História Obsessão - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chris Evans
Personagens Chris Evans
Tags Chris Evans
Visualizações 13
Palavras 2.660
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Um novo Evans...


POV SEBASTIAN:

 

- Bucky! – Chris me chamou entrando no cenário e me olhando deitado na cadeira enquanto eu sibilava algumas palavras – Ah Meu Deus! – Ele exclamou, estávamos gravando a cena do filme onde Steve Rogers encontrava Bucky Barnes na base da Hydra, Chris soltou as amarra que teoricamente me prendiam a mesa e eu o olhei.

- É, é o... – disse enquanto ele acena.

- Sou eu, Steve! – Chris disse sua fala.

- Steve! Falei sorrindo enquanto ele fingia me ajudar a levantar e eu me apoiava nele tentando transmitir que Bucky tinha dificuldades de se locomover.

- Vem!

- Steve! – Disse num tom emocionado e a cena continuou, gravamos também com Hugo Weaving, que interpretava o Caveira Vermelha e logo após gravamos uma das cenas, pelo que Lelli me passou, mais difíceis, era uma cena onde Bucky tinha que mostrar que se importava com Steve e que não o abandonaria em meio aquele fogo todo, se fosse alguns dias atrás, sim, teria sido uma cena difícil, mas não, na verdade, foi bem no dia onde mais cedo eu ouvira Kevin confessar toda a verdade à minha irmã, em pensar que odiei Chris por dez anos sem ele merecer, que por minha culpa nossa banda havia sido desfeita, não dava para não me sentir mal sabendo que por minha culpa eu e Chris não eramos mais como eramos no colégio, ele era, sempre foi um grande irmão para mim, muito mais que um melhor amigo, e eu deixei tudo isso, substitui ele por Colin apenas por uma mentira do Richardson.

- TEM QUE TER ALGUMA CORDA! ALGUMA COISA STEVE! – Disse dando a emoção que meu personagem precisava, mas confesso que queria transmitir para Chris com o olhar, que eu também queria ele de volta em minha vida nessa cena.

- VAI EMBORA LOGO! SAI DAQUI BUCKY! – Chris gritou do outro lado do cenário já com os cordões amarrados em sua cintura, visto que logo mais ele pularia de uma distancia impossível.

- NÃO! SEM VOCÊ EU  NÃO VOU! – Gritei enquanto Chris, que atuava muito bem, devo enfatizar, empurrava uma parte cênica da grade e fingia pular, logo ouvimos o “Corta” e sorrimos um para o outro, a cena com certeza tinha ficado ótima.

- Meu Deus, eu com certeza reuni os melhores nesse filme da Marvel! – William disse sorrindo enquanto Lelli aparecia atrás dele.

- Não se esqueça que eu ajudei Willy! – Ela disse fazendo o nosso acessor geral sorrir. – A cena ficou emocionante rapazes, até parece que vocês não se odeiam! – Lelli disse fazendo Chris dar um sorriso triste e suspirar.

- Eu vou comer algo! A Jéssica ainda não chegou, e a próxima cena eu vou gravar com ela... – Chris explicou cabisbaixo enquanto se afastava.

- Eu vou aproveitar esse intervalo e ligar para um cara com quem estou saindo... – Lelli explicou sem jeito, ela estava saindo com quem? – Você devia ligar para a Ayandra, ela está louca atrás de você, deve ser um namorado mais atencioso Seb!

- Aya e eu não somos namorados, a gente só se pega às vezes...

- Não é o que ela acha... – Lelli sugeriu e saiu, com quem diabos ela estava saindo?

Suspirei, não era com a Ayandra que eu tinha que falar agora, fui na mesma direção que Chris havia saído e o encontrei no seu camarim, bati na porta sem jeito fazendo ele desviar a atenção do violão que estava em seu colo e me olhar.

- Ual, Chris Evans ainda toca! – Disse fingindo surpresa para descontrair e ele deu de ombros sorrindo me chamando para entrar com um gesto de cabeça. – O que estava tocando? – perguntei fazendo Chris suspirar.

- “I Lay My Love On You” – Ele disse me fazendo suspirar, era a musica que Chris havia compost para minha irmã no colégio.

