História Only you - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Ally Brooke, Camila Cabello, Camren, Demani, Demi Lovato, Dinah Jane, Dinally, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Exibições 71
Palavras 1.778
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oie amores, eu sei que fiquei bastante tempo sem postar mais aqui estou eu.

Capítulo 4 - Meu dia com ela


Fanfic / Fanfiction Only you - Capítulo 4 - Meu dia com ela

POV Ally

Cheguei na faculdade e fiquei parada olhando tudo. Eu literalmente estaria perdida e sem conhecer ninguém se não fosse a Lolo vindo em minha direção.

- Allyz, vai estudar aqui? - ela chega perto de mim.
- Sim, você deve estudar aqui né? - perguntei.
- Sim, eu e todas as meninas - fiquei feliz em saber disso. - Vem, elas estão ali - apontou aonde elas estavam.

Lolo e eu caminhamos até as meninas que conversavam animadamente, quando cheguei, cumprimentei cada uma com um beijo no rosto.

- Cadê a Dinah? - era isso que eu queria saber também.
- Ela foi no banheiro Lauren, ela já volta - Demi falou.
- Olha ela lá - Camila falou e eu me viro, meus olhos vão diretamente a pessoa que eu vi na foto, ela era tão linda.
- Cheguei bitchs, oi, você é a Ally né? - olhou pra mim.
- Oi, sim, sou eu mesma - falei timidamente.
- Finalmente te conheci pessoalmente - ela me abraça e eu paraliso.

Todas as meninas nos olhavam com sorrisos maliciosos. Logo Dinah me solta e eu vou perto da Lauren que me cochicha uma coisa em meu ouvido.

- Você gosta dela? - me assustei com a pergunta.
- Que? Lógico que não, mal conheço ela, e eu sou hetera.
- Uhum sei, vou fingir que acredito - isso ela falou meio alto, e as meninas ouviram.
- O que vocês estão cochichando aí? - Mani pergunta.
- Nada importante Mani - respondo rapidamente.
- Bom meninas, já vai bater o sinal, vamos pra sala - Camila fala.
- Vamos, qual sala você é Ally? - Demi pergunta.
- Sala 93 - respondo.
- A mesma que a nossa, que bom que vai estudar com a gente - Demi fala alegre.

Fomos caminhando até a sala de aula, Dinah não falava nada e nem eu, às vezes trocávamos olhares e sorrisos, e as meninas nem percebiam. Chegando na sala, Demi senta na última carteira, Mani senta ao seu lado, Camila e Lauren sentam na frente e Dinah senta na frente da Camila.

- Senta aqui na minha frente Ally - Lauren falou, e a frente dela era do lado da Dinah. Fiquei em pé alguns segundos sem falar nada mais logo sentei.

Depois disso não disse mais nada, às vezes olhava pra Dinah, que me olhava também. A professora chegou e pediu para que eu me apresentasse. Levantei da cadeira e fui em direção a professora, olhei para todos e me apresentei.

- Meu nome é Allyson Brooke Hernandez, tenho 17 anos e vim de New York, mais já morei aqui até meus 13 anos de idade.
- Seja bem vinda Allyson - todos falaram.

Me sentei novamente em meu novo lugar e prestei atenção no que a professora falava. E assim foi todas as aulas, eu prestando atenção nos professores enquanto as meninas lá atrás conversavam animadamente sobre assuntos aleatórios. Mais logo a professora chamou a atenção delas ameaçando mudar cada uma de lugar, assim elas se calaram até o final da aula.

Bate o sinal para o recreio e todas nós saímos, andamos até o refeitório e nos sentamos em uma mesa.

- E aí Ally, o que está achando da escola, dos alunos, dos professores? - Lauren pergunta.
- Os professores até que são legais e explicam bem, os alunos ainda não tive tempo de conhecê-los bem, e a escola é super bonita e grande - olhei pra toda escola.
- Realmente a escola é muito grande, nos meus primeiros dias eu me perdi, e entrei no banheiