História Once In a Lifetime - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Colin O'Donoghue, Ginnifer Goodwin, Jennifer Morrison, Josh Dallas, Lana Parrilla, Once Upon a Time, Sean Maguire
Personagens Colin O'Donoghue, Ginnifer Goodwin, Jennifer Morrison, Josh Dallas, Lana Parrilla, Sean Maguire
Tags Amizade, Captain Swan, Captainswan, Colifer, Drama, Gosh, Romance, Seana
Exibições 114
Palavras 2.273
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi Gente
Eu vou sair Hoje,então não sei que Horas vou volta
Então resolvi Posta agora..
Espero que goste
Beijos

Capítulo 16 - Senti Sua Falta


Fanfic / Fanfiction Once In a Lifetime - Capítulo 16 - Senti Sua Falta

 

Por Narrador

O Dia amanheceu como qualquer outro dia como qualquer Outro, Tanto Jennifer e Colin levantaram na cama e forma Logo fazer café da manha, Mas ambos tinham outros pensamentos Jennifer pensava no trabalho que tinha fazer pela Tarde com Colin como ela combinou na manhã anterior e Colin pensava nela, ele não entendia como uma garota que mal voltou para sua Vida Poderia ter tanto seus pensamentos nela, alguma coisa que ela tinha chamava sua Atenção, ele não sabia o que era.

Assim que terminou o café, ele começou toma e estranhado o fato de Sean ainda não estava ali para perturbar o Juízo do Moreno.

Mas Mal Terminou de pensa,quando a porta abre e ver Sean ,mas tinha detalhe que Colin logo percebeu, ele estava com a mesma camisa que ele foi para o trabalho.

- Dormiu com quantas?-perguntou Colin assim que Sean fechou a porta e foi até a Mesa

-Nenhuma- confesso e Colin arregalou os olhos- Isso Tudo Culpa da Maluca da Lana

-Sean você não- Sean interrompeu

-Não- disse negado logo de cara a Possibilidade de transar com Lana- Acontece logo que sair do trabalho, a Louca da Lana me sequestrou para casa e disse que só iria só sair de lar quando o trabalho tivesse pelo menos 80 por centro pronto que ela me conhece e com ela não iria ser assim que Banda Toca- contou

- Então- falou Colin querendo sabe mais

-Então passamos a noite discutido sobre o Livro, Cena, Local e tudo- contou- Até que ela disse que iria banheiro e fiquei na sala, acabei dormindo no sofá, ela disse que tentou me acorda, mas não adiantou e acabei acordando agora pouco, tomei banho e vim para meu amigo não fica preocupado- falou Sean.

-Poxa que chato- disse Colin e Sean Franziu a testa- Primeiro achei que você sabe... Assumiu sua sensualidade- brincou e os dois riram- segundo Lana Sendo Lana,Terceiro Eu iria fazer uma festa se você não aparece por café da manha

-E iria me convida?-perguntou Sean curioso

-Claro amigo- disse Colin rindo e Sean acompanhou

Os amigos tomaram café da manha, depois Subiram cada um por um quarto e se arrumaram.

(...)

Assim que Sean apareceu na sala, Colin já estava arrumado com a chave do carro na mão.

-Vamos?-perguntou Colin

-Claro Cinderela- provocou Sean,Colin não deu muito importância já estava acostumava com as provocações do amigo.

(...)

Assim que chegaram ao carro, eles entraram e Colin começou dirigir em direção à faculdade, mas quando passou pelo Prédio das meninas, Colin desejou um momento que uma pessoa tivesse ali na frente, Ele não percebeu, porém ele tinha parado de dirigir, então por obra do acaso ou mesmo destino, Jennifer, Helen, Rose e Ashley passam pela Porta. Sua atenção estava toda voltada para Loira de olhos Verdes, tanto que ele não percebia que Sean olhava para ele com sorriso debochado nós lábios.

-Colin Acorda para vida- disse Sean fazendo amigo "acorda"

Apenas Voltou a Dirigir e agora em direção à faculdade, mas ainda com ela duvida enorme na cabeça.

