História Õkami Shõjo - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Inazuma Eleven (Super Onze)
Personagens Kariya Masaki, Kirino Ranmaru, Shindou Takuto, Tsurugi Kyousuke, Yamana Akane
Tags Ação, Comedia, Inazuma Eleven Go, Romance, Suspense
Exibições 17
Palavras 2.017
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiiiieeeess de Kokoro!!! ( Coração ) !!!! <3
Gomen'nasai sobre a demora... Essa semana toda estou estudando para as provas por ser o último bimestre :( . Desculpa mesmo... :c
Bom, gente... Mas mesmo assim, continua o capítulo... Agora acho que vai ter bastante loucura e ficou um pouco longo também... Gomen... Kkkkk...
ESPERO QUE GOSTEM DO 3 CAPÍTULO <3 <3 ^^ :3

Capítulo 3 - Garota, quem é você?!... ''Assediadora... ''


Ela lembra de algo..

'' - Mamãe? Oque a senhora queria falar comigo? * Puxa a blusa * ''

'' - Ahh, você já está aqui? * Sorriso e risadas * Bom, acho que você já tem idade para saber como escolher um poder... ''

''- Sério!? ''

'' - Sim! "

'' Gyaaahhh!!! * Grito de alegria * - Eu tenho opções?! Eu posso inventar um?! '' 

'' - Claro! * Sorriso * ''

'' - EU QUERO!!... Eu quero... Ahhh... Etto...? '' 

'' - Por que não escolhe um que deixe você forte? '' * Diz o pai da garota fazendo pose de forte *

''- A papai eu quero um legal!! '' 

'' - Qual então filha?'' * Sua mãe pergunta *

''- Você não vão rir?''

''- Claro que não '' * Dizem ao mesmo tempo *

'' - Quero curar com um beijo! ''

" - Beijo?! * O pai da garota fala indignado e com uma gota na cabeça '' - Ótima escolha... * Fala a mãe dela também com uma gota. *

 ''- Pode escolher outro a mais? '' 

 ''- Claro que pode filha! ''

'' - Quero ter um corpo resistente! ''

- Perfeito... Agora..  Aqui filha. * Sua mãe entrega uma espécie de colar para a garota. *

'' - Oque é isso mamãe? ''

''- Coloque-o no pescoço. '' 

A garota coloca e o colar entra em seu corpo desaparecendo. 

''- Oque aconteceu mamãe?! ''

''- Agora você tem esse poder filha! * Fala o pai dela  * ''

''Os três sorriram. ''

A garota volta ao normal. Começa a cair lágrimas de seu rosto por conta da lembrança. Mas ela consegue se conter.

Kirino tentava respirar de alguma forma possível, e Shindo, bom; Kirino não queria alimentar falsas esperanças, mas ele chegou a pensar que Shindo avia resistido, até que.. 

- K-Kirino..

Kirino olha assustado, achando inacreditável.

Shindou tenta se levantar, se segurando perto de uma grade e fala:

- Porque...

Os ladrões olham.

- Porque vocês ficam fazendo isso com os outros?! 

Aquilo surpreendeu Naru. 

- Vocês já pensaram se fossem vocês no lugar de nós?! ( * Fala gritando )

- Eu não trabalho com discursos! ( * O Ladrão fala, atirando em Shindo novamente )

- Shind-.. Ahgr! ( * O ladrão atira em Kirino, que fica imóvel )

Quando o ladrão atirou em Kirino, a garota ficou imóvel. Sentiu algo estranho, que a deixou trêmula.  Ela olha para os garotos e começa a descer lágrimas de seu rosto.

'' Oque? Mas oque está acontecendo?! '' Ela ficou sem saber os motivos de estar chorando, mas parecia ter algum sentimento... '' Não posso acreditar, eu não posso! '' A garota fica séria, e fria. 

- ....É assim que vocês tratam garotos inocentes?.... * Aurea sombria * 

* Ladrões olham, Kirino olha. * 

- Quem é você garota?!

- ......Não interessa quem eu sou. E responda minha pergunta......

- Oque disse?! 

- Não é preciso repetir novamente.

- Está se importando porque com esses mulekes?! Você acha que eles prestam?!

- Ahgr!! * Kirino gritou quando o ladrão chutou seu estômago, e espirrou sangue de sua boca. *

- Ahn! * Ela fica nevosa a cada movimento violento que o ladrão faz em Kirino. *

- QUEM VOCÊ PENSA QUE É PARA FAZER ISSO?!

''- Oque essa garota está fazendo?! Quem é ela?! '' - Ahgr!! * Outro chute * 

- * Os olhos da garota estão tremendo * '' - Porque estou chorando? Por que me sinto insegura do que estou fazendo?! Porque eu... '' 

Você é inocente garota, Hahahah * Os ladrões riram juntos * 

A cada risada. A garota ficou totalmente séria... Sombria. Ela em poucos minutos se irritou facilmente.

