História Olhos de sangue - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Romance, Vampiros
Exibições 8
Palavras 1.026
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Luta, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


boa leitura

Capítulo 12 - Você mudou


Fanfic / Fanfiction Olhos de sangue - Capítulo 12 - Você mudou

Amy onn

 

     Zen?....

-Como eu estava dizendo-diz o chefe de Zen.

-Pois não?-DIZ ZEN

-É um assalto .verifique na areá se a algum suspeito ,leve a moça para indentifica-lo 

-ah...sim

 

''no carro''

-Pensei que poderia se proteger sozinha-zen fala

-Queria que o matasse?assim como fez comigo..

-O que?

-Nada..você mudou realmente.pensei que estivesse morto

-Nossa...eu não estou obrigado

-Sim...

-Zen..por que faz aquilo ?e como está enxergando?

-Bruxaria.

-Eles mandaram você vir para cá?

-Sair do país. -Zen fala com um tom serio

-Mmm...

-Como tem passado Amy?

-Bem e você?

-Não tão ruim-Zen fala serio novamente

-A culpa é minha?

-Não,é minha,mas agora é tarde,eu tenho que ficar longe de você

-Você quer ficar longe de mim?

-Eu preciso...é aquele cara?

-Sim...

Amy recupera sua bolsa e o homem é preso.Zen acompanha Amy até a saida da delegacia

-Vamos voltar a ser como eramos antes.

-Não...

-Mas aqui é outro país ,eles nem irão saber.

-Se eles descobrirem,eles tiram o feitiço de mim.-Zen fala olhando para meus olhos

-Mas-

-Tenho que voltar,não seja roubada novamente ok...

-Ze

Antes que eu pudesse terminar minha frase ,Zen bateu a porta,ele mudou completamente,está bem mais serio,maduro e alto.Quem diria que meu amigo se tornaria esse homem.

 Os dias foram se passando,mais acidentes aconteceram,os ataques ficaram mais frequentes,as vitimas tinham sua boca cortada de orelha a orelha.

Todos estavam certos de que erá um serial killer .E Zen ,por mais que não quisesse,desconfiava de Amy,pois foi quando ela chegou que os ataques começaram,pegou o endereço de seu hotel e  foi .

-Zen?o que você...

-Estou aqui como investigador

-Claro

-Foi você não foi?

-O que eu fiz?

-Você é o serial...

-Acha mesmo que eu faria isso?

-Se passou 10 anos,nesse tempo muita coisa deve ter mudado não é?

-CALA A BOCA.

-Como ?

-10 anos Zen.achei que estivesse morto,e quando finalmente nos reencontramos,você me acusa de ser uma asassina?

-Grande amigo.

-Não somos mais amigos.Até

-ZEN! espera...

-O que foi?

-Desculpa..por isso,eu realmente ....nesses 10 anos ,eu pensei que havia morrido.pode me perdoar e voltar a ser como era antes?

-Como eu erá antes?você gosta de como eu erá naquela cama de hospital?cego.

-Não importava nada disto.eu gostava em apenas ter você comigo,mas depois você foi em bora e eu-Amy se entrega ao choro

ao ouvir essas palavras ,Zen se encontrou totalmente encurralado,sentiu uma enorme vontade de faze-la parar de chorar.

 

 

Zen a abraça fortemente,pois naquele momento .ve-la daquele jeito,não importava mais o feitiço ou o que aconteceria no futuro,resolveu abandonar tudo e todos pois ele já não podia mais negar,quuando ainda erá mais novo ainda podia mentir para si mesmo,mas não agora,não com ela em seus braços.

 

-Eu sempre gostei de você

-Eu tambem,você erá meu melhor amigo.

-Eu gostava de um jeito diferente

-Zen...

 

Amy foi interrompida por um beijo de Zen,mas ela sabia que não podia passar disto pois havia muita coisa em jogo,e tambem ela não poderia fazer isso com Edie que a apoiou e ficou em seu lado nos ultimos 10 anos .

-Não posso

-Por que não?

-Eu tenho namorado.

-Você tem?

-Sim,e não posso fazer isso a ele,sinto muito.

-Entendo.

 

Após isso ,Zen saiu ligou o carro e foi,Amy apenas ouviu o barulho do motor do carro se acelerando mais e mais.

 

(Zen onn)

 

-Como fui idiota,em fazer as coisas sem pensar,nunca imaginaria que ela tivesse alguem,eu devo ser nada mais do que alguem  que ficou em seu passado.

 

(Zen off)

 

O dias foram se passando,Amy e Zen passaram a se encontrar na rua,mas ambos não trocavam palavras e depois de um tempo nem se viram mais.

 

Zen manda uma mensagem para Amy

 

"OI? DESCULPA  POR AQUELE DIA! PODEMOS NOS ENCONTRAR EM ALGUM LUGAR?"

"CLARO"

 

Os dois se encontraram em um cafe ali perto.

-Desculpa,agi sem pensar

-Tudo bem..

 

OS dois conversaram sobre tudo o que havia acontecido na vida de ambos nesses ultimos 10 anos .

Eles se resolveram e e voltarem se ser amigos como antes,bom...nem totalmente como antes,eles não sabiam do sentimentos um do outro.Mesmo na amizade.os dois se ligaram um no outro novamente.Amy estava tão ligada a Zen que não quis mais voltar ao brasil e deixou todos preocupados .

Mais tempo se passou e quanto mais tempo se passava ,mais ligados eles ficavam um no outro ao ponto de não poder ficar sem ver um ao outro um dia sequer .

Mas essa amizade foi descoberta por Charlote ,que ficou indignada com a traição de Zen.e mandou um dos companheiros dela dar um jeito nessa amizade .

Zen estava saindo de seu trabalho e Amy estava o esperando.

   O carro de Zen estava no outro lado da rua.

 

-Ficou todo esse tempo me esperando?

-Você disse que iriamos ao cinema!

-Ok ok,Vamos

 

Amy foi na frente,um carro vinha em sua direção,quando Zen viu,não pode ficar parado,ele a empurrou e o carro acabou o acertando. isso é apenas o que se lembra.

 

"Zen acorda"

 

-Zen?

-Onde estou?hospital?-Zen fala levando uma das mãos a cabeça

-Onde estava com a cabeça?-Amy fala um pouco brava

-O que?-Zen diz confuso

-Você podia ter morrido sabia!

-O que aconteceu?

-Você foi atingido por um carro e  bateu com a cabeça..

-Nossa...e quando eu vou ter alta?

-Não sei.

-Você é a enfermeira certo?

-Zen?

-Poderia medir minha pressão ,estou um pouco tonto...

-Eu não sou enfermeira.

-Não?...quem é você?

-Tudo bem que esteja bravo por eu não ter prestado atenção ,mas fingir que não me conhece já é demais.

-Fingir....

-Zen !-fala o senhor young entrando no quarto com um olhar preocupado.

-Pai está tudo bem,eu estou bem,

-Ah que bom meu filho.quem é ela?

-Eu não sei..

-Zen.....eu vou falar com o medico.

 

-Então doutor,ele se esqueceu de mim,mas se lembra de outras pessoas...

-É bem possivel que ele tenha se esquecido de algumas coisas...

-Mas por que só de mim?

-pode ser porque ...devido ele ter pensado demais em você,deve ser ser por isso

-Isso não é para sempre né?

-Ele pode recordar aos poucos ou não

 

"Amy volta para o quarto"

-Zen..

-Pois não?

-Você perdeu a memoria

 

"É realmente como se o destino não nos quisesse juntos."

 


Notas Finais


até a proxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...