História Onde está o amor verdadeiro ? - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias As Crônicas de Bane, Shadowhunters
Personagens Alexander "Alec" Lightwood, Catarina Loss, Clary Fairchild (Clary Fray), Isabelle Lightwood, Jace Herondale (Jace Wayland), Jocelyn Fairchild, Magnus Bane, Personagens Originais, Ragnor Fell, Raphael Santiago, Simon Lewis, Tessa Gray
Tags Clace, Malec, Sizzy
Visualizações 97
Palavras 2.886
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oie Candy's 💜🍭🍬

Bom ... Como​ eu ultimamente não tenho postado muitos capítulos Malec , eu resolvi fazer um especial (não é lemon seus tarados 😹) .

Só posso dizer que depois do encontro que eles vão ter , a noite vai ser ... Quente 😹

Espero que gostem 💜

Capítulo 11 - O quão bom é estar com​ você


Magnus mal havia tido aberto os olhos e seus pensamentos já foram sobre Alexander - E o jantar com ele .

Magnus nunca se sentiu tão nervoso em relação a um jantar - Ainda mais um que tinha toda as segundas . - Ele e Alec estavam mais próximos . Conversavam até a madrugada , as ligações eram feitas pelo menos uma vez no dia . Magnus necessitava escutar a voz de Alec , ele o deixava mais calmo .

Foi para o banheiro e encheu a banheira . Resolveu chegar mais tarde na empresa .

Quando a banheira já estava de seu agrado , ele entrou , pegou seu celular e avisou a Robert que iria chegar mais tarde . Encostou a cabeça e começou a ter pensamentos - Obscenos - com Alec . Cada um mais excitante que o outro . Quando se deu conta , já estava com as mãos ocupadas tentando lhe aliviar para poder sair de seu banho .

Saiu do banho e foi para seu quarto . Nem se deu ao trabalho de enrolar uma toalha na cintura - Afinal , estava em sua casa .

Escolheu um de seus ternos - Que não são poucos - e se vestiu .

Depois do dia que teve com Alec , Magnus aprendeu a tomar gosto por café forte . Trocou o delicioso capuchino do Starbucks para um café forte que comprava todas as manhãs na padaria ao lado .

Foi para seu escritório e colocou o café ao lado do computador .

Escutou batidas leves na porta.

- Entre . - Magnus diz já arrumando os arquivos para a apresentação que tinha de fazer sexta .

- Como vai Magnus ?

"Essa voz" Magnus pensou .

- Alexander ? - Magnus​ diz se virando rapidamente , mas se decepcionou quando viu quem era - Ah ... Oi James

James é um rapaz alto e de cabelos negros , com os olhos em um tom acinzentado e a pele pálida igual a de Alexander.

- Quem é Alexandre ? - James perguntou se sentando na frente de Magnus

- Alexander - Magnus o corrigiu - ninguém te seu interesse . Isso posso lhe assegurar - Magnus volta a atenção para o computador . - Seu trabalho é lá embaixo e não aqui no meu escritório

- Eu sei . Mas resolvi lhe fazer uma visita agradável

James se levanta e vai até o ouvido de Magnus , e então morde a ponta da orelha .

- Estou trabalhando James ! Não tenho tempo para suas brincadeiras

- Antes você tinha . O que ouve ? Voltou a gostar de Camille ? Ou esse tal de Alexandre é de seu interesse ? - James perguntou se sentando novamente

- primeiro , o nome dele é Alexander e segundo , Desde quando lhe devo satisfação de minha vida ? - Magnus perguntou com desprezo

- responda a pergunta baby

- Não lhe dei o direito de me chamar assim James !

- Mas você gostava .

- James . Nós passamos uma noite na França , somente UMA noite . Não rolou sentimentos além de prazer ! - Magnus​ disse encarando o moreno que estava lhe perturbando

- Eu vou sair , mas me diga . Quem é Alexander ?

- Aprendeu a falar o nome dele .

- responda Magnus

- É um ... Amigo - Magnus disse com uma pequena dor em seu coração

- Você fez uma pausa antes de dizer "Amigo" . O que foi ? Está gostando do rapaz ? Por Deus Magnus , não quero te ver com o coração partido novamente

- James - Magnus​ respirou fundo - Você poderia me dar o prazer de sair daqui ?