- Eu não aceito sua opinião de forma injusta para mim.. E eu... Não terminei o meu drama.. * Ela olha para os ladrões, seus olhos estavam avermelhados. Se comparava ao de animais selvagens! *

Ela pula do terceiro andar.

Kirino olha derre pente, e se sente sufocado. Aquilo parecia o matar por dentro.

- Nãooooo! * Grita ele, em um tom de desespero. * 

Só se ouviu a queda da garota, parecia uma quebra de ossos por inteiro..

'' - P-Porque... Tcs... *Lágrimas* '' ( Kirino se sente culpado no momento, ele não queria que alguém fizesse isso por eles. )

''- N-Nande... ''  * Kirino pensa, com os olhos cheios de lágrimas. Mesmo ele não conhecendo a garota ele se sentia culpado. Se sentia culpado de ter feito Shindo cortar caminho com ele, e pela garota ter pulado. Ele arriscou a vida de 2 pessoas! Estava se sentindo um inútil.

- Hahah, nem precisei atirar a bala nela! Hhahah * Um dos ladões comentaram *

- Uhn... Cala a sua boca! * Kirino grita tentando levantar o desafiando. *

- Oque você falou muleke?! Você quer levar outro tiro?!

- Tcs. * Kirino continuou a olham desafiando o ladrão, Até que...*

- Já estão me agourando? As coisas não se resolvem assim... * A garota fala, de pé olhando para os ladrões e cheia de sangue. *

- N- Nani?!

- Sumam daqui agora, ou eu... * Fala ela transformando os olhos na cor avermelhada novamente * 

- Mete o pé, mete o pé!!! Vai, vai maluco...  * Os ladrões fogem e a garota olha para Kirino e Shindo preocupada * 

''- Será que eu vou morrer... Ela está toda ensaguentada... Quem é essa garota? Será que Shindo está bem? Oque está acontecendo comig-... '' * Kirino cai para frente, e a garota em uma grande velocidade vai direto a ele, conseguindo segurá-lo '' 

- Ahn.. V-Vc... * Ela olha para ele com o sangue escorrendo da boca e desmaiado. * - Parece estar com febre... 

ela se dirige a Shindo. 

- Ahn ele está ferido demais! * Fala ela, com os olhos trêmulos. *  

Naru leva os dois para o seu apartamento, a fim de ajudar os garotos. 

                                      Algum tempo depois.....

* Kirino abre os olhos * - Eh? Onde estou? * Olhando para os lados.

Ele observa bem, não consegue se lembrar de nada, mas quando ele tenta se levantar, sente uma dor ao lado da cintura.

- Uhn! A-ai. * Levanta a blusa e vê a cintura enfaixada. Ele se lembra de tudo *

- Ahn Takut-...! * Ele olha para o lado e vê Shindo, ainda desacordado. Com o peito até a cintura enfaixado, e com um pano na testa para provavelmente abaixar a febre. *

- C-Como eu vim parar aqui?! * Desesperado * - A-Aquela garota...! * Ele corre em direção a uma janela *

- Ela sumiu!! * Desesperado * 

''- Eu tenho que fugir daqui... De qualquer forma... '' * Olha para o lado * 

Quando ele se vira, ele dá de cara com a garota. 

- Ahhh! * Ele cai no chão assustado * ''- Ela está cheia de sangue, como ela não morreu com tudo isso?! Véi, eu quero sair daqui cara... ''  * Kirino pensa para si mesmo.

'' Como posso falar com esse garoto... * Seu rosto cora * - E-eu não sei como começar... Ele fica olhando com essa cara de assombrado para mim, oque eu fiz de errado?! '' * A garota pensa * 

- G-Gomen... Eu os trouxe para cá... * Diz ela, encarando Kirino *

- Quem é você?! * Fala ele de um modo desafiador. *

- Ai Meu Deus você não se lembra?! *  Fala ela desesperada *

- Mas não dessa forma, só me lembro de você ter se jogado e depois não sei oque aconteceu direito!! * Fala Kirino sem jeito e ainda um pouco nervoso * - Espera. Você não morreu?! * Diz ele ficando sério novamente * 

- Não. * Fala séria *

'' - Essa garota talvez seja de um time inimigo ou algo do tipo. Eu não sei porque pensei isso. Se ela salvou Shindo e eu, tem algo de errado. Ninguém salvaria assim, tão derre pente! Pular desse troço ai?! Jamais! Qualquer idiota teria consciência do que estaria fazendo. Ela deve ser tipo El Dorado. Talvez seja algum inimigo da Raimon... Eu não posso confiar nessa garota. Ela me lembra a Beta. O jeito super fofo de ser, mas logo depois parece até o cão...  ''

- Quem é você?! * Kirino fala com um olhar desafiador. * 

- Talvez seja uma pessoa que nem você. 

