História Obsessão (Sterek) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Derek Hale, Lydia Martin, Melissa McCall, Scott McCall, Sheriff John Stilinski, Stiles Stilinski
Tags Mpreg, Sterek
Exibições 290
Palavras 3.569
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiie, meu nome é Lucas, me revelando para vocês! Espero que tenham um bom almoço, pensando em mim, que é o amor de vocês por atualizar agora, e no que vai acontecer pelo título do cap!
Chega desse negócio de autor ou autora, agora sabem que é autor kkkkkk
Desculpem os erros e boa Leitura,amores 💕💕💕 com mais corações!

Capítulo 7 - Vamos Com Calma


 

Faziam dois meses desde que Derek e Stiles começaram a namorar. Dois longos meses de felicidade para o castanho, misturados a um pouco de medo nas vezes em que Derek ficava à beira de um surto. O maior já havia quase quebrado a TV dos Stilinski, apenas porque Stiles disse que o ator da série, que eles assistiam juntos sempre que podiam, era bonito. Para a sorte do menor, esses quase ataques não passavam disso, um “quase”. Para Derek, esses dois meses tem sido o motivo de grande felicidade para o moreno, mas também, grande tortura. Estar junto, depois de tempos apenas observando, da pessoa que ama e não poder fazer todas as coisas que tinha sonhado, é realmente um tormento. Derek já tentou algumas vezes ir além de apenas beijos e suas mãos bobas com Stiles, mas sempre que avançavam para algo mais sério, o menor simplesmente travava ou corria para se esconder por alguns minutos, tempo para que a excitação passasse.

Mesmo o maior afirmando que não, Stiles achava que isso fazia com que Derek fosse, aos poucos, desistindo dele. O moreno não mentia quando dizia isso, é claro que ficava frustrado, mas quando o castanho fugia dele, o desejo de Derek apenas se fazia aumentar. Ele nunca se separaria de Stiles, o menor havia prometido ser dele e o maior fez a mesma promessa ao outro. Ambos se pertenciam e Derek levava isso ao pé da letra, afinal, eles teriam uma vida inteira juntos, tempo é o que não faltaria para que Derek cumprisse seus objetivos. Além do mais, o moreno acreditava que todo esse receio por parte de Stiles se deva pelas coisas que seus amigos, Scott e Lydia, e o resto da cidade falam de Derek. Apenas uma semana depois de começarem o namoro, toda a cidade já sabia da notícia, o maior pediu a mão de Stiles para John, que aceitou apenas por causa do filho que exalava alegria e felicidade, mas deixou claro que ainda seria um Xerife com várias armas se Derek magoasse o castanho. Um jantar entre as famílias foi feito, Peter e John voltaram a conversar depois de anos, eram realmente velhos amigos, Cora e Stiles se deram muito bem, finalmente podendo ser mais do que colegas de classe, Derek estava feliz com a aproximação das duas famílias e para a surpresa/alegria de Stiles, Melissa também compareceu, sendo ela a responsável pela organização do jantar.

Alguns dias depois disso, Scott e Lydia foram cautelosos, mas bem diretos quanto sua reconciliação com o menor. A verdade é que mesmo Stiles querendo mostrar que era forte, já não aguentava ficar sem seus melhores amigos e o mesmo valia para os outros dois. O reencontro dos três foi marcado por uma simples noite de filmes na casa do Stilinski, o que causou ciúmes em Derek e foi a partir desse momento que o maior começou a desconfiar que os melhores amigos de seu namorado estavam totalmente contra ele. Mas para sustentar sua necessidade de sentir prazer em nome do castanho, Derek guardava muito bem a blusa que pegou de Stiles e ainda tinha o cheiro do menor, que era usada pelo moreno para aumentar o prazer momentâneo. Sentir o cheiro, e ainda ligar mais algumas vezes para ouvir a voz de seu namorado, enquanto se masturbava era a única forma de Derek aliviar sua vontade de atacar o menor aonde quer que estejam.

Voltando à rotina dos namorados, Derek dedicava todo seu tempo, quando não trabalhava com seu tio por obrigação, já que segundo o mesmo, Derek devia começar na empresa logo, porque não conseguiria a vida que queria com Stiles sem dinheiro algum, mesmo que a herança fosse do moreno e de Cora. Obviamente que Derek não quis, mas quando contou para Stiles que estava trabalhando na empresa da família e viu que o menor ficou realmente feliz por ele, acabou decidindo apostar, trabalhando alguns dias da semana e por algum tempo para saber se era naquilo que o maior queria continuar. Stiles não era muito diferente, seu tempo era quase uma exclusividade somente de Derek, quando o castanho não estava com seu pai ou implorava para que o namorado não se chateasse com o menor saindo juntos de Scott e Lydia.

