História On the Road to Alola - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Ash Ketchum, Black, Blue, Calem, Clemont, Dawn Hikari, Delia Ketchum, Drew, Gary Carvalho, Korrina, May, Professor Carvalho, Red, Serena, White
Tags Diversão, Excursão, Romance
Exibições 42
Palavras 1.091
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa tarde (Formalidade em 1° lugar)

COMO VÃO CAROS LEITORES ? Esse capítulo vai ser mais descontraído, afinal não tem nada de sério aqui

Sem mais delongas, boa leitura

Capítulo 5 - Sozinho pela cidade


Castelia City - Unova, 8:00 da manhã

 

_Pov’s Gary_

 

Estava caminhando e vi um casal se pegando, quem sabe não acabam se amarrando para toda a eternidade ? Não, isso é uma calamidade, faço um improviso mental porque se eu cantar serei banal, não gostou ? Achou ruim ? Então pega no meu pau

Falando sério, estava sozinho na cidade, o Resto se dividiu e o Ash foi com a Dawn porque ela está meio solitária… Se ela soubesse que eu tenho a cura para isso hehehe

Passei por uma praça em frente à igreja, eu Entrei nela e estava acontecendo uma missa… E eu sendo um Garoto de Deus parei para assistir:

Padre: Alguém quer dizer algo ?

Gary: Eu quero - gritei do Fundão da igreja

Padre: Venha cá meu Jovem - disse e eu fiz - o que você faz ?

Gary: O que eu faço ? Eu mando a rima na humildade com meus amigos cardeais, louve mesmo a Jesus Cristo, pau no cu de Satanás - Mandei aquele e todos bateram palmas

Padre: Já pensou em ser Papa ?

Gary: Hoje não - disse saindo da igreja

Continuei meu caminho sem rumo, passei por várias lojas e cheguei em uma vitrine cheia de televisões passando uma reportagem de Alola e parei para ver:

Repórter: Estamos aqui em Alola para falar com o Professor Kukui, Carvalho e Lillie, Assistente de Kukui, Professor, o que você nos tem a Dizer sobre Alola, o Paraíso tropical ?

Kukui: Tudo não passa de uma mera ilusão, você tem duas escolhas - disse tirando duas pílulas do bolso - A Azul te faz acordar no seu quarto e você acredita no que quiser, a vermelha te fará viajar legal e irá te Mostrar a verdade - Nessa hora Lillie apareceu puxando Kukui

Lillie: Peço Desculpas pelo comportamento dele, sabe, Kukui trabalha muito e mal dorme, ele vive de café e anabolizantes, as vezes ele grita “Birl” Do nada mas enfim, respondendo a sua pergunta, Alola é uma região tropical muito diversificada, qualquer tipo de clima você encontra aqui, desde neve até Vulcões, a variedade de Pokémons também é duplicada com o Fenômeno Alola Form que dá aos pokémons uma característica diferente, basicamente, torna os Pokémons o oposto de sua forma original, portanto a região serve para todos os gostos

Repórter: Obrigada por sua resposta Lillie, e enquanto a você Professor Carvalho ?

Carvalho: Definitivamente, a Alola Form é… - Gary começou a caminhar sem dar importância ao seu velho

Gary: Linda, Inteligente, Loira, ISSO É REAL DEUS ? ME DIZ QUE É - nessa hora o Sol iluminou Gary

Deus: É sim, pode confiar

Gary: AEEE PORRA, VOCÊ VAI ME AJUDAR ?

Deus: Não

Gary: Não espere pelo meu Dízimo

Deus: Eu nunca esperei, sua passagem pro inferno já está garantida a muito tempo - Disse tornando o Tempo nublado

Gary: Que medo

Eu continuei andando, acho que eu vou ter que me redimir com tempo alguma hora… Acho que vou começar a orar no meu tempo livre… Mas não agora

Continuei minha caminhada normalmente, nunca acontece algo de novo comigo e isso é um saco… Em qual saco você pensou eu não sei, mas foi uma metáfora ok ?

