História Once Upon and Ever After - Interativa - Capítulo 3


Escrita por: ~

Exibições 83
Palavras 1.180
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Fantasia, Magia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Estou meio atrasado, me desculpem, além disso o capítulo ficou pequeno, me desculpem por isso também, mas tenho meus motivos

1- Sempre que começava a escrever o capítulo, surgia um imprevisto ou um compromisso
2- acabei tendo que utilizar um capitulo que eu planejava para mais tarde, por isso os personagens ainda não apareceram (minhas desculpas)
3- Não pude ficar muito tempo no computador, pois meus olhos tem um problema que os fazem ficar muito sensíveis a luz (por exemplo a luz da tela), normalmente tenho isso sobre controle, mas isso piora quando estou gripado (como agora)
4- por fim, meu Mouse deu uma pane, que me atrapalhou muito

espero que entendam, pessoal
PS: Também não tive tempo de fazer uma boa revisão

Capítulo 3 - Um Início ou um recomeço? o princípio do caos


Fanfic / Fanfiction Once Upon and Ever After - Interativa - Capítulo 3 - Um Início ou um recomeço? o princípio do caos

Ano xxxx, 12 anos atrás

O céu estava escuro, nuvens de tempestade cobrindo o sol, trovões e raios aconteciam o tempo todo. Muito embora nenhuma gota de chuva caísse, apenas o vento forte e frio anunciava uma tempestade. De cima de um palanque dois homens tentavam dialogar com uma garota com um livro em mãos

Wilhelm: Não faça isso! Nós Imploramos! Você na sabe as conseqüências!

????: Sim, eu sei muito bem o que estou fazendo – Replica entre risadas insanas

Jacob: Você pretende mesmo fazer isso? Quer destruir o futuro de todos nós

????: Não, todos não, apenas daqueles que tentarem me impedir – disse começando a arrancar uma folha do livro que segurava

No mesmo instante, uma das pessoas que assistiam chocadas ao que acontecia começou a passar mal, seus olhos se apertaram, sua figura tremeluzia levemente, entrando e saindo de foco

????: Interessante, apenas um leve rasgar já causa isso, imagino o que arrancar uma folha inteira faria – disse parando de puxar a folha

A pessoa parou de tremeluzir, mas ainda passava mal, alguns amigos se reuniram para cuidar dela, alguns inclusive ameaçaram tentar ir contra aquela que portava o livro ancestral, mas os outros os impediram, dizendo que seria quase como suicídio

????: Assim que eu gosto, todos me temendo, conseguir esse livro foi tudo de que eu precisei...

Wilhelm: Mas como você conseguiu descobrir sobre os poderes do livro, e como sabia que o livro responderia a sua opinião

????: A culpa e de um de vocês mesmos, um professor, já cansado de tudo. Ele me ensinou que o livro rege a história, mas que aqueles que se rebelam contra o destino têm o poder de mudar o próprio livro, o futuro, o presente e até mesmo o passado

Jacob: Quem lhe contou isso?

????: Não creio que isso tenha importância agora...

Atrás deles uma das pessoas que impedia que os outros tentassem chegar até a plataforma de discursos foi lançada longe, um homem forçando passagem através dos outros

????: Quem você acha que é, para governar os destinos dos outros?

Jacob: Volte para longe! Isso é perigoso!

????: Eu não dou à mínima!

????: Você irá contra mim, pelo que eu saiba você é a favor dos rebeldes, senhor Badwolf...

Sr. Badwolf: Eu posso ser a favor dos alunos buscarem o próprio destino, mas você, Clarine... Roubar o destino dos outros é ir longe demais. Especialmente quando você machuca aqueles que eu amo!

Evil: Ah, eu havia me esquecido de que vocês eram casados, uma pequena falha, mas antes que eu me esqueça, nunca mais me chame de Clarine! Agora eu sou apenas Evil, a encarnação do mal!

Sr. Badwolf: Não me importa quem você seja, eu não aceito que machuque minha família

Perto dele outro dos professores decidiu que aquilo já ia longe demais

Fera: Você está certo, as coisas chegaram longe demais, não dá mais para apenas ficar olhando

Outros professores concordaram e se reuniram aos dois

Evil: Tolos! Vocês não têm poder para ir contra mim, eu governo o destino de todos vocês, somente eu!

