História Obsession. - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Romance
Exibições 88
Palavras 1.484
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura Amores💕

Capítulo 17 - Briga.


Fanfic / Fanfiction Obsession. - Capítulo 17 - Briga.

POV Amy.

Acordei num susto com a campainha tocando sem parar, me cobri com um roupão e desci as escadas correndo igual uma louca.

Eu- Já vai!!- gritei para a pessoa que não parava de tocar a campainha- Clar?- falei assustada ao ver ela chorar.

A única coisa que ela fez foi me abraçar.

Eu- o que houve?- perguntei preocupada afagando seus cabelos.

Clar- O Luke me traiu- falou entre soluços.

Eu- calma, vai ficar tudo bem- tentei tranquiliza- lá - o que acha da gente subir, humm?- falei e ela assentiu.

Clar- você está com uma cara de acabada- falou rindo em meio ao choro.

Eu- tive faculdade ontem- falei bocejando.

Clar- Ontem não foi sábado?- perguntou meio perdida.

Eu- Sim, mas devido a greve dos professores estamos recuperando aos sábados- falei a encarando- mas então, como você descobriu?.

Clar- Quer saber a verdade?- perguntou e eu assenti-acho que eu não amava   o Luke a algum tempo - falou abaixando a cabeça- e eu só estou triste por ter sido enganada, ter sido feita de idiota.

Eu- Sei que eu não deveria falar isso- disse mordendo meu lábio inferior - mas eu estou muito feliz por vocês não estarem mais juntos, eu nunca suportei esse seu namorado.

Clar- Ex! -me repreendeu- Eu sei- falou rindo- acho que eu estou gostando do Louis- falou corando na hora.

Eu - não- falei colocando a mão na boca.

Clar- Sim - falou rindo.

Eu- aí meu Deus- falei ainda pasma.

Clar- isso é ruim?- perguntou duvidosa.

Eu- Claro que não- falei sorrindo- isso é ótimo.

Ficamos a manhã toda conversando sobre a vida, sobre a faculdade, sobre tudo.

Já eram duas horas da tarde então eu e Clar resolvemos comer alguma coisa e depois fomos para o apartamento do Harry já que ela iria me ajudar a dar uma arrumada nele.

Depois de duas horas o apartamento do Harry até que estava bem limpinho e arrumado. Clar se despediu de mim e foi embora pois ela tinha compromisso. Me atirei no sofá da sala  para descansar um pouco quando a campainha tocou.

Levantei do sofá e fui me arrastando até a porta e a abri.

Eu- Zack? Você disse que iria me ligar pra a gente poder marcar que horas você viria- falei bufando.

Zack- Oi pra você também, Amy Collins- falou sorrindo.

Revirei os olhos e abri mais a porta para que ele pudesse passar.

Zack- eu estava de bobeira em casa e aí pensei, por que não fazer companhia a Amy?- falo se jogando no sofá.

Eu - e você não parou pra pensar que eu podia não querer a sua companhia?- perguntei colocando as mãos na cintura.

Zack- Você fica linda quando está brava- falou me encarando.

Eu- Vamos fazer o trabalho de uma vez- falei nervosa.

Zack- tudo bem- falou levantando as mãos em sinal de rendimento.

Peguei meu notebook e mais algumas coisas que seriam necessárias para fazer o trabalho, e nós nos sentamos no chão da sala para começar.

Zack- sabe Amy- falou desviando os olhos do computador para me olhar- Eu sempre tive uma quedinha por você.

Eu- Você sempre me odiou isso sim- falei rindo nervosa.

Zack- eu estou falando sério- falou me encarando.

Eu- você está com fome? Eu e Clar compramos algumas coisas antes de vir pra cá- disse me levantando tentando fugir aquele assunto.

Zack- Não Amy, eu não estou com fome- disse entrando na cozinha.

Eu- tem suco de laranja- falei mostrando a jarra- quer- perguntei- eu sei que quer- não deixei ele responder e já fui servindo um pouco no copo.

Eu- Toma- disse e fui lhe entregar o copo e acabei tropeçando, o que fez o suco cair todo na minha blusa- Droga!- exclamei brava.

Zack- Quer ajuda?- falou tentando passar um pano na minha blusa.

Eu- não precisa- disse brava- vou ter que  tirar isso- disse olhando para a blusa.

Zack- toma- disse tirando sua camisa.

Eu- O que? Não, não precisa.

Zack- Pegue Amy- disse me estendendo sua camisa- é só uma camisa, não tem nada demais.

Eu- tudo bem- falei sorrindo pegando a camisa- olha pra lá- disse pra ele para que eu pudesse tirar a blusa- Pronto- disse e ele se virou para me olhar.

Zack- está linda- sorriu e eu sorri também.

Eu- Bom, vamos terminar o trabalho- disse saindo dali.

