História Obsessive Hatred - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Dylan O'Brien, Holland Roden, Teen Wolf
Personagens Dylan O'Brien, Holland Roden
Tags Dylan O'brien, Holland Roden, Stydia
Visualizações 53
Palavras 784
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - Atlanta


Fanfic / Fanfiction Obsessive Hatred - Capítulo 12 - Atlanta

Meu corpo se retorcia sobre a cama que agora parecia mais desconfortável que nunca, minha sessão de pesadelos noturnos chegará novamente como um lembrete para nunca mais tomar tais atitudes novamente. Acordei naquela manhã amaldiçoando o carro de Mike que estava a tocar metálica no último volume as 10 horas, mas tudo bem, essa seria a última vez que isso aconteceria pois hoje as coisas mudariam. Sentei-me em minha cama e observei o chão de meu quarto, 6 malas lotadas estavam ocupando aquele espaço e em breve ocupariam meu novo guarda-roupas. Levantei-me e fui em direção a meu banheiro, escovei meus dentes e observei o quão mudada eu estava, os cabelos mais compridos, as cicatrizes dos estilhaços em minha clavícula e braço ainda existiam, sempre existiriam no entanto estava tudo bem, eu estava bem, e agora L-i-v-re.  Mais tarde, meu novo carro estava sendo preenchido por minhas malas e lembranças enquanto eu abraçava e me despedia de todos (Malia, Liam e Arden) Tyler estava em uma viagem acompanhando Crystal em VENEZA. Sim, a fucking Veneza lar dos românticos incuráveis para mim, ela agora era estilista e uma estilista renomada! Liam e Arden estavam começando a vida agora e Malia.....bom, recolhendo os cacos de um coração partido. Eu estava contente, começaria em 3 dias a trabalhar em um consultório de psicologia, essa não era minha escolha original de profissão,  no entanto devido a alguns fatos me senti firme optando por essa área. Após sorrisos e despedidas entrei em meu carro e o retirando da garagem me despedi de todos dando partida rumo a liberdade. Agora na estrada e com a mente lúcida posso clarear sua mente que deve estar confusa e um tanto nublada, deve estar se perguntando sobre ele, deve estar querendo saber onde ele esta, bom eu te direi em breve....Deve se lembrar da festa de Halloween que ele e meus amigos estavam a mencionar na quarta daquela semana quando os peguei sentados juntos em uma mesa de almoço, bom a festa aconteceu, eu e ele acontecemos fervorosamente no banco de trás de seu carro, isso antes de eu lhe falar que queria encerrar o que seja lá que tivéssemos, a aposta, o caso, tudo, foi ai que desandou, ele se stressou, começou a soar, dizer coisas sem sentido ate que trancou as portas do carro e o acelerou sem rumo comigo dentro, eu Jà estava assustada o bastante com o que veio em seguida ao dia da discussão do armário quando eu tive certeza de que Dylan tinha obscuridade. Naquele dia,  naquele carro isso se comprovou, ele acelerou em direção ao bosque. mesmo que eu gritasse, que eu o implorasse para parar, seu olhar era escuro como a noite em que estávamos, como a estrada a nossa frente e como ao caminhão em que batemos durante seu acesso de raiva, então se quer saber de O'Brien sugiro entrar na fila, pois depois disso fizeram-me dezenas de perguntas e ate mesmo um exame de corpo de delito me obrigaram a fazer, irónico foi eu tentando defendê-lo e ficando no escuro com seu sumiço. Quando eu sai sai do hospital 3 semanas depois a casa que Dylan morava jà possuía uma placa escrito "Aluga-se", na escola seus registros eram agora inexistentes e na boca das pessoas  ele era "O inconsequente garoto novo que fez a menina ruiva de refém em seu carro". Agora deixando isso de lado, eu estava a apenas 2 horas de Buckhead-Atlanta que agora seria meu lar, não me crucifiquem, Midtown não è tão perto assim. Após 2 paradas para lanchar, comprar algus alimentos básicos  e uma passada em meu novo consultório para verifica-lo, eu estava pronta para ir para meu apartamento, enquanto caminhava pelo corredor para descer do prédio li o nome dos meus novos colegas de trabalho:  Dr. Linda Martin, Dr. Mitch Rappe e Dr.Canaan. Algo me dizia que eu aprenderia muito ali, me despedi educadamente na recepção e me retirei, comprei um vinho barato e desfrutei dele apôs subir minhas malas e chegar em meu novo lar, tomei um banho ao som de músicas do meu notebook e elas cessaram por breves segundos quando o som de notificação de meu email sinalizou que eu havia recebido uma nova mensagem, sai da banheira envoltada em minha toalha e fui com minha taça de vinho ate o criado mudo onde o notebook estava, era um email desconhecido.

"Você está deslumbrante. Bem vinda a minha cidade, senti sua falta belo par de olhos verdes" 

Olhei incrédula com um nó na garganta, não podia ser, não tinha como ser, apos 6 anos...era impossível. Nesse instante minha mente foi a mil e deixei que minha taça caísse logo que ouvi a campainha tocar.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...