Passei por um museu e falei “Por que não ?” daí eu entrei, paguei minha entrada e fui observar, afinal eu sou um Cientista também não ?

O que mais me Chamou a atenção foi o esqueleto de um Aerodactyl, eu comecei a olhar atentamente, e vi que era falso então eu chame o guarda:

Guarda: Algum problema ?

Gary: Esse fóssil é falso

Guarda: Como comprova isso ?

Gary: Batendo nele - disse dando um soco e o isopor quebrou

Guarda: COMO SE ATREVE GAROTO!

O Guarda o puxou pela orelha até o escritório do Dono do Museu:

Baltazar: Algum problema ?

Guarda: Sr. Baltazar, este insolente quebrou um de nossos fósseis - Enquanto o Guarda falava com o Chefe Gary usava o computador

Baltazar: Como assim Quebrou ? VOCÊ DEIXOU ISSO ACONTECER, O seu trabalho é tomar conta dos fósseis

Guarda: É difícil fazer isso quando não temos nada para a segurança deles

Baltazar: Porque nunca precisamos

Gary: Ae calem a boca

Baltazar: QUEM VOCÊ PENSA QUE É GAROTO ?

Gary: Meu nome é Gary Carvalho, Neto do Professor Carvalho, Cientista, Pesquisador, Paleontólogo nas horas vagas e, Ressuscitei um Aerodactyl - disse lançando uma pokébola da qual saiu um Aerodactyl e o Guarda desmaiou

De repente apareceu o Snopp Dog mandando a dancinha e mil negros gritando… Minha imaginação é muito fértil que até me faz parecer louco e sem sentido:

Baltazar: Nã-não muda o fato de que você quebrou o esqueleto do Aerodactyl

Gary: Que era de isopor, sensacional, Quando quiser um fóssil de verdade me chama - retornei o Aerodactyl e fui embora

Faltava 20 minutos para voltar ao avião, então continuei minha caminhada, pois é isso o que eu faço da minha vida, passei no CP para mandar o Aerodactyl de volta e não…. NAAAO, vejo Red e Leaf andando juntos, vamos espiar, ativando modo furtivo:

Red: Mewtwo

Leaf: Mew

Red: Mewtwo

Leaf: Mew e ponto final

Red: Por favor, Mewtwo é bem mais forte

Leaf: Não é tão fofo como o Mew

Red: Fofura não ganha uma batalha

Leaf: muito menos uma versão alterada de um Pokémon

Red: Ganha sim

Leaf: Não, não ganha - De repente o homem a frente deles vira

Homem: Aí na moral, vocês estão me seguindo a mais de 1 hora e estão discutindo esse tempo todo, parecem um casal - disse indo embora deixando os dois corados, mais Leaf do que Red

Red: Então…

Leaf: Já está na hora de voltar

Red: Já ?

Leaf: Pensei que tivesse gostado da 1° classe

Red: E Gostei mas…

Leaf: Mas…?

Red … Vamos continuar - disse andando rápido

Leaf: HEY ESPERA AÍ - Disse indo atrás dele - Pode falar

Red: Não é nada - disse em um tom seco e Leaf ficou parada

Gary: Que otário - ela se assustou comigo

Leaf: Tá seguindo a gente a quanto tempo ?

Gary: Uns 3 minutos, Vamos logo embora - disse puxando ela é logo começamos a correr

 

Enquanto isso, no meio da cidade…

 

???: QUE MERDA BLACK, O AVIÃO SAI EM 8 OU 7 MINUTOS E ESTAMOS NO MEIO DA CIDADE

Black: PARA DE GRITAR E CORRE WHITE

White: SE A GENTE CHEGAR ATRASADOS A CULPA É 100℅ SUA













Continua… Música do dia - Don’t Worry Be Happy By Bobby McFerrin


Notas Finais


Obviamente não estou seguindo os horários certo por que seria muito chato mas Estou tentando fazer próximo

E É ISSO PESSOAL, Espero que tenham gostado e até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...