História Olhar confiável (jikook) - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 7
Palavras 294
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa a demora. Muitas provas :-/

Capítulo 10 - Capítulo 10


POV Jimin
 
 Estava beijando o kookie, quando ouvimos a campainha. Kookie pegou um canivete de uma caveta ao lado da cama e me pediu para colocar uma roupa com touca. Até porque, muita gente tem preconceito com híbridos.
 Eu vesti a primeira roupa que achei no guarda-roupa. E cobri a cabeça com uma touca e fui para junto do kookie. 
 
 POV JungKook

 Abri a porta e vi uma garota.
 -Olha. Eu me perdi e meus pais só vão chegar para me buscar amanhã. -Jiminnie chegou todo coberto com uma blusa preta e uma calça de moletom cinza.
 -Você quer ficar aqui? -Jiminnie perguntou.
 -Sim. Se não for nenhum encomodo. -olhei para jiminnie e ele deu de ombros.
 -Podemos ajudar, mas só essa noite!. 
 -Certo. Amanhã cedo meus pais chegam. 
 Estava fazendo janta, agora, para nós 3. Senti uma mão em minhas costas e me virei. Era a garota.
 -Oi. Algum problema? -ela sorri.
 -Você é muito fofo. Tem namora? -eu parei pra pensa e ao mesmo tempo q jiminnie chegou na cozinha a garota me beijou. Jiminnie saiu correndo para as escadas. Aparentemente foi para nosso quarto. Corri atrás. 
 Cheguei no quarto e vi Jiminnie chorando. Coloquei a mão em seu ombro e vi suas presas. Não que eu já não tivesse reparado, mas ele evitava de me mostra-las. Em nossos beijos, ele não deixava que suas presas machucacem minha língua. Mas agora, jiminnie queria me matar! Com meu toque, ele virou de costas e, logo em seguda, se deitou ainda de costas para mim. Deitei e o abracei por trás. Ouvi que estava rosnando, e para acalma-lo lhe dei um beijo no pescoço, o que o fez parar.
 -Você sabe que nunca iria te trocar por aquela garota, né? chichim. Eu te amo.
 


Notas Finais


*.....*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...