História Olhos na Escuridão - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Jiraiya, Juugo, Kabuto, Kakashi Hatake, Kankuro, Kisame Hoshigaki, Kushina Uzumaki, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Obito Uchiha (Tobi), Orochimaru, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju
Tags Naruino, Revelaçoes, Romance
Exibições 74
Palavras 1.681
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ecchi, Escolar, Hentai, Luta
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Demorei , mais voltei
Espero q gostem

Capítulo 9 - Acordo - Capítulo 09


Ino PV On

Estava mais uma vez perdida em meus pensamentos, a chuva calma, o dia frio, me traziam lembranças que tinha que esquecer mais no fundo não queria. Minha vida tinha se transformado em algo confuso que mais que tentasse não conseguia entender. Mais não iria desistir, tenho que encontra-lo, mais por onde poderia começar? Naruto só tinha a min como amiga, não era de sair, era uma pessoa estranha que parecia não se importar com que as outras pensavam dele.

- Ino, Ino, está bem? – Fui trazida dos meus pensamentos pela gerente da loja onde eu tinha conseguido emprego, me perguntou com um olhar preocupado.

- S-sim, estou bem.

- Se você diz. Então me ajuda a arrumar essas roupas nos manequins. – Disse apontando para as roupas encima do balcão.

- Sim.

(...)

Já estava anoitecendo quando sai do trabalho, estava com pressa pois tinha algumas coisas para resolver da faculdade. Acabei não prestando atenção, quando percebi trombei em um rapaz sendo lançada para trás caindo sentada no chão – era o que me faltava agora vô fica trombando nos outros – quando me recuperei da queda olhei para frente, um rapaz de pele claro, cabelos ruivos e olhos verdes, me estendia a mão.

- Desculpe Ino não te vi. – Como assim Ino, eu conheço esse cara? Olhei desconfiada.

- Não foi nada. – Segurei em sua mão usando-a como apoio para me levantar. – Afinal a culpa foi mais minha do que sua. – Dei um sorriso timido. – A propósito, eu te conheço?

O ruivo deu um pequeno sorriso. – Sério estou magoado. Estudo com você à dois anos e você não sabe quem sou?

- É verdade isso? – Perguntei surpresa. Quem é ele?

- Sou Gaara. – Disse com um sorriso de canto.

- Ah me lembrei de você, você é aquele cara sinistro que senta no fundo da sala. – As palavras basicamente escaparam dos meus lábios. Ele olhou pra min incrédulo, mais deu um sorriso de canto.

- Que bom saber que tenho uma fama. – Abaixei o olhar envegonhada pela situação.

- D-desculpe. – Gaguejei – Acabei falando sem pensar. – O ruivo começou a gargalhar.

- Não foi nada. Realmente não so uma pessoa muito sociavel. – Apenas concenti. – Mais, porque você estava tão desligada. – Revirei os olhos.

- Ah, é que estou com pouco de pressa. – Falei me lembrando do que tinha que fazer. – Então até mais Gaara.

- Espera. – O ruivo segurou em meu braço. – Você não poderia me dar seu número? Quem sabe não marcamos de sair. – O ruivo me olhou com seu melhor olhar. Apenas sorri.

Ino PV Off

O loiro estava com a respiração ofegante, sua camisa já estava totalmente encharcada de suor e um pouco de sangue. Olhou para frente buscando o albino, que por incrivel que pareça também apresentava sinais de cansaço.

- Você melhorou muito. – O albino falou enquanto caminhava até alguns bastões de madeira, pegando dois deles. – Agora vamos testar espada. – Jogou um dos bastões para o loiro, que o segurou meio sem jeito.

- Mais você não...- O loiro foi interrompido por golpe fulminante no estômago, caindo sentato no chão. – Seu filho...

- Muito lento, levanta logo dexa eu te ensina como se segura. – Kakashi falou estendendo a mão para Naruto.

- Acho que poderia ter ensinado antes. – O loiro falou com uma expressão indignada e dor, fazendo o albino sorri.

- Você reclama demais. – O albino sorriu novamente.

(....)

- Vô até o mercadinho da esquina xompra algo para a gente comer. – O loiro falo deixando o albino sentado no sofá.

- Por favor, não volte todo arrebentado. – Kakashi falo enquanto o loiro saia pela porta. O loiro apenas fez uma careta e saiu.

Naruto andava até o mercado, quando de longe percebeu uma pessoa conhecida saindo do local, acelerou o passo buscando alcançar o moreno.

- SASUKE. – O loiro grita buscando chamar a atenção do moreno.

- Aff, esse cara. – Sasuke falou para si com desdém. – O que você quer?

- Você sabe. Onde encontro o Orochimaru? – Naruro perguntou de forma direta.

- Não pretendo te fala. – O moreno se virou seguindo seu caminho, mais é parado pela mão do loiro. – Cara não enche o saco. – O moreno em um giro socou o loiro, mais Naruto parou seu punho com uma das mãos.

- Eu tenho que saber. – Falou de forma séria encarando Sasuke.

- Também tenho alguns assuntos para resolver com um de seus capangas, então não enche. – O moreno falou se virando.

- Eu posso te ajudar, se você me ajudar.

- Quem disse que preciso de ajuda?

- Se não precisasse já tinha ido atrás desse tal “capanga”. – O loiro falo com certo deboche. Sasuke se virou novamente.

- Rapunzel, se abaixa. – O loiro ao ouvir se abaixo imediatamente, deixando um potente soco passar no vacuo sobre si, o loiro rapidamente salta ficando do lado do moreno.

