História Online. - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Batepapo, Computador, Gays, Internet, Jovens, Romancegay, Teens
Exibições 182
Palavras 912
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Escolar, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 8 - Amigos?


Fanfic / Fanfiction Online. - Capítulo 8 - Amigos?

[ Capitulo 8 – Amigos? ]

Ascot quando acordou estava sendo abraçado por Andy e a respiração do loiro batia em seus cabelos, era gostoso estar ali mas precisava ser forte, não podia aceita-lo tão facilmente. Saiu do abraço e ligou o computador, observando a tela sem saber exatamente o que estava procurando.

-Ei, volta pra cama.

- Não quero.

- Sério? Ok.

Andy se levantou e andou até Ascot, lhe beijando os cabelos.

- Vou ir para casa então.

- Ok.

- Te amo.

Andy se ajeitou e foi embora, deixando o moreno encolhido em sua cadeira.

Na escola, os garotos conversavam normalmente até a professora aparecer na sala e pedir a atenção de todos.

- Teremos um show de talentos aqui na escola e seria interessante que todos participassem, pode haver grupos de dança e também grupos para cantar lá na frente, na verdade, pode ter tudo portanto que você ache que isso é realmente um talento.

- Meu talento: Ficar trancado no quarto.

Ascot riu baixinho de si mesmo e Andy o abraçou.

- Para com isso.

- Ok, esse foi um dos avisos, o segundo: Temos mais um aluno novo nessa sala, não sei o que esta acontecendo que todos os alunos vem pra cá, mas tudo bem. Conheçam o...

- Pode deixar que eu me apresento, me chamo Peter, Peter Morgan.

E nesse momento o corpo de Ascot gelou, seu rosto ficou pálido e Andy notou isso.

- Está tudo bem?

- Não...

- O que foi?

- Por que ele está aqui?

- Você conhece ele?

Ascot não respondeu, estava ocupado tentando se esconder mas era tarde demais, Morgan já tinha visto ele entre a multidão, a professora mandou Peter se sentar e ele o fez, o garoto possuía o cabelo pintado de loiro e dava para notar que era pintado pois sua raiz estava crescendo, seus olhos eram azuis e ele era alto. Ascot sabia que ele viria falar com si no intervalo, estava mais que na cara que ele faria isso.

E foi exatamente o que ele fez, Peter seguiu Ascot e Andy para o campo de futebol da escola e fez o moreno parar, apenas com um toque em seu ombro, Ascot estremeceu.

- Cadê o meu abraço?

- Por que ele teria que te abraçar?

- E você seria?

- Andy, Andy Buttercup.

- Você já está namorando outro, Ascot?

- Não enche, Peter. Foi você quem me traiu, eu vi.

- O que você viu exatamente?

Peter passou os braços pelos ombros de Ascot e aproximou o seu próprio rosto do dele, beijando-lhe a bochecha, enquanto seus dedos acariciavam seus cabelos. O corpo de Ascot não conseguia se afastar do garoto, com o menor toque que ele dava o moreno já estava suspirando, mas alguém o afastou e nada mais nada menos que Andy.

- Não toca nele.

- E por que eu não tocaria? Ele é meu.

- Eu não sou seu...

Ascot apenas conseguia sussurrar, estava em efeito dos toques de Morgan.

- Nós veremos.

Peter saiu andando, deixando sua bela risada no ar, Ascot se encolheu nos braços de Andy.

- Fica longe dele.

- Tenho que conversar com ele... sobre o que aconteceu.

- O que?! Ficou maluco?

- Eu preciso saber se o que eu vi, foi realmente o que eu vi!

- Mas olha o que ele fez com você! Ascot, você está tremendo. E eu não quero que ele tire você de mim.

O moreno se aborreceu, empurrou Andy e este o soltou rapidamente. Irritava o fato de tudo o que acontecia só importava o lado do loiro, era como se ele fosse o centro do universo.

- Quem tirou eu de você, foi você mesmo.

O moreno saiu do campo irritado, indo direto para a sala, e não houve mais conversa entre os dois mesmo Andy querendo falar com ele, sabia que não iria adiantar de nada.

Ao ouvir o som do ultimo sinal, o loiro estava pronto para pedir desculpas mas Ascot andou rápido e foi para o lado de Peter o que fez Andy ferver de raiva. Os dois precisavam conversar, então Ascot iria atrás de respostas.

O moreno foi para a casa de Peter e ficou na sala, não tinha coragem de olhar em seus olhos então ficou encarando seus próprios pés.

- E então...

- Quero saber o porque de você ter me traído.

- E quando foi que isso aconteceu?

- No aniversario daquela garota.

- Ah! Era apenas uma brincadeira.

- Parecia algo sério para mim.

- Mas era só uma brincadeira, não precisava ter sumido.

- Eu não sumi, eu estava trancado no meu quarto porque a pessoa que eu amava estava me traindo esse tempo todo!

A voz de Ascot tinha se elevado e Peter começou a rir, abraçando o moreno em seguida.

- Ok, me desculpe, não sabia que você iria levar a sério. Podemos começar de novo, sendo amigos, o que acha?

- Eu não sei não...

- Por que? Seu namorado novo não vai gostar?

- Andy não é meu namorado.

- Ótimo, então podemos ser amigos novamente. Amigos?

 Peter lhe estendeu a mão e sorriu, um sorriso que escondia varias ideias que poderiam acabar com a felicidade de Ascot, o garoto não conseguia ler suas intenções então não demorou em segurar em sua mão pois não faria mal ser amigo do garoto, teria que perdoa-lo, pois era uma brincadeira certo?

- Amigos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...