História One More Chance - (Rap Monster ) - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jeon Jungkook, J-hope, Kim Namjoon, Kim Seokjin, Kim Taehyung, Min Yoongi, Park Jimin
Exibições 30
Palavras 1.120
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Esse cap foi escrito no corre mesmo, então me perdoem qualquer erro ok?
Bjs Boua leitura :)

Capítulo 16 - "Mas aquela menina não era ela, e aquele cara não era eu..''


*P.O.V Namjoon*

Fui o primeiro de nós a sair com o carro, eu estava visivelmente alterado depois de tudo isso. Eu estava experimentando sensações que eu nunca imaginei experimentar, e a pior delas, era o medo...

Tudo bem, eu sei que sou um idiota, mas no meio do problema Seokjin ter jogado isso na minha cara só fez piorar tudo, eu me sentia umas dez vezes mais culpado do que já estava. Eu sei que talvez não tenha sido culpa minha isso que esta acontecendo, mas sei lá...

Eu penso que se eu não tivesse feito toda aquela merda, dito aquelas coisas ruins, ela estaria aqui agora, ela teria recorrido a mim. E agora estaríamos no parque juntos, e eu teria sido seu consolo.

Perai... O parque!!!

Como eu sou idiota, é claro que ela poderia estar lá, eu posso ir até ela, eu posso me desculpar, eu posso revelar o que sinto.

Dei uma freada brusca e dei meia volta, eu estava indo muito rápido, mas aquela sensação era a única que me trazia um pouquinho de conforto nessa tempestade que estava acontecendo em mim.

Parei de frente ao parque e quase sai do meu carro pela janela mesmo. O parque estava lotado hoje, havia dezenas de famílias e casais sorrindo, correndo e brincando entre si.

Meu coração apertou quando eu vi um casal deitado na grama olhando pra lua e rindo, aquele dia em que a gente veio e ficou aqui ficou passando como um filme, cada bom momento, cada sorriso dela, cada palavra. Mas aquela menina não era ela, e aquele cara não era eu. Foi ai que eu percebi que esse dia se tornou apenas uma memória que foi destruída por minha causa.

Rodei todo o parque, procurei por todos os lugares, mas eu preciso aceitar, ela não está lá...

Voltei para o carro irritado, bati a porta com o máximo de força que eu tinha, já eram quase 23:00 da noite, ver aquelas pessoas festejando felizes enquanto eu estava naquela situação fazia doer mais ainda. Mas eu só percebi o quanto isso me decepcionou quando senti uma lagrima persistente descendo pela minha face enquanto eu pensava.

Podia ser nós dois...

 

Comecei a dirigir por ai sem rumo, olhando para cada rosto que estava nas ruas, mas minha mente estava desligada, eu não conseguia pensar em nada e quando pensava, eram coisas ruins.

Sacudi minha cabeça e liguem o som do meu carro e comecei a buscar um arquivo quase que compulsivamente. Aquela musica... Eu precisava mais que nunca.

(N\A: Link da musica na descrição :3)

 

‘’A lonely road, crossed another cold state line
Miles away from those I love,
purpose is hard to find
While I recall all the words you spoke to me
Can't help but wish that I was there
Back where I'd love to be, oh yeah

Dear God the only thing I ask of you is
to hold her when I'm not around,
when I'm much too far away
We all need that person who can be true to you
But I left her when I found her
And now I wish I'd stayed
'Cause I'm lonely and I'm tired
I'm missing you again oh no
Once again’’

Cantando essa ultima parte, eu não pude aguentar... Eu explodi chorando desesperado. Meu coração apertado só indicava o que eu já sabia... Não tava nada bem.


‘’There's nothing here for me on this barren road
There's no one here while the city sleeps
and all the shops are closed
Can't help but think of the times I've had with you
Pictures and some memories will have to help me through, oh yeah

Dear God the only thing I ask of you is
to hold her when I'm not around,
when I'm much too far away
We all need that person who can be true to you
I left her when I found her
And now I wish I'd stayed
'Cause I'm lonely and I'm tired
I'm missing you again oh no
Once again

Some search, never finding a way
Before long, they waste away
I found you, something told me to stay
I gave in, to selfish ways
And how I miss someone to hold
When hope begins to fade...’’

Mas eu vou te encontrar meu anjo... Eu juro que vou!

As horas passaram depressa demais, eu estava me arriscando indo até os lugares mais barra pesada da cidade até, mas nada além de pequenas movimentações, reclamações e coisas desagradáveis. Não... Ela não pode ter passado por aqui. Eu rezo que não...

Já eram três da manhã quando eu recebi uma mensagem de Hoseok  pedindo que eu voltasse para casa. Será que ela voltou? Eles acharam?

Eu estava realmente cansado, mas juntei toda a força que eu tinha pra voltar o mais rápido que eu podia, mas sem nenhuma bobagem.

Quando parei em casa, todos os carros estavam lá, acho que eu fui o ultimo. Entrei rápido mas as expressões de todos só me confirmavam o que eu tinha medo de imaginar.

Luanna e a tal Karine estavam dormindo na sala, Laura, Yoongi, Jungkook e Hoseok estavam sentados no sofá e Jin estava em pé andando de um lado para o outro.

- Nada? – Perguntei e eles negaram – Que merda...

- Fomos na delegacia até, mas nenhum registro. – Jungkook suspirou – Agora, só esperar...

- ESPERAR!? – Eu gritei alterado – Não dá pra esperar ! A gente precisa procurar mais, não procuramos direito com certeza.

- Namjoon calma... – Laura começou mas eu a cortei.

- Não tem como ficar calmo, vocês não percebem?? E numa situação assim vocês ficam sentados feito babacas.

- Cara olha aqui – Jin disse irritado – Você pensa que é só você? Estamos todos nós preocupados, você não se manca que nessas ultimas horas todo mundo estava desesperado procurando ? Não é só você que esta sofrendo nem nada, e nem devia! Foi você mesmo que foi o que fez mal pra ela, você tratou feito lixo, agora se a gente achar ela vai fazer o que? Pedir desculpinha?? Você é um idiota.

Eu ia socar Jin com todo o meu ódio, mas Yoongi segurou meu punho e o abaixou.

- Não cara, não faz algo que você vai se arrepender.

Olhei para todos ao redor e não consegui dizer nada, subi correndo as escadas e fui para o meu quarto. Eu só queria tentar dormir.

Mas assim que eu me deitei, eu comecei a me lembrar daquele sonho estranho que havia tirado meu sono anteriormente. Teria alguma relação entre o que esta acontecendo e esse sonho maldito?

Eu não consegui dormir, sempre que eu fechava os olhos podia ver.

Você precisa me encontrar....

Eu vou te encontrar princesa... Confie em mim...

 


Notas Finais


Iai gostaram??
Bom, sinto que o Nam tem sentimentos, mas que bom saber... u.u
Ainda precisa descer a voadora?? ashuashs
Obrigado por ler, não se esqueçam de avaliar.
Beijooos :3
Link da música: https://youtu.be/mzX0rhF8buo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...