- Quem é esse cara? – O loiro fala confuso vendo Kabuto e um homem de estatura alta, pele azulada e dentes ponte agudos.

- Kisame tiramos a sorte grande. – Kabuto fala sorridente. – Vamos matar dois demônios com uma espadada. – O ser azulado saco sua enorme espada a colocando em frente ao corpo.

- A samehada está com muita fome hoje. – Fala em meio a uma gargalhada. – Agora morrammmm. – O azulado partiu para o ataque girando a espada com força.

Naruto e Sasuke conseguem se esquivar a tempo, saltando para trás.

- Sasuke , recebemos a sua entrega e viemos agradecer. – Kabuto fala debochado. – Então coopere.

- Sasuke que porra de entrega foi essa? – O loiro olhava assustado o homem em sua frente.

- Presunto. – Sasuke fala com sorriso no rosto.

- Cara você é doente. – O loiro olha para o moreno indignado. – E o cara de peixe, quem é?

- É mais um dos capangas do Orochimaru. (Merda ele não veio).

- Melhor deixa a coversa de casal pra depois, não quero que morram tão rápido.

Naruto partiu para cima Kisame o socando, o mesmo desviou facilmente contra atacando com um soco no rosto do loiro o lançando á varios metros quebrando a parede e caindo dentro do mercado. Naruto se levantou assustado, mal teve tempo de ataca e já levo o golpe, olhou para o lado, as pessoas estavam assustadas, quando olhou para sua perna estava totalmente flexionada no meio da canela, colocou de volta no lugar escutando os ossos estalarem, mais logo a perna estava de volta ao original. Levantou sem se importar com os olhares, saindo pela porta da frente.

- Ea galera o papo tá bom? – Disse sorrindo. Os três olharam para ele incrédulos.

- Depois eu sou o doente. – Diz o moreno.

- Agora cara de peixe podemos começar. – O loiro diz com sarcasmo, transformando seus olhos.

- Gostei dele. – Diz o azulado. – Tem presença de espírito.

Com Kisame distraído Sasuke avançou socando a cara do azulado o atirando a alguns metros, Kisame se levanta colocando seu maxilar no lugar.

- Sasuke sendo Sasuke.

O loiro investiu contra Kabuto desferindo varios golpes que eram defendidos pelo albino, Sasuke atacou Kabuto pelas costas o atingindo um potente chute nas costelas. Antes do albino se recuperar é atingido por um soco dupla de Sasuke e Naruto no rosto sendo lançado contra a parede a atravessando.

- Belo soco emo. – Diz Naruto com um sorriso vendo Kabuto se levantar com grandes dificuldades. Percebeu o avanço de Kisame empurrando o moreno pro lado sendo atingido por um golpe da espada em seu peito, caindo no chão em meio a gemidos de dor e muito sangue. Sasuke olhou assustado vendo o loiro em agonia, se levantou encarando Kisame, partiu para cima do mesmo desferindo varios golpes que foram defendidos com maestria pelo azulado, Kisame empurrou o moreno para trás lançando sua espada contra o mesmo, que saltou para se desviar.

- Bons reflexos. – Diz Kisame, nesse momento sente um golpe contra seu rosto sendo lançado ao chão.

- É eu estou ainda não morri cara de peixe.

- Porra muleque, você é muito persistente. – Diz o azulado indignado, se levantando com certa dificuldade.

Sasuke avançou chutando umas das pernas de Kisame que se desequilibrou, o loiro aproveitou acertando um soco contra o estômago do azulado, que gospe uma boa quantidade de sangue deixando sua espada cair no chão. Sasuke anda lentamente até a espada a empunhando.

- Chegou a sua hora cara de peixe. – Falou sarcástico.

- Seu irmão...ficaria orgulhoso, você se transformou no mesmo monstro que ele.

- Não me compare a ele, posso ser muito pior. – disse o moreno levantando a espada, mais é parado pelo loiro.

- O que você vai faze?

- O que acha? Mata-lo. – Sasuke diz de forma fria.

- Não vô permiti que faça isso. – Diz o loiro, vendo a cara de indignação do moreno, mais concorda.

- Ok, você venceu. – Sasuke diz abaixando a espada. – Agora pega o Kabuto lá.

- Pode deixar. – O loiro caminhou até o buraco onde o albino tinha sido lançado. – Sasuke ele... – Naruto arregalou os olhos, ao ver Kisame decapitado caido no chão. – Seu... falei pra não mata ele.

- Foi mal, foi mais forte do que eu. – Diz o moreno com um sorriso sinistro.

- Merda, agora vamos deixar ele ai? – Diz o loiro apontando para o corpo.

- Sim. – O loiro olhou com cara de indignação. – Você acha mesmo que alguém irá se importar com a morte dele? Não, não vai, além de ser um traficante ele é um demônio, fizemos um favor para as pessoas dessa cidade.

- Acho que você está certo. Então agora você me ajuda a achar o Orochimaru?

- Não. – Disse o moreno de forma seca.

- Porra Sasuke, vamos me ajuda, você viu que posso te ajudar. – O moreno ficou pensativo por alguns instantes.

- Ok, eu te ajudo, mais não quero que você interfira na minha briga. – Diz o moreno com um olhar sério.

- Agora só preciso de mais algum tempo para ficar mais forte, depois podemos ir ao covil da cobra. – Diz o loiro sorrindo.

- Daqui, sei lá, uma semana te procuro. – O moreno falou indo embora.

- Ok.


Notas Finais


Até próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...