- Claro . A Magnus ! Eu quero conhecer o rapaz - James diz saindo .

"Só se for nos seus sonhos" praguejou Magnus .

A tarde foi turbulenta e completamente desagradável . Estava calor , Magnus não estava conseguindo se concentrar no projeto , e James ficará tirando a paciência , e a noite não chegava logo .

Quando deu 18:00 Magnus​ foi embora . Presidente meow precisava comer e Magnus precisava de um banho para relaxar .

Depois de um longo banho e um breve momento de descanso , Magnus colocou a roupa mais confortável e fresca .

- Se eu estou com calor , nem imagino você presidente meow - Magnus fez um carinho atrás da orelha do gato e foi se embora.

Chegando na casa de Robert , foi atendido por Maryse - Que estava com um vestido azul não tão curto . De um tecido mais fresco .

- Entre Magnus​

Magnus entra na casa e não vê ninguém na sala (ou até mesmo na cozinha) .

- Onde está todos ? - Magnus perguntou curioso

- Robert está no banho , ele chegou agora de pouco . Isabelle está no quarto e Alec está no quarto dele .

- Compreendo. Vou falar com Isabelle , ok ?

- Claro . Fala que eu disse para ela vir me ajudar , por favor . - Maryse sorriu

- Isabelle cozinhando ? - Magnus perguntou surpreso

- Na verdade não - Maryse riu - ela só observa , mas logo começara a cozinhar .

- Espero que tenha seguro de vida Maryse

Maryse riu e Magnus subiu para o quarto de Isabelle .

- Izzy ? Abra , é o Magnus - Magnus bateu na porta .

Isabelle abriu um pouco a porta .

- Oi Mag - Sorriu - Desculpe , estou terminando de me arrumar , já vou descer .

- Alexander está no quarto dele ?

- Provavelmente sim , mas deve está tomando banho ou se arrumando . Chegamos agora do shopping .

- sim , obrigado Isabelle . - Magnus fechou a porta .

" Alexander , por favor , não esteja nu para meu próprio bem " Magnus pediu em sua mente .

Magnus abriu a porta e não viu ninguém no quarto , então entrou. Se sentou na cama de Alec e viu um grande livro sobre a cama .

Magnus começa a dar uma olhada no livro , até que escuta uma voz vindo do banheiro - um banheiro que tinha no quarto .

- Tem alguém aí ? - Alec perguntou saindo do banheiro semi nu .

- Tem eu - Magnus sorriu - E tem você - olhou Alec de cima abaixo - E tem essa toalha na sua cintura para minha infelicidade .

Alec ficou vermelho , mas não disse nada .

- Pode fechar os olhos só para eu colocar minha roupa ? Ou vou me trocar no banheiro ?

- eu cubro os olhos - Magnus disse com as duas mãos cobrindo os olhos

- Como vou saber que não está espiando ? - Alec perguntou enquanto se trocava .

- eu já teria pulado em você Alexander . - Magnus diz tirando as mãos dos olhos .

- Eu não disse que já podia ver - Alec disse enquanto se virava para ver Magnus

- Você e essas manias de colocar calças coladas - Magnus mordeu o lábio inferior

Alec estava sem a camisa , só tinha colocado a calça e os tênis . Os cabelos ainda estavam úmidos .

Magnus se levantou e foi até Alec .

- Eu só quero uma coisa em troca dessa tortura que eu tive que passar - Magnus​ diz passando os dedos no abdômen de Alec .

- E o que quer Bane ? - Alec diz provocativo

Magnus nada respondeu , apenas puxou o cós da calça de Alec o trazendo mais perto de si e deixou seus corpos colados . Alec o prendeu contra a parede e o beijou . Um beijo tão quente quanto obsceno .

Magnus sentiu a mão de Alec por debaixo de sua camisa , tocando as costas suavemente . Magnus desceu os beijos para o pescoço , e chupou o pescoço , pode sentir o sabor da pele Alec e com um estalo dos lábios soltou o pescoço de Alec fazendo com que a pele branca e pálida ficasse marcada . Subiu novamente os beijos aos lábios de Alec .

Seus corpos estavam tão juntos que pudera sentir o membro de Alec , e aquilo não o ajudou , só deixou Magnus mais excitado . Ambos já tinham esquecido do jantar e que tinham que conversar sobre algo - Que Alec até esqueceu naquele momento - Foram interrompidos quando Isabelle entrou no quarto e viu Magnus e Alec se beijando de forma descontrolada e obscena

- Desculpa - Isabelle cobriu os olhos - Esqueci de bater na porta .

