História OneShot - Jeon Jungkook - Garota de Ipanema. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jungkook
Exibições 81
Palavras 4.634
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eeeee, mais um OneShot do Kookie! Neste aqui eu peguei mais pesado, me dediquei bastante e deu nisso. Minha intenção era posta-lo de madrugada ~que foi quando terminei~ mas o spirit ficou em manutenção e etc, como muitos sabem.
Eu espero muito que gostem desse OneShot por que eu fiz ele com todo o carinho do mundo pensando em vocês.

Boa leitura!


*Significado das parênteses*
(S/N) = Seu Nome
(S/A) = Seu apelido
(S/A/F) = Seu apelido fofo
(N/AMG 1, 2 OU 3) = Nome de três amigas suas

Capítulo 1 - Garota de Ipanema


Se você fosse contar todos os acontecimentos imprevisíveis que poderiam acontecer com você, acabaria ficando totalmente maluco. Meu acontecimento foi (S/N). Brasileira, 19 anos, olhos castanhos escuros, quase preto, cabelos cacheados, pele morena, 1,67 de altura e uma voz maravilhosa. Era integrante de uma nova banda aqui na coreia. Ela havia começado a cantar no Brasil, mas acabou chamando atenção de algumas empresas, o que a fez debutar aqui. Logo na BigHit. Depois que ela chegou eu fui basicamente a pessoa mais feliz deste universo. Todo dia ensaívamos juntos, almoçávamos juntos, saíamos para tomar um sorvete juntos. Todos estes pequenos atos me fizeram ficar perdidamente, completamente, ridiculamente, apaixonado por aquela garota.


Era mais um dia de ensaios cansativos. Estávamos ensaiando pela trigésima vez a coreografia de ''Blood Sweat and Tears''. Óbvio que estava perfeita mas, daqui a algumas semanas já começam as gravações, melhor estarmos preparados.


- FINALMENTE! Eu to cansado já de ser sensual, devo usar minhas técnicas habilidosas só de vez em quando, na próxima coreografia usem algo mais kawaii - Suspirou Hoseok  se jogando dramaticamente no chão. Ignoro todos e saio, indo atrás de uma toalha e uma garrafa d'água. ''Leve isso, vai precisar'' lembro de Jin me oferecendo a toalha e eu negando logo em seguida. Maldito, sempre tem razão. Acabo me perdendo em meus pensamentos e esbarro em alguém. 

 


- Desculpe - Digo sem olhar para a pessoa. Quando levanto a cabeça, dou de cara com Jesus. Ele voltou e não me avisou?
- Oh, An-nyeong-ha-se-yo, JungjuKookie! - Disse, logo em seguida dando um sorriso. Não me mate assim. Ela contraiu uma mania de me chamar de JungjuKookie, mas eu gosto tanto que nem me preocupa mais o fato de que o apelido surgiu quando a mesma tentava dizer o meu nome, falhando miseravelmente.
- An-nyeong-ha-se-yo, (S/N) - Falei timidamente - Como vão os treinos? - Pergunto, bagunçando um pouco meus cabelos 
- Ah, pesados mas, acho que esse hominho aqui pode aguentar - Disse mostrando seus pequenos músculos pequenos e rindo. A acompanhei - Precisa de algo? - ''Talvez eu precisasse de você'' pensei.
- Bem, na verdade sim - Sorri igual ao um idiota. Aqueles olhos negros me davam uma sensação boa, de conforto. Tudo o que eu precisava dizer era ''eu preciso de você''
- Então...- Respondeu rindo. Continuei em silêncio apenas à observando - Kookie? Tá tudo bem, Kook? - Perguntou balançando a mão na frente dos meus olhos e rindo. Sai do meu transe.
- Oh, sim, desculpe - Ri nervoso - Precisava de uma toalha e uma garrafa d'água-
- Precisava? Não precisa mais? - Arqueou uma sobrancelha 
- Precisava, na verdade, preciso, quer dizer...- Me confundi em minhas palavras - WHA! Por que insisto em me embolar com as palavras? - pergunto a mim mesmo, fechando os olhos em seguida. Escuto uma gargalhada gostosa
- Ok, tome - (S/N) me entrega uma toalha e uma garrafinha - Faça bom proveito e tente descansar um pouco, parece bem cansado - Bagunçou meu cabelo logo em seguida
- kamsahaeyo, (S/N), tchau - Sorri, acenando logo em seguida.
- Anieyo!-

