História One day (Imagine Kai Exo)(Oneshot) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Kai, Personagens Originais
Visualizações 312
Palavras 723
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor



Capítulo 1 - 0.1 (capitulo único)


Único


Pov S/n


-Senhor Jongin?-disse enquanto batia na porta, aish ele precisa assinar esses documentos o mais rapidamente possivel, em vão abro a porta e vejo Sasha rebolando nele, se beijando ferozmente, eu coro um pouco, Jongin dirige seu olhar para mim, e tira Sasha de seu colo.

-S/N? -enguliu seco- É...o que precisa?-disse nervoso se recompondo

-eu volto daqui a pouco Senhor.-fiz uma pequena vénia e saí, fui até meu escritório a correr.

-vish maria, S/n porque está assim?-perguntou Cortney tomando um gole de seu café, ela me olhava e se sentou em sua mesa - não quer responder de boas.

-é...

-S/N VENHA AQUI AGORA!-gritou Sasha do outro lado da porta, larguei os papéis e fui até ela, ela me levou ao sitio mais isolado do prédio, e me encostou à parede, sua mão passou por meu rosto- nem pense em contar o que viu? Caladinha...

-posso i...-minha frase foi interrompida por seus lábios, sua mão desceu até meu ombro, braço, passando para a cintura onde ela deu uma leve apertada.

-cale a boca...vá...desapareça!- ela me deu passagem e eu saí, entrei no escritório e dei uma volta pelos papéis, Cortney me entregou um e disse para eu assinar, eu sem ler assinei.

-me explica o que se passa sua trouxa!

-o quê? Não se passa nada?-respondi

-viu o que acabou de fazer?-disse cruzando os seus braços

-assinar um papel e?

-acabou de assinar seu despedimento

-O QUÊ?-olhei para o papel desesperada.-COMO EU FIZ ISSO?

-Tem sorte que é falso, caralho S/n se concentre! O que está acontecendo?

-nada! Vá vamos trabalhar logo!

-já levou os papéis a Jongin?-perguntou Cortney me olhando

-aha....merda! Vou já!

Saí do escritório em um passo apressado, abri a porta principal, ela dava a um corredor, um pouco longo, na parede estavam fotos dos antigos donos da empresa, Junmyeon, Minseok,  eles revolucionaram isso tudo, sigo sempre em frente, meus passos ecoavam naquele corredor, bato à porta e ouço um "entre".

-Senhor Jongin, aqui tem os documentos- disse lhe estendendo a pasta- ah e...desculpe por à pouco- falei corando um pouco.

-obrigada, hm...-ele deu uma olhada por os papeis, se sentou na secretária enquanto os assinava, o seu olhar derrepente subiu por meu corpo, ele continuava de cabeça um pouco baixada, sentia seu olhar por meu pequeno decote.- eu adoro quando você fica assim.

-adora? Assim? Er...desculpe?

-ah S/n...- ele se levantou da cadeira e com suas mão atrás das costas dava passos largos, ele olhou alguns quadros na parede, a vista da janela, e se virou direcionando seu olhar para mim.-...eu adoro seu geito de ser sabe...- ele foi até mim sempre com suas mãos atrás das costas.

Ele as pousou nos "braços" de minha cadeira, e pousou sua cabeça em meu ombro, meu coração batia rapidamente. O seu olhar foi até meu decote, de qualquer forma eu estava gostando mas meu orgulho subiu mais alto e apertei os botões que faltavam, ele soprou frustrado, me puxou da cadeira me levantando, e sentou se na mesma.

-S/n vá fechar a porta.

-oi?

-oi nada, agora! Vá lá eu preciso falar com você.

Eu obedeci, e segui até à porta a trancando, fui até ele, ele fez sinal com a mão para eu me sentar em seu colo, e eu fiz isso.

-não dessa forma- ele me virou contra si abrindo minhas pernas em seu colo, ele me beijou bruscamente, eu estava sem reação aquilo. Ele riu um pouco - da próxima vez feche os olhos.

Ele levantou um pouco minha saia, e retirou minha calcinha, suas mãos deslizavam por minha cintura, eu sentia sua ereção em minha intimidade descoberta. Ele retirou suas calças apenas as puxando até aos pés, seguido de sua roupa intima, ele entrou em mim, eu rebolava em seu membro, eu me entreguei completamente a ele, senti mimha camisa sendo retirada seguida de meu sutiã, ele abocanhou meu seio esquerdo me fazendo gemer manhosamente, cheguei a meu àpice me deixando cair sobre seu ombro, eme me ajoelhou a seu membro.

-acabe seu serviço querida...

Fiz uma leve masturbação, e coloquei seu membro em minha boca, seus gemidos roucos me faziam elouquecer, ele agarrou uma mecha de meu cabelo e fez sua própria velocidade, seu liquido percorreu toda minha boca, me fazendo engasgar um pouco, ele me puxou até si e me.beijou ferozmente.

-S/n não se meta com nenhum outro cara.

-quer ser meu chefe até na vida pessoal?- ele passou uma mecha de meu cabelo para trás, nós estavamos ofegantes.

-eu apenas quero me certificar que é minha...apenas minha



Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...