História Olá, Senhor Coração de Pedra - Vhope - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, V
Tags Bts, Hoseok, Taehyung, Vhope
Visualizações 27
Palavras 521
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Capitulo Dois


Hoseok P.O.V 

Kim Taehyung me olhou pela última vez, começou a andar com a cabeça erguida. Olhei para a minha mão que ainda estava estendida para um aperto e logo depois passei a mesma em meu cabelo, um pouco envergonhado com a situação. Me virei para poder voltar para a minha sala. O olhei, o próprio conversava seriamente com uma garota de cabelos negros, um pouco alta, talvez pelos saltos. Kim Taehyung havia me olhado, me fazendo entrar depressa na sala. 

- Que susto! - Resmunguei, puxei a cadeira que não era nada confortável, liguei o computador, fiquei olhando para os retratos, na espera do computador. - Aish, aquele homem não é nada simpático. - Cruzei os braços e voltei a olhar para a tela. O computador estava bloqueado por uma senha. - Ninguém me falou a senha! - Puxei o telefone ao lado do computador, disquei o número 5. - Senhor Kim Seokjin?! Aqui é Jung Hoseok. Você pode me dizer a senha do computador? - Perguntei, encarando a tela. 

- A senha é simples. - Falou, pude sentir a felicidade em sua voz. - É o nome da pessoa que entrará na sua vida e você fará de tudo para ficar com ela. 

- Que? Como assim? - Perguntei confuso, o próprio havia encerrado a ligação. Bufei e coloquei o telefone de volta, ainda encarando a tela. - Que complicado. Por que não colocam algum nome de comida como senha? - Neguei com a cabeça e peguei um livro do trabalho. - Eu hein... - Tentei focar o meu olhar naquele livro e não na tela que precisava de uma senha. - Será que a senha é... - Falei, olhando para o teclado do computador e comecei a digitar o nome da minha ex-namorada, percebi que estava dando senha incorreta. - Ainda bem que deu senha incorreta, eu não ia voltar para ela, nem que me pagasse. - Apoiei a minha cabeça na mesa, dando um suspiro. 

- Licença... - Disse Park Jimin, entrando na minha sala, com muitos papéis em seus braços. O olhei e soltei um sorriso fraco, com uma leve esperança do próprio saber a senha. - O senhor Kim Taehyung, me mandou entregar essas coisas para você. - Colocou os papéis em cima da minha mesa. - Ah, ele disse que isso tudo é para daqui três semanas. - Assenti com a cabeça. 

- Park Jimin?! - Disse, antes que o mesmo saísse da minha sala. Jimin, me olhou, sem entender nada. Engoli seco, aos poucos, comecei a bater os meus dedos na mesa, fazendo um som um pouco irritante. - Você poderia me dizer a senha deste computador? - O mesmo olhou para o computador e soltou um suspiro. 

- Desculpa, mas... Eu realmente não sei. - Deu leve tapa em minhas costas e logo depois saiu da minha sala, novamente, dei uma suspirada e apoiei a minha cabeça na mesa. Aquela senha seria tão difícil para saber? Levantei da cadeira que estava me machucando e comecei a andar para lá e para cá, pensando numa palavra que poderia ser a tal senha difícil. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...