Derek não ficava somente chateado, também ficava bravo e desenvolvia mais uma paranoia em relação ao Stiles e seus amigos. Ele acreditava que Scott ou Lydia, ainda levariam Stiles a traí-lo com outro alguém, já que não gostavam do maior não seria problema algum fazerem isso. Para garantir que nada demais acontece, sempre que Derek tinha a oportunidade, seguia de longe o trio, como fazia antes de se aproximar. Quando o passeio de amigos acabava, Derek ficava aliviado ao ver que Stiles se mantinha longe dos outros garotos e para aqueles que se atreviam a se aproximar do que era seu, Derek terminava com eles presos em algum beco e sangrando inconscientes, sendo achados somente no dia seguinte e sempre ganhando destaque no jornal de Beacon Hills. O moreno era esperto, sempre que surpreendia algum dos idiotas atrevidos, estava com o rosto coberto e procurava os encurralar em lugares com pouca segurança, a polícia achava que era apenas briga de arruaceiros já que não saiam com mais do que alguns cortes e orgulho quebrado. E mesmo que tentassem se aprofundar no caso, não achariam muitas ligações entre os que apanharam, muitos deles nem se conheciam e não fariam ideia de que foi o namorado do garoto que deram em cima que teria feito isso a eles, algumas das vítimas apenas fixaram seu olhar tempo demais no castanho.

Stiles estava alheio ao que acontecia com estes garotos, se preocupava apenas com o tempo que tinha com Derek e para os lugares que o maior o levava. E agora, para comemorar os dois meses, Derek havia levado Stiles para uma cachoeira pouco conhecida em Beacon Hills, na verdade, apenas membros da família Hale conhecia o local, já que ficava dentro da propriedade que se estendia por quase dois terços da reserva. A cachoeira era fantástica, a água era tipicamente gelada e muito cristalina, dando para ver perfeitamente o fundo cheio de pedrinhas brancas e arredondadas, tirando o perigo de machucar o pé. O lago formado pela cascata era grande e um pouco fundo, deixando Stiles com medo de entrar já que apesar de saber nadar, ele não era exatamente uma pessoa boa na tarefa.

Outro problema encontrado pelo menor, era que Derek não havia o avisado para onde iriam, nem sequer deu uma dica, o que não deixou com que Stiles se preparasse, levando as roupas de banho normais. Quando Derek começou a tirar a camiseta e logo depois a calça, ficando apenas de cueca, Stiles não pode evitar de ficar envergonhado. É claro que com dois meses de namoro ele já havia visto o maior de cueca, na maioria das vezes sem querer, ou por querer, mas da parte do moreno. Aparentemente, quando estavam no loft sozinhos, Derek gostava de andar seminu pelo lugar, não se importando com o constrangimento de Stiles ao ver ele assim.

Mas Stiles ainda queria entrar na água e quando o maior ficou o encarando, obviamente esperando que ele tirasse a roupa para entrarem juntos, o castanho decidiu tomar um pouco de coragem e se despir, ficando só de cueca também. O menor tinha os braços em frente ao corpo tentando o cobrir, claramente envergonhado, ele já havia visto Derek de cueca, mas o mesmo nunca havia o visto em tal situação. Realmente, o mais perto que Derek já chegou de o ver nu foi quando invadiu o quarto de Stiles para pegar uma camiseta e encontrar com o menor somente de toalha. O castanho tomava cuidado para que isso, ou situação semelhante, não acontecesse de novo.

— Você não tem que se esconder. — Derek falou se aproximando de Stiles e o beijando, deixando que suas partes íntimas roçassem um pouco acimas das do castanho, já que era mais alto que ele — Se lembra da promessa? Você é meu, Stiles, pode demorar ainda, mas vai chegar a hora que não haverá mais nenhum pano nos cobrindo. — Falou segurando o rosto de Stiles em sua mão, fazendo carinho nele com o polegar. O menor tinha uma expressão indefinida, provavelmente era um misto de surpresa e ansiedade, porque, mesmo ainda não tendo a coragem de avançar, Stiles queria aquilo tão intensamente quanto Derek — Sinceramente, desejo que seja logo.

