História Obsessão!!! - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Sehun, Suho, Xiumin
Exibições 31
Palavras 1.814
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Fantasia, Festa, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bora continuar.

Capítulo 14 - Cedendo ao desejo!!!


Fanfic / Fanfiction Obsessão!!! - Capítulo 14 - Cedendo ao desejo!!!

Eu tentava de toda forma escapar daquele monstro, se ele conseguece o que queria, aí sim seria o meu fim.

Kami: Me solta seu imundo desgraçado. - eu me debatia tentando sair dali.

- Já chega de tentar resistir Kami, você vai ser minha hoje e ninguém pode impedir. - ele segurava meu cabelo e puxava.

Kami: Desgraçado infeliz, eu tenho nojo de você. - eu falei e cuspir no cara dele o deixando com mas raiva.

- Sua putinha infernal eu vou ti ensinar uma boa lição. - ele me acertou com um tapa me fazendo virar o rosto, ele começou a rasgar minhas roupas e quando eu já tava nua, ele me penetrou dois dedos sem um pingo de delicadeza.

Kami: A aaaaaaiiiiiiii desgraçado você tá me machucando, me soltaaaaaa...- Eu gritava e tentava fechar as pernas mas ele me batia e as abria de novo.

- Fica quieta sua vampira infeliz. - ele me batia no rosto o deixando bem machucado.

Kami: Eu não vou permitir que voce me use mas uma vez, eu me entreguei pra você um dia achando que me amava, mas olha no que você me transformou, eu era só uma jovem inocente. - a ira já começava a tomar conta de mim, eu cravei minhas unhas na costa dele e comecei a arranhar rasgando sua pele.

- Aaaaaaiiiii desgraçada eu vou te matar. - ele levantou saindo de cima de mim, me pegou pelo cabelo e me jogou na parede, eu bati e cair no chão, ele então começou a me chutar, eu cuspia sangue e sentia meus ossos quebrando, ele me levantou pelo pescoço, se encaixou no meio das minhas pernas e começou a abrir o zíper da calça dele, eu entrei em desespero.

Kami: Não não não, me solta por favor, não faz isso. - eu me sacudia e ele me imprenssava cada vez na parede.

- Eu vou te fuder todinha hoje minha putinha gostosa. - ele botou o pênis dele pra fora e quando foi me penetrar, eu senti ele saindo de perto de mim numa velocidade absurda, eu cair no chão e só ouvia barulhos e ele discutindo com outra pessoa, mas eu não podia ver pois ele tirou minha visão, eu tentava levantar mas não conseguia por estar muito fraca e machucada, então eu me encostei na parede e fiquei ouvindo os barulhos que eram como se alguém brigasse com ele. Depois de um bom tempo, o barulho parou e minha visão voltou, foi aí que tive noção do quanto eu tava machucada, eu me verguei abraçando meu corpo e comecei a tentar me curar mas não conseguia, foi então que eu senti uma mão em meu ombro e uma voz masculina falando comigo.

- Calma, deixa que eu faço isso pra você. - eu levantei a cabeça pra ver quem falava comigo, e me deparei com ele, D.O, o meu maior protetor, ele tava ainda mas lindo e atraente.

Kami: D.O você voltou. - Eu falei com o pouco de força que me restava e fui caindo mas ele me segurou.

D.O: Vem, eu vou cuidar de você. - ele me carregou, sentou na cama e me botou em seu colo, D.O me abraçou e começou a me curar, eu sentia meus ossos imendando e meus ferimentos sumindo, depois que ele terminou de me curar, ele me levou pro banheiro e me deu um banho, quando terminou, ele voltou pra cama comigo no colo, mordeu seu pulso e botou na minha boca, eu entao comecei a sugar seu sangue e assim fui ficando melhor, mas ele mais uma vez teve que puxar o braço por eu não conseguir soltar.