Quebra tempo/

- Ai. Meu. Deus! - Digo após entrar na sala - Ela me notou, oh jesus - Sento no chão suspirando.
- Vocês dois fazem um casal tão bonitinho, (S/N) é a única que pode te roubar de mim - Jimin disse fazendo uma tentativa aegyo sexy. Nem tentem imaginar.
- Você não sabe como eu sou apaixonado por essa garota. Ela tem um efeito sobre mim que nem a Lisa atingiu esse ponto! - Cito minha ex namorada. Lisa era bonita, jovem. Eu me apaixonei por ela quando ela estava debutando também. Até que simplesmente, todo o amor acabou e terminamos. Nada tão trágico assim.
- Eu só acho que você deveria tomar uma dose da famosa atitude - Yoongi disse sentando ao meu lado. Naquele momento todos haviam se sentado em minha volta, fazendo uma rodinha de conselhos. 
- Por que não á convida para sair? Tomar um sorvete, assistir um filme...Aposto que ela aceitaria numa boa! - Taehyung deu a ideia. Neguei com a cabeça
- Não, fazemos isso todo final de semana depois dos treinos - Os garotos me olham surpresos - O que? Tem uma sorveteria aqui perto, acha que íamos apenas olhar de longe? - Ri. Todos riram juntos. 
- Talvez um passeio no parque seria uma ótima opção - Namjoon disse enquanto verificava suas redes sociais. Nem um pouco viciado
- Soube que ela gosta de skate, leva ela pra uma pista - Hoseok sugeriu 
- Porra, ai todos os meninos vão ficar olhando pra ela e o nosso filho vai ficar cheio de ciúmes - Jimin disse me dando um soco de leve no braço. Corei violentamente. No mesmo momento, todos elevaram seu tom de voz, principalmente Omma Jin
- PRIMEIRAMENTE, não é porra, é esperma - Disse, o que resultou em todos gritando ''AAHHH, SÉRIO?'' e surgindo risadas escandalosas. - CALEM A BOCA! - Gritou em seguida, fazendo todos ficarem quietos, porém seguram a risada. 
- Kookie, siga o que seu coração estiver falando. Não escuta o conselho desses babacas não, vai na fé - Disse Hoseok me dando dois tapinhas nas costas
- OLHA AQUI HOSEOK, CÊ FICA QUIETO QUE A PIOR SUGESTÃO DESSA RODINHA FOI DADA POR VOCÊ! - Yoongi gritou, fazendo todos concordarem e toda aquela bagunça voltar novamente. Me levantei calmamente e sai da sala de ensaios. Fui andando até o final do corredor quando vejo uma sala um pouco mais distanciada. Era a sala que ela ensaiava. A mesma se encontrava lá dentro treinando alguns passos, porém sem a música. Ela vira para trás, fazendo com que eu me abaixe um pouco para que minha presença não seja notada. Logo de cara é possível escutar os primeiros acordes de ''Bad Karma'' do Axel Thesleff. 

 


Ela vestia uma calça preta, uma regata também preta e sua bota coturno bege. Ela não tirava essa bota, foi amor a primeira vista com ela quando me viu com uma dessas. Seus cabelos cacheados e, um tanto armados, estavam caídos pelos seus ombros. Em seu pescoço, um colar pedra da lua. Obviamente aquela pedra não brilhava tanto quanto seus olhos negros. Em um movimento brusco, (S/N) começou a dançar, enquanto mexia a cintura e mantinha o movimento constante de seus braços, perfeccionando mais ainda a dança. Seus cabelos que, antes estavam pairados em seus ombros, agora estavam totalmente livres, balançando de um lado para o outro em um ato rápido.


