História Oh Teacher... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Colegial, Drama, Professor, Romance, Sexo
Exibições 6
Palavras 880
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Eu nunca sei como começar as notas... enfim, eu ja tinha começado uma fic com o mesmo nome e tal, mas me deu um bloqueio de criatividade, e não consegui continuar, e também não estava lá aquelas coisas. É... que mais? aah!
eu não coloquei imagens dos personagens porque quero que vocês imaginem como quiserem ^''^
então... é isso! beijinhox

Capítulo 1 - Primeiro Dia


Haru POV

O despertador toca.

7:00 AM.

Merda!

Levanto correndo, não é possível que eu me atrase logo no primeiro dia de aula.

-MANHÊ! CADÊ MEU UNIFORME? –grito do meu quarto enquanto reviro o closet.

-NÃO TEM UNIFORME HARU! –Minha mãe responde da cozinha.

sério? Por que não disse antes?

Tomo um banho rápido e pego qualquer roupa, minha mochila e desço as escadas e pego uma maça na cozinha.

-Você está atrasada. –Minha mãe diz sem tirar os olhos do jornal.

 -Eu sei. – Choramingo. – Pode me dar uma carona?

-Claro, vamos. –Ela diz ainda sem me olhar.

O caminho até a escola foi em total silêncio, então peguei meu fone e celular e coloquei uma música qualquer.

Minha mãe estacionou em frente ao colégio e me olhou.

-Valeu. – Eu disse.

-Isso não é coisa que uma menina diga. –Ela disse me corrigindo.

-Não vai me desejar boa sorte? –Mudei de assunto.

-Desce logo do carro, você já está atrasada. –Ela olhou pra frente me ignorando completamente.

-Tá... –Suspirei. –E a propósito, “Valeu” é uma gíria foda.

Desci do carro enquanto dava um sorriso sínico. Girei o calcanhar e fitei meu novo colégio...

-E lá vamos nós... –Falei comigo mesma.

Me obriguei a caminhar em direção ao colégio, enquanto caminhava via alguns grupinhos sentados na grama, outros em pé e alguns nerds espalhados pelos cantos com seus livros de geometria.

Coloquei a mão no bolso e retirei um papel onde tinham os horários de aula e suas respectivas salas.

-Hum... Biologia... Literatura. Ah, que ótimo. –Revirei os olhos e saí em busca da minha sala.

Assim que encontrei a tal sala procurei um lugar isolado, não sou muito boa em fazer amigos então sempre procuro me isolar. Peguei meus fones e coloquei uma música depressiva para dar mais emoção.

-Oi!

Um ser humano gritando surgiu do meu lado.

Tirei um lado do fone e me virei para ver quem era.

Assim que olhei a tal pessoa, vi uma garota de olhos castanhos claro e cabelo vermelho, ela era branca e tinha sardas, ela sorria e eu me perguntei como alguém consegue ser tão simpática as 7:30 da manhã.

-Oi... –Eu disse.

-Meu nome é Marry! –Ela abriu um sorriso ainda maior.

-Hum, é... legal. –Eu disse indiferente.

Haru, isso não foi nada simpático. A olhei de novo e seu sorriso havia diminuído.

-É... o meu é Haru... –Forcei um sorriso.

-Você não é daqui né? –Marry perguntou.

-Na verdade não... –Ri pelo nariz. –É tão obvio assim?

-Seu inglês... ele não é muito bom. –Ela disse.

-É assim que você se aproxima de estranhos? –Eu ri.

-Desculpe... –Ela sorriu.

-Tudo bem. Eu até concordo com você. –Me virei por completo ficando de frente para ela. –Ei, você não quer sentar aqui?

-Ah, quero. –Respondeu rapidamente. –Era exatamente isso que eu estava te perguntando a uns dois minutos enquanto você viajava pelo espaço.

Yuri POV

Eu estava sentado na sala dos professores esperando os minutos passarem para que eu pudesse me dirigir a primeira sala de aula.

-Olá Yuri, eu sou a diretora, é um prazer o conhecer. –A mulher me estendeu a mão e eu apertei rapidamente. –Me chamo Sandra.

-E eu me chamo... Hum... você já sabe meu nome. –Eu ri e ela me acompanhou.

Sandra não era nova, mas também não era velha, devia ter seus 40 anos, e era até bonita.

-Bem, se me dá licença, vou começar a trabalhar. –Quebrei o silencio. –A propósito, o prazer é todo meu. Tenha um Bom dia Diretora.

Me despedi e me dirigi a tal sala.

Entrei e esperei todos ficarem em silêncio.

Assim que os alunos se acalmaram me pronunciei.

-Bom dia. –Eu disse.

-Bom dia. –Eles responderam.

-Meu nome é Yuri, e eu sou o professor de literatura de vocês. Mas antes de começar, queria que vocês me dissessem seus nomes e sua idade, e acrescente o que quiser. Tudo bem?

-Sim. –Responderam novamente.

-Eu tenho a lista de chamada, portanto vou fazer por esta ordem certo? Vamos la. –Comecei. -Ágata?

-Aqui! –Uma menina baixinha de óculos levantou a mão. –Meu nome é Ágata, tenho 16 anos, e... eu gosto de literatura.

-Muito bom saber disso Ágata. –Sorri para ela.

-Aparecida? –Eu disse e olhei para a turma.

-Presente. –Uma menina branquinha de cabelos escuros respondeu. –Prefiro que me chamem de Cida, tenho 15 anos e não sou muito boa em literatura, mas fazer o que né?

-Vamos trabalhar nisso Cida. –Sorri para ela também. -Arthur?

-Aqui. –Um garoto alto respondeu. –Meu nome é Arthur e eu odeio Literatura.

-Quantos anos você tem Arthur? –Perguntei.

-17.

-Hum... ok. Belinda? –Continuei.

E assim foi, cada um falando sobre si.

-Harumy? Que nome diferente. –Eu disse.

-Sou eu. –Uma menina morena de cabelos escuros respondeu. –Eu prefiro que me chamem de Haru. Tenho 16 anos, gosto de ler e sou nova aqui, e não quero comentários sobre o meu inlês porque eu sei que ele é horrível. –Ela finalizou e eu fiquei estático admirado com sua beleza.

-Haru... De onde você é? –Perguntei.

-Do Brasil. –Ela disse.

-O seu inglês é ótimo. –Eu disse. –Seja bem vinda.

Tentei me recompor e continuar a aula.

Haru...

Por algum motivo ecoava na minha mente enquanto eu explicava sobre o que era Literatura.


Notas Finais


Olha eu de novoo! espero que tenham gostado :)
continua?
Vocês querem que eu conte quem são os personagens de uma vez ou preferem descobrir ao longo da fic?
falem comigo Bbs :3 KAKDFJAFHKAKAAJ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...