História Once upon a Time - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Jihyo, Jungyeon, Mina, Momo, Nayeon, Sana, Tzuyu
Visualizações 268
Palavras 1.376
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


H E L L O
E EU ESTOU DE VOLTA UHUUL :v

Sim galera eu estou de volta com mais um capítulo quentinho (não levem a sério) para vocês e com um Bônus \0/
Se você viu, eu postei SIM outro Michaeng! Sim de gênero pouco usado! Uhul. Se você não viu, confere lá que eu to falando :v shahahahs
Deixarei o link na Notas Finais :v

E por enquanto só, boa leitura.

Capítulo 13 - Chapter Thirteen


Chapter Thirteen: Let's go?

-' A noite foi ótima, a manhã até agora também, obrigada por perguntar - Murmurou Mina, atraindo a atenção de todas -' E a sua?

-' Foi boa também - Sorriu Nayeon, enquanto passa seus braços por minha cintura

E eu? Bom, eu travei e não sei o que fazer mais nessa situação.

-' Nayeon! - Sana pareceu estar nervosa, e não diria nada de Nayeon já que seu sorriso era totalmente falso -' Você por aqui...

-' Pois é... - Murmurou seca

-' Olha eu sei que você está chateada, por temos te largado, e ido nos divertir sozinhas... Mas você sabe que agente se ama, né? - Sana disse na tão rápido que cheguei até me embolar nas palavras dela

-' E também, não é só porque a Mina, é muito interessante, linda e maravilhosamente mais shippavel que você, que iremos te trocar - Momo se pronúncia, aparecendo atrás de Sana, provocando pequenos risos entre Dahyun e Somi

Sabe aquela cara de quem vai assinar todo mundo, depois de dessecar enteira e comer seu figado na cebola? Então essa é a cara que Nayeon está fazendo agora, o que eu acho disso? Engraçado, sério os dentinhos dela ficam mostrando e fica engraçadinho!

-' Tudo bem meninas, eu entendo - Murmurou bem seca -' Chae, vem comigo! - Chamou-me praticamente me puxando pelos corredores até o jardim

Claro que vocês não poderiam saber o tamanho do susto que levei, quando a mesma praticamente me jogou contra a árvore, e logo colou seus lábios aos meus.

-' N-Nayeon?

-' Sh... - Pediu, antes de atacar meus lábios novamente - Você me deixou com tanta vontade de você ontem... - Murmurou passando seus braços por meu pescoço.

Quer saber? Dane-se.

Soltei minha bolsa no chão, e agarrei a cintura de Nayeon o que a fez rir, ela sabia provocar tão bem quanto Mina... Pera que?
-' Então vamos matar ela, sim? - Sussurei ainda confusa por ter pensado em Mina novamente como se fosse comum.

Não levou nem meio segundo, antes de meus lábios estarem colados ao de Nayeon, e avançar minha língua contra a sua. A puxei mais contra mim, apronfundando cada vez mais o beijo.

Nossas línguas brincavam uma com a outra, conhecendo cada toque. Claro que o ar logo ae fez necessário e logo apartamos o beijo.

Observei o rosto de Nayeon, e senti certa angustia no peito como se estivesse fazendo algo errado. Sorri assim que vi Nayeon sorrindo para mim, apoiando suas mãos sobre meu ombro.

-' Chae? - Ouvi-a me chamar, porém minha atenção fora totalmente virada para o pequeno movimento no pátio.

Mina. Claro que eu entrei em choque ao perceber que era Mina do outro lado do jardim, no pátio. Ela parecia um tando decepcionada, seu olhar estava baixo e recusou o meu, senti-me estranhamente dessesperada quando a vi dar as costa e sair dali.

-' Ai? - Resmunguei assim que senti um pequeno beliscão em meu ombro

-' Chae, você está me escutando?

-' Hm... Estou!

-' Ah é?  E o que eu falava?

-' Que... Eu... Sou de mais? - Sorri sem graça afinal eu não fazia idéia do que ela eatava falando, e muito menos que ela estava falando comigo

-' Não sua bobinha

-' Ah, e o que é então? - Perguntei esforçando-me oara manter contato visual, e não desviar minha atenção para onde Mina estava

-' Tava te perguntando se você sai comigo, hoje a tarde - Sorriu de maneira fofa, infelizmente isso não iria me convencer

-' Desculpe Nayeon, mas eu combinei de sair com Mina hoje - Murmurei, afastando meu e pegando minha bolsa

-' Mas... - Aproveitei esse momento para inventar qualquer desculpa para poder sair dali

-' Desculpe, talvez na próxima? - Disse sem graça -' Agora eu tenho que ir, te vejo na sala! - Disse  e logo sai dali apressadamente -' Droga onde está Mina! - Murmurei e só então percebi estar procurando por ela

Não a envontrava na escola toda, e isso estava começando a me deixar preocupada, ouvi o sinal bater e por um momento me deixei sorrir.

