História Oh My Venus ( Marlie Version ) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Charlie Puth, Meghan Trainor
Exibições 33
Palavras 1.588
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Gente, eu tava assistindo um dorama coreano chamado Oh My Venus e é mt fofoo!! Tô apaixonada pelo casal! Tô no episódio 7 já ❤❤ Em fim, boa leitura

Capítulo 1 - Capítulo único


- Isso mesmo Charlie P em mais um escândalo outra vez com Anna Sue! Eles que namoraram e agora terminaram, ela que já foi presa por ter drogas em sua casa. Não sabemos ao certo quem é Charlie P, ele é um personal-trainer dos famosos de Hollywood. Ninguém sabe quem é ele e nem seu rosto. Até quando esse segredo vai ser descoberto? - Falou uma jornalista na TV. Um homem corria na esteira.

- Ei Char! - Chamou um jovem.

- O que foi agora? - Perguntou. Desligando a esteira.

- Qual casaco eu levo? - Falou.

- Sério? Me chamou para isso... Cadê o Ian? 

- Ainda tá treinando.

- Eu já falei que ele vai quebrar o braço se continuar com isso.

- Ei! A gente vai mesmo passar as férias em Miami, né!?

- Eu prefiria treinar mas como vocês estão se esforçando, tudo bem.

- OH MEU DEUS CHARLES OTTO VOCÊ É DEMAIS! - Falou o abraçando, mas logo o soltou. - Foi mal... Esqueci que você não é muito chegado a essas coisas...

- Está tudo bem, só arrume as suas malas e diga o mesmo para Ian. O vôo é daqui a 2 horas.

- O QUÊ!?!! IAN! IAN! - Mike gritou correndo pela casa.

xxx 

- Isso é injusto!! - Falou uma mulher loira, com o celular.

- É? Você não quer viajar pra Miami? Prefere ficar trabalhando? Meu Deus, você é humana? - Riu.

- Julie! 

- Calma, Meghan! Curta seu fim de semana em Miami, ok?

- Ok... - Desligou.

POV Meghan 

Eu estava arrumando minha mala para ir para o aeroporto. Sou Meghan Trainor, tenho 29 anos. Sou advogada e amo meu trabalho! Eu perdi a metade da minha vida '' amorosa '' estudando. Mas isso não me importa mais por quê agora, estou noiva! Sim! Quer dizer, não totalmente noiva. Mas o Daryl, meu namorado, disse que queria falar alguma coisa comigo antes de ir pro aeroporto. Estamos à 15 anos nesse relacionamento e quase um casamento, hahaha. Estou tão feliz.

- Então... O que você quer me contar? - Sorri.

- Isso é tão difícil... Desculpa Meghan... Mas... 

- Mas o quê?

- Pode me devolver o anel?

- O quê? Como assim, Daryl? Tá terminando comigo?

- Desculpa Meghan... Mas...

- EU SEI! - Chorei. -ATÉ PARECE QUE VOCÊ VAI QUERER SE CASAR COM UMA GORDA! - Corri para dentro de casa.

- MEGHAN ESPERA!

Me olhei no espelho, dava voltas. Me ver assim me dá vergonha, estou mais gorda do que antes. Cada dia mais difícil achar uma roupa que caiba em mim... Peguei algumas pílulas e tomei, e depois café. Não tinha comido nada ainda, não sentia fome.

Peguei um táxi para o aeroporto e entrei no avião. No percusso, estava me sentindo mal, uma dor de barriga horrível até não aguentar mais, estava suando e desmaiei.

POV Charlie 

- UM MÉDICO! POR FAVOR! UMA PASSAGEIRA ESTÁ PASSANDO MAL!

 Me levantei, mostrei minha licença e fui até a pessoa que estava mal. Era uma mulher loira, estava deitada no chão gemendo de dor. Fui até ela é me ajoelhei pegando sua mão.

- Salve-me... - Falou puxando  a manga do meu casaco. 

POV Off

- Preciso levá-la para um lugar mais discreto. Peguem cobertores. - O homem falou para as aeromoças. O mesmo a levou para um lugar mais afastado. As aeromoças cobriram ao redor os dois com os cobertores.

Desabotoava a blusa da loira. Pegou uma tesoura.

- Estou com pressa, desculpe. - O mesmo cortou a blusa, mostrando uma cinta. O mesmo olhou confuso, apenas cortou também,  deixando-a apenas de sutiã. 

POV Meghan

Acordei, estava sentada numa das cadeiras do avião, estava coberta por um casaco. Passava a mão em alguma coisa, ainda estava de olhos fechados. Quando abri me assustei, estava com minha mão na perna de um homem que mal conheço. Ele tinha olhos verdes e seu cabelo castanho claro e uma cicatriz na sobrancelha.

- O que aconteceu? - Perguntei.

- Você desmaiou. Olhei na sua bolsa e vi essas pílulas para emagrecer, isso só vai fazer você ficar pior. 

Ia me levantando mas ele me segurou.

- Acho melhor você ficar aí. Eu tive que rasgar sua roupa. E também sua cinta.

- Meu Deus... Não é uma cinta! É um corpete! - Me enrolei com o casaco.

xxx 

O avião teve que voltar. E tive que ir pro hospital numa ambulância. E aquele cara também estava lá, ele me acompanhou essa noite inteira. Estava chovendo, queria voltar pra casa. Não quero ficar em um hospital. 

Fiquei na calçada um pouco mais afastada pedindo carona. Até que um carro parou. E era aquele cara denovo. 