- Jessy e Kevin terminaram o noivado! – Eu disse por fim fazendo Chris acenar.

- Eu soube, Kevin meio que explodiu o twitter com isso, acho que as fãs do Backstreet Boys não iam muito com a cara da sua irmã... – Chris disse fechando os olhos por um longo tempo. – Como, como Jessy está com o término?

- Acho que bem, ela saiu com Colin, um amigo meu... – confessei fazendo Chris acenar.

- Claro, sua irmã com um amigo seu, por que isso não me surpreende? – ele perguntou com mágoa.

- Chris...

- Tudo bem Seb! Eu só queria saber onde eu e Jessy nos perdemos...

- Olha Chris, a Jessy odeia dizer não, principalmente quando esse não é para você – resolvi ser sincero, apesar de entender que Chris queria apenas proteger minha irmã, ele mentiu para ela, mentiu em toda essa história de Kevin e mentiu na história daquela aposta ridícula. – A Jessy pensa muito com o coração, desde o colégio, e foi covardia sua mentir para ela, sabendo o quão frágil ela era naquela época, eu te alertei disso tantas vezes, tudo que Jessy esperava de você quando namoravam era que você levasse ela à sério, como ela te levava, ela nunca ligou para o que você tinha, ela simplesmente te amou, enquanto você só mentiu para ela, mas isso não vem ao caso, inclusive era sobre isso que queria falar com você, eu fui injusto com você por 10 anos, não te deixei me explicar o que houve, e sei que você também não me contou por que queria proteger Jessy de um trauma, eu entendi isso, e talvez fizesse a mesma coisa no seu lugar, sinto muito por todas as coisas que eu te disse antes de sair da banda naquela tarde, eu percebi o quanto você estava mal, e não queria te ouvir, eu queria te matar na verdade, como quis matar o Kevin hoje mais cedo quando ele me contou tudo o que fez com minha irmã naquela noite da nossa viagem. – Chris me olhou surpreso – Sim, foi por isso que ele e Jessy terminaram, e Jessy sabe de tudo agora também, então se prepara porque ela deve estar furiosa com você! Mas enfim, eu estou enrolando, quer dizer, sei que nossa amizade talvez nem volte a ser a mesma, mas eu fui errado em te julgar, e queria o seu perdão e voltar a ser seu amigo... – Disse sem jeito enquanto Chris sorria derramando uma lágrima e vindo me abraçar.

- Você nunca deixou de ser meu amigo “mate” – ele disse me chamando pelo apelido que usávamos na adolescência para chamar todos os meninos da banda.

- Viu, eu disse que eles eram dois maricas... – Ouvimos a voz de Robert na porta e nos afastamos olhando ele, William e Hems ali.

- Acho que o Westilife está de volta! Mas agora no campo de atuação! – William disse sorrindo, ele sempre fora o mais responsável, desde o colégio, não é à toa que havia se tornado acessor de todos.

- Eu sempre soube que seríamos estrelas! – Hems disse nos fazendo rir, sim, parecia os tempos de colégio, a única diferença é que tínhamos trocado os instrumentos por roteiros agora.

- Já que o casalzinho aí reatou o namoro, podemos voltar? A Jessy chegou com o Hems! A próxima cena é de vocês dois Chris! – Robert disse fazendo Chris paralisar ao meu lado, espera, Jessy tinha saído com Colin.

- E o Colin? – perguntei fazendo todos me olharem com duvida. – Colin, é meu melhor amigo! – expliquei ouvindo o suspiro de Chris – Ele saiu com Jessy.

- Ah, o ator de Once Upo a Time! – Hems disse – A Agda, a Bruna e a Nicole ficaram falando com ele e Jessy me pediu para trazê-la! – Hems explicou me fazendo acenar ainda achando estranho, o que essas meninas tinham para falar com Colin? Elas sequer o conheciam...

 

POV COLIN:

 

- Ali, elas chegaram! – Nicole disse batendo palminhas parecendo uma menininha.

- Você parece uma garotinha de 15 anos às vezes, toda essa empolgação apenas por causa de um clipe? – perguntei.

