História Onimoon City- BTS - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Fantasia, Novela, Romance
Visualizações 46
Palavras 733
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Fantasia, Ficção, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá amore,
Estou trazendo um novo conteúdo a vocês, espero que gostem e deem muito amor a ela!!
❤️❤️❤️😊😊😊
Sem mais delongas...
Espero que gostem

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Onimoon City- BTS - Capítulo 1 - Prólogo

.1

 

Scarlett, uma jovem que acabara de completar seus 17 anos vai para uma escola muito reconhecida , a ser a nova aluna do 3° ano do ensino médio.

Scarlett Medson não sabe muito sobre si mesma, sobre sua origem. Apenas sabe que seus pais morreram quando ainda era um bebe. A mesma cresceu e viveu parte de sua adolescência em um convento. Ela por si só, acha que aquilo a reprimia de alguma maneira, preferia ter morado na rua , a que continuar a morar ali.  Todos a achavam uma garota rebelde, sem limites e escrúpulo. Sempre foi uma menina de opiniões fortes para sua pouca idade. Ela sem querer chamava olhares para si por ser uma bela moça, mas ao mesmo tempo, algumas pessoas a olhavam com um certo medo . 

 

Para ela o convento era uma espécie de lavagem cerebral, a qual todos os dias tinha que receber. Ela estava cansada, exausta por tudo aquilo, ela só queria ser tratada igual por todos, só queria ser livre.

Podemos dizer que Scarlett era diferente, existia algo no olhar dela que todos tentavam decifrar, mas nunca passou de tentativas falhas. 

Desde seus 5 anos de idade, Scarlett passou a ter sonhos/pesadelos, que mais se pareciam lembranças, o que fazia  a mesma levantar de sua cama toda suada com os seus olhos em outra coloração.

As freiras tentavam ajudá-la, mas era quase que impossível. Toda vez que ela tinha esses sonhos/lembranças, o céu escurecia, trazendo os mais altos relâmpagos a   pobre cidadesinha do interior.

As noviças ficaram preocupadas com a pobre jovem, queriam entender o que estava acontecendo com a menina. Então, por sua vez, chamou o arcebispo da arquidiocese para ver a pobre menina. Vários padres exorcistas apareceram e achavam que ela tinha uma espécie de demônio. 

Todos os padres, exorcistas que encostavam nela sentia sua mão arder como fogo. Sentiam uma grande fisgada em sua espinha. Todos os padres que faziam os rituais de exorcismo, acabara a ter uma doença muito grave em 7 dias.

 

Scarlett estava cansada de tudo aquilo, cansada a se submeter aquelas coisas. Ela queria entender o que a fazia er diferente, queria entender o porque dos padres ficarem doentes, o porque das freiras ficarem com medo. Ela queria ser uma menina normal, queria ter amigos, mas todos tinham medo dela.

 

Depois de tantos sonhos/lembranças, Scarlett decide sair do convento e ir a uma escola normal. Queria conhecer o mundo e tentar descobrir o que tinha em si mesma.

 

 

 

Depois de uma longa conversa com a Madre superior, eles deixam a jovem moça sair pela primeira vez e conhecer o mundo que tanto desejava.

Scarlett recebeu várias orientações e chaves de uma casa próximo de um lago. De imediato estranhou, mas a Madre havia lhe dito que era uma herança de sua mãe. No momento que recebera a tal notícia caiu em prantos, sem mesmo entender o porque. Não sabia muitas coisas de sua mãe. Apenas sonhava com a mesma todas as noites.

Em seus sonhos, sua mãe estava sentada em um balanço em frente a um lago e mostrava seu belo sorriso a pequenina que estava em seu colo (Scarlett)

Scarlett pega as chaves e chama um táxi para o tal endereço.  A Madre já havia matriculado a mesma em uma famosa escola em Onimoon. Quando chega no tal endereço, dá o dinheiro ao taxista que havia ganhado de sua Madre e vai até a uma grande casa de frente para um lindo lago. A mesma sentiu um arrepio em sua espinha e lembra do rosto da bela mulher, que já havia parecido em seus sonhos. Ela apenas mexe a cabeça para afastar tal lembrança repentina e adentra a tal casa. 

 

A casa era antiga, porém ainda em perfeito estado. A casa tinha vários quartos e uma grande biblioteca, com livros grandes e pesados. A jovem moça decide limpar toda aquela casa, afim de eliminar aquela poeira e guarda suas coisas.

 

 

(...)

 

 

Tudo estava perfeitamente limpo e arrumado, decide ir para o quarto principal da casa e ter uma boa noite de sono, já que as aulas da mesma começaria no dia seguinte.

Para muitos aquela casa daria vários arrepios, da pontinha do pé até o último fio de cabelo. Mas para ela não, aquela casa trazia paz para a jovem, trazia conforto. Aquela casa, de alguma maneira lhe trazia sentimentos bons jamais sentidos antes.

(...)

 


Notas Finais


Então amore, o que acharam??
Espero que tenham gostado, em breve postarei capítulos com a voz da Scarlett!
Beijo meus amores, prometo que iram gostar dessa fanfic❤️❤️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...