História Once, twice, three times a lady - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chris Evans
Personagens Chris Evans, Personagens Originais
Tags Chris Evans Bruno Mars
Exibições 122
Palavras 2.487
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Aqui vai mais um capítulo.

Quero agradecer a quem favoritou e comentou a Once nessas últimas semanas. Meus amores: Obrigada por não terem desistido de mim.

Enjoy!

Capítulo 34 - Problemas no Paraíso


Fanfic / Fanfiction Once, twice, three times a lady - Capítulo 34 - Problemas no Paraíso

Alice Pov

 As coisas não estão exatamente perfeitas, mas como diria Dona Sofia, nada pode ser perfeito e provavelmente sou eu que estou criando problemas onde não tem.

No trabalho está tudo indo as mil maravilhas, meu programa no canal do Youtube da M&M Los Angeles tem bastante acesso, muitos comentários positivos e estou adorando o fato de poder fazer entrevistas com músicos e atores que eu gosto.

Mas como dizem por aí, sorte no jogo, azar no amor. Não, eu e o Chris não terminamos de novo, só que depois daquele dia maravilhoso em Atlanta, as coisas deram uma esfriada (isso que o verão mal começou e estou quase derretendo aqui em LA).  Ele tem trabalhado bastante e a última pausa nas gravações ele foi para Boston ficar com a família, ao invés de vir para Los Angeles. Entendo que sente saudade da família, mas o pior é que Chris nem me contou, só soube que estava em Boston porque Scott viajou para lá.

Scott era minha companhia constante nessas últimas semanas, prova disso são as fotos nas nossas contas do instagram, fiz até um mini ensaio fotográfico com Scott. No entanto, agora que ele viajou estou sozinha de novo. O Ryan tem viajado bastante pela Califórnia fazendo as festas dele e a Zoey sempre tem algum evento para ir.

Fui para San Diego algumas vezes e meus irmãos, Felipe e Adam vieram passar alguns dias comigo, mas se não estou no trabalho, estou assistindo Modern Family no Netflix deitada com Steve.

Se estou firme na academia? Na dieta não muito, mas com a dança estou, até porque se eu não estivesse o Murilo tinha me matado.

Scott postou um vídeo dele e do Chris cantando, Chris estava lindo tocando piano, ainda sem barba. Minha vontade é atravessar o país e ficar com ele, mas simplesmente não posso largar tudo e ir para Atlanta. Aliás, esse é sempre o motivo das nossas briguinhas. Por ele, eu deveria pegar um avião até lá todo o fim de semana, mas as coisas não são tão simples assim.

Fora as fotos que aparecem dele nos barzinhos e os boatos que ele esta tendo um caso com Elizabeth Olsen. Eu nunca fui de demonstrar ciúmes, mas de um tempo para cá estou insegura.

Estava na minha sala, finalizando algumas edições e meu celular apitava inúmeras menções no Twitter, abri algumas e vi o nome do Chris ligado com Hayley Atwely, a Peggy Carter de Capitão América, na hora gelei, mas depois eu vi que era apenas um dubsmash dos dois e mais um colega de elenco de Agente Carter cantando um música do Queen “Another One Bites the Dust”

O outro vídeo ela e o cara começam cantando a música do Dirty Dancing “Time Of My Life” e no fim o Chris puxa Hayley e a beija.

Tudo bem, meu namorado é ator e faz cenas assim, mas naquele momento ele não estava atuando, quer dizer, não precisava estar, ainda mais ela, que vive elogiando e dizendo que adorou beijar o Chris e o quanto foi bom. Eu que já não estava muito feliz com o jeito que estavam as coisas, fiquei mais irritada ainda.

Preferi não ligar para ele, ao invés disso, liguei para  alguém que com certeza o deixaria irritado.

-Fala, Jones! – uma voz rouca atendeu

-Tá ocupado, Bru?

-Pra você nunca. Pode falar...

-Tá a fim de beber alguma coisa depois do trabalho?

-Bebendo em plena quarta-feira, Alice? A que ponto chegamos?

-Quer ou não? – disse séria

-Eu tô no meio de algo aqui – ele disse se enrolando

-Aff! Deixa pra lá.