Magnus e Alec pararam de se beijar imediatamente . Alec ficou corado , e Magnus sentiu um alívio ao saber que não era Robert na porta .

- Isabelle , te aconselho fechar a porta - Magnus diz tentando se controlar para não rir da situação

Isabelle entrou no quarto e fechou a porta .

- céus Magnus ! Olha o pescoço do meu irmão ! - Isabelle diz brava , mas querendo rir .

- Assim vão saber que ele tem dono - Magnus deu uma piscadela para Alec .

- Vocês estão namorando ? - Isabelle perguntou surpresa

- Não , mas isso não impede de Alec ser meu - Magnus sorriu

Alexander ficou corado .

- Obrigado Izzy - Alec diz colocando a camisa .

- Pelo o que ? - Isabelle perguntou

- É verdade . Obrigado pelo o que ?- Magnus diz falsamente ofendido . - Que eu saiba , ela só atrapalhou - Magnus diz tirando uma risada abafada de izzy

- Por ter vindo aqui . Eu e Magnus perdermos o controle - Alec confessou baixo

- Esse dia tá ficando interessante . Alexander Gideon Lightwood disse que perdeu o controle . - Isabelle diz zombando do irmão​ .

- Acho melhor eu e Isabelle descer . Assim não vão desconfiar do porque você está demorando - Magnus disse tentando arrumar a camisa que estava toda amassada - Será que vão notar que a camisa se amassou sozinha ?

Isabelle e Alec riram .

Isabelle é Magnus saíram do quarto de Alec juntos .

- Então Magnus . Por que não leva Alec para um motel , pelo menos lá não tem risco de meu pai pegar vocês se beijando , ou até mesmo transando - Isabelle disse baixo para que seu pai e sua mãe não os ouvissem - Pelo o que eu vi no quarto , vocês estavam quase indo para a cama

- Isabelle , eu e seu irmão nem tivemos um encontro , não estamos nem em um relacionamento , e Alec quer ir com calma e eu também quero - Sussurrou para Izzy

- Não era o que parecia no quarto

- Aquilo foi culpa minha , eu que comecei

- E Alec pretendia terminar

- Vamos falar sobre outra coisa , este assunto não tá legal Isabelle .

Izzy deu uma risada .

- Magnus , porque sua camisa está amassada ? - Maryse perguntou enquanto colocava a comida na mesa .

- eu me joguei na cama de Isabelle . Realmente é muito confortável e gostosa - Magnus mentiu

Isabelle havia entendido a parte do "gostosa '' então riu .

Logo Alec desceu . Alec sentou do lado esquerdo da mesa , para que Robert não visse seu pescoço todo marcado .

O jantar foi cheio de risadas e assuntos de negócios , talvez fora o primeiro jantar que Magnus realmente gostou .

- Magnus , você poderia dormir aqui . Já é tarde , para que dirigir ? - Isabelle disse - Temos quarto de hóspede .

Alexander engasga com o suco , Isabelle ri do irmão .

- Isabelle seria um prazer - " Dormi no quarto do seu irmão de preferência " pensou Magnus . - mas não posso , preciso trabalhar amanhã .

- Esqueceu que eu também trabalho Magnus ? - Robert diz com a voz suave - Você pode dormir aqui e ir mais tarde para a empresa .

- Eu não gosto de chegar tarde na empresa , as pessoas podem pensar que é falta de profissionalismo .

Alec estava ficando nervoso com o fato de Magnus dormi em sua casa - mesmo Alec já tendo dormido na casa de Magnus .

- As pessoas pensam o que elas quiserem . Sabemos muito bem que você nunca chegou atrasado , ou que ao menos tirou folga - Robert disse bebendo um gole do vinho branco .

Magnus olhou para Alexander . Eles se encaram por poucos segundos , como se estivessem conversando através dos olhares​ .

- Então eu fico . Será um prazer - Magnus sorriu .

O jantar acabou . Robert e Maryse arrumaram as coisas .

- Alec , mostre o quarto para o Magnus - Maryse pediu para Alec .

- Claro .

Magnus seguiu Alec até o quarto .