''O na kar maan rupaye vaala baar baar ke na rajje o na kar maan rupaye vaala baar baar ke na rajje'' a mesma cantava ofegante. A letra era um tanto estranha, mas combinava perfeitamente com a voz dela. Ela quicava, rebolava, pulava. Deus, aquilo estava me levando ao delírio. Em poucos segundos restantes a música acaba, deixando apenas a respiração pesada de (S/N) ser escutada. A mesma se senta no chão. 


Abro um pouco a porta, batendo na mesma. (S/N) me manda um olhar de ''Pode entrar'' e sorri mostrando um pouco seus dentes. 


- A quanto tempo estava observando? - Perguntou arfando. Aquilo estava me deixando louco. Ver o suor em sua testa, seus cachinhos grudados em seu pescoço enquanto a mesma tinha a respiração um tanto forçada. Estava começando a me dar pensamentos impuros.
- Tempo suficiente para ver o quão incrível e boa dançarina você é - Falei sorrindo, me juntando a ela naquele chão gelado, porém confortante. Virei meu olhar em sua direção. Ela estava corada. - Ah, é, tô - Lhe entreguei a garrafa d'água. Ela sussurrou um ''obrigada''. Balancei a cabeça positivamente. 
Um silêncio ensurdecedor se espalhou pela sala. Só se era possível escutar o barulho de nossas respirações, ambas agitadas. Até que finalmente resolvi me pronunciar:
- (S/N) - A chamei. Ela virou seu olhar um tanto curioso em minha direção, tomando postura e mordendo o lábio logo em seguida. ''Se não parar de morder esses seus malditos e carnudos lábios, serei obrigado a ataca-los'' pensei comigo mesmo. Parei um estante e...espera. Por que eu a chamei?
- Diga - Disse piscando brevemente seus olhinhos. Meu olhar desceu para seus lábios. Em algum momento, me lembro de ter ousado olhar seus belos seios contornados. Eles estavam espremidos dentro de seu sutiã, como se dissessem ''Nós imploramos, nos tire daqui''. Era um pedido tentador, porém eu deveria manter a calma. 
- O que acha de irmos a uma pizzaria? Você chama suas amigas e eu chamo os meninos...Podemos ir daqui a pouco, só para - Fiz uma pausa. Acabei me perdendo em seu olhar. (S/N) levantou suas sobrancelhas em forma de ''Continue, estou te ouvindo'' - Só-só para...relaxar - Gaguejei um pouco. Sinto minhas bochechas queimarem neste exato momento. (S/N) exalou uma risada gostosa, provavelmente por ver o estado do meu rosto. 
- Claro! Adoraria sair com vocês. Vou avisar as meninas - A mesma respondeu. Abri um sorriso e me levantei rapidamente, esticando a mão para ajuda-la a se levantar. Murmurou um ''obrigado'' e mordeu o lábio. Preciso logo ir embora, se não minha sanidade vai ficar todinha com essa garota. 
- Ahm...aqui na frente da BigHit as...- Paro para olhar a hora em meu celular. 3:30 P.M - 5:00 horas? - Pergunto dando um sorriso meio amarelo. Eu estava tímido, muito tímido, e ao mesmo tempo totalmente exitado a cada vez que ela mordia aqueles lábios.
 - Sim, obrigada, até daqui a pouco - Se aproximou para me dar um beijo na bochecha - Jungkookie. - Sussurrou em meu ouvido, logo depois saindo da sala de cabeça baixa e indo até seu dormitório que ficava mais a frente, junto com todos os outros. Estremeci e mordi meu lábio com força, deixando um pequeno buraquinho em meu lábio inferior que começa a sangrar. 


Volto para a sala de ensaios e encontro todos arrumando seus pertences. 


