História Olhos das trevas - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 3
Palavras 415
Terminada Não
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi, desculpa a demora e boa leitura, até o final.

Capítulo 5 - Quem eu sou?


Fanfic / Fanfiction Olhos das trevas - Capítulo 5 - Quem eu sou?

Escutamos  um barulho na árvore, era o Alex, quando eu ia perguntar o que ele estava fazendo lá, minha mãe fala:

- Alex! O que está fazendo aqui, você disse que eu tinha até meia noite. 

Minha mãe estava triste, e me olhando com uma cara de assustada, então eu perguntei algo, antes que a situação ficasse mais estranha: 

- Como assim? Vocês se conhecem?  Meia noite? 

Estava muito confusa com a situação, então o Alex, fala:

- Eu vou te explicar tudo, mas aqui não é seguro!

Fiquei nervosa, pelo Alex me deixar triste e confusa, sendo que eu pensava que era o único que eu pudesse confiar, mas tentei ser forte e falei:

- Não!  Você vai me explicar tudo agora!

Senti o medo no olhar do Alex, Mas mesmo assim,  respondeu: 

- Tá,  vou te explicar, vou começar do início,  sua mãe,  na verdade não é a sua mãe biológica, nem adotiva, ela te sequestrou, porque nossas famílias são inimigas e se mais uma Criança acabasse nascendo dessa família, a profecia dizia que iria matar quem fosse atravessar seu caminho para governar. Mas ninguém acreditava nisso, até que você nasceu e vimos que tinha muitos dons, até sua família ficou com medo. Meu pai resolveu te matar, mas eu e sua mãe falsa te levamos para longe de tanta confusão. 

- Mas você mesmo disse que eu tenho esses dons, já teriam me descobrido 

- Não teriam, porque eu achei um jeito De controlar eles para você temporariamente,  mas você teria que se esquecer de tudo, da sua família,  seus dons e assim eu poderia colocar outras lembranças, as que você tem com a sua mãe, Como se tivesse junto a ela a anos,  sendo que só está à 10 meses. 


- Então tudo que eu penso que aconteceu,  É uma mentira! E o Bryan? 

- Ele é seu amigo só à três meses, eu tive que mudar as lembranças dele, por isso que sua mãe não queria que tivesse muitos amigos, eles poderiam se machucar por sua causa.

- Minha causa?! Você fingiu ser meu amigo, me afastou da minha família, me sequestrou e agora coloca a culpa em mim? Até o Bryan é uma farsa! Porque me contar só  agora ?!

- Porque meu pai te achou e quer ver você sangrar! Eu fiz isso para te proteger,  me afastei da minha família,  meus amigos, de tudo por você! 

- E eu pedi alguma coisa?

Quando eu terminei a frase, sinto algo me puxar para trás e era...


Notas Finais


Desculpa pelos erros ortográficos e até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...