Stiles mais uma vez corou com o comentário de Derek, mas o verdadeiro motivo pela coloração avermelhada foi o que o comentário do outro fez o menor imaginar. Ambos fazendo ali mesmo, não haveria perigo algum, a cachoeira ficava dentro das propriedades de Derek, ninguém entraria. Sem poder pensar por muito mais tempo, Stiles só conseguiu ver o momento em que Derek se atirava para dentro da água, levando o castanho consigo.

— Derek! — Stiles gritou com clara irritação, o moreno apenas ria da expressão zangada que o menor tinha — Podia ter me avisado!

— Eu avisei, mas você estava ocupado demais imaginando nós dois fazendo amor, aposto que aqui mesmo. — O maior disse apertando a cintura de Stiles embaixo da água.

— O-O que!? — Stiles perguntou espantado, desde quando Derek lia mentes? — Co-Como você...?

— Amor, você está apenas de cueca e praticamente abraçado em mim, não foi difícil sentir sua ereção. — Ele explicou deixando Stiles de boca aberta, aquilo pareceu um convite para Derek então o maior mais uma vez beijou o castanho — Não precisa ficar assim, é normal, na verdade seria estranho se não sentisse atração pelo seu namorado e fantasiasse com outras pessoas.

— Ma-Mas... — Stiles ainda estava sem saber o que dizer, era a primeira vez que Derek via ele assim, o menor estava totalmente despreparado.

— Stiles, você não fantasiou com outro alguém? Não é mesmo? — Derek mudou seu semblante completamente, agora ele estava sério e Stiles sabia que era nesse momento que o namorado estava mais propenso a perder o controle com apenas uma palavra que possa ser mal interpretada — Diga-me.

— Foi co-com você, Derek! — Stiles falou tentando parecer ofendido com o que o outro disse, não tendo certeza se conseguiu, resolvendo usar mais um pouco de sua rara coragem para as próximas palavras — Quem mais seria? Estou namorando com você, foi a você que fiz aquela promessa, não foi? Se ela ainda valer, pois do jeito que fala parece não acreditar em mim.

O maior ouvia atentamente cada palavra do menor, mas a última frase fez com que ele saísse, em parte, de seu estado obsessivo/possessivo em relação a Stiles, já que nunca deixaria seu amor pelo castanho de lado.

— É claro que vale! Sempre! — O maior respondeu rápido — Me desculpe se parece que eu não acredito em você, mas eu tenho medo de lhe perder e sei que aquele Theo ainda tenta se aproximar. Ele poderia te tirar de mim. — O maior continuou revertendo a jogo a seu favor, agora era Stiles que se sentia um pouco mal com suas palavras.

— Eu já disse várias vezes, você é diferente, sabe que eu te amo e Theo também, é só questão de tempo até ele desistir. 

O menor levantou suas mãos, deixando que elas parassem nos ombros largos de Derek. Stiles via a água, que estava em suas mãos, descerem pelo ombro, peito e abdômen de Derek, finalmente encontrando o tecido, já encharcado, da cueca do moreno, ainda visível porque a profundidade era rasa o suficiente para que ficasse abaixo da cintura de Derek. O maior notou onde o olhar de Stiles estava fixado e sentiu sua excitação aumentando enquanto o menor ainda encarava curioso. O castanho viu, em poucos segundos, o membro do namorado, já volumoso, crescer exponencialmente ganhando ainda mais volume. A ereção de Derek pulsava e Stiles sentiu a sua doer também quando o maior o agarrou, beijando com voracidade e dominância, esfregando ambas as ereções uma na outra, fazendo com que o menor soltasse pequenos gemidos entrecortados por tomadas de fôlego e outros gemidos vindos do próprio Derek. Eles foram recuando para mais perto da margem e Stiles foi deitado sobre uma das pedras onde deixaram as roupas.

Derek estava com uma das mãos apoiadas ao lado do menor enquanto outra segurava firmemente a cintura do mesmo, estrategicamente posicionado entre as pernas de Stiles.

— De-Derek, cal-calma... — Mais uma vez, quando as coisas esquentavam Stiles acabou travando. O maior aceitou o pedido do castanho e apenas ficou apoiado sobre Stiles — E-Eu sinto muito...

O moreno se manteve calado, seus lábios se repuxavam para um lado de cada vez como se estivesse pensando muito, e na verdade, estava. Derek sabia que Stiles levaria um tempo para se entregar totalmente, não importa quanto o moreno desejasse, ele simplesmente não iria obrigar o menor a fazer o que não queria, amava-o demais para isso.