-Eu tô no estúdio, mas acho que consigo um tempo depois. Vem pra cá!

-Me manda o endereço.

-Como se você não soubesse chegar aqui.

-Depois das 7 eu passo aí!

-Brigou com o capitão é?

-Não! – respondi direta – Sua namoradinha não vai brigar comigo né?

-Não, Ali – ele riu fraco – Te espero! Beijo – disse desligando

---//---

Cheguei próximo das 19h30 no estúdio, Bruno já estava me esperando do lado de fora, fumando um cigarro. Dirigi por alguns minutos para longe do centro de Los Angeles...

-Você está planejando me matar e jogar meu corpo por aí? – Bruno riu

-Alguém já disse que você é chato? – respondi sem olhar para o lado

-Eu estou atrasando meu terceiro álbum por sua causa e você ainda briga comigo?

-Desculpa, era só não ter vindo – disse magoada

-Tô brincando. Sabe que eu largo qualquer coisa, se for pra te ajudar.

Sorri de canto

-Você é minha melhor amiga, Alicia – disse apertando minhas bochechas

-Abusado – disse me segurando para não rir

Chegamos ao bar e eu já fui logo pedindo uma tequila

-Ei, ei, mocinha! Vai com calma – Bruno pediu quando eu virei de uma vez o shot de tequila – Duas cervejas – ele pediu para o garçom e fomos nos sentar em uma mesa mais afastada

-Não queria cerveja! Quero algo mais forte.

-Você tá dirigindo e tem que me levar são e salvo de volta para o estúdio.

Revirei os olhos

-Vai me contar o que houve agora? – disse assumindo um tom mais sério

Engoli seco – Saiu um vídeo do Chris beijando outra

-O que? – ele bateu na mesa – Eu vou matar aquele filho da p.. – ia dizendo

-Não foi exatamente assim. Foi tipo uma brincadeira naquele aplicativo Dubsmash sabe?

-Sei, minhas irmãs vivem usando.

-Ela é atriz também. Eles contracenam juntos no Capitão América e pelo que eu entendi, foi uma brincadeira entre ela e outros atores.

-Então não foi bem uma traição? – disse tomando um gole na cerveja

-Não exatamente, mas eu não gostei – respirei fundo – Faz semanas que eu não o vejo e a folga dele, ele prefere ficar em Boston com a família.

-Alice – disse calmo – Você sabia que namorar um ator famoso não seria fácil. Faz parte ficar fora por causa do trabalho e Ali, pode ter certeza, a gente sente tanto quanto vocês por ter que ficar tanto tempo fora de casa.

-Tá defendendo ele? – resmunguei

-Não. Só estou dizendo que não há motivo pra você ficar tão irritada assim – tomou mais um gole de cerveja. Bruno olhou meu celular tocando em cima da mesa – Não vai atender?

Minha foto com Chris piscava no celular junto com o nome dele no canto da tela – Não! – disse virando a cerveja

 Chris Pov

Sei que estou meio distante da Alice essas últimas semanas, mas nestes meus dias de folga resolvi ficar em Boston com a minha família, vou ficar mais um tempo fora, gravando na Alemanha e não sei quando vou visita-los. Além do que precisava pedir uns conselhos para os meus pais, ando pensando em umas coisas.

Hoje gravei um Dubsmash com a Hayley Atwell, ela é uma boa amiga e foi bem divertido. Scott também achou, porém disse que Alice não ia gostar nada, nada. Minha namorada iria entender, eu acho. Liguei para ela algumas vezes e todas foram para a caixa postal, impressão minha ou ela tá recusando minhas chamadas?

 Alice Pov

-Insistente ele! – Bruno riu

-Tanto faz – dei de ombros – Bru, tô com fome!

-Bebeu um monte e agora que lembra que está de estomago vazio? – ele riu

-Nem bebi tanto – disse olhando as garrafas de Heineken a minha frente

Ele riu – Pra onde senhorita?

-Vamos no Mc Donald’s?

Bruno começou a rir – Se mata na academia para comer no Mc Donald’s! Só você.

