História Only One. - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias WWE
Personagens Dean Ambrose, Roman Reigns
Tags Ambreings Wwe, Yaoi
Exibições 27
Palavras 1.331
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpem, a pessoa vulgo eu não arrumou antes de postar, então tive que dar uma revisada e postar agora. Me desculpem e boa leitura.

Capítulo 17 - Capítulo 17 - Lembranças ..


Fanfic / Fanfiction Only One. - Capítulo 17 - Capítulo 17 - Lembranças ..

-Não Roman! - Falou com lágrimas nos olhos. - Apenas me...

Roman olhou para ele e colocou um dedo sobre os lábios do loiro, enquanto com a outra colocou a mão no rosto dele, limpando a lágrima que teimava em cair de seu olho.

-Shh. Fica calmo. - Falou enquanto fazia carinho na bochecha dele. - Você não tem culpa. - Sorriu.

Dean estava surpsurpreso, mas antes que pudesse falar alguma coisa, Roman pegou na sua bochecha forçando ele fazer bico e uniniu seus labios, tirando a mão colocando na bochecha dele.

Kane vinha do vestiário e olhou para os dois. Dean fechou seus olhos os apertando, estatelado. Roman não estava nem aí, afinal o combate já havia acabado.

"Meu Deus... Foda-se." - Dean passou a corresponder o beijo, enquanto o Kane os olhava.

-Jovens. - Kane balançou a cabeça e saiu para o escritório do Triple H, tinha coisas melhores para fazer do que prestar atenção no namorico de Roman Reings e Dean Ambrose.

Foram parando aos poucos. Dean segurava os biceps de Roman e ele terminou com dois selinhos.

-Você não tem que pedir desculpas de nada. - Falou sério olhando para ele.

Dean soltou os biceps de Roman e o abraçou, passando os braços em volta da cintura.

-Hmn... - Roman arfou dolorido e Dean ficou na dúvida se havia sido ele ou Sheamus.

-Roman...

-Não Dean... - Suspirou. - Tudo bem. - Fechou os olhos para depois abri-los. 

-Vamos pra casa baby boy. - Disse Roman com um sorriso no rosto.

Dean pensou em repreende - lo, mas Roman já estava machucado, então ele apenas passou o braço em volta da cintura dele, e saíram juntos assim.

Eles foram andando até a casa. A noite estava bonita, quando Roman se lembrou que tinha algo a fazer.

-Baby fica aqui um minuto, que eu tenho que ir ver um negócio. - Roman olhou para Dean que franziu um cenho.

-Vai aonde? - Dean perguntou.

-Confia em mim?

-Sempre! - Respondeu sem pensar duas vezes.

-Me espere aqui! - Roman selou os lábios, do Lunático e ia andando.

Olhou para trás vendo o rosto de Dean, detestava deixa - lo só, mas era surpresa o que ia fazer, decidiu para de olhar antes que ficasse tentado a levar o Lunático com ele.

...

Roman chegou à joalheria e olhou algumas alianças, eram todas realmente bonitas. Ele viu uma Grande, não tão grande, mas o suficiente para verem que Dean era comprometido.

Como sempre era ciumento e se tratando de Dean sua possessivo da de era maior ainda, ele respeitava o espaço do loiro, mas ainda assim, esse seria um ótimo presente para seu amado.

Foi tirado de seus devaneios, quando um mulher chegou e lhe perguntou:

-O senhor quer ajuda? - Disse simpática.

-Sim, eu gostaria de um par dessas alianças. - Roman apontou para uma aliança grossa, era cinza com pedrinhas nelas, em uma tinha o coração com uma flecha e na outra dois corações entrelaçados.

-Ótima escolha, essas são lindas. - Ela dizia. - De prata com essas pedrinhas de diamante. - Ela sorria. - Você deve amar muito sua namorada. Tamanho?

-Duas 22. - Disse Roman. - E é namorado.

A moça deu algumas piscadas, mas sorriu em seguida.

-Desculpe. - Ela olhou bem. - Ah, eu conheço você, aquele lutador da WWE, Roman Reigns. Vai querer entalhar algo?

-Isso mesmo. - Ele sorrio. - Sim.

-Seria Dean Ambrose? - Ela sorrio.

Roman olhou surpreso, mas sorrio em seguida.

-Não. - Ela olhou confusa. - Ambreigns, nas duas. - Ele viu a mulher sorrir.

-Ok. - Ela entrou lá dentro e depois voltou com a caixinha.

voltou com uma caixinha vermelha com um laço em cima.

Roman estendeu um sorriso ao ver a caixinha.

-À vista ou à prazo? - Ela perguntou.