— Eu tive uma ideia! — O maior de repente falou, mais uma vez animado e surpreendendo Stiles — Vamos por etapas bem divididas, sei que ainda não está pronto para fazermos amor... — Derek falou ganhando um olhar de estranhamente de Stiles — Eu vou sempre me referir assim, acostume-se. — Explicou vendo o outro concordar com força — Continuando, vamos começar por algo mais simples e aos poucos você vai se acostumando, até estar totalmente preparado. Então, apenas relaxe, não precisa ficar com medo.

Stiles mais uma vez concordou e logo sentiu as mãos de Derek descerem sua cueca para baixo, a tirando e jogando próximo das outras roupas. A todo momento em que ficava na presença do maior, o castanho acreditava que nunca poderia ficar tão vermelho quanto no momento, mas ao se ver nu diante do olhar predatório de Derek e sentir a mão do maior descer levemente pelo seu membro, até chegar na base apenas para subir novamente, suas definições de constrangimento e prazer foram atualizadas.

A mão do moreno era rude e máscula, mas ao mesmo tempo parecia extremamente confortável e protetora, assim como o próprio Derek e suas atitudes. Para Stiles, era estranho pensar em uma mão o masturbando como protetora, mas sendo Derek quem o fazia, o menor não podia se sentir mais seguro. A mão deslizava com força, mas suavidade, pela extensão do membro do castanho, sempre deixando que o polegar desse um prazer a mais especificamente na glande, Stiles sentia tudo queimar em uma sensação de prazer nova para ele. Durante os dois meses, foi impossível não se masturbar pensando em Derek, mesmo que tenham sido só três vezes que o menor não havia conseguido se controlar, mas com o moreno o masturbando tudo era mais intenso. Parecia que cada molécula de Stiles sentia Derek e sua mão no vai e vem, e como se fosse para provocar a Stiles, o maior resolveu usar sua outra mão, ainda livre, para brincar com a entrada do castanho, enquanto mordiscava o abdômen do garoto.

Definitivamente, aqueles três estímulos em lugares diferentes tinham um grande efeito. A mão de Derek no membro de Stiles acelerou, já sua outra mão forçava levemente o botão do castanho, sem se preocupar em penetra-lo realmente, essas duas coisas enquanto o maior fazia sua trilha de beijos subindo pelo corpo do menor, dando mordidas mais fortes nos mamilos de Stiles e arrancando gemidos poderosos do mesmo, finalmente chegando ao pescoço do namorado e dando um belo chupão ali, deixando claro para qualquer um que viesse a ver aquela marca, que Stiles tinha dono.

Foi com a pressão sentida em seu pescoço, membro e entrada, que Stiles gemeu tão alto quanto pode o nome do namorado sem se preocupar se alguém ouviria, sabendo que ali não tinha ninguém além dos dois, se derramando sobre o próprio abdômen e a mão de Derek.

Derek se deitou ao lado de Stiles, o puxando para que ficasse apoiado em seu peito. O menor ainda tinha uma respiração pesada e conseguia ver claramente o sorriso de felicidade no rosto do namorado, não entendendo o motivo. Stiles tinha deixado Derek o masturbar, tocar lugares onde nunca pensou sobre e agora não podia ver a hora de fazerem novamente, mas sentia que não seria tão cedo, seja por si mesmo ou por chance. Ele também queria ir mais fundo nisso, mas ainda não tinha a coragem necessária e como Derek disse “Pode demorar”.

De qualquer forma, Derek havia feito muito por ele, havia feito Stiles sentir um novo nível de prazer e intensidade, talvez o menor não pudesse fazer o mesmo pelo moreno, mas tentaria, ele queria Derek e faria da melhor forma possível no momento. Foi pensando desse modo, que Stiles se levantou e deu alguns poucos passos até estar em frente de Derek, se ajoelhando e começando a puxar a cueca do moreno para baixo também.

— Não precisa fazer isso se for por obrigação. — Derek falou segurando a mão de Stiles antes que o menor tirasse sua cueca — Eu não quero que seja assim.

— Não estou fazendo por obrigação, eu realmente quero.  

Stiles disse olhando fixamente para o maior, que apenas soltou a mão dele e deixou que o garoto terminasse de tirar a peça íntima que era um empecilho no momento. O membro saltou, duro e verdadeiramente imponente, Stiles ficou assustado diante do tamanho, não conseguiria entender como, algum dia, aquilo entraria nele, mas fez um esforço para deixar os pensamentos desse tipo de lado e se preocupou apenas em como continuaria aquilo, ele nunca havia feito nada do gênero. O castanho respirou fundo e foi lentamente se aproximando, abrindo sua boca e deixando que Derek a preenchesse com o membro pulsante.