- Ei, topam ir na pizzaria comigo e com as (Invente um nome pra sua banda)? - Pergunto. Recebo um olhar malicioso dos mais velhos e umas risadinhas. 
- Olha ele, já conseguiu um encontro - Hoseok disse fazendo uma voz estranha e sorrindo.
- Estou fora! - Namjoon disse, indo ao lado de Yoongi, que também concordou.
- Ahhh não, se um vai pro buraco, vai todo mundo junto! - A Omma se exaltou - Kim Namjoon, você vai se não vai dormir no sofá esta noite! - Apontou para o mesmo.
- Ah nããão, o sofá não - Reclamou, levantando a cabeça e indo para o lado de Jin que sussurrou um ''te recompenso por isso mais tarde'' que quase passou despercebido. 
- E você - Disse apontando para o Suga -, Min Yoongi, vai ficar sem seu Kumamon - Disse por fim, semi-cerrando os olhos em uma forma assustadora. Yoongi cedeu e acabou por vir ao lado negro da força. 

5 P.M


Eu tinha sido o primeiro a ficar pronto. Coloquei uma calça jeens clara, uma blusa branca, minha jaqueta jeens verde exército e por baixo minha camiseta vermelha xadrez de flanela. Eu usava minhas botas pretas, com as solas um tanto gastas mas, ainda dava para usá-las. 


- Chegamos - Ouvi a voz de (S/N). Ela estava linda. Usava uma calça jeens cintura alta dobrada nas barras, um all star vermelho cano médio, uma regata branca e suspensórios. Ela tinha retirado suas lentes de contato, então estava usando seus óculos de grau estilo John Lennon. Seu cabelo estava preso em um coque, porém com algumas mechas caídas aos lados do rosto. - Meninos, estas são (N/AMG1), (N/AMG2) e (N/AMG3) - Nos apresentou as meninas. Todos se cumprimentaram e fomos direto a caminho da pizzaria. 


Não era um local tão chique. A pizzaria ficava a umas duas quadras da BigHit. Normalmente, quando é aniversário de algum de nós ou da produção, pedimos pizza lá e os bolos também que, particularmente, são deliciosos. 


- Boa tarde, o que vão pedir? - Disse a garçonete segurando um tablet para anotar nossos pedidos. Estávamos sentados em uma mesa redonda, nesta ordem - Eu, a minha direita (S/N), a minha esquerda Hoseok, depois Taehyung, Jimin, Jin, Namjoon, Suga, (N/AMG2), (N/AMG1) e (N/AMG3) - atrás de nossa mesa ficava a parte de fliperama da pizzaria. 
- Ah, nós quatro queremos uma portuguesa, duas pepsi's, um refrigerante de pepino, outro de batata e uma água sem gás - (S/N) fez o seu pedido e o das meninas. Me viro para os garotos e pergunto o que eles querem. 
- Peperoni, 4 queijos e frango com catupiry! - Os 6 falam juntos. As meninas olham espantadas e começam a rir.
- Vocês tem tudo o mesmo gosto, jesus! - Disse (N/AMG1) dando uma risada baixa.
- Bom, só o gosto de mulheres que é diferente - Yoongi a respondeu, dando uma piscadela em seguida, fazendo a menina corar violentamente. 
- Min Yoongi! - SeokJin deu uma cotovelada no mais novo, o repreendendo, mas logo rindo em seguida. 
- E para beber senhores? - Perguntou a garçonete depois de anotar as pizzas. Penso por um estante 
- Acho que todos vão querer refrigerante de camarão, certo? - Pergunto encarando-os a espera de uma resposta. Todos murmuram um ''Uhum'' e a moça termina de anotar tudo. 
- Ok, em 15 minutos estará tudo pronto! - Disse saindo. 4 minutos depois veio outro garçom trazer nossas bebidas.

