História Ohana, uma família muito louca. - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook, Kookmin, Namjin, Taeseok, V-hope
Exibições 44
Palavras 1.977
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Slash, Violência, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 20 - Capitulo 20


Fanfic / Fanfiction Ohana, uma família muito louca. - Capítulo 20 - Capitulo 20

Acordei e já era noite, fui ao banheiro fazer minhas higienes e desci para a cozinha em busca de sorvete e chocolate, ainda bem que Omma Jin fez as compras recentemente...

Estava na cozinha tentando pegar o chocolate que estava em cima do armário, sem sucesso, o armário era muito alto. Até que ouço alguém pigarrear atrás de mim, me viro e é Jin...

Jin: Difícil? – Sorriu –

Hope: Totalmente – Peguei uma cadeira e subi em cima –

Abri o congelador, peguei um dos potes de sorvete, peguei os chocolates e coloquei tudo em cima da bancada, em seguida comecei a tomar o sorvete, abri o chocolate e comecei a comer.

Jin: Vai virar uma bolinha – Riu –

Hope: Não ligo, meu namoro está tão bosta que nem meu namorado eu preciso agradar mais.

Jin: Oh dongsaeng, isso é apenas fase...

Hope: Não tenho certeza se posso concordar

Jin: Eu prefiro você cantando, dançando, gritando e com um sorriso nos lábios, e não essa cara de morto, com olheiras enormes e os olhos vermelhos de tanto chorar...

Hope: Não posso evitar, meu ponto fraco sempre vai ser Taehyung...

Nessa hora o mesmo chegava na cozinha junto a Jimin, estava com uma péssima cara, não pior que a minha porque né, mas ele estava com os olhinhos vermelhos e aquilo me partiu o coração...

Jimin veio até mim, me deu um beijo na testa em seguida indo pegar biscoitos no armário...

Jimin: Que isso hyung, vai virar uma bolinha – Apontou para as coisas que eu comia –

Enfiei uma colherada de sorvete na boca e fingi que não era comigo, Jin e ele apenas ria da minha cara... Confesso que estava engraçado... Senti os olhares de Taehyung sobre mim mas não olhei para ele nenhum segundo, o clima estava tenso mas eu não podia evitar, tudo que estamos passando está me magoando profundamente...

Hope: Onde está Kook?

Jimin: Nossa, que péssimo namorado eu sou – Falou botando as duas mãos uma de cada lado do rosto –

Jin: Que foi?

Jimin: É que eu vim buscar remédio pra ele, e esqueci...

Hope: Pra que?

Jimin: A rinite dele está atacada – Falou cabisbaixo –

Jin: O remédio dele está na segunda gaveta do guarda roupa dele...

Jimin: Vou lá gente – Falou dando o pacote de biscoito para Jin –

Jin: Qualquer coisa chama o Nam...

Jimin: Pode deixar...

E um silêncio constrangedor se fez ali, Jin começou a comer o restante do biscoito, olhou para mim e depois para o Taehyung, se levantou, foi até a lixeira e ia saindo da cozinha...

Jin: Boa noite meus dongsaeng, vocês têm muito o que conversar...

Fiquei em silêncio e ele também, só se ouvia o barulho das embalagens dos chocolates sendo aberta...

Hope e Tae: Eu queria... – Falamos ao mesmo tempo –

Hope: Pode falar...

Tae: Eu não sei o que dizer... Está tudo tão difícil – Abaixou a cabeça –

Hope: Eu sei...

Tae: Me perdoa pela maneira como falei com você mais cedo meu Amor – Eu ouvia atentamente – Eu estava estressado, pode parecer que não as vezes, mas eu me irrito um pouco com tudo isso...

Hope: Eu acho que... A gente precisa pensar sobre tudo que está acontecendo Tae...

Tae: Eu sei – Falou cabisbaixo, ambos já entendíamos o que aquilo significava –

Hope: Talvez com esse tempo que dermos, tudo se ajeite em nossas cabeças... E em nossos corações... – Falei com a voz embargada -

Tae: Eu amo você e isso não vai mudar... Mas eu não posso discordar que precisamos de um tempo

Não falei nada, continuei a tomar o sorvete e desviei o olhar dele, senti o mesmo se aproximando de mim e levantando meu rosto fazendo eu encarar o mesmo...