Garras negras surgiram nas mãos de garota as quais se cravaram no livro, instantaneamente metade dos ali presentes sentiu uma grande dor de cabeça que os fez cair ao chão

Fera: Você não tem esse direito... – Disse segurando a cabeça

Sr. Badwolf: Isso não é nada! – Disse aos poucos se levantando, os olhos vermelhos de raiva

Wilhelm: Não temos outra opção irmão...

Jacob: Teremos que fazer isso

Wilhelm: Você mexeu com forças que estão além de sua compreensão Clarine... Evil, o que for, esse é nosso último aviso, desista ou encare as conseqüências!

Evil: Desistir, acha mesmo que eu irei desistir? Vocês serão os próximos alvos

Jacob: Nós avisamos, professores, acho melhor vocês se afastarem...

Ambos os diretores buscaram dentro dos ternos um objeto preso em um colar

Ao ver aquilo os professores se arrastaram para longe, já sabendo o que eles pretendiam fazer, Evil porém de nada sabia

Evil: O que pretendem fazer?

Wilhelm: O necessário para te impedir e garantir o futuro de todos

Evil começou a ficar preocupada, e então passou a procurar as páginas relevantes aos dois diretores no livro, mas elas pareciam não existir

Evil: Isso não é possível... Este livro deveria ter as histórias de todos

Jacob: Nãos as dos guardiões dos livros, nossas histórias estão aqui

Os dois ergueram o objeto nos colares, eles tinham a forma de um livro aberto envolto por uma jóia transparente de cor levemente azulada no colar de Jacob e esverdeada no de Wilhelm

Wilhelm: Para proteger o destino... Dê-nos o poder para nos livrar-nos do mal

Jacob: Livro ancestral... Libera sua natureza oculta, leve embora aquele que traz o caos!

Os dois objetos começaram a brilhar intensamente assim como o livro, o mesmo caiu das mãos de Evil se abrindo em duas páginas negras

Evil: Essas páginas, que páginas são essas? Elas não estavam aqui antes! O que estão fazendo! – Gritou ensandecida correndo em direção aos dois diretores

Pouco antes de chegar mais perto, tentáculos negros brotaram das páginas dos livros e se agarraram aos pés da garota que inutilmente tentou se desvencilhar, mas suas mãos atravessavam o material negro como se fosse fumaça. Aos poucos os fios de escuridão começaram a fazer força, puxando-a para trás, fazendo com que ela fica-se sem equilíbrio.

Evil: Esse não é o meu fim! Marquem minhas palavras, eu serei pior que meus antecedentes! Ninguém será ou terá sido mais má do que eu!

Dito isso, com um esforço final, ela arrancou das mãos do diretor mais próximo, Jacob, o pingente do colar, sendo em seguida tragada pela escuridão

O vento forte parou, as nuvens se abriram a exceção de uma que teimava em ficar no céu. Os diretores olhavam a mesma com aspecto negativo. Refletindo sobre o que acabara de acontecer

Época atual

Era o primeiro dia do novo ano escolar, e como de costume o diretor Wilhelm dava as boas vindas a todos, normalmente seu irmão também participaria, mas ele teve outros assuntos para resolver, por isso apenas o irmão mais velho fazia seu breve discurso

Wilhelm: Muito bom dia alunos! – começa com sua voz de locutor –Espero que estejam tão animados para esse ano como eu! Vejo que temos muitos alunos novos, mas também muitos veteranos. Bem, espero que se sintam honrados, pois a escola Once Upon and Ever After se sente honrados em ter vocês aqui e desejo que o sentimento seja mútuo. Sinto pelo fato de meu irmão não poder estar aqui hoje, ele esteve ocupado e por isso não poderá dar as devidas boas vindas, isso é tudo, nos encontraremos novamente na hora do almoço, quando teremos um banquete de comemoração ao novo ano escolar

Com isso ele saiu de cena e os alunos se dispersaram, aqueles que eram iniciantes procurando a ajuda dos mais velhos, alguns olhando o mural com as salas de aula e os alunos, verificando os horários e professores. Tudo corria bem, mas uma nuvem negra pairava no céu, parecendo estar à espreita, buscando a hora de enfim retornar


Notas Finais


Obrigado por lerem e até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...