- Duas pepsi's? - Ele pergunta. (S/N) e (N/AMG2) levantam a mão e dão um sorriso fechado. - Ok, duas pepsi's para as duas princesas - Disse sorrindo e colocando as latinhas em cima da mesa. Hey, princesa? Sério mesmo? A que ponto de cliché esse cara pode chegar? Tsc.... Vejo (S/N) sorrindo corada com o elogio. Então quer dizer que ela gosta de caras clichés? - Um refrigerante de pepino e outro de batata? - (N/AMG1) e (N/AMG3) levantam a mão - Saindo dois refris para as donzelas - Colocou as garrafas em cima de mesa e piscou para as duas. Dou uma olhada de relance e percebo que Yoongi e Jimin se sentiram um pouco incomodados com a situação ocorrida. Pelo jeito não sou o único In Love aqui. (Autora: Nossa senhora, eu sou muito cliché) 


- 7 refrigerantes de camarão? - Perguntou. Não é óbvio que é pra gente? Meu deus.
- Nós - Namjoon disse liberando espaço para o garçom coloca-los. 
- Me digam, quem são os 4 sortudos de vocês que namoram essas beldades? - Disse sorrindo. Percebo as meninas corarem e Yoongi e Jimin também. Minhas bochechas começaram a arder. 
- Ahn, estamos apenas entre amigos aqui, só isso - Finalmente Yoongi se pronunciou, rindo um pouco e olhando para Namjoon como quem estivesse pedindo reforço. 
- É...isso mesmo, apenas amigos! - Sorriu amarelo. 
- Bom, é uma pena. Já iria montar alguns casais - Suspirou triste - Aliás - Se virou para mim e logo depois para (S/N) -, vocês dois são um dos casais que eu shippo - Nos encaramos e mordemos o lábio ao mesmo tempo, mas de vergonha. - Oh, perdoem-me, vou me retirar. Aproveitem bastante e bom apetite - Nos desejou e saiu em direção a cozinha. Depois de 15 minutos ou menos, nossas pizzas chegaram e as devoramos como se não houvesse amanhã. Durante o nosso pequeno ''almoço da tarde'' ficamos conversando sobre diversas coisas. Percebi uma troca de olhares entre as meninas e Yoongi/Jimin. Eu apenas olhava para (S/N) quando a mesma dizia algo ou ria cobrindo a boca.

- O que acham agora de irmos na área do fliperama? - (N/AMG3) sugeriu enquanto terminava seu refrigerante de pepino. Tínhamos terminado de comer. 
- Pessoal, infelizmente eu vou ter que sair. Tenho um encontro com o Sonny - Falou (N/AMG2) enquanto checava algo em seu celular, provavelmente alguma mensagem. 
- Sonny? Você diz o Sonny Moore? O Skrillex? Do 'drop the bass'? - Taehyung pergunta quase babando. Ele é um fã alucinado de eletrônica, principalmente do Skrillex. O cara realmente manda bem. 
- Ele mesmo, preciso tratar das faixas do novo álbum. Ele está produzindo o álbum inteiro, mas principalmente a música Hate - Disse arrumando seu cabelo. 
- Shiu, (N/AMG2), chega de Spoilers - (S/N) repreendeu a amiga rindo um pouco. - Vai lá, depois nos conte como foi - Lhe deu um beijo na bochecha. (N/AMG2) se despediu de todos e saiu em disparada. 
- FLIPERAMA! - Gritei me levantando. Todos vieram atrás de mim e me seguiram adentro daquele universo de games. Olho para (S/N) e vejo seus olhinhos brilharem através de seus óculos de grau. Por que tão linda? Eu estava tão concentrado em seus detalhes faciais que nem percebi que a mesma também estava me encarando. Mordo o lábio lentamente e pisco duas vezes para ter certeza que aquilo é real. Que ela é real.
- Então né, sem querer atrapalhar o 'quem pisca primeiro' de vocês nem nada mas, temos um fliperama inteiro para dominar - Yoongi disse chamando nossa atenção. Vi (S/N) corada, mas quase não dava para notar por conta das luzes coloridas do fliperama. 


Fomos primeiro no Hóquei de mesa, aonde (N/AMG1) ganhou de Yoongi e o desafiou a gritar pela pizzaria ''EU, MIN YOONGI VULGO SUGA, DECLARO SOLENEMENTE QUE NUNCA MAIS IREI RECLAMAR QUANDO ALGUÉM ATRAPALHAR MEU SONO DIVINO DE BELEZA PURA CONSAGRADO POR DEUS. AMÉM'' e sim, ele gritou EXATAMENTE isso. 