- Você devia estar no hospital. - Ignorei, continuei apenas olhando para a pista. - Ei. - Ele falou sério. O olhei. - Não vou fazer nada com você. 

- Estou esperando um táxi. Não entro no carro de desconhecidos. Obrigada, mas não.

- Coloque-se no meu lugar! Como iria dormir deixando uma mulher como você sozinha no meio da rua?

- Não entro no carro de desconhecidos. - Repeti.

- Eu acabei de tirar sua roupa no avião. Já nos conhecemos o bastante, não?

- Idiota... - Ri e entrei no carro.

xxx

- Hm... - Minha casa é logo ali. Pode me deixar aqui. 

Saí do carro, esperei ele se afastar. Eu não estava perto de casa, nem iria. Daryl estava lá com certeza, ele tem a chave de casa. Peguei meu celular, tinha umas 8 mensagens de Daryl perguntando quando eu voltaria e que iria conversar comigo. Talvez ele quisesse se desculpar e querer reatar? 

Corri no meio da chuva, indo para casa de Daryl e o vejo, iria chamá-lo mas uma mulher foi junto a ele e o beijou. Não contive minhas lágrimas, ele não tinha me visto. Andei devagar em direção a minha casa. 

A chuva ficou mas forte, a rua estava escura, vi alguém me seguindo. Comecei a andar mais rápido e correr mas tropecei, caindo no chão.

- Salve-me... - Falei chorando.

- Essa mulher só me chama para salvá-la.  - Era a voz do mesmo cara de antes, ele me cobria com seu casaco e segurava um guarda-chuva. Acabei sorrindo. Olhei para o lado, o homem que me seguia estava indo embora. - Então... Ainda quer ir pra casa sozinha?

- Não. - Fomos até seu carro. 

- Desculpe, mas... Estou curisoso. Aquele lá era seu namorado?

- Você estava me seguindo?

- É... Não iria conseguir dormir com uma mulher indefesa andando por aí sozinha.

- Denovo isso? Pois saiba que eu sei me defender.

- É mesmo? Você que estava pedindo para que a salvasse.

- Por favor, pode me deixar em casa? - Falei, revirando os olhos

Disse o endereço e ele me deixou em casa.

- Obrigad- Parei de falar. - Qual seu nome?

- Charlie.

- Muito obrigada, Charlie. - Sorri, fechando a porta e entrando em casa. 

Xxx

Merda! Esqueci a minha bolsa e celular e só lembro no outro dia! Fui pedir ajuda a Julie, liguei para meu número, graças a Deus atenderam. 

- Oi? Obrigada por atender! Onde acharam meu celular? 

- Na sua bolsa. - Era a mesma voz. O tal do Charlie, mas que coincidências são essas!? - Esqueceu no avião. 

- Oh Charlie! Obrigada de novo! Onde podemos nos encontrar? 

- Charlie? O cara lá que esbanja sensualidade!? - Falou Julie. 

- Fica quieta, Julie! - Sussurrei.

Ele havia me passado o endereço de um hotel, e o horário. Era 19:00, já estava lá e ele não tinha chegado. Pro meu azar, via Daryl com a mesma mulher de ontem abraçados. Ele me olhou surpreso.

- Meghan... - Ele se aproximou. - Eu posso explicar...

- Não se aproxime! - Me virei, mas bati na porta, caindo no chão. 

Todas as pessoas me olhavam, aquilo me deixava assustada, permaneci caída. Até que alguém se ajoelhou e estendeu o braço. Era Charlie.

- Salve-me...

- Eu realmente, estou curioso agora. Você sempre fala '' salve-me '' e eu estou aqui.

- Por favor... Me leve pra outro lugar... - Ele olhou para Daryl que estava perplexo.

POV Off 

- Melanie, só um minuto. - Ele ia andando até mim.

- Ela disse para não se aproximar. - Falou Charlie a ajudando a levantar. - Que tipo de lugar? - Sussurrou. 

- O mais longe possível... Fora desse mundo, se for preciso.

- Vamos... - O mesmo estendeu seu braço. - Entre no personagem. - O mesmo a segurou pela cintura com a outra mão, a apertando forte indo até o elevador; chegou na frente de uma porta.

- O quê...?

- Você queria o mais longe possível. Aqui está o lado de fora do seu mundo.

- Por quê '' lado de fora do meu mundo "?

- Por que você vai dormir em baixo do mesmo teto que eu estou. 

- Hã? 

- Não vamos fazer sexo. Só dormir. - Falou abrindo a porta da suíte. 

- Ai! 

- O que foi? 

- Meu braço está doendo... - O mesmo se aproximou e apertou o braço da mesma.

- Está deslocado. Por favor, estamos num hotel, ok?

- O quê? Não entend- Charlie apertou mais forte seu ombro, fazendo Meghan gritar. As pessoas que passavam pelo corredor, imaginariam outra coisa.

- ESTÁ DOENDO!! AAAAAAH!!!

- É ASSIM MESMO. NO COMEÇO DÓI MUITO!

- AAAAAAAI!!

- FICA QUIETA SE NÃO, EU NÃO CONSIGO!

 

 

 


Notas Finais


Vcs devem tá tipo: QUE PORRA É ESSA?
😂😂😂😂 me baseiei( ta td igual ao 1 ep )no dorama q eu falei no começo kk espero que tenham curtido ❤ dsclp qlqr erro estou escrevendo no cell( depois eu edito ); na vdd eu só qria escrever isso pq eu tava cm mt vontade kk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...