- Obrigado Alexander - Magnus sorriu .

- De nada - Alec diz saindo .

- Hey , espere - Magnus diz segurando o braço de Alec - O que tinha para me contar ?

Alexander fez uma expressão de quem estava confuso .

- Esqueceu ? Você queria me contar algo

- Ah sim - Alec se lembrou - Na verdade eu queria pedir um conselho .

- Então diga o que é - Magnus diz se jogando na cama .

- Meu amigo Jace pediu Clary em casamento , e ela falou "não'' . Agora ambos não se falam . E Jace está voltando a beber . - Alec diz deitando ao lado de Magnus .

Magnus se lembrou de quando terminou com Camille . Ele não podia julgar Jace , ele fez a mesma coisa , na verdade até pior .

- Receber um "não" , não é nada fácil - Magnus diz se virando para ver o rosto de Alec . - Jace só precisa que alguém fique do lado dele , alguém como o melhor amigo dele

- Mas eu estou do lado dele . Tento fazer ele se sentir melhor , mas é difícil , eu nunca passei por isso , não sei o que dizer ou fazer - Alec encarou os olhos de Magnus .

- Se coloque no lugar dele .

Magnus já estava encarando os lábios de Alec desde da hora do jantar .

Magnus não deixou Alec falar nada , e o beijou . Alec puxou Magnus para cima de si , deixando os corpos juntos .

- Magnus - Alec disse entre os beijos - Estamos no seu quarto e a porta só está encostada . Podem entrar a qualquer momento

- Então vamos trancar , assim ninguém entra - Magnus sorriu Malicioso

Magnus se levantou e trancou a porta. Voltou para a cama e sentou acima da cintura de Alec , começou a beijar o pescoço deixando mais marcas na pele pálida , Alec soltou um leve gemido baixo e abafado .

- Não precisa se segurar Alec - Magnus diz parando os beijos - Eu quero ouvir você .

- Meus pais Magnus​ .

- Eles devem está dormindo - Magnus​ voltou aos beijos

As mãos de Alec subiu por debaixo da camisa de Magnus . As mãos de Alec estavam geladas . O corpo de Magnus se arrepiou ao sentir os dedos de Alec passando suavemente por sua Costa .

Magnus desceu uma de suas mãos para a calça de Alexander , abriu a calça com facilidade e tirou a calça de Alec .

Magnus tirou a blusa e a jogou para qualquer canto de seu quarto , puxou alec para mais perto de si ; Sentou um pouco mais abaixo da cintura em cima de seu membro . Podendo sentir a ereção de Alec e deixando Magnus com vontade de tirar a última peça de roupa que cobria Alec .

Mas para infelicidade de Magnus , Alec recuperou a sanidade

- Magnus - diz parando o beijo - Calma - afastou o corpo de Magnus para que tivesse mais controle de si .

- Desculpe Alexander . Foi um impulso

- Eu também não resisti , afinal , fui eu que puxei você para cima de mim - Alec diz saindo de baixo de Magnus - É melhor ir para meu quarto

- Concordo . - Magnus sorriu - Mas só mais um beijo aí te permito sair .

Magnus voltou a beijar Alec. Magnus não soube como , mas quando voltou a ter consciência e controle de si , ele percebeu que estava deitado no chão com Alec em cima dele e sem camisa.

- Boa noite Magnus - Alec diz saindo do quarto

- Boa noite Alexander - Magnus diz recuperando o fôlego .

Quando Alec saiu , Magnus percebeu que Alec havia deixado chupões em seu pescoço e ombro .

- Céus Alexander​ , porque é tão bom está com você  ? - Magnus perguntou a si mesmo 

Se deitou na cama . E ficou pensando no que poderia ter acontecido se Alec não tivesse parado . Provavelmente ele iria ter uma das melhores noites , mas queria que tudo acontecesse com calma , e o que havia acontecido a poucos minutos não foi nada com calma ; foi intenso e cheio de desejo.

Magnus queria dormi com Alec , dormi abraçado com o rapaz , queria ficar beijando Alec até ficar sem ar , mas não podia , ele e Alec não estão namorando - E doía lembra disso

Fechou os olhos devagar e adormeceu . Dormiu tão bem , e pela primeira vez não se sentiu sozinho enquanto dormia .


Notas Finais


Espero que tenham gostado 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...