- Não é só por causa do meu clipe bobinho, você vai entender o plano todo agora! – Nicole disse, ela era cantora, assim como May Evans que acabara de chegar com Bia Johansson e outra garota que não me recordava quem era.

- Oi! – May disse se sentando junto com as meninas – Hey, eu conheço você, é o Capitão Gancho de Once Upon a Time não é? Eu amo essa série! – May disse me fazendo rir e olhou Nicole – Hey cunhadinha, gostei da escolha pro seu clipe! – Disse se referindo a mim, pelo que eu havia entendido Nicole tinha me oferecido um papel como seu interesse romântico em seu novo videoclipe intitulado “Words” e eu havia aceitado, só não tinha entendido ainda, porque tantas garotas precisavam estar nessa reunião se Agda era sua acessora.

- Vocês vão me explicar o que está acontecendo? – perguntei começando a ficar irritado.

- Queremos que você seja a nossa Nicole versão masculina! – Bia disse sorrindo enquanto eu a olhava confuso – É o seguinte, você gosta de histórias? Nós precisamos te contar uma para você entender... – ela perguntou enquanto eu acenava.

- Ok, vai lá! – Bruna disse começando – Era uma vez um garoto chamado Christopher e uma garota chamada Jéssica, eles eram apaixonados um pelo outro, mas nenhum tinha coragem de chegar no outro...

- Então – May cortou a amiga – Christopher, que era burro, porque a irmã gêmea dele pegou toda a inteligência no útero da mão! – Disse me fazendo rir da sua pequena brincadeira – apostou com William que levaria Jéssica ao baile e a conquistaria, como eu disse, ele era um idiota...

- Só que William havia apostado isso apenas para Chris tomar coragem de chamar Jessy para sair – Agda disse e então continuaram contando a história para mim enquanto eu ia entendendo aos poucos, um longo tempo depois elas terminaram.

- Como dissemos, a Nicole é namorada do Chris, mas também está na operação Jeris, e queremos você nela, agora que Jessy está solteira, sabe, ela é meio cabeça dura, e não vai dar o braço à torcer, se tiver alguém do lado dela que também apoia esse romance... – Bruna disse me olhando com os olhos esperançosos enquanto eu suspirava.

- Deixa eu ver se eu entendi! – Pedi fazendo as meninas acenarem freneticamente – querem que eu comece a namorar Jessy, para assim ela entender que o cara certo para ela é o Chris, e que enquanto eu namoro com ela eu dê um jeito de aproximar os dois? – perguntei fazendo as meninas me olharem com  receio.

- Parece um plano maluco, mas... – Bia disse enquanto eu a interrompia.

- É claro que eu topo, vai ser hiper divertido dar uma de cupido! – Disse enquanto May pedia licença para ir ao banheiro, eu amava juntar casais, e me parecia um bom plano, devo confessar que estava me sentindo num filme de ação.

 

POV CHRIS:

 

- Mas você pode ficar com a roupa! – Sebastian me dizia, estávamos gravando a cena do bar onde Steve estava com os soldados e encontrava Peggy.

- Quer saber? – perguntei olhando o cartaz – Eu estou começando a gostar dela! – Disse sorrindo, depois que eu e Seb fizemos as pazes, até o clima em nossas gravações ficou mais leve, logo olhamos para onde Jessy entraria, eu ainda não a tinha visto no figurino do vestido vermelho que Peggy usaria na cena, então assim que ela entrou fiquei paralisado, ela transbordava sensualidade e inocência ao mesmo tempo naquele vestido, naquele momento eu esqueci que estava interpretando Steve Rogers e ela Peggy Carter, para mim, eramos apenas eu e Jessy ali, mesmo que eu ainda não tivesse falado com ela sobre o término por causa de falta de tempo.

- Capitão! – Ela disse sua fala com a voz doce, que ecoou em minha mente e coração.

- Agente Carter! – Disse respirando fundo a olhando de cima abaixo enquanto tentava focar nas falas que eu devia dizer na cena.

- Olá! – Seb cantaralou num tom sexy, eu sabia que ele estava atuando, ele nunca tinha visto Jessy com olhos de homem, eram irmãos.