(...)

Logo Quando Chegou à Faculdade, Colin foi direito a Lanchonete, mas assim chegou Lar, Viu Arthur, ele logo lembrou que Arthur disse na manha Anterior que ele estava trabalhando apenas por um mês, porque deram informação vamos disse assim, mas Colin pensava que precisava de alguém ajuda ali, não iria dar conta de tudo sozinho, antigamente tinha Sean, mas hoje o amigo trabalhava ali pela Tarde sendo Garçom.

- Pronto Acabei- disse Colin

-Agora é comigo e Pior sozinho- disse Arthur

-Cada um com suas atividades – brincou Colin

E Depois saiu da Lanchonete, ele foi em direção a Biblioteca, ele tinha que ajuda uma amiga arrumar os Livros.

(...)

Jennifer saiu do carro com Celular grudado nela, ela estava conversa com Josh, Nate e Jackie.

-Gente estou com fome- disse Ashley, Jen tirou olhou do celular e todas encaravam Ashley- Que foi?-perguntou Ashley

-Você acabou de comer- Explicou Rose

-Mas eu estou com fome- disse Ashley

Helen começou de o nada dar risada

-Que foi?-perguntou Ashley curiosa

-Imagina quando essa garota engravida vai falta comida no mundo- disse rindo

-Vira essa boca para lar- falou Ashley

Jen segurou o braço da amiga

-Vamos comer vem- disse, as duas se despedem de Helen e Rose e vão andando até a Lanchonete, chegando lar, elas logo viram Arthur como Garçom, elas fizeram pedidas, Ashley comeu e Jennifer bebeu uma água, Logo depois elas se despediram e cada uma foi para sua aula.

Jennifer entrou na sala, ela não tinha visto Josh e muito menos Sean, nenhumas das pessoas que ela conheceu, mas logo entrou na Sala, ela não Podia nega que agradeceu por minuto que Helen fez, só por minuto mesmo, porque outro já estava ficando com Raiva Novamente.

Ele sentou ao lado dela

- Bom dia Jen- disse Colin sorridente

-Bom dia Colin- disse retribuindo o sorriso

Porém Logo a Professora entrou na sala e eles começaram a Presta atenção.

Em Alguma Outra Sala Perto dali

- Então- começou fala Lana

-Sim, eu acho- concordou Sean, antes da Morena completa a Frase.

-Eu não falei nada Sean- Reclamou

-Não Precisa Laninha- disse Sean Provocando

-Então o eu iria fala?-perguntou

-Se eu acho que logo eles vão aceita essa chama que existe entre eles- afirmei

-Quem?-perguntou Lana fingido de inocente

-Você sabe, Eu e você- falou Zoando na com cara da Morena,ela olhou seria para ele e ele caiu na gargalhada- Claro que é a Jennifer e o Colin

-Sabe- começou fala Lana de novo- eu estava pensando eu podia me aproxima dela, sei lá para descobri algo para ajuda Esse Romance.

-Mas por que tão interesse nesse Romance?-perguntou confuso

-Porque é óbvio Sean, além de quero a felicidade do Colin- afirmou Lana- Ele e Helen não fazem bem um por outro, além Colin e Jennifer são tão- Lana disse, porém parou de fala- como disse hoje em dia?-perguntou

-Não sei fofos, Lindos, Shippaveis- começou disse Sean.

-Isso Shippaveis- concordou a Lana

- Igual a Mim e você- provocou Sean, Lana deu uma tapa no ombro do amigo.

-Cala a boca Sean- disse Lana rindo

(...)

Jennifer estava de novo na Lanchonete, mas dessa vez comendo algo. Quando Josh chega e senta-se à mesa.

-O que houve Josh?-perguntou, enquanto tomava um gol e de café.

