História Omedetou - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Yuri!!! on Ice
Personagens Victor Nikiforov, Yuri Katsuki
Tags Victuuri
Exibições 58
Palavras 521
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shonen-Ai
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - A felicidade de um momento


O dia se passara tranquilo, o inverno já despontava assim como as primeiras rajadas de neve a cair. O tempo era perfeito para mim, agradável, me fazendo lembrar da Rússia, a com sentimentos saudosistas. Confesso que foi uma grande loucura minha deixar de lado toda a minha vida e seguir para o Japão, mas ao olhar nos olhos de Yuuri e ver sua felicidade por minha presença eu me sentia satisfeito por minhas ações.

E hoje era um desses dias. Yuuri havia crescido nesse decorrer de tempo. Mudado daquele rapaz tímido e rechonchudo - não que eu desgostasse de sua antiga forma - para um homem confiante de si e com uma sensualidade que hipnotizava tanto os jurados quanto a plateia de suas apresentações.

E era essa sensualidade somada a sua timidez e otimismo, fizeram com que me apaixonar-se por ele. E por isso eu deseja imensamente recompensá-lo por todo o amor que me era ofertado.

}{

terça-feira, 15:00 hrs, 29 de novembro

Com o auxílio da Sra. Katsuki, organizei uma espécie de jantar reservado nas fontes termais da família de Yuuri. Comprei-lhe um bolo, alguns presentes e dentre eles um anel incrustado e trabalho em ouro branco.

Hoje no dia de seu aniversário eu declararia meu amor, faltavam poucos minutos para o pôr-do-sol , e eu já tinha tudo organizado. Ninguém iria nos incomodar, nem mesmo Yurio ou Mari, que parecia estar aficionada com um possível romance entre treinador e atleta.

Tudo pronto, faltava somente o principal da festa, a chegada de Yurri que seria chamado ao local com a desculpa de ver o progresso de Makkachin após seu pequeno acidente da última semana. Agora lhe faltava esperar, e espera foi grande, quase uma hora.

Faltando quase meia-hora para o início da noite, Yurri chegou correndo ofegante e com uma grande quantidade de gelo sobre seu casaco, o óculos todo embaçado e as mãos frias a tremer pelo tempo. Não perdi tempo em aquecê-lo e o levar para dentro deixando de lado todo o meu plano inicial.

Seria impossível deixá-lo naquele frio, não o queria doente. Por isso optei por somente parabenizá-lo pelos anos de vida que ganhara. Com as roupas trocadas, o corpo já aquecido e um copo de chá quente em mãos lhe ofereci um pedaço do bolo.

— Tanjoubi Omedetou Yurri-san - ditei com um sinal de reverência.

O sorriso radiante que encheu o seu rosto me deixou corado de vergonha pelo meu próximo ato, com uma timidez e medo nunca antes sentido, me ajoelhei a sua frente e com toda a coragem que consegui lhe entreguei uma caixinha de veludo azul. Ele muito temeroso a abriu assustado com o gesto, mas a surpresa maior ali dentro estava e sua alegria transformou-se em lágrimas que passaram a molhar meus ombros quando ele pulou sobre mim num abraço apertado.

Ficamos ali parados por alguns minutos, sentindo o corpo um do outro. O sol por trás de nós se punha enfim, e a promessa de amor que eu lhe fizera não necessitou nem mais de uma palavra sequer, no entanto pude ouvir, abafado pelo meu pescoço um singelo “arigatou” .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...