História One Last Night - Namjin (Jikook/Vhope) - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jin, Namjin, Namjoon
Exibições 544
Palavras 1.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


então, gente, hoje eu não tive muito tempo pra escrever, então saiu tarde e não ficou muito grande, mas eu gostei do resultado e espero que gostem tbm ❤️

estou muito feliz msm que estejam gostando tanto, estou botando muita criatividade nessa fic (criatividade que eu nem sei de onde eu to tirando) ent é muito gratificante que estejam curtindo 💙💙

Capítulo 14 - Me fale o que eu quero ouvir, Namjoon.


Fanfic / Fanfiction One Last Night - Namjin (Jikook/Vhope) - Capítulo 14 - Me fale o que eu quero ouvir, Namjoon.

 

~~JIN'S POV~~

 

Na volta para casa eu não poderia estar me sentindo mais contente. Eu tive a exata reação que eu esperava de Namjoon, e o fato dele saber o que eu estou fazendo me anima ainda mais.

 

Acabei pegando o táxi com Namjoon, Taehyung e Hoseok, já que já tinha os explicado o que estava fazendo, pois assim, se eu precisasse, eles não exitariam em me ajudar. Acabei não mexendo muito com ou em Namjoon, eu me diverti apenas com o jeito que ele ficava nervoso, pensando que a qualquer momento eu faria uma jogada, e o deixaria constrangido na frente de nossos amigos.

 

Chegamos no apartamento. Yoongi foi tomar um banho, Kook e Hope foram jogar algo no videogame, e Jimin e Taehyung ficaram sentados assistindo, esperando sua vez para jogar.

 

Mas isso não me interessa. O que me interessa é que tem noventa por cento de chance de Namjoon ter ido para o quarto dele apenas para me evitar. É uma pena que eu não vou desistir tão fácil. Se ele quer me evitar, ele vai ter que fazer mais do que se trancar no mesmo apartamento que eu.

 

Fui até o final do corredor, chamar Namjoon para se sentar conosco na sala, para que pudesse mexer um pouco mais com ele. Não vou mentir, está sendo divertido vê-lo pirar desse jeito. Bati na porta, em silêncio, para que ele não soubesse que era eu quem o chamava. Ele abriu a porta, e pareceu surpreso em ver quem era. Antes que pudesse abrir a boca, Nam me puxou pelo braço, e me puxou para dentro do quarto, me fazendo soltar um grunhido.

 

- E-Ei! Meu braço! 

- A gente precisa conversar. - Ele disse fechando a porta atrás dele com força e com uma certa urgência.

 

Eu sorri ao ver o quão desesperado ele parecia para conversar comigo.

 

~~NAMJOON'S POV~~

 

- Por favor, Jin, você tem que parar de me provocar assim. Eu não aguento mais. - O dia inteiro eu não parei de pensar no fato dele estar tão gostoso, rebolando por aí, e dando sorrisos simpáticos, ao mesmo tempo que me alisava de cinco em cinco minutos. O fato dele conseguir ser tão provocante e ingênuo ao mesmo tempo me enlouquece.

 

- Namjoon, o dia está só começando, eu não me diverti o suficiente ainda.

- Divertir? Você está fazendo isso por diversão? 

- Você transou com uma garota na primeira briga que tivemos. Não acha que eu tenho direito de te fazer sofrer? É claro que eu estou me divertindo.

 

Eu suspirei, irritado.

 

- Pare pra pensar, você saiu na rua com uma calça que marca cada parte da sua cintura pra baixo, e ficou chupando um pirulito como se chupasse um pinto. Você é uma cadela, Seokjin.

- E eu tenho a absoluta certeza que você ficou o dia todo pensando nessa cadela, certo Kim Namjoon? Pensou em me fazer a sua cadela. - Sua voz era sexy, porém agressiva.

 

Mordi o lábio inferior com força. Sim, ele está mais que certo. Eu quero muito foder Jin e fazê-lo gemer como a vadia que ele sabe ser.

 

- Mas você só vai conseguir isso, se me falar o que eu quero ouvir. - Eu arqueei uma sobrancelha,  enquanto ele aproximava nossos corpos devagar. 

- Sério? Eu vou ter mesmo que falar isso? - Protestei.

- Sério. Me fale o que eu quero ouvir, Namjoon. - Seokjin tinha um sorriso malicioso estampado em seu rosto. 

- Ok, tudo bem. - Cedi, deixando meu orgulho de lado. Eu simplesmente não aguento mais ficar um segundo olhando para ele sem poder tocá-lo, sem poder sentir o toque e gosto doce de seus lábios rosados ao encontro dos meus. - Eu estava errado, você estava certo. Sei que eu fui um filho da puta, mas eu estou muito arrependido. Eu quero muito que volte a confiar em mim, como confiava antes. Desde ontem, quando eu voltei para casa e tivemos aquela conversa, eu não pude deixar de pensar no quanto te magoei, e no quanto eu quero que você me perdoe. E sim, eu devia ter mandado Yui embora no momento que ela apareceu insinuando que queria sexo. Sim, ela é uma vadia. E não, eu nunca mais vou fazer isso, por que eu finalmente percebi que você é tudo que eu quero é preciso.

 

~~JIN´S POV~~

 

Sorri. Aquilo tinha sido mais eficaz do que eu esperava. Apesar de ser passivo, vou admitir que estar no controle da relação me excita muito. E eu adoro ver Namjoon expondo seus sentimentos, mas ele traiu completamente a minha confiança, Nam fez uma das coisas que eu acho mais repulsivas que alguém poderia fazer. E eu sei que eu não vou parar antes de fazer mais uma última jogada.

 

~~NAMJOON´S POV~~

 

- Olha só, você admitiu que ela é uma vadia, já é um bom começo. - Ele sorriu de lado.

- Calma, o quê? Começo? Você tem que estar brincando comigo.

- Oh, meu amor, - Ele riu. -  Você não sabe o que eu tenho preparado pra você. Não tem ideia. Eu vou fazer você se arrepender por cada segundo que esteve dentro daquela vagabunda.  - Jin chegou mais perto ainda de mim, aproximando ainda mais nossos corpos, que estavam a poucos centímetros de se encontrarem. Ele mordeu meu lábio inferior, e arranhou minhas costas de leve por cima da camisa, me fazendo querer mais imediatamente. Porém, para minha infelicidade, ele simplesmente me soltou e deu um passo para trás, voltando a criar distância entre nossos corpos. - Cada segundo.

 

Seus olhos brilhavam, e sua boca sorria um sorriso que conseguia ser sereno e malicioso ao mesmo tempo. Jin deixou um risinho escapar por seus lábios, e foi em direção à porta, parando e virando em minha direção antes de passar completamente para o corredor.

 

- Você talvez queira resolver essa ereção antes de ir para a sala. - Jin piscou para mim e saiu, me deixando sozinho encarando a porta, ainda perplexo.

 

Eu quase não consigo acreditar nisso. Jin é mesmo uma caixinha de surpresas. E vou admitir que não estou com vontade de ver o que ele tem planejado para mim.

 


Notas Finais


Me perdoem por postar tão tarde e por um cap pequeno, mas hj n tive tempo pra escrever, dei o meu melhor, espero que tenham gostado, MUITO OBRIGADA POR TANTO APOIO! 💕 AMO VCS DO FUNDO DO MEU CORE ❤

fiquem calminhas(os) pq eu não pretendo ficar enrolando muito só nas provocações não, ok? ok.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...