- Não é essa a pergunta!  Não se faça de idiota! Qual é o seu nome?! * Kirino fala, arrogante. *

- Não interessa.. Se você tiver confiança pelo menos, talvez não vai se sentir incomodado com a minha presença. * Naru fala, dando uma breve patada nele * 

- ''Não interessa'' Não é nome, então espero que você diga algo! E não mude de assunto! * Kirino fala Irônico, devolvendo a patada dada por Naru* 

- * Estressada * Meu nome é Naru! Satisfeito agora?!

- * Irônico* ... Uhnf. 

Fica um silêncio estremo na casa da garota. 

'' - Essa garota é estranha... Ela quer que eu confie nela como?! A conheço a pouco tempo... '' - .... * Kirino levanta sua blusa, observando sua cintura enfaixada. *

''- Sinto algo me incomodando na área baleada.. Mas não está doendo tanto.. Oque essa garota fez afinal?! '' * Olhando para o lado * 

Ele desenfaixa e tinha pontos.

- V-Você me deu pontos?! * Assustado *

- H-hai... 

- Desculpa perguntar, mas você é médica por acaso?

- ..... * Silêncio * 

- Você está ficando louca?! * Kirino se aproxima dela, segurando em seus braços, deixando a garota assustada * - Dar pontos sem saber é horrível! Eu não vou confiar em você.. Você.. Tcs.. 

'' - Essa garota tentou me matar dormindo ou oque?! '' * Pensa ele * 

Kirino solta a garota e caminha para o outro lado, até que... 

- Tcs.. Aghr! * KIRINO GRITA, COLOCANDO A MÃO NO LOCAL BALEADO * 

- Kirino! * A garota fala, assustada com a situação. *

- E- Eu estou bem... 

A febre de Kirino avia aumentado, sentia a mesma dor de antes, mas parecia até pior... 

* Ele cai de joelhos

- Ahn...Ah... ( * Ele se contorcia de dor. ) - O-Oque é isso?! 

- K-Kirino... ( Os olhos da garota tremiam, e novamente caiam lágrimas.. '' - Novamente isso, oque é isso?!"  Pensou a garota em meio a situação. 

- Se afaste de mim!

- Ahn! * A garota não chega perto dele *

Kirino se levanta, encostando a mão na parede e fala:

- E- Eu preciso vomitar... 

- Você não pode!

- P-Porque....

Ela tem uma lembrança repetida. 

'' Você pode escolher um poder... '' '' Quero curar com um beijo! '' '' Aqui o colar '' '' Para que serve isso '' '' Esse é o seu poder, use-o quando precisar ''

* Volta ao normal. 

- Ahn..! Aguente firme! 

Ele quase vomita. 

- Tcs! * Ela o puxa pela blusa e o beija * 

Kirino cora, e fica desesperado.

''- O-Oque ela está fazendo?!?! '' * Corado *

Ela o solta rapidamente. 

- G-Gomen.. 

A febre de Kirino abaixou, e a dor avia passado. 

- Porque você fez i-isso?!? * Desespero * 

- Gomen'nasai! E-eu não queria... 

5 segundos de SILÊNCIO DE KIRINO. Até ele dizer.. 

- Assediadora.

- NANI?!

- As-se-di-a-do-ra quem é você?

- Eu já falei Kirino Ranmaru!

Ele estranha.

- Ehh?! Como você sabe o meu nome?

Naru fica em silêncio.

- Responda minha pergunta! * Kirino fala arrogantemente. 

- Você não vai entender...!

- Pare de besteiras garota estranha! 

- Cale a boca e pare de gritar comigo! Você é um idiota! Ahn!

- AH?! OQUE?!

* Naru abaixa a cabeça e pensa.

''- Esse garoto realmente não confia nem um pouco em mim. Ele é tão arrogante, parece até que estou obrigando ele a falar comigo... Eu não queria ter o feito de beijar esse garoto. Mas isso não foi por malicia nenhuma... Eu só queria ter o ajudado..Tcs " 


Notas Finais


Será que Kirino vai continuar reclamando com a garota ou será que vai ter piedade uma vez na vida?! Hihi ^^! Desculpa se ficou grande, mas prometo que o próximo vou tentar fazer menor ^^. Gostaram do 3 capítulo? Oque será que vai acontecer depois de tudo isso....??
Minna- san desculpa mesmo o ocorrido da demora, se acontecer de novo esse é o motivo.. :(
<3 <3 :3 Beijos de CARAMELOHHH Ehhh... Sayonara!! <3 <3 :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...