História ᬉ❅ᤲᤱOne More Night - Min Yoongi❅ᤲᤱᬉ - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga
Exibições 74
Palavras 1.427
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeong para você que está lendo. Espero que goste desse capítulo.

Capítulo 2 - • °ंMin Yoongiं ° • - "Ciúmes?"


Fanfic / Fanfiction ᬉ❅ᤲᤱOne More Night - Min Yoongi❅ᤲᤱᬉ - Capítulo 2 - • °ंMin Yoongiं ° • - "Ciúmes?"

~Eu podia ouvir os risos dos garotos com as minhas malas. Assim que olhei para trás, Yoongi também ria, de forma mais discreta, até que observo mais três garotos chegando, me fazendo revirar os olhos. Queria correr dali e deixar aqueles otários para trás.~

???

-Bom, você deve ser a Ayaki, a irmã gostosa que o Yoongi tanto fal.... ~Coro instantaneamente e vejo Yoongi dar um soco no braço do rapaz.~ Me desculpe, sou Namjoon, mas pode me chamar de Nam ou de Rap Monster, é um prazer conhecê-la.

???

-Porra Namjoon, o Yoongi disse pra manter isso em segredo! ~Eles riem, o que me deixa mais rubra do que provavelmente já estava, sentia minhas bochechas queimando.~ Olá Ayaki, sou o Jungkook, o mais novo, pode me chamar de Kookie, se preferir.

???

-Vocês são tão crianças, não vêem que ela se incomodou com o assunto? Façam algo útil agora e calem a boca. ~Vejo ele se aproximar e tocar meu ombro com aquela mão gélida. Ele parecia ser bem mais maduro que os outros. Ajeito meu short e meu moletom que, por culpa daquela brincadeira, meu short havia sido elevado e meu ombro estava à mostra.~ Sou Kim Seokjin, mas prefiro que me chame de Jin, por favor. Sou o mais velho do grupo e mais responsável, se tiver alguma dúvida de algo, pode me perguntar, ok? ~Eu assenti, esboçando um sorriso simpático, que foi retrocedido pelo rapaz.~

??? e ???

-Estamos atrapalhando o casal, Jin? ~Eles falam em uníssono e rindo, em seguida, vejo Yoongi lhes lançar um olhar de raiva, fazendo com que os dois parassem de rir.~ Bom, eu sou o Taehyung, mas pode me chamar de Tae ou V. ~Um deles fala um pouco alto. Bufo tirando o cabelo caído no rosto. Eu tinha que me controlar pra não matar ninguém.~ Annyeong Ayaki, eu sou o Hoseok, mas pode me chamar de Hobi ou Seok. ~O segundo fala enquanto dá um largo sorriso.~

Jin

-Vamos pra casa do Yoongi? ~Ele sorri esperando minha resposta e assim que concordei, ele passou o braço em torno de meu ombro, me puxando pra andar com ele.~

~Eu ainda tenho dúvidas do que o Namjoon quis dizer sobre "Irmã gostosa que o Yoongi tanto falou." Que porra de história é essa? Entramos em um carro logo em seguida e não tinha espaço pra eu sentar livremente. Eu teria que ir no colo de alguém. Eu ia me sentir mais criança do que já sou.~

Yoongi

-Você não vai no colo de ninguém, o Jungkook passa para trás e você senta aqui na frente. ~Ele fala já nervoso, mais do que antes e vejo o Jungkook,l questioná-lo, logo se arrependendo pois Yoongi bate na cabeça do garoto.~

~Nego com a cabeça e me sento no colo de Seokjin. Ele sorri e Yoongi me olha, ainda bravo. Me Ajeito no colo do maior e ele abraça minha cintura, me segurando para eu não me machucar caso meu irmão parasse o carro com certa estupidez.~

Jimin e Namjoon

-Caralho ein Jin, você tem uma sorte que meu senhor. Eu queria que a Ayaki fosse no meu colo. ~Os dois comentam um para o outro como se não houvesse mais ninguém no carro. Olho pro garoto que dirigia e agora tinha cara de que ia matar aqueles dois. Dou uma risada fraca e me encosto no Jin.~

•°(Casa de Min Yoongi-19h49min)°•

~Demoramos um pouco para chegar e eu já estava quase dormindo sobre o colo de Jin quando sinto o carro estacionar com rapidez e brutalidade, me fazendo bater a cabeça no banco e soltar um leve som, que demonstrava minha dor.~

Jin

-Caralho Yoongi, parabéns seu idiota, ela se machucou por culpa da sua crise de ciúmes desnecessária. ~Jin sai do carro, me deixando no banco, tira minha mochila do chão do carro e coloca nas suas costas. Minha mão estava sobre a testa e quando ia me levantar e sair do carro, sinto sua mão comprida e gelada tocar meu ombro e minha coxa, me carregando em seu colo.~ Vem baixinha, vou cuidar de você antes que você fique com dor de cabeça ou com algum hematoma.