Tae: Vai ser melhor para nós dois – sussurrou –

Hope: Eu sei disso – Falei tristonho –

Tae: Não tenha pressa meu amor, e nem eu terei. – Falou dando um beijo na minha testa em seguida saindo da cozinha –

Decidi ficar ali por um tempo, e me permiti chorar, afinal tínhamos acabado de dar um tempo e sabe lá quando tempo isso vai durar...

Terminei as 4 barras de chocolate e o sorvete, limpei tudo e subi para o meu quarto.

Tomei um banho, fiz minhas higienes, quando olhei no relógio ainda marcava nove horas, decidi ligar para a minha mãe.

Ligação on

- Oi meu amor a quanto tempo, advinha quem está na linha – Provavelmente falando com o meu pai – Sim... É... Ele está bem amor... Deixa eu perguntar.... Querido como estão as coisas? E o Tae?

Sabia que ela ia perguntar, mas não a culpo, é o genro dela, ex, não sei...

- Estão indo bem mãe, acabamos de entrar nas férias do meio do ano, e o Tae... – Minha voz falhou –

- O que aconteceu Hobi?

- A gente deu um tempo Omma...

- Como assim? Porque... Querido eles deram um tempo – Falou provavelmente com meu pai novamente – Um tempo... Ueh não sabe o que é um tempo? – Ri com aquilo, sentia falta das conversas aleatórias dos meus pais – É terminar e não terminar... Ahh você não entende... Então Hobi, o que houve?

- A gente vinha brigando bastante, ai decidimos dar esse tempo para colocar as ideias no lugar...

- Ah meu amor, não fique triste, vai tudo se resolver você vai ver, Tae é uma ótima pessoa e você também, e não estou dizendo isso porque são meus filhos

- Obrigado mãe, eu te amo

- Também te amo filho, e desmancha essa carinha, quero você com aquele seu sorriso lindo de sempre... – Minha mãe me conhecia tão bem que sabia que eu não estava nos meus melhores dias -

Me permiti sorrir, só a minha mãe para me fazer feliz uma hora dessas...

Ficamos conversando por um tempo, minha mãe colocou no viva voz e eu conversei com meu pai e com a minha irmã também, eles me contaram as novidades, rimos bastante e conversamos muito, até que eu me despeço deles e novamente me encontro ali naquele quarto vazio, mas agora eu estava um pouquinho mais alegre depois de ter falado com a minha família.

Ligação off

Já eram dez e meia, eu decidi dormir, pelo menos tentar né.

Dia seguinte

Acordei com uma barulhada no andar de baixo e levantei me sentindo um pouco melhor, fui ao banheiro, tomei banho e fiz minhas higienes...

Quando apareci na sala estavam todos la incluindo G-Dragon, Taeyeon, Suzy, Minho e Suran...

Hope: BOM DIA FAMÍLIAAAAAAAA – Falei abrindo os braços e um largo sorriso –

Minho: Bom dia bela adormecida

Jin: Hobi tem café pronto, vai querer tomar agora? – Falou dando um beijo na minha cabeça, balancei a cabeça positivamente e ele foi em direção a cozinha e eu fui atrás –

Hope: Omma Jin – Sussurrei –

Ele me olhou e eu prossegui...

Hope: Todos já sabem? – Sussurrei –

Jin: Tae contou pro Jimin ontem, hoje ele contou pra mim e pro Nam.. Provavelmente o Suga já sabe por causa do Nam, e deve ter comentado com a Suran que comentou com as amigas e que comentou com os namorados... – Sussurrou -

Hope: Ótimo...

Jin fez uma expressão confusa...

Hope: Assim a gente não tem que explicar nada – Sussurrei –

Ele ficou ali comigo até eu terminar meu café e fomos para a sala, chegando no meio de uma conversa...

G-Dragon: Então a gente podia ir pra lá semana que vem sei lá...

Namjoon: Pode ser

Jin: Pra onde amor? – Perguntou sentando do lado do Nam enquanto eu sentava do lado do Jimin e notei que Kook dormia em seu colo, provavelmente não dormiu a noite por conta da rinite –

Namjoon: Os pais do Minho têm uma casa de praia que eles não usam a um bom tempo, e ele nos convidou para passar uns dias lá...

Jin: Ahhh... Porque não usam?

Minho: Meus pais são muito ocupados, então meio que fica abandonada as vezes.