Me levantei – Mas fez efeito não fez?  - disse desfilando pra ele – Tô mais magra

-Pra mim, você tá gostosa como sempre!  - disse com um sorriso safado

-Hernandez ! – disse meio corada

-O que? Você passa na minha frente rebolando desse jeito - ele se levantou e começou a me imitar, só que balançando exageradamente os quadris – E você quer que eu diga o que? Nossa amiga é verdade – disse fazendo uma voz fina – Isso é o que o seu amigo Ryan diria. Eu, seu amigo que já te pegou, digo: você tá gostosa como sempre! – disse sem rodeios, bem próximo a mim – Vamos logo pegar seu Mc Donald’s – disse me puxando antes de ir pagar a conta

---//---

-Você tá sujando meu carro de molho – disse a ele. Já tínhamos voltado para o estúdio, Bruno tinha dirigido até aqui e estávamos comendo nosso lanche dentro do carro.

-É que tá muito gostoso – ele disse passando um pouco no meu rosto

-Bruno! – disse brava

-Você me adora, Alicia...

-Infelizmente.

-Quer entrar? Fica comigo, depois eu te levo. O Phil e Ari estão aí – neguei com a cabeça – Não quero te deixar sozinha – ele sorriu – Quer que eu te leve, depois eu volto de táxi.

-Não precisa, Brubs. Você já fez muito por mim – sorri

Bruno desceu do carro e eu também, indo para o lado do motorista.

-Desculpa atrapalhar sua gravação - disse ainda do lado de fora

-Que isso! Sabe que a qualquer hora que precisar, eu vou estar aqui por você – disse me abraçando. Independente de quanto tempo passe ou a que caminhos nossas vidas nos leve, o abraço do Bruno sempre vai ser um dos melhores da vida – Te adoro! – beijou o topo da minha cabeça – E não se preocupa, logo você tá bem com o Capitão Amor de novo - riu – Me liga qualquer coisa – sorriu e saiu andando, não sem antes me soprar um beijo no ar

Voltei para casa sem muita pressa e assim que cheguei, fui arrumar a bagunça do Steve e por fim tomar um banho.

Já estava na cama, quando resolvi finalmente retornar a ligação do Chris.

-Poxa, finalmente – ele disse quando atendeu

-Oi pra você também.

-Oi, amor. Tava preocupado. O que aconteceu?

-Nada, só não estava em casa, saí espairecer.

-Espairecer? O que foi, Alice?

-Nada – respondi seca

-Você está brava?

-Imagina! Pergunta pra sua amiguinha Hayley...

 Chris Pov

Depois de horas, Alice finalmente me ligou, já estava preocupado.

-Você está brava? –perguntei já sabendo a resposta

-Imagina! Pergunta pra sua amiguinha Hayley... – é ela estava brava. Scott tinha razão ao dizer isso

-Ali, você ficou chateada com isso? Sério mesmo? – fiz uma pausa – Amor, foi só uma brincadeira, coisa de ator... Você deveria estar acostumada com isso já.

-Christopher, eu entendo seu trabalho, mas ali você não estava trabalhando, não tinha porque ter beijando ela.  Ainda mais a Atwell que vive falando nas entrevistas o quanto os lábios de Chris Evans são maravilhosos com aquele sotaquezinho britânico irritante.

Eu ri do ciúme dela

-O que tem de engraçado?

-Meu amor, foi só uma brincadeira entre atores, entenda isso. Não foi nada demais.

-Não, Chris, eu não entendo. Aliás, pra continuar com sua coisa entre atores – ela disse essa parte irritada – Por que você não fica com uma delas? Talvez ela entendesse melhor sua vida, coisa que eu não consigo. E boa noite, estou cansada, levemente alcoolizada e preciso trabalhar amanhã. Passar bem – disse rápido e desligou o telefone

Nem tive tempo de dizer nada e achei melhor a deixar esfriar a cabeça. Passei o dia sem falar com ela, só tentei descobrir com o Scott, onde ela tinha se metido ontem à noite, principalmente depois que ela disse que estava bêbada.

-Nem vem, não vou me meter nisso.

-Ah Scott!

-Chris, ela deve ter tomado um porre em casa ou...

-Ou o que?

-Achado outro boy que faça companhia pra ela – Scott riu

-A Alice não tem mais amigos em Los Angeles além do Ryan e do... – parei um instante

-De quem?