~Antes que eu pudesse negar, ele já estava me levanto para dentro da residência, que por sinal, era enorme para só um morar ali. Me seguro em seus ombros e sinto seus olhos me encarando de um jeito fofo. Fecho meus olhos e encosto a cabeça em seu peito, ouvindo seu coração bater lentamente em um ritmo musical que me acalmava. Entramos na casa e ele logo me coloca no sofá de forma delicada. Sorri e o vejo saindo, me deixando sozinha com Jimin, Nam, Tae e Seok. Yoongi havia ido em direção ao seu quarto, que era no segundo andar. Sua expressão estava mais fria do que antes quando entramos. Assim que percebo olhares sobre mim, viro meu rosto em direção as garotos que secavam, indiscretamente, minhas coxas e meu ombro onde deixava meu sutiã visível, assim mostrando um decote razoável. Reviro meus olhos e arrumo minha camisa, fazendo-os mesmos suspirarem, decepcionados.~

Ayaki

-Vocês são um bando de idiotas, crianças que só pensam em sexo. Enfiem a porra da cabeça de vocês dentro de um triturador antes que eu faça. E eu não vou cortar só uma, e sim as duas.

~Eles tentam disfarçar e logo ouço a risada do Jin, que chegava com um comprimido, um copo de água e um pano molhado com água gelada.~

Jin

-Aqui princesa, o remédio vai passar a dor e a toalha vai fazer o hematoma desaparecer, ok?

~Sorrio tomando aquela pílula e logo coloco a toalha na testa. Vejo todos levantando e me avisando que já iriam para suas respectivas casas.~

Ayaki

-Vocês não podem me deixar aqui, ele vai querer me matar enquanto eu durmo. ~Falo assustada e com os olhos fechados.~ Ele é louco. 

~Sinto passos se aproximando e logo alguém se abaixa em minha frente. Abro os olhos e sinto uma mão quente e pesada levantar meu rosto. Namjoon sorri e me olha.~

Nam

-Aya, me desculpe por hoje mais cedo, falar aquelas merdas para você. Todos estamos arrependidos. ~Ele sorri e beija minha testa de um jeito meigo e doce, me fazendo sorrir fraco.~ Yoongi não vai te matar, mas tranque sua porta. Ele pode querer fazer outra coisa. ~Ele sussurra a última frase e logo se levanta, saindo com os outros.~

~Subo correndo e me tranco em meu quarto, que já estava com as malas e tinha uma decoração escura, como eu gostava. Suspiro aliviada e me jogo em minha cama. Tiro minha roupa, ficando de lingerie e coloco meu celular na câmera automática. Me viro de costas, arrumando o cabelo para o lado, deixando meu corpo bem visível. Assim que tiro a foto, corro para o banheiro com uma toalha em mãos. Corto a foto, deixo em um filtro preto e branco e posto naquela rede social que tanto me deixava segura comigo mesma. Assim que público a foto, bloqueio a tela do celular, tiro o resto de roupa que ainda vestia e entro no box, tomando um banho quente e deixando meus pensamentos fluirem.~

_°°32 Minutos depois...°°_

~Saio do banheiro enquanto estou enrolada na toalha. Suspiro logo abrindo minha mala e percebendo que muitas roupas minhas não estavam ali, minha mãe havia provavelmente doado e foi comprar roupas novas. Ela me disse que estava com pouco dinheiro, então como comprou tanta roupa. Vejo uma parte da mala de só haviam calcinhas e sutiãs, me fazendo soltar uma risada fraca com a organização da minha mãe. Pego a primeira calcinha que vejo e visto, uma preta, logo vendo que tinha algo escrito. Vou até o espelho e vejo que está escrito Here, Daddy. Solto uma risada irônica e vou atrás de um short para usar de pijama, mas vejo apenas moletons curtos, e blusas de vários tamanhos. Pego uma camisa branca com manga comprida preta. Calço uma meia preta pois o chão estava frio e eu já havia tido a ideia de que minha mãe queria que eu fosse abusada ou morresse de frio durante a noite usando roupas assim. Destranco a porta do quarto, desço as escadas tentando não fazer barulho e vou até a cozinha, atrás de algo para comer. Assim que não encontro nada, minha frustração volta e procuro o número de algum delivery. Ligo para o mesmo do telefone fixo e peço sushi. Eu não sabia se meu irmão iria querer, mas pedi para ele também. Pego um copo de água e encosto meu braço no balcão, ficando apoiada de uma forma meio inapropriada. Meu irmão deve estar dormindo, então nem liguei para isso. Me perco em meus devaneios mas logo saio dos meus pensamentos quando....~


Notas Finais


Capítulo meio pequeno, espero que tenha gostado. Comente se algo não está bom.

Beijos da Tia Pumpkin! 💀👻💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...