareceu em meus sonhos, quase xinguei Bill por me enganar mas logo ele apareceu lá e transformou tudo em um enorme vazio branco.
"Então... Quer jogar cartas contra humanidade? Ou M, M e mais M?" Bill perguntou enquanto bebia uma taça de vinho.

Por incrível que pareça até agora ele não aprontou nada, ainda segue com o trato. Pelo menos meus pesadelos pararam e ele está se comportando melhor.

Notas Finais


Bom, explicações!
Peão seria meu símbolo na dentre os existentes de Gravity Falls.
Coloquei o Bill um pouco mais "humano" que o normal (meio occ) porque ele foi a única criatura que pode entrar nos sonhos que eu me lembrei.

Talvez eu poste mais one-shots com eles mais tarde, que sabe. Obrigada por ler e até a próxima fic.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...