Kami: Desculpa D.O, mas seu sangue é tão bom. - eu falei labendo os lábios e me espreguiçando de olhos fechados, eu sentir as mãos dele me apertando de um jeito sensual, uma em minha cocha e a outra em minha cintura, foi então que eu olhei pra ele e vi que D.O me admirava com desejo, ele começou a acariciar meu corpo nu e mordia o lábio, seus olhos e cabelos começaram a ficar negros e ele me arranhava levemente me fazendo arrepiar.

Kami: Aaaaah aaaah D.O que maravilha.

D.O: Você é tão linda, teu cheiro é maravilhoso, teu corpo é perfeito, eu quero te possuir Kami, já não consigo mas me controlar, eu tentei me afastando mas não deu certo. - ele acariciava meu corpo levemente e me admirava com seus lindos olhos negros.

Kami: Então me possua D.O, me usa, faz o que quiser comigo, eu quero sentir você em mim. 

D.O: Eu também quero sentir você. - ele então me deitou na cama, tirou suas roupas e deitou do meu lado encostado em mim, ele virou meu rosto na direção do dele e levemente selou nossos lábios, D.O me beijava de um jeito incrível, uma de suas mãos ele mantinha em meu cabelo e a outra ele levou até a minha vagina e começou a acariciar, eu sentia muito tesao e desejo, quando nos faltou o ar ele separou nossos lábios e então deitou encima de mim.

Kami: Oh D.O você é tão lindo. - eu falava passando a mão em seu  rosto.

D.O: Eu so espero que eu não me arrependa disso. - ele então levou sua boca até meus seios, ele lambia e chupava um de cada vez com sua boca quente e massia, suas mãos deslizavam em meu corpo de um modo leve, D.O foi descendo sua boca até chegar na minha barriga, ele enfiava sua língua em meu umbigo e depois beijava, então ele desceu mas até em minha vagina, ele abriu minhas pernas e levou sua boca até minha intimidade, mas ele não fez como os outros, ele simplesmente começou a beijar ela de um jeito carinhoso e leve.

Kami: Uau D.O que maravilhoso, isso é tão bom. - eu delirava com seus beijos em minha intimidade, depois de me dar vários Beijos, ele começou a me masturbar com sua linda levemente, ele apertava minha cocha com uma mão e a outra ele meteu por baixo de mim segurando meu bumbum e apertando.

Kami: Aaaaah aaaah Aaah D.O assim vai... - eu rebolava devagar em sua boca e aquelas suas lambidas e chupadas leves, me faziam querer gozar, ele percebeu e acelerou os movimentos em meu clitóris.

Kami: Uuuuuuuh D.O Eu vou gozar ooooohhh...- ele acelerou mas ainda e eu não aguentando, acabei gozando e ele lambia minha intimidade maravilhosamente e quando terminou, deu mas alguns beijinhos.

Kami: Nossa que delícia D.O.

D.O: Você é realmente ótima, do jeitinho que eu imaginei. - ele falava passando a mão em meu rosto e seus olhos brilhavam fixados nos meus.

Kami: Porque Você tá me olhando assim? - eu tava realmente estranhando aquele jeito dele.

D.O: Nada, só tô adimirando a tua beleza.

Kami: Sei.

D.O: Eu quero você pra mim Kami. - Ele sussurou em meu ouvido me fazendo arrepiar.

Kami: Pois faça, eu tô aqui pronta pra você. - ele então levantou uma das minhas pernas, se encaixou entre elas e começou a me penetrar devagar enquanto segurava meu cabelo e beijava meu pescoço.

Kami:: Aaaaah que delícia nossa ooooohhh...- assim que D.O me penetrou todo seu membro, ele começou a rebolar devagar e de um jeito bem sensual, ele parecia não ter ossos no quadril ao rebolar tão perfeitamente.

D.O: Aaaaaar Kami você é perfeita, és linda, deliciosa, cheirosa, é como eu queria que fosse. - D.O era totalmente diferente dos irmãos dele, ele era carinhoso e cuidadoso.