-À vista! - Roman respondeu decidido puxando a carteira com um cartão. Seria pago no débito.

Já pago, Roman pegou a caixinha e a colocou no bolso, agradeceu a mulher e saiu andando. Decidiu comprar um chocolate e algumas guloseimas, pra desviar a atenção do loiro.

...

Dean estava de braços cruzados encostado na parede. Ele queria saber o que Roman foi fazer, sua curiosidade, já estava no limite. Passou a olhar tudo em volta, aquela hora da noite as ruas estavam um pouco desertas.

Aquele beco lembrava nas épocas de CZW, foram realmente tempos difíceis, que preferia manter esquecida. Fechou os olhos apertando, quando algumas lembranças vieram a sua mente.

Lembranças do que as malditas falaram e lembranças do passado também. Quando abriu os olhos olhando para o lado, viu alguém vindo na sua direção, por algum motivo sua respiração ficou pesada e lembranças de J.T. Roberts veio a sua mente.

Ele se afastou para trás reconsiderando correr se fosse necessário. Pensou que era coisa da sua cabeça e o cara iria passar direto, mas não ele realmente vinha em sua direção, andando de costas.

...

Roman vinha com uma sacola que tinha alguns biscoitos e duas latinhas de cerveja, ao longe viu Dean meio que andando de lado desconfiado. Ele acelerou o passo e chegou perto de Dean o tocando no braço.

Ambrose bateu com tudo na parede levando um susto ao ser tocado. Ele olhou vendo Roman em pé, colocando a mão sobre os olhos e soltando o ar, o coração estava deparado.

Roman enlaçou a cintura dele o abraçando. Olhou para o lado e viu o cara mudar o curso.

-Desculpe pelo susto. - Se afastou. - Vamos embora. - Roman estendeu a mão para Dean que a pegou.

-Tudo bem. - Dean suspirou. - O que você foi comprar? - O loiro sorrio.

-Algo para comer. - Roman falou mostrando a sacola.

-Só isso? - Dean perguntou não muito convencido.

-Larga de ser curioso. - Sorrio divertido e puxou Dean para mais perto, que sorrio divertido.

Era incrível como a presença de Roman o acalmava. Apenas o simples fato dele estar próximo, já era o suficiente para acalmar ele.

...

Agora eles já estavam em casa, Dean estava sentado sobre as costas de Roman lhe fazendo uma boa massagem nas costas dele.

A massagem estava boa, mas Roman inverte as posições, roubando um beijo de Dean enquanto acariciava as laterais do corpo dele. Puxou as calças do Lunático junto com a boxer e o puxou para seu colo.

Depositou alguns beijinhos no pescoço de Dean enquanto terminava de preparar ele. Agora Dean chupava seu pescoço, provavelmente uma marca iria ficar ali, mas ele não se importava.

-Dean... - Arfou. - Por que você anda estranho, desde o episódio Renee e Galina? - Falou segurando a cintura dele.

-Depois te conto. - Falou tirando a boca do pescoço do Superman. - Não foi nada.. - Ele tentou forçar seu corpo para baixo.

-E aquele cara você está fugindo, é da CZW? - Roman encarou os olhos azuis.

-É... - Dean parou apertando os ombros Roman.

Ambrose parou olhando um ponto fixo por cima do ombro de Roman, o que mais lhe incomodava eram aquelas palavras proferidas por Galina e Renee, mas foi surpreendido quando o samoano o penetrou, o que fez ele arfar fechando os olhos.

-Tudo bem? - Perguntou o samoano rouco.

-Sim. - Suspirou Dean. - Só me faça esquecer. - Sussurrou.

Roman pegou nos quadris de Dean e manipulou os movimentos dele, alternando entre forte e divagar, ouvindo gemidos aleatórios caindo dos lábios do loiro.

As lembranças vinham a mente do loiro, mas a cada investida do loiro esses pensamentos eram esquecidos. Roman o deitou ficando por cima e tomando seus lábios, indo cada vez mais rápido. Em uma investida mais precisa por parte do Roman.

Ambrose veio escorrendo nos dois abdômens e Reigns dentro do Lunático caindo por cima dele. O moreno esperou o loiro abrir seus belos olhos azuis e inverteu os lugares.

-Agora você quer me contar o que houve? - Roman acariciou o rosto dele.

-Amanhã... - Disse escondendo o rosto. - Amanhã.


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capitulo. Pelo visto alguém vai ganhar um presentinho, Han. u.u

Coisas do passado estão voltando, mas o que será que vem por aí?

Desculpe pelos erros só passei agora para postar mesmo.

Bye minhas gatonas e até a próxima. ;*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...