- O Howard quer que experimente o o equipamento – Jessy disse e não sei se foi impressão minha, mas seus olhos ficaram mais ferozes, na mesma proporção que sua voz se tornava mais sedutora – Amanhã de manhã?

- Está ótimo! – Falei minha fala tentando me controlar para não agarrar Jessy ali mesmo na frente de todo mundo. Jessy olhou para a mesa que os atores que faziam soldados cantavam e eu aproveitei para percorrer meu olhar por seu corpo novamente, recebendo um olhar de canto de Sebastian, eu sei que esses instintos não estavam no roteiro, mas dane-se, era Jessy na minha frente naquele vestido que MEU DEUS...

- Vejo que seu esquadrão de elite está se preparando! – Jessy continuou a cena e eu tinha que dizer alguma coisa, mas o que era mesmo? Céus, eu não conseguia nem improvisar, a única coisa que sabia fazer era olhar Jessy em minha frente.

- Não gosta de dançar? – Seb improvisou em meu lugar me fazendo criar uma nota mental de agradecê-lo depois.

- Na verdade gosto... – Jessy quase sussurrou não desviando os olhos dos meus, isso também não estava no roteiro, nós estávamos mesmo flertando no meio de uma gravação? – Pode ser até que quando tudo isso terminar eu vá dançar...

- Então o que estamos esperando? – Seb disse e eu sabia que ele não estava mais improvisando, mas sim tirando uma com a minha cara.

- O parceiro certo! – Jessy disse me encarando e respirando fundo – As oito horas Capitão! – Ela disse saindo de cena.

- Sim senhora! – Disse outra fala que também não constava no scripit – Estarei lá! – Disse a frase certa para o personagem dessa vez e Sebastian me olhou rindo sem humor, ele tinha voltado ao personagem dele também.

- Sou invisível, eu estou virando você, que pesadelo! – Disse negando enquanto eu ria, assim como Steve teria que rir da piada de Bucky.

- Não fique assim! – Disse dando tapinhas no ombro de Seb – Talvez ela tenha uma amiga! – Disse e ouvimos o corta, Lelli veio até nós, mas logo me estendeu meu celular que tocava sem parar.

- Alô, Bia? – Questionei confuso.

- Chris, a May está no hospital, ela passou mal no banheiro do restaurante em que estávamos, as meninas estão aqui com um amigo nosso, e já ligamos pro Nick, mas ela quer você e o Scott, mas o Scott está em Los Angeles então é você, vem correndo! Se quiser chama o pessoal que tah aí também, vulgo Lelli, os meninos, Seb e Jessy! – Disse afobada e desligando e fazendo respirar fundo para dissipar a preocupação, expliquei o que estava acontecendo e fomos todos para o hospital que Bia havia me dado o endereço, chegamos lá ao mesmo tempo que Nick, namorado de May, e encontramos todos na sala de espera com um rapaz, que logo descobri ser o tal de Colin, não vou mentir, fiquei com ciúmes quando Jessy o abraçou e se sentou ao seu lado, logo o Dr Dereck, médico da equipe que acompanhava May na tour saiu por uma porta.

- Então Doutor! – questionei preocupado com Nick do meu lado e todos se aproximando.

- Não foi nada demais, mas a Mayara terão que se cuidar direitinho à partir de agora! Me acompanhem! – Ele disse nos fazendo estranhar, era muita gente para uma visita, mas mesmo assim todos nós entramos, May estava numa maca assistindo à um show na TV e pediu para Nick e eu nos aproximarmos, ela pegou a mõ de Nick e colocou na barriga enquanto eu sorria já imaginando o que minha irmã tinha para dizer.

- Parabéns Nick, a gente vai ser papai! – Ela disse sorrindo enquanto uma lágrima involuntária corria por meu rosto, eu iria ter um sobrinho ou sobrinha! – Eu estou de dois meses. – Mayara finalizou fazendo todos nós festejarmos e uma enfermeira pedir silencio, era uma das melhores noticias que eu poderia receber, Nick pelo jeito só sabia chorar, ele seria um ótimo pai coruja.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...