-Preciso de sua ajuda- confessou Josh

-O que foi?-perguntou Jennifer

-Não sei como fala com ela- confessou Josh

-Ela quem Josh- disse Jennifer confusa

-Ela – Josh Respirou fundo- a Ginnifer

Jennifer deu risada

-Que foi ele te deixa nervoso?-perguntou provocando

-Cala a boca Jennifer- disse Josh – Me ajuda- pediu

-Olha sua situação é fácil, vai até ela e diga "Que tal Prova o corpo um do outro"- Brincou Jennifer rindo.

-Fala a serio- disse Josh serio

-Tudo Bem- Jennifer respirou funda- Siga minhas dicas- falou Jennifer seria e Josh concordou- é só você ir até a Ginnifer e dizem "Oi Ginnifer, meu nome é Josh e temos que fazer trabalho em Dupla, que tal hoje na minha casa"- disse Jennifer, mas não conseguiu não dar um sorriso malicioso no final da frase.

-Isso não está ajudando- falou Josh fazendo sinal negativo

-Querido eu quero ser Atriz, não médica- disse Jennifer seria, Porém Josh não aguentou e deu risada. Depois ela terminou de comer e eles foram para sala onde eles tinham aula Juntas.

(...)

Hoje também foi dia que digamos Jennifer não gostou muito, O Inicio foi igual todo outro, mas fim não, os amigos dela acabaram saindo mais cedo e ela ficou até mais tarde, ela estava morta cansaço, então não iria aguenta ir andando, ou seja, Pediu Carona ao Colin que era Único que estava e ele claro que não negou.

-Então nós vemos mais Tarde- falou Jennifer enquanto tirava o sinto de segurança, ela abriu a porta, mas quando iria sair, Colin segurou se braço, ela virou, Ele a puxou e abraçou-a.

-Senti Sua falta- Colin sussurrou no ouvido dela

Ela não queria admitir, mas se arrepiou toda com essa frase próxima ao ouvido dela.

Ele a soltou do braço, ela saiu do Carro e fechou a porta sem mostra nenhuma reação.

Ela subiu até o apartamento dela, assim que abriu a porta de casa. Tomou banho e colocou uma roupa, mas aquela frase de Colin ainda estava no seu ouvido, à sensação dos braços dele em volta dela.

Ela fechou os olhos

-Então era isso que você achava? Que era um idiota, um babaca, um nojento? Você me protegeu, cuidou de mim, me fez acredita que era um Bonito, Inteligente, engraçado, me fez senti especial e no final somente um brincadeira boba, uma aposta, Pior você escreveu para mim, me fez senti desejado - falou e sorriu- E eu fui babaca de pensa que uma garota olharia para mim, EU TERMINEI MEU NAMORO COM UMA GAROTA QUE REALMENTE GOSTA DE MIM, POR UMA PATRICINHA MIMADA QUE EU ESTAVA GOSTANDO DE VERDADE- lágrimas desciam dos meus olhos- MAS ISSO PARA APRENDER NÃO CONFIA EM NINGUÉM, ALÉM DE MIM, VOCÊ NÃO PRESTA JENNIFER, EU TENHO NOJO DE PESSOAS COMO VOCÊ, Deve ser por isso que seu Pai quase nunca aparece, sua família realmente deve sentir vergonha alguém você- ele parou - Você não me merece gasta minha saliva com você.

-Colin- comecei fala- ME Escuta Por favor- disse pegado sua mão, ele puxou sua mão- Olha nada daquilo era Real, Eu realmente gosto de você de verdade, você foi único cara que gostei, desde Primeira vez que te vi, eu senti uma necessidade de cuida de você, de amar você, de não deixa nada de ruim acontecer você, com passa do tempo, eu fui me apaixonada cada vez mais- disse- Aquele Vídeo era mentira, eu Nunca disse que senti nojo ou nada do tipo de você, na verdade eu sinto o a contrário.

-Pode ser Mentira- falou ele seco- Mas Sinto exatamente isso, eu não quero nunca mais Olha nessa cara, se você teve um pingo de vergonha nessa cara, você também não olharia, porque você Jennifer é pior tipo de gente que já existiu na face da terra,você me enganou,brincou com meus sentimentos.