O maior não esperava que Stiles fosse fazer aquilo, esperava que o menor lhe masturbasse também ou simplesmente não fizesse nada, mas o castanho havia o surpreendido. Derek apenas gemia enquanto sentia Stiles descer um terço de seu membro, já que era tudo o que o menor conseguia no momento, mesmo assim não deixando a desejar. O garoto não sabia como fazer aquilo, então resolveu inventar, ele alternava entre sucção forte e fraca, masturbando o que não conseguia alcançar e deixando que sua língua passeasse livremente pela glande.

Derek sempre acreditou que quando ele e Stiles estivessem juntos, o menor faria oral nele, e imaginar a boca quente e aconchegante do castanho ajudava bastante em suas homenagens, mas aquilo que sentia agora, era definitivamente cem vezes melhor do que esperava. As mãos delicadas masturbando uma parte, enquanto a boca quente chupava com fervor e a língua fazia voltas pela cabeça do membro, faziam Derek perder completamente a noção. Antes que pudesse se dar conta, suas mãos já estavam na cabeça de Stiles obrigando o menor a ir mais fundo ainda e mesmo com dificuldades, Stiles conseguiu chegar à metade, colocando ainda mais força na hora da sucção levando Derek ao completo delírio.

Mais alguns segundos e Derek já não podia mais segurar, gemeu o nome de Stiles com gosto, sabendo que dessa vez não era mais uma de suas fantasias, e seu gozo preencheu a boca do garoto que segurou o máximo que pode antes de ter de tirar sua boca, por não caber mais nada. Era muito, e mesmo depois se afastar com a boca cheia, Derek ainda soltava alguns jatos até finalmente se aliviar completamente. Quando olhou para Stiles, praticamente entorpecido pelo prazer, viu que o mesmo ia cuspir tudo o que estava em sua boca e se apressou, tapando a boca de Stiles e impedindo que ele continuasse.

— Não, Stiles, deve engolir. — Derek disse ganhando um olhar assustado do menor — Não faz mal algum, por favor, por mim. — Pediu logo vendo Stiles engolindo tudo e sentindo-se extremamente feliz, ele estava um passo mais perto de consumar seu amor com Stiles, e ver que o menor já estava disposto a fazer o que ele pedia apenas alegrava o moreno mais ainda. Com certeza, era isso o que ele queria e aos poucos estava conseguindo — Viu, amor? Não é ruim. — Derek disse beijando Stiles sem se importar com seu próprio gosto, afinal, estava na boca do menor — Acho melhor nós irmos, você dever querer tomar um banho.

— Quero mesmo. — Stiles se soltou de Derek e foi caminhando rapidamente para onde tinha deixado as roupas, tendo consciência da secada que Derek tinha direcionado para sua bunda. Em pouco tempo, ambos já estavam vestidos e prontos para voltarem.

— Stiles? — Perguntou o moreno segurando a mão do menor e direcionando seu olhar para ele.

— Oi? — Falou sentindo seu rosto esquentar, o olhar fixo que Derek tinha para si o fez lembrar de tudo e foi como se a vergonha que não tinha sentido durante aquele ato, voltasse com força total agora.

— Eu posso tomar banho com você? — Perguntou sem vergonha alguma, deixando Stiles extremamente corado e irritado.

— É claro que não! Meu pai pode estar em casa!

— Então, se ele não estiver, eu posso?

— Não! Porque isso de repente?

— Porque sim, além disso, sabe que não pode me impedir se eu tentar.

Stiles sem ter resposta, apenas revirou os olhos e começou a ficar cada vez mais vermelho por cada novo argumento que Derek propunha para tomassem banhos juntos. E por mais que estivesse irritado, o menor estava adorando todos os momentos que passava com o moreno, até mesmo esse, pois, na sua mente, cada novo argumento de Derek era apenas uma forma diferente do maior demonstrar seu amor e Stiles ouvia eles pedindo que nunca se separasse de Derek, porque assim como o moreno, acreditava que foram feitos um para o outro.

 


Notas Finais


Então, alguns podem ter sido enganados pelo título, não se sintam bobos, era meu objetivo, ainda sou mal!
Para os que não foram enganados, sem graças...
Acredito que o salto no tempo tenha sido necessária, é agora que as coisas vão começar a mudar, como podem ter percebido nas atitudes de Derek.

Uma pergunta para quem está lendo, qual vocês acham ser o melhor horário para atualizar? Almoço durante a semana parece bom, porque é quando acho que a maioria está em casa, mas não se sempre conseguirei manter esse horário.

Bem, comentem e até a próxima! Eu espero com 💕💕💕!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...