-Do Mars... – meu irmão franziu a testa – O Bruno Mars

-Vai ver ele tá lá cantando “When I see your face... 'Cause you're amazing… Just the way you are” – meu irmão cantarolou me provocando

-Merda!

Não demorei muito e liguei pra ela

-Alô – ela não demorou a atender, podia ouvir algumas pessoas conversando por perto – Mike você sabe como eu gosto ... Alô?

-Quem é Mike, Alice?

-Ah é você - respondeu

-É o Capitão Amor? – ouvi uma voz masculina perguntar

Escutei ela rindo e dizer que queria o copo grande 

-Capitão o que ? - perguntei

– Capitão Amor, é o apelido que te deram e Mike é quem malha comigo – ela fez uma pausa – Ele é gay.

-Você estava com o Bruno ontem à noite? – perguntei direto

-Estava – respondeu prontamente – Por quê?

-Qualquer briga nossa e você corre pra ele.

-Pois é.

Fiquei quieto

-Era isso?

-Alice, sabe que odeio brigar com você.

-Christopher, eu tô meio ocupada agora. Depois a gente se fala.

-Me liga quando chegar em casa, Ali.

-Ligo - ela disse e desligou o telefone sem se despedir

 Alice Pov

Acordei com uma puta dor de cabeça no dia seguinte. Falei com Chris quando cheguei do bar e acabamos brigando. Vi as mensagens no meu celular, enquanto tomava café, antes do trabalho. Alguns e-mails do trabalho, uma mensagem do Scott, dizendo que Chris tava igual doido querendo saber onde eu estava ontem e uma do Bruno, perguntando como eu estava e se queria jantar com ele hoje.

“Bom dia, Bru. Eu estou melhor, obrigada pela companhia. Hoje não dá. Vou encontrar um amigo antes da academia”.

“Bom dia, linda. Amigo? Mal faz um dia que está solteira e já está assim?”

“É um amigo da academia. Ele é gay hehe”.

“Menos mal haha Tenha um bom dia, Alicia”.

“Você também, anão havaiano! E arrasa no estúdio, estou esperando ansiosamente por este álbum. Xoxo, love ya”

O dia no trabalho foi cheio e graças a Deus passou rápido. Encontrei Mike numa cafetaria antes da academia e enquanto fazíamos nossos pedidos, Chris me ligou.

Nossa ligação não foi a melhor possível, mas ele pediu para eu retornar. Fui para aula de aeróbica, esqueci da vida e como sempre, sai suando de lá. Cheguei em casa e ainda levei o Steve dar uma volta no quarteirão e só depois fui para o banho.

Preparei uma refeição leve e me sentei para ligar pra o Chris “caixa postal” duas vezes, desisti. Me arrumei no sofá para assistir Modern Family e só parei de prestar atenção quando meu celular tocou mostrando uma mensagem do Chris.

 “Não precisa mais me retornar... Vou deixar você esfriar a cabeça, mas só queria pedir desculpa se algo te incomodou. Sabe que a última coisa que eu quero na vida é te machucar”.

Meu celular notificou mais uma mensagem “E acho melhor você arrumar as malas, vai viajar e não se preocupe já avisei sua chefe e ela te liberou. Amanhã cedinho uma carro vai buscar você e o Steve. Ele vai ficar num hotel para cachorros e você, meu amor....” – ele parou a mensagem deixando um suspense

“Você vai para o aeroporto. Vai ter um avião te esperando. Prepare roupas leves, seus biquínis e um dos seus vestidos longos e floridos. Vamos para Bali, amor”.

Que? Pra Bali? Tipo Bali na Indonésia? Como assim? São horas de viagem! O Chris enlouqueceu?

“E só mais uma coisa: Eu te amo! Nos vemos em Bali, meu amor”


Notas Finais


Pra quem não se lembra, esses são os dubsmash que ele fez com a Hayley ano passado:

https://www.youtube.com/watch?v=p4NNDnB_AxA
https://www.youtube.com/watch?v=JCNzCURK6iQ

E aí, que acharam? Adoro saber a opinião de vocês!!!
Queria dizer nos vemos em Bali, mas nos vemos do próximo capítulo. Beijos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...