História Oi, Jungkook - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jeon Jungkook, Jungkook
Visualizações 48
Palavras 797
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, amorzinhos meus. Tudo bem com vocês?
Estamos aqui hoje com mais um capítulo. Tenham uma ótima leitura!

Capítulo 33 - Uma ameaça muito sem sentido... ou não!


Fanfic / Fanfiction Oi, Jungkook - Capítulo 33 - Uma ameaça muito sem sentido... ou não!

Foi muito bom ver os meninos tomando o café da manhã com calma antes de sair. O clima de descontração deles era contagiante e fez valer muito a pena eu ter dormido tranquilamente após conversar com JK. Repor as energias depois de tudo o que anda acontecendo - ignoremos o que ainda vai acontecer - é magnífico.

- Me passe esse pãozinho de queijo, Taehyung. - Yoongi pediu.

- Sim, hyung. - Tae entregou a cestinha com os aperitivos para Suga.

- Vamos todos juntos para a Big Hit, Jungkook. - Namjoon disse. - Lá o Sejin vai encontrar você e te levar pra fazer a entrevista.

JK assentiu, comendo seus biscoitos. Não me canso de mencionar que ele parece uma criancinha de três aninhos ao se alimentar.

- Falando nisso, minhas fotos e as do Namjoon saem amanhã. - Jimin esfregou as mãozinhas uma na outra. - Quero ver como eu fiquei.

- Safado. - Namjoon brincou.

- Eu sou muito bonito, hyung. - Jimin riu. - Já sei que fiquei muito sexy na sessão de fotos.

- Não se ache tanto. - Namjoon falou.

Os meninos continuaram a comer. Pareciam mais famintos a cada mordiscada. Bem compreensível, considerando a rotina pesada que eles estavam levando.

- Temos que ir ou vamos nos atrasar. - Namjoon se levantou.

Todos os demais fizeram o mesmo, seguindo o exemplo do líder.

- Beijinho, amor. - JK colocou dois dedos na boca e me jogou o beijo com eles.

Sorri com aquilo e fui fechar a porta do apartamento para os rapazes.

     ***********************************************************************************************

                                                                    Jungkook

Chegando na Big Hit, fiquei na portaria mexendo no celular junto com o Jimin. De repente, uma menina de cabelos castanhos, com comprimento até os ombros, veio até mim e meu amigo.

- Olá, meninos. - Ela sorriu - Posso tirar uma foto com vocês?

Nós dois concordamos e tiramos várias selcas com a garota, que a princípio parecia ser gentil.

- Obrigada. - A fã agradeceu. - Agora só mais uma coisinha...

Instantaneamente, ela puxou minha cabeça com violência e tentou me beijar na boca. Desviei de seu beijo e, com a ajuda de Jimin, a retirei de cima de mim.

- Enlouqueceu, garota? - O ''Pequeno'' brigou. - Não pode fazer isso!

- POR QUE NÃO? - A menina berrou, completamente enlouquecida. - EU AMO O JUNGKOOK!

Fiquei assustado com a reação da garota. Me apavorei em pensar que a mocinha pudesse cometer algum crime ou algo do gênero.

- NINGUÉM VAI ME IMPEDIR DE BEIJÁ-LO! - Ela esbravejou. - Me beije agora, Jungkook!

- Não farei isso! - Alterei a voz.

- FAÇA!

- NÃO!

Os seguranças apareceram e seguraram a menina pelo braço. Ela se debateu para poder se livrar, mas não conseguiu sair das garras dos homens.

- Não a machuquem, por favor. - Tentei acalmar os ânimos.

Vi o ódio estampado no olhar da menina. A mesma parecia ter se transformado num cão feroz que queria me devorar por inteiro.

- Eu sei porque você não quer me beijar, Jungkook. - A fã deu uma risadinha diabólica. - Vai pagar por isso de uma forma trágica, maknae. E o motivo dessa confusão toda também vai pagar. 

A garota se soltou dos seguranças e saiu andando furiosa. Meu coração parou por um segundo diante daquela ameaça.

- Você tá bem, Kookie? - Jimin indagou.

- Sim, obrigado. - Falei, passando a mão no cabelo. - Só estou achando estranho isso que a menina disse. E se o que ela quis dizer com o ''motivo dessa confusão toda'' for a...

Cortei minha fala na hora. Jimin fez um sinal com a cabeça agradecendo pela ajuda dos seguranças e eles se retiraram de perto de nós.

- Acha que a Valentina tem a ver com isso? - Jiminnie ficou pensando. - O quê aquela garota poderia fazer, Jeongukkie? 

- Eu não quero nem pensar nisso. - Respirei fundo. - Já pensou se ela é uma das outras sasaengs que têm fotos minhas com a Valentina? 

- Não vamos pensar o pior. Mas temos que conversar com os hyungs sobre isso. Ah, e você tem que conversar com a Valentina também. Ela tem que saber o que está acontecendo.

Sejin veio andando apressado do estacionamento com um olhar preocupado no rosto.

- Você foi atacado, Jungkook? - Ele perguntou.

- Já estou bem. - Respondi. - Foi somente um susto.

Me despedi de Jimin e acompanhei o manager para o carro. Tenho medo de que essa ameaça seja algo ruim e que prejudique a mim, meus hyungs e até mesmo a minha namorada. Não ficaria em paz até aquilo passar de vez e precisava de foco, porque a agenda estava apenas começando e as coisas iriam ser bem duras daquele momento em diante.

 

 

 


Notas Finais


Fim de mais um capítulo. E essa ameça, hein?
Abaixo, temos um gif do beijo que Jungkook mandou para Valentina: https://media.giphy.com/media/12e3cjP8Xfg7GE/200.gif


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...