Depois seguimos para Mario Kart, e dessa vez quem jogou foi SeokJin e Namjoon. De vez em outra, os dois berravam ou simplesmente emitiam sons desconhecidos pela raça humana. Chamei (S/N) e fomos jogar Street Fighter. Queria impressiona-la, então pensei em escolher o Blanka. É um personagem brasileiro e além disso parece um monstro, ele deve ser forte.


- Nem adianta escolher o Blanka, que mesmo ele sendo BR é um lixo - Disse. Caralho, ela leu minha mente por acaso? - E outra, dizem as más línguas que nem brasileiro ele é - Me encarou, dando um sorriso de canto. Retribui. (Autora: Vou gerar treta com os Nerd falando de Street Fighter) Optei pelo Ryu. (S/N) pegou a Chun-Li. É, talvez eu perca. 


- Você só ganhou por que faz tempo que não treino! - Exclamei após minha derrota. Dito e feito. Depois de 3 rodas de Street Fighter, (S/N) simplesmente me detonou. Ela jogava na maior tranquilidade e eu igual um louco apertando todos os botões existentes. 
- Ajudaria bastante se você se lembrasse que está jogando em uma máquina e não espancando um travesseiro - Disse rindo - ''(S/N), ISSO NÃO TEM GRAÇA, PARA DE ROUBAR'' - Fez uma voz grossa e me imitou batendo nos botões coloridos. 
- Ei, eu não falo assim - Cruzei os braços. (S/N) fez o mesmo, logo em seguida me imitando novamente ''Ei, eu não falo assim'' - Ah, quer brincar de papagaio é? - Perguntei arqueando uma sobrancelha. 
- Ah, quer brigar de papa...- A interrompi, selando nossos lábios em um ato rápido. (S/N) se assustou um pouco no começo mas, logo depois, aprofundou o beijo, deixando nossas línguas se moverem em perfeita sincronia. Quando começou a nos faltar ar, dei 5 selinhos em seus lábios dando uma pausa de 2 segundos cada para que recuperássemos a respiração. Juntamos nossas testas. Nos encaramos. Suas bochechas rosadas e seu olhar brilhante estavam lá. Tudo estava. Naquele momento percebi que aquilo era real. Seus toques, seu gosto. 
- Vem comigo - Sussurrei sorrindo. A mesma sorriu de volta, silabando um ''ok''. Peguei sua mão e a puxei até a saída. Quando já estávamos lá fora, me lembrei de avisar os meninos.


*Grupo BangtanB*
Maknae de Ouro: Garotos, eu e a (S/N) saímos para dar um passeio. Paguem a pizzaria e não deixem as meninas gastarem o dinheiro delas. Prometo pagar o dinheiro a vocês depois! 
xX Jungkookie

 

Saímos pelas ruas de Seul de mãos dadas enquanto contávamos histórias de nossa infância. Percebi que (S/N) era bem infantil, mas do jeito bom. Ela ria, pulava, cantava, quando passávamos em alguma loja que estava tocando música, ela parava para dançar. 