Depois de uma hora o trabalho já estava pronto, e ele tinha ficado muito bom devo dizer.

Zack- Acho que eu já vou- disse sorrindo.

Eu- Tudo bem- disse me levantando- eu te levo até a porta.

Zack- então- falou coçando a nuca- eu vou precisar da minha camiseta- falou rindo.

Eu- ah- disse rindo também- toma- tirei a camisa e lhe entreguei.

Zack- Nossa- falou encarado meus seios.

Droga Amy! Como você é desastrada.

Eu- Fecha os olhos- falei e comecei a empurrar ele em direção a porta.

Quando eu fui por a mão na fechadura a porta se abriu.

Eu- Harry- falei assustada.

Zack- esse é o seu amigo?- perguntou enquanto Harry me encarava furioso.

Eu- Cala a boca Zack- disse brava- Harry deixa eu explicar.

Harry- SAI DAQUI AGORA- Harry gritou furioso olhando para o Zack.

Zack-  Calma aí cara- Zack disse rindo- ela é toda sua- falou já saindo- ah Amy?- me chamou e eu o olhei- Você tem belos seios.

Foi tudo muito rápido, quando eu vi Harry já estava em cima do Zack desferindo vários socos em seu rosto.

Eu- HARRY, PELO AMOR DE DEUS PARA- eu gritava igual uma louca sem saber o que fazer.

Eu- Harry- gritei e meti no meio dos dois tentando separar eles até que algum deles acertou um soco no canto da minha boca.

O soco foi tão forte que eu cai no chão.

Harry- Amy- falou me agarrando- você está bem- perguntou preocupado.

Tudo que eu fiz foi negar com a cabeça.

Zack- Como você está se sentindo- Zack perguntou se ajoelhando perto de mim.

Eu-  Zack vai embora por favor- disse segurando o choro- a gente se fala na faculdade.

Zack- tudo bem- disse se levantando- se cuida - falou e encarou Harry antes de sair.

Harry- Amor me desculpa- falou tentando tocar no meu rosto, porém eu virei o rosto- Eu não fiz por querer, tá legal- disse nervoso.

Eu- Você nunca faz por querer Harry- falei me levantado- você tem que aprender a se controlar- disse limpando o pouco de sangue que tinha no canto na minha boca.

Harry- Você ouviu o que ele disse?- falou me encarando incrédulo.

Eu- Ouvi Harry- falei fechando os olhos- era só você ignorar ele.

Harry-  ah claro, como se fosse fácil assim- falou se sentando no sofá  cruzando os braços.

Talvez eu estivesse sento muito dura com ele, mas ele tem que aprender que as coisas não funcionam assim.

Eu- Amor?- o chamei me sentando ao seu lado.


Harry- O que é?- perguntou Grosso.

Eu- desculpa- falei descruzando seus braços- eu não queria brigar com você- disse agora sentando em seu colo.

Harry- Por que você estava sem blusa?- perguntou me olhando sério.

Eu- você sabe que eu sou desastrada- falei colocando meus braços em torno do seu pescoço e começando a distribuir beijinhos em seu pescoço- acabei virando suco na minha blusa- sussurrei já começando a rebolar em seu colo.

Harry- e precisava ficar pelada na frente daquele otário?- perguntou colocando suas mãos em minha cintura.

Eu- podemos falar disso depois- falei atacando seus lábios.

Harry me tirou do seu colo e me empurrou me deitando no sofá. Colocou um pouco do seu peso em cima de mim e começou a beijar meu pescoço. Levei minhas mãos até seus cabelos os agarrando enquanto gemia baixinho.

Harry levou uma de suas mãos até minha intimidade e começou a massagear meu clitóris por cima do meu short de malha fina.

Comecei a me contorcer em baixo do Harry e ele foi descendo seus Beijos até chegar em minhas coxas.

Ele abriu minhas pernas e se meteu no meio delas, e começou a beijar a parte interna da minha coxa onde ele deu um chupão reforçando a "marca Styles".

Harry- você está molhada, meu amor?- perguntou dando um sorriso maldoso.

Apenas assenti com a cabeça fechando os olhos, nesse momento senti ele sair do meio das minhas pernas.

Eu- o que você está fazendo?- perguntei ofegante ao ver ele indo em direção a porta.

Harry- estou indo pra casa descansar- falou sorrindo cínico- quem sabe outro dia eu resolva seu problema.

Eu- Você tá brincando né?- perguntei me levantando indo até ele.

Harry- Não, não estou, quando você começar a se portar como deve- falou me olhando dos pés à cabeça- quem sabe eu te ajude a apagar o fogo que você tem no meio das pernas- falou me roubando um selinho saindo dali logo em seguida.

Ah Harry Styles, você não perde por esperar.



Notas Finais


Senhorita anoni XoXo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...