-Colin- comecei fala novamente, enquanto as lágrimas caiam- Eu sei que errei mentido para você, mas me dar um chance de mostra – ele me interrompeu Colocados nossos lábios, nosso beijo era tímido, mas eu coloquei minhas mãos em volta do seu pescoço, ele segurou minha cintura firme, sua língua pediu permissão e eu demorei um pouco até que eu cedi, não sou muito experiente nesses lances de beijos e tudo mais. Até que ar dar sinal de vida, ele separar de mim.

-Assim como você levou um lado de mim, eu vou leva um lado de você também, o seu Primeiro beijo- disse e saiu andando, dessa vez, eu não sair correndo atrás dele, só fiquei olhando.

Ela abriu os olhos

-Então sentiu a falta da idiota apaixonada por você, da amiguinha, Mas então você vai deseja essa amiga nunca tenha voltado, Eu Juro- disse Jennifer para ela mesma, fechou os olhos e acabou dormindo.

(...)

Por Colin

Toquei a campainha do apartamento das Meninas. Rose abriu a porta, ela estava toda arrumada.

- Oi Rose- disse sorrindo, ela deu espaço para entra, eu entrei e ela fechou a porta.

-Ei Colin- falou e me abraçou, coloquei meus braços em volta sua cintura.

-Nunca mais conversamos- falou e soltamos do abraço

-Muita coisa aconteceu- disse Sem graça e ela assentiu

-Enfim, a Jennifer está?-perguntei

-No Quarto- disse Rose- Ai isso me lembra de que tenho que sair agora- falou pegado a Bolsa- Terceira a Porta a Direita, Ashley não está e muito menos Helen- contou- então Boa sorte- disse pegou a bolsa, não deu tempo né de eu fala que ela já tinha saído.

Respirei fundo, Eu fui onde a Rose tinha falado, mas Jennifer não responde, então resolvi abrir a porta,quando entrei vi Jen deitada na cama,sua blusa estava metade e nos seios, Seu Short estava curta, quase como uma calcinha. Seu cabelo estava bagunçado, seus Lençóis estavam no chão. Parecia Uma Bela mistura de um anjo e um Demônio e sabia Pior que era cena mais Excitante que podia imagina. Nisso uma fala da Lana véu na minha cabeça "Quando eu tinha namorado e ele tem amigos, eu olhava por amigos dele como fossem Mulheres, você olha para Jennifer como fosse Homem?" Sem Duvida, eu não olho para Jennifer como Homem. Aproximei-me da Jen, comecei balança ela.

-Jen- a chamei, mas ela só mexeu e não falou nada.

Ela segurou minha mão, enquanto ainda dormia.

-Jen- chamei, comecei balança ela com outra mão, já que outra ela segurava apertava forte como fosse uma coisa que ela precisava de agarra a todo custo.

Toquei no seu cabelo, desci minha mão para sua bochecha e sem querer meus dedos tocaram seus lábios, Engoli seco.

Por que merda, eu fiz isso?

Do Nada, ela abre os olhos.

-Colin, o que faz aqui?-perguntou confusa

-Eu- comecei fala

-Você?-perguntou

-Eu vim te chama para fazer trabalho, mas acontece que Bela adormecida não acordava- contei.

Ela fez cara de surpresa

-E Por que você segura minha mão?-perguntou

-Tecnicamente você que segurou a minha- disse serio, ela não falou nada, mas soltou a minha mão e soltei dela.

Ela Levantou da cama

-Pode ir para sala, eu preciso me arruma- falou.

-Claro- disse sem graça e sair do quarto.

Já foi dito que o tempo cura todas as feridas... Não concordo. A ferida continua. Com o tempo, a mente se protege da insanidade cobrindo a ferida com cicatrizes, e a dor diminui, mas nunca desaparece.

-Rose Kennedy

 


Notas Finais


O que acharam??
Até a Próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...