História One shots - Girls love - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Lesbicas, Orgasmo, Sexo, Sexo Lésbico
Exibições 409
Palavras 855
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 2 - Webcum


Fanfic / Fanfiction One shots - Girls love - Capítulo 2 - Webcum

Oi, meu nome é Sarah, tenho 17 anos, altura média, namorando o cara mais gato do colégio e tenho a melhor amiga de todas, a Alice.

Inclusive agora estou fazendo uma festa do pijama com aquela doida, amo muito.

-Ainda está namorando o Dave? -ela perguntou deitada de costas para mim mechendo no celular.

-Não exatamente, só nos falamos pelas redes sociais e as vezes saímos depois das aulas, ele é ocupado.

-Mas me conta, vocês já transaram? -ela virou para mim cruzando as pernas.

-Não, mas trocamos vídeos sensuais.

-Jura? Tipo como? -ela ficou animada.

-Simples, a cada vídeo que eu mando, se ele gozar, me manda um devolta e vice-versa. -olhei o meu celular. -inclusive acabou de me mandar um.

-Posso ver? -sorrimos maliciosas.

O vídeo começava com ele se masturbando e depois gozando. Percebi que eu fiquei muito molhada e durante o vídeo Alice passava a mão na intimidade por cima do pijama.

-O que achou? -perguntei.

-Vamos enviar um pra ele, eu e você sensializando e assim ele manda dois. 

-Essa é a ideia mais idiota do mundo, mas pode ser divertido.

Ela pegou a câmera do celular e encostou entre a parede e a cama. Começamos a rebolar e mostrar a barriga. Alice e eu ficamos de frente uma para a outra ainda olhando para a câmera.

Nossos peitos de tocavam toda hora e senti que seus mamilos estavam excitados. Só que quando encostei a perna na sua vagina ainda de pijama algo pingou na minha perna, ela percebeu e me olhou.

-Sarah... -nossas bocas estavam próximas. -Me desculpa.

-Quer saber? Vamos sensualizar de verdade agora. -agarrei com força sua vagina fazendo ela abrir a boca e fechar os olhos.

O seu clitóris roçava o pijama várias e várias vezes enquanto ela gemia.

-Alice, se vamos fazer isso vamos fazer direito. -ela assentiu.

Alice agarrou meu rosto e o levou para perto do seu, me beijando. Ainda ajoelhadas na cama, a posição de nossas pernas se intercalaram, fazendo a perna dela encontrar minha vagina e a minha ir de encontro com a sua.

Estava muito excitante então comecei a fazer movimentos de vai e vem em cima de sua perna.

Ela sentou na cama possibilitando que eu aumentasse a velocidade do movimento. Parei o beijo e comecei a gemer.

-Ohhhh sim, tá sentindo meu líquido Alice? Porque eu estou. Ohhh eu vou... 

Gozei tudo na perna dela e a mesma se ajoelhou novamente e começamos o beijo mais ardente do mundo.

-Você sujou minha perna. Quer parar o vídeo e tomar um banho? -ela desligou a câmera antes que eu respondesse.


Enchemos a banheira e eu entrei primeiro molhando meu cabelo e todo meu corpo.

Ela tirou a roupa devagar mostrando cada detalhe daquele corpo delicioso. Seus peitos eram pequenos perto dos meus, mas era gostosos.

-Lambe minha perna. -Alice se aproximou da banheira.

Comecei a lamber meu próprio gozo e sentir todo meu gosto olhando sensualmente para ela, fui aproximando minha língua de sua vagina até tocar seu clitóris.

Explorei cada espaço de fora com a língua enquanto ela tinha espasmos. Ela agarrou meu cabelo fazendo eu lamber mais forte.

-Fode minha buceta logo sua piranha, ohhhh yeah, lambe tudo... -penetrei a língua seguida de dois dedos no seu ânus. -Aii meu cuzinho, vai arrombar ele, ahhhh vai, vai, vai...

Dei uma última penetrada no seu cu e ela entrou comigo na banheira me beijando ferozmente. E me virei de quatro. 

Ela abocanhou meu cu dando penetradas rápidas com a língua, e depois o abriu com dois dedos de cada mão.

-Não faz isso Alice, sou virgem ai. Ahhh yeah, continua, ohhhh. 

Ela parou, ajoelhou encostando a buceta no meu cu e fazendo movimentos como se estivesse me fodendo. 

A água estava na altura do meu cu e encostava toda hora, era excitante.

Alice pegou uma escova de cabelo e encostou o cabo na entrada do meu ânus devagar e a cada vez ia entrando mais. Até que eu me enchi de prazer.

-Pode esperar Sarah, não é sua vez de gozar. 

Ela sentou na bancada da altura da banheira e começou a se esfregar no mármore. Peguei o shampoo e comecei a fingir um boquete pra ela continuar se masturbando.

Quando a embalagem já estava bem babada encostei na entrada de sua vagina e fui penetrando devagar enquanto apertava seus peitos pequenos.

Enquanto eu penetrava devagar ela apertou meus dois peitos fazendo movimento de vai e vem.

-Vai mais fundo, eu aguento. -na hora que ela disse isso apertei o shampoo com mais força para dentro. -Ahhh eu vou mijar.

O líquido saiu de cima da sua entrada enquanto ela gritava de dor e prazer. Ele batia na minha cara. 

Agora uma ajoelhada na frente da outra. Eu e ela fazíamos movimentos como se entivessemos ordenhando uma vaca. Ela apertava muito forte o que me deixava com uma sensação estranha, até que cheguei ao meu ápice.

-Ahhhh sim, está saindo tudo Alice, ohhh yeah. -eu não sabia que podia fazer isso, mas era muito gostoso.

O líquido branco jorrava do meu bico do peito e caía nos peitos da morena. Ela me mamou sugando todo líquido que ainda saía.

Levantei enquanto ela ainda estava abaixada e comecei a esfregar minha buceta no peito pequeno dela que roçava meu clitóris. E gozei neles todos.

-Ainda vai enviar o vídeo?

-Óbvio



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...