Kami: D.O você é tão perfeito, aaaaah que delícia. - eu falava em meio a gemidos de tanto prazer e ele me deseja cada vez mas, D.O apertou minha cocha e me estocou de uma vez e então começou a acelerar seus movimentos, meus olhos e cabelos mudaram de cor e minhas presas ficaram à mostra, eu cravei minhas unhas na costa dele e ele acelerou, nós dois gemiamos juntos envolvidos em tanto prazer e desejo, as penetrações de D.O eram maravilhosas e me deixavam louca e querendo cada vez mas.

D.O: Ooooohhh ooooh ooooh Kami eu não suporto mas, eu vou gozar kamiiiiii...- ele falava espremendo os olhos e apertava minha cocha enquanto me estocava.

Kami: Aaah Aaah Aaah aah D.O goza gostoso vai, eu quero do teu veneno D.O. - ele acelerou mas um pouco e quando sentiu que ia gozar, ele passou a mão por baixo da minha costa, me apertou e mordeu o travesseiro enquanto gozava.

Kami: Aaaaah que gostoso, que maravilha. - eu tava delirando sentindo seu gozo jorrando dentro de mim e seu pênis latejando, foi quando me surpreendi com as palavras de D.O.

D.O: Eu te amo Kami. - ele falou após tirar suas presas do travesseiro e deitar sua cabeça em meu ombro, eu fiquei totalmente espantada com aquela declaração dele, afinal, eu não o amava e nem sabia o que era amor.

Kami: Calma aí, D.O você disse que me ama? - eu falei o empurrando e ele fixou seus olhos nos meus.

D.O: Sim Kami, eu te amo e ti espero a séculos. - seus olhinhos brilhavam enquanto ele se declarava.

Kami: Minha nossa, você não pode me amar D.O.

D.O: Porque não?

Kami: Porque eu não ti amo, eu não amo ninguém, eu não tenho esse sentimento.

D.O: Mas se um dia eu te der o meu veneno, talvez você me ame.

Kami: E porque você não me deu ele agora?

D.O: Porque ainda não tô preparado se caso o resultado for negativo, já imaginou você esperar por uma pessoa durante séculos amando ela e por fim ela nunca ti amar? Isso doe e maltrata Kami, doe mas do que uma estaca enfiada no peito.

Kami: Hum, é, eu não entendo dessas coisas, mas pelo jeito é bem ruim né, ainda bem que não corro esse risco de sofrer por amor.

D.O: Corre sim , já falei que talvez você me ame se eu te der o meu veneno.

Kami: Tá tá, chega de falar disso, você viu o Sehun e o Baekhyun?

D.O: Sim, eles estão desmaiados e bem machucados no chão da sala.

Kami: Nossa, e agora? O que vamos fazer com esses dois? Eles só vivem brigando.

D.O: Deixa comigo que eu resolvo depois, agora vamos aproveitar mas um pouquinho. - ele falou me botando sentada encima dele.

Kami: Nossa D.O, quanta disposição hein. - eu falei rebolando encima dele.

D.O: Hahahaha...eu espero a séculos por esse momento, acha que não mereço aproveitar?

Kami: Merece não, deve. - eu falei e me sentei encima de seu pênis e comecei a cavalgar, D.O segurava minha cintura e delirava de olhos fechados e mordia o lábio gemendo, eu também gemia e me deliciava daquele lindo Vampiro, aquele momento com D.O era tão bom e perfeito que eu pedia pra nunca acabar, eu não conseguia entender o porquê de estar tão envolvida naquele prazer com D.O se já tive esse momento íntimo com os outros, mas eu não me senti assim com eles, eu não senti tanto prazer e desejo, D.O era realmente diferente. Ele era o meu lindo e perfeito vampiro do amor.



Notas Finais


Own que lindo esses dois.
Mas gente será que a Kami vai amar o D.O?
Saberemos nos próximos capítulos.
Beijos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...