História Olhar confiável (jikook) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 24
Palavras 248
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que estejam gostando :')

Capítulo 3 - Capítulo 3


POV JungKook

 Depois de ajudar o híbrido, fiz a janta. Ele comeu e levei-o para meu quarto, onde achei mais apropriado q dormi-se porque, afinal, ele parecia tão frágil para dormir no sofá. Mesmo q meu sofá n seja muito desconfortável, mas Jiminnie tinha aguentado talvez muito tempo na rua, me perguntava como?.
 Ele se jogou na cama. Apaguei a luz e estava prestes a fechar a porta quando ouço seu grito.
 -N KOOKIE!!! N ME DEIXA SOZINHO AQUI!! - abri a porta assustado e vi seu bico oq me fez querer morde-lo. -Dormi comigo kookie, puifa? -aumentou o bico.
 -Ta bom chimchim. -deitei do seu lado e logo Jiminie me abraçou forte, o abracei de volta. 
 -Gostei desse nome kookie: chimchim -fez uma voz fofa ao falar isso e colocou sua cabeça em meu peito.

 No dia segunte Jiminnie n estava mais lá. Pulei da cama e desci as escadas correndo. Achei Jiminnie fazendo o café da manhã.
 -Kookie! Vc dorme muito! Vamos comer? -disse animado.
 -Vc me deu um susto danado, sabia? -ele ficou cabisbaixo. 
 -Desculpa. -seus olhos estavam enchendo de água. -Vc n me ama mais? -olhou para mim com um lágrima escorrendo por sua pele.
 -Claro q ainda te amo -isso me engasgou -Apenas... apenas n faça isso de novo. Fiquei preocupado com você. -O abracei e comecei a acariciar seus cabelos e orelhas,  ambos, macias.
 -Eu também te amo kookie! Amo muito! -eu o abracei mais forte, mas ainda tinha medo de machuca-lo.


Notas Finais


E apartir daí, o jogo começa...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...