Claro a sala de aula!

Fui praticamente correndo para a sala, onde já se encontrava metade dela praticamente porém Mina não estav ali.

-' Hey, Chae! - Ouvi Dahyun me chamar

-' Cade a Mina? - Perguntei ignorando qualquer que fosse o que ela ira me falar

-' Ah... Ela foi para biblioteca,  mas então...

-' Ok. - Disse logo indo atrás de Mina, desculpe Tofu mais isso é mais importante e eu nem sei por que

Cheguei na biblioteca quase morrendo já que a escola era grande, e a biblioteca fica a quase um km de distância das salas de aula, suspirei e abria a porta com um pouquinho de violência, e logo recebi um "shh" da bibliotecária.

Murmurei um desculpa e fui atrás de Mina, claro que demorei quase meia hora para encontra-la naquela biblioteca, e juro que quando encontrei, não gostei nadinha do que via.

Mina estava senda em uma mesa, rindo, com uma garota ao seu lado com queixo apoiado entre as mãos, rindo enquanto olhava para Mina. Argh.

Eu não sei porque, mais isso me irritou mais me irritou e muito. Caminhei até elas, e lamento em dizer eu não estava nem um pouco feliz.

-' Chaeng? - Mina disse um pouco assustada assim que eu joguei minha bolsa sobre a mesa

-' Desculpe,  estava distraída? - Alfinetei, sim eu estava ácida

-' Ahn... Talvez um pouco - Murmurou ela um pouco confusa, porém ela não abandonava aquele jeito dócil de falar -' Bom, essa é...

-' Sou Jihyo, prazer - Sorriu a menina, que agora sei o nome Jihyo, nome de cantora. Sorri de forma seca.

-' Olá,  Chaeyoung - Disse sem um pingo de educação mesmo

-' Hm, então você é a Chaeyoung - Sorriu de forma gentil, enquanto se levantava. E agora levantada pude reparar melhor nela. Cabelos abixo do ombro castanhos, um corpo bem bonito e peitos... Céus ela tinha uns peitos...

-' Sim sou eu - Respondi, porém uma coisa era como assim "então você é a Chaeyoung"
-' Bom, eu vou indo... Tchau Mina - Sorriu para a ruiva que logo retribuiu -' Chaeyoung - Despidiu-se e eu apenas acenei, me incomodou o jeito como Mina a olhou

Assim que Jihyo foi embora, eu me vi sendo obseevada por um Mina confusa, e com isso logo me veio a vergonha, o que me fei afundar meu rosto em meus braços contra a mesa.

Merda. Merda. Merda. O que você está fazendo Chaeyoung?

-' O que foi isso Chaeyoung? - Ouvi Mina peeguntar, e de alguma forma seu tom e o jeito de pronunciar meu nome me deixou insegura, o que me fez afundar ainda mais meu rosto contra meus braços e mesa. Silêncio -' Chaengie? - Ouvi-a me chamar de forma mais carinhosa

-' Hm? - Foi tudo o que eu consegui pronunciar

-' O que aconteceu? Chaengie porque você está assim? - Essas simples perguntas me deixaram nervosa, pelo simples fato de eu não fazer idéia

-' Nada... - Murmurei

-' Foi Nayeon? - Ouvi-a perguntar sobre isso me fez ficar com um no na garganta, o que eu estava fazendo afinal? -' Foi? - Eu não conseguia responder aquela pergunta, mesmo sabendo que não era Nayeon -' Aish... Aquela... Deixe comigo - Ouvi-a rosnar e logo sua cadeira ser arrastada, o que era iria fazer? -' Chaengie? - Perguntou assim que agarrei seu posso, não podia deixar que Mina descontasse minhas confusões em Nayeon.

-' Não...

-' Mas...

-' Não foi ela - Disse por fim, soltando seu pulso

-' Então o que foi?

-' Nada... - Murmurei, virando o rosto, eu estava com vergonha de querer entender essa crise

-' Chaengie? - Ouvi-a mais uma vez me chamar de forma carinhosa, vi a mesma se abaixar em minha frente e segurar meu rosto -' Que tal sair-mos daqui, hm? - Perguntou com um simples sorriso que me fizera sorrir em concordância

Acenei com a cabeça e logo vi seus dentes em um sorri gummy tão fofo. Sendo surpreendida por um beijinho no queixo.

-' Mina unnie...

-' Vamos?

-' Vamos.


Notas Finais


SE VOCÊ FOI VER A FIC, E VIU QUE NAS NOTAS DA AUTORA EU ESCREVI UM TEXTO, SIM EU FALEI DE MAIS! Ahshshshs

Bom, e ai? O que essaa duas irão aprontar, hm? Shahshshs
Agente se vê no próximo!
XOXO

Link: https://spiritfanfics.com/historia/7-minutes-in-heaven-6754097 (Ps: Esqueci de colocar ontem hehe)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...