Suzy: Eu gostei da ideia, mas prefiro ir daqui uma semana mais ou menos

Tae: Porque? – Finalmente ouvi a voz dele ali, o que me fez estremecer –

Taeyeon: Como assim porque? Temos que comprar algumas coisas, a casa só tem móveis, não é só chega e dormir...

Kook: É sim – Tomei um susto, já que o mesmo estava dormindo até agora –

Suran: Temos que comprar comida, produto de limpeza essas coisas porquinhos...

Namjoon fez uma careta acompanhada de G-Dragon...

Hope: Não me surpreende esses meninos quererem chegar num lugar, sem limpar nem nada...

Jimin: Eu nem comento mais nada sobre isso, se não fosse Hobi e sua mania por limpeza, essa casa seria um lixão...

Kook: Nem é... – Murmurou virando o rosto indicando que ia dormir de novo –

Jin: Concordo em ir semana que vem, realmente temos que comprar umas coisas para levar e resolver coisas pendentes dos nossos trabalhos

Suga: Então vamos semana que vem donzelas – Falou se referindo a mim, Jimin, Jin, Suran, Suzy e Taeyeon -

Ficamos ali um tempo conversando sobre a viagem quando decidimos ir para a piscina...

Ficamos ali nos divertindo o dia todo, até que decidimos ir na pizzaria, já passava das cinco então combinamos de umas oito ir...

O pessoal foi embora e nós fomos tomar banho e nos arrumar logo... Me vesti com uma calça jeans cheia de rasgos até a metade da cocha, uma camiseta branca de gola V, uma corrente, meu relógio, arrumei meu cabelo e calcei meu coturno preto...

Desci e notei os olhares do Tae sobre mim, ele estava lindo, usava uma calça preta, uma blusa preta com detalhes brancos, um relógio, um vans branco com preto e seu cabelo estava de um jeito perfeito. Todos estavam na sala conversando, menos o Kook e o Jin. Ficamos ali e logo eles apareceram, como ainda estava cedo, nós ficamos ali olhando Namjoon e Tae jogarem vídeo game...

A maneira como Tae ficava, curvado para frente com os cotovelos apoiados um em cada perna, e a maneira como passava a língua pelos lábios e fazia algumas expressões, aquilo estava me deixando doido, mas me contive, Kook veio em minha direção, deitando em meu colo já que Jimin estava alimentando o cachorrinho que só sabia comer e dormir por ser ainda um filhote...

Hope: Está melhor?

Kook: Já tive meus melhores dias – Falou manhoso agarrando minha cintura em um abraço meio desengonçado – Seu perfume é ótimo hyung – Falou fungando perto da minha camisa

Hope: Quem sabe um dia eu te empresto – Falei e rimos, percebi que Tae nos encarava quando Namjoon gritou um “Você vai morrer cuidado” –

Kook: Tae enciumado é ótimo, aposto como ele queria ta aqui no meu lugar cheirando esse perfume... – Falou se gabando como se estivesse com sorte –

Hope: Ai Kook só você mesmo – Falei em meio a risadas – Enciumado vai ficar é o Jiminie

Kook: Que nada, se tem uma coisa que Chim Chim não sente ciúmes, essa coisa é vocês

Hope: “coisa”, obrigado pela parte que me toca – Falei irônico –

Kook: - Deu risada e fungou devido a rinite – Jimin é ciumento, mas Tae é pior, sabemos disso, e Jimin não é ciumento em relação a vocês, ele é se a gente conversa com um desconhecido mas ele não demonstra muito...

Hope: É, to sabendo

Kook: Já o Tae demonstra – Falava enquanto brincava com meus dedos –

Passou alguns minutos e ele dormiu, a rinite cansa ele rapidamente... Jimin se aproximou com o remédio na mão...

Hope: Tarde demais – falei apontando pra Kook que dormia em meu colo –

Jimin: Ele não tomou o remédio hoje – Falou com cara de tedio -

Hope: Quando ele acordar a gente da Chim Chim

O mesmo sentou do meu lado e apoiou sua cabeça em meu ombro, ficamos ali olhando aqueles dois jogarem enquanto Suga dormia no outro sofá e Jin mexia no celular...

Quando já era sete e cinquenta ouvimos buzinas la fora e saímos com Suga pegando a chave do carro... Nos dividimos entre os 3 carros e fomos em direção a pizzaria.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...