História Obscure Secrets - Kaisoo - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens D.O, Kai
Tags Drama, Kaisoo, Revelaçoes, Suspense
Exibições 159
Palavras 772
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem

Capítulo 15 - Escuridão


Fanfic / Fanfiction Obscure Secrets - Kaisoo - Capítulo 15 - Escuridão


Soco a parede sentindo cada vez mais raiva e meus olhos ficando pretos

- Você não imagina o que eu passei

- Na verdade eu sei o que aconteceu 

- Não,você não sabe como é a escuridão te consumir aos poucos 

Sorrio fraco e ele me olha 

- A escuridão já me consumiu a muito tempo,Soo - Ele se aproxima e dou um passo para trás 


Respiro fundo e ele continua se aproximando até que nossos corpos estejam encostados 

- Não há nenhuma luz,não é ? - Rio sem graça e e olho em meus olhos 

- Você é a minha luz 

- Eu também tenho escuridão 

- Então nos completamos?

Rio

- Nós dois temos escuridão,ou seja,estamos destinados ao inferno,como quer que sejamos "felizes"?

Ele suspira e me abraça

Recuo e o afasto 

Ele pensa que pode passar 3 meses longe e depois volta tudo ao normal!?

Ele fica sem graça e o encaro 

- Desculpe

- Se você diz que me acompanhou durante esses 3 meses,o que eu fiz?

- Você - Ele olha para o chão - machucou seus amigos e.....

- Pode dizer,eu já tenho nojo de mim mesmo 

- Queimou pessoas vivas 

Ele olha para mim

- Isso não é culpa sua


- É claro que é,eu fiz, você sabe muito bem que eu comecei a poder ter noção do que eu faço 

- Isso é uma maldição que te consome,uma escuridão que toma sua alma,você é uma pessoa boa,mas a culpa disso é da maldição,não sua.

- Não adianta tentar tirar esse peso de culpa das minhas costas 

- Eu tambem tenho uma maldição,mas ao contrario de você Soo,eu não posso encontrar uma luz,você ainda pode.Sua transformação é amanhã mas você pode se controlar 

- E como quer que eu faça isso? 

- Alguns diziam que amigos ou a família podem fazer isso,mas o que eu já vi conseguir salvar alguém é o amor.

- Eu não te amo 

Percebo a tristeza em seu rosto no momento em que digo isso

- Eu posso tentar ,mas , Jongin,não consigo fazer isso de um dia para o outro 

- Você ao menos sente algo por mim? 

Fico em silêncio e percebo que ele fica abatido 

Eu....

Quando eu estava descontrolado a primeira pessoa que me vinha a mente era Jongin,e por mais que eu esteja com raiva dele eu conseguia me acalmar pensando nele 

Eu me sinto bem ao seu lado 

Eu nunca gostei de homens,como isso é possível ?

- Eu.....sim.....eu gosto de você 

Kai olha para mim e percebo que ele ganha um brilho no olhar 

- Isso é ótimo - Ele sorri 

- E você? sente algo por mim ? - Acabo sendo ríspido por medo de ele não sentir nada por mim 

Seu sorriso diminui  e ele fica em silêncio 

- E então? 

Ele coloca as duas mãos em meu rosto e aproxima o rosto do meu

- Eu gosto muito de você

Ele sussurra e sela nossos lábios 

Penso em me afastar mas acabo fechando os olhos e retribuindo o beijo 

Nós temos uma "relação" estranha,uma hora sinto raiva dele e tudo volta ao normal dois minutos depois 

Os sentimentos nos deixam frágeis 

Mas não há como escapar


.........

 
[ " Neste mundo frio, eu fecho meus olhos 
Deitado na cama, cobrindo meus ouvidos 
Ontem é hoje, hoje é ontem 
Eu estou cheio da sua culpa tardia 
Nós iremos devagar 
Baby, baby, nós iremos devagar Oh 
No mesmo sonho, algo chama por mim 
Uma canção familiar, nos conectando 
Ela me envolve, o ódio em mim 
Todos os dias se repetem, mas tudo bem 
Eu estou andando sob a escuridão profunda 
Olhe para o que é real e que está escondido ali 
Abra seus olhos 
Silenciosamente, abra os seus olhos 
Abra seus olhos, agora abra seus olhos 
Abra seus olhos 
Silenciosamente, abra os seus olhos  
Abra seus olhos, agora abra seus olhos Yeah, yeah 
O ódio não desaparece 
Com sonhos que me torturam 
O relógio ri de mim 
Eu não cometo erro algum 
Eu estou um caos, nem sequer me conheço 
Meu futuro está sombriamente colorido 
Eu me debato 
Colorindo esta noite com mais sombras 
Ooh yeah 
Neste mundo frio, eu fecho meus olhos 
Deitado na cama, cobrindo meus ouvidos 
Ontem é hoje, hoje é ontem 
Eu estou cheio da sua culpa tardia 
Nós iremos devagar 
Baby, baby, nós iremos devagar Oh 
No mesmo sonho, algo chama por mim 
Uma canção familiar 
Finalmente conectando 
Eu ainda estou indo para algum lugar 
Para um lugar desconhecido 
Para um corredor desconhecido 
Passo meu tempo em um lugar desconfortável 
Mesmo depois de muitas noites " ]


Notas Finais


Se alguém quiser saber,o trecho de música que eu coloquei é da música 7th sense do NCT U


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...