História Onde esta Sans?! - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Personagens Originais
Tags Frisk, Gaster, Ketchup, Sans
Exibições 21
Palavras 952
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Sei que estou demorando, podem me dar um Bad Time.
Desculpa!

Capítulo 10 - Save móvel?


Fanfic / Fanfiction Onde esta Sans?! - Capítulo 10 - Save móvel?

POV Sans

 

Eu estava de costas para a Frisk. Ela pode começar uma luta só para *Checar. E se ela o fizer poderá ver como eu estou mal e esquecerá de sua própria situação, ela se preocupa muito com os outros. Essa é uma qualidade dela, mas ao levar muito a serio isso pode ser considerado  um defeito, querendo ou não.

-Frisk, por favor. Não volte a dormir sem antes ter treinado. Não posso te perder.

Me virei e segurei sua cabeça para que nossos olhos se encontrassem. Ela se assustou com meu ato e suas bochechas obtiveram um tom avermelhado, seguido de seu rosto inteiro, só então me dei conta que nossos rostos estavam a dois centímetros de distância. Com minhas 'bochechas' esquentando calmamente encostei minha 'boca' na dela. Seus olhos se arregalaram enquanto que os meus se semicerraram. Ela estava quase um pimentão. Me afastei de seu rosto encerrando o beijo e então a abracei. Pude sentir minhas lágrimas voltando, caindo na roupa de Frisk, minha sweatheart. Consegui ver uma pétala de flor dourada em uma pele clara. Senti vontade de arrancá-la, lembrando do que aconteceu com 'ela'. Mas não o fiz por saber que começaria a sangrar e logo apareceria mais uma flor.

-S-sans, não se preocupe! Você vai me treinar! Sei que depois disso poderei fazer qualquer coisa!

Soltei ela. Me levantei com a cabeça baixa e estendi minha mão para ela, que aceitou com um sorriso fraco.

-Vamos começar.

Continuando com a cabeça baixa fiz com que ossos surgissem do chão. Finalmente levantei minha cabeça.

-Chegue até aqui sem tocar em nenhum osso. Mais uma coisa, eles irão se mexer.

-O QUE?! ESTÁ LOUCO?! DEVE TER UNS TREZENTOS OSSOS ENTRE EU E VOCÊ!

-Se não conseguir, terá umas trezentas flores entre nós dois.

Falei com meu tom mais frio. Ela suspirou e com nervosismo acenou com a cabeça pedindo para que eu começasse. A cada três passos que ela dava um osso atacava com o elemento da surpresa, porem, ela conseguia desviar de todos. "Ela já chegou na luta do Fell!Papyrus? É a única explicação!" pensei.

Quando me dei conta, Frisk estava a cinco metros de distância. Metade do trajeto. E logo em seguida ela estava em minha frente sorrindo.

-C-como fez isso?!

Ela me olhou e então, com um riso suave, respondeu que não queria me ver sofrer. Foi minha hora de mudar de cor. Fiquei azul como o céu em um dia ensolarado.

-O-ok! O t-treino rendeu h-hoje! V-vamos!

Estávamos descendo o Monte Ebott quando Frisk puxou meu moletom.

-Sans, você sabe que quando durmo vou para outra dimensão, mas, qual o nome dela?

-Bem, alguns a chamam de Underfell2, mas eu prefiro Flowerfell. Esse é o motivo dessas flores. A cada morte mais uma aparece no local do golpe definitivo. Você morreu onde?

-Na frente da sua casa. Bem, da casa do Fell!Sans. Ele parece legal, você conhece ele?

-Gostaria não conhecer. Mas você salvou até a onde?

-Eu salvei uns três segundos antes de morrer. Apareceu um Save do nada.

O que? Um Save na frente da casa daquele mentiroso? Como isso pode? Segurei a mão de Frisk enquanto descíamos e quando chegamos no pé da montanha senti que algo começava a cair. Olhei para trás e vi que Frisk tinha caído em um sono. Segurei ela com força. E comecei a chorar e a gritar seu nome.

 

POV Fell!Sans

 

Estava andando perto da porta das ruínas quando meu colar começa a brilhar. Sei o que isso significa. Ela dormiu e está de volta.

-Heya.

Ela se materializou e logo em seguida girou em minha direção assustada.

-M-mas eu t-tinha salvado na f-frente da casa do Paps... O que eu estou fazendo aqui?

-É só olhar pro meu colar.

Ela ficou quieta e abaixou o olhar em direção de minha mão. Ali estava meu pingente. Um Save.

-C-como que...?

-Um presente para uma amiga. Ela não tinha como usar então eu... Eu... Argh! Eu odeio chorar!

Gotas vermelhas caiam de minhas órbitas. Elas dançavam graciosamente no vento e então se esborrachavam na neve. Isso me fez lembrar dela. Mais e mais gotas caiam de minhas órbitas. abaixei a cabeça  e senti braços e raízes tocarem em mim.

-Ei, não precisa me contar. Ao colocar isso na minha frente você me ajudou muito! Não vou pedir nada em troca. Bom... Talvez uma ajudinha para chegar até a sala do Asgore se não for pedir de mais.

Enquanto que analisava essas palavras ditas com doçura e ternura como se fosse 'ela', pude ver pétalas saindo da meia desta em minha frente. Levantei minha cabeça rapidamente e fitei aqueles olhos castanhos brilhantes. 'Ela' tinha olhos coloridos, um verde, outro azul, com cabelos lisos e compridos, amarelos como o brilho do sol e com as pontas verdes como sua alma. Essa em minha frente possuía pequenos fios vermelhos. Era a alma da determinação, porem, tinha a mesma maldição que minha Clara. De inicio, achei que ela também tinha a alma verde, mas agora reparando, estava errado.

-Qual seu nome?

-Frisk... Você pode me ajudar?

-Só se me prometer uma coisa.

Antes dela responder eu segurei seu pulso e teletransportei até uma parte desconhecida da floresta de pinheiros. Tinha mais flores do que eu me lembrava.

-Prometa que ao sairmos, eu poderei enterrá-la no campo mais florido da superfície.

POV Frisk

Ele me levou de surpresa até um local que eu não conhecia. ' Prometa que ao sairmos, eu poderei enterrá-la no campo mais florido da superfície.' Foi o que ele disse. Não entendi, mas ao olhar para frente entendi. Havia uma lápide no meio de flores douradas. Nela dizia 'Nunca te abandonarei. Descanse em paz Clara'

 

Continua...


Notas Finais


O que acham??????????


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...