- Hm, deixe-me ver - Pensava enquanto estávamos sentados em alguns banquinhos da sorveteria. (S/N) tomava um sorvete mista e eu de chocolate. - Quando pequena eu já fiquei presa na árvore de casa pelo cabelo - Disse rindo. A acompanhei.
- Meu deus, (S/A), você era uma macaquinha quando pequena em - Falei fazendo-a sorrir mais ainda, mostrando seus dentes e suas covinhas. Demos uma volta pelo parque e logo em seguida (S/N) teve uma ideia. 
- JungjuKookie - Me chamou. Virei meu olhar em sua direção - Você já andou de patins? - Perguntou sorrindo e arqueando uma sobrancelha. E cá estamos nós. Alugamos dois patins. Enquanto (S/N) se exibia ao andar com eles, eu ficava parado, sem nem ao menos respirar, morrendo de medo de cair daquilo.
- (S/A), eu vou cair e morrer - Falei segurando forte suas mãos. Estávamos no meio do parque. Tinha crianças brincando, jovens conversando, famílias fazendo piquiniques e casais apenas aproveitando a brisa do vento. Se eu caísse ali no meio iria passar a maior vergonha do mundo.
- JungKook, você não vai. Cria coragem e tenta andar, só dar um passo, pelo amor de Yoongi - Disse soltando suas mãos da minha - Olhe e tente fazer igual, ok? - Perguntou. Assenti. Ela saiu andando em disparada por algumas partes do parque e depois voltou para perto de mim. Inspirei e tentei andar, mas na hora, eu simplesmente cai no chão de quatro. Pude ouvir a risada escandalosa de (S/N) que só fazia chamar mais atenção ao ocorrido. 
- (S/N), PELO AMOR! PIEDADE, EU SÓ LHE PEÇO PIEDADE! ME AJUDA - Gritei enquanto morria de dor nos joelhos e na coluna. Ela parou de rir e veio me ajudar a levantar e, em uma dessas tentativas, eu quase cai de novo, levando (S/N) junto. - Não foi nada engraçado - Limpo minha calça um tanto emburrado enquanto a garota me levava para sentar em um banquinho perto dali. 
- Ver um homem de quase 1,80 caído no chão de quatro após uma miserável tentativa de andar de patins é totalmente sem graça, onde já se viu rir de uma coisa dessas? - Disse rindo tanto a ponto de começar a escorrer lágrimas de seus olhos.
- Vamos embora, não quero mais andar de patins - Falei fazendo bico. (S/N) se aproxima e me dá um selinho.
- Ok, vamos embora, filhinho! - Disse começando a tirar os patins e colocando os tênis que estavam em cima do banco. 
- Obrigada, Omma! - Me abraçou. - Se Jin souber que chamei outra pessoa de Omma, ele me deserda - Falei rindo, recebendo outra risada de (S/N) como resposta. Retiramos os patins e fomos levar até aonde alugamos. 
- Ok, aqu...- Não a deixei entregar o cartão ao moço - Ei, meu cartão! Depois que alugamos as coisas temos que pagar, sabia? - Falou tentando pegar o cartão da minha mão
- Eu pago! - Falei. Ficamos em cerca de 10 minutos discutindo quando o moço do caixa nos repreendeu, dizendo que tinha mais gente para pagar. (S/N) cedeu e me deixou pagar. 

- Dá próxima vez em que sairmos, EU pago! - Disse tanto êxtase no ''Eu''. Paramos na saída do parque
- Terá próxima vez? - Perguntei sorrindo. (S/N) corou, abaixando a cabeça logo em seguida - Bom, não vejo a hora dessa vez chegar - Levantei seu rosto com meu dedo indicador e lhe dei um beijo na testa. Passei meu braço pelos seus ombros e ela colocou o braço dela na minha cintura. Quando tomamos conta, vimos que já era 20 PM.
- Acho que já está tarde...- Falou olhando para as estrelas. Senti com a ponta dos meus dedos seus braços arrepiados por conta da brisa gelada do vento. Tirei meu braço dos seus ombros e retirei minha camiseta vermelha, entregando para (S/N) vestir. 
- Não vai passar frio só com essa jaqueta? - Perguntou depois de eu coloca-la. Arrumei a gola da blusa e puxei (S/N) pela cintura.
- Não, não se preocupe - Beijei o topo de sua cabeça. Fomos em direção a BigHit. Quando entramos tivemos uma surpresinha.

- SEUS SAFAJINS! - Gritamos. Pegamos Yoongi no flagra aos beijos com (N/AMG1). Os dois acabaram tomando um susto e dando um pulo, fazendo (N/AMG1) sentar no colo do Yoongi. Sorrimos maliciosos - Vamos deixar vocês a vontade - Rimos e entramos no corredor dos dormitórios. 
           - Bom, é aqui que eu fico - (S/N) disse após chegarmos na frente de seu dormitório e o das meninas. Nos encaramos por alguns segundos, até ela se pronunciar - Ah, sua blusa - Começou a tira-lá mas eu a impedi. 
       - Pode ficar, pra você sempre se lembrar de mim quando usa-lá - Falei bagunçando um pouco seus cachinhos. Percebo um sorriso de canto em seus lábios. Desta vez ela não corou. Me aproximei da mesma e selei nossos lábios, dando inicio á um beijo lento, totalmente recheado de amor. (Autora: EU SOU MUITO CLICHÉ, MEU DEUS!!1) 
          - Boa noite então, Kookie! - Nos separamos depois do beijo. Ela estava com um sorriso totalmente aberto, mostrando seus dentinhos. 
- Boa noite, (S/A) - Lhe abracei e fui direto ao meu dormitório. Coloquei a senha e simplesmente me joguei no sofá. Logo vejo Yoongi seguido por Jimin abrir a porta e entrar todo sorridente. - Posso saber o motivo da felicidade de vocês, Hyung's? - Perguntei me sentando no sofá.
- A (N/AMG1) é tão perfeita - Disse Yoongi viajando nas nuvens. Ele se jogou no chão e colocou uma almofada no rosto. Ele estava corado. 
- E a (N/AMG3) nem se fale, ela é maravilhosa, cada curva, cada toque, tudo - Se jogou ao lado de Yoongi enquanto sorria e mordia o lábio. 
- É pelo jeito todos se deram bem - Respondi rindo. De repente, meu celular começa a tocar. 


*(S/A/F)*
Hey, Jungkookie! Boa noite e bons sonhos.
xX (S/A)


*Kookie dos Toddynhos* 
Boa noite, princessinha. Pra falar a verdade, nem princesa,
pois a princesa está embaixo. Você é a rainha! 
p.s: Se eu sonhar com você novamente, aí sim terei bons sonhos!


*(S/A/F)*
Se Jin Oppa ver você me chamando assim te mata a facadas! 
Haha, ótima cantada, aprendeu com qual pedreiro em?


*Kookie dos Toddynhos*
Não gosto que chame o Jin de Oppa. Se ele me matar a facadas,
saiba que morri te elogiando, rainha, haha. 
Aprendi em um site bem conhecido, pedreiro.org. 


*(S/A/F)*
Hm, ciúmes, Jeon Jungkook? E eu não acredito que você
está usando cantadas baratas de sites brasileiros
com uma dama como eu. Aish! 


*Kookie dos Toddynhos*
Hm...talvez (S/C) 
É melhor do que não usar nenhuma, não acha?


*(S/A/F)*
Argumento válido, Jeon! Muito válido...


*Kookie dos Toddynho*
Argh, já estou com saudades do teu cheiro de morango,
vem dormir comigo, pelo bem do meu coração?


*(S/A/F)*
Pedido tentador, Jungkook! (Eu tenho cheiro de morango?!)
Mas eu realmente preciso dormir, amanhã temos que encontrar o Sonny
para resolvermos os assuntos do álbum novo e do MV :c


*Kookie dos Toddynho* 
Sim, e com certeza é o morango mais cheiroso que eu já
cheirei em toda minha vida. (Como se eu saísse cheirando
morangos alheios por aí!)
Marcamos para outro dia, o que acha? 


*(S/A/F)*
Ok, haha. 
Sua blusa tem cheiro de pizza. Não acredito que derrubou
catupiry nela!! 


*Kookie dos Toddynho*
Derrubei mesmo, se eu soubesse que iria te dar a blusa eu
teria derrubado o refrigerante de camarão inteirinho!


*(S/A/F)*
Jungkook, Jesus Cristo! Quanta maldade no coração!!
Agora eu realmente preciso dormir, senão acordaremos
amanhã processadas por Sonny John Moore!
Boa noite!


*Kookie dos Toddynho*
Maldade nada, sou pura paz! Ok, boa noite,
moranguinho. 


*(S/A/F)* está offline.


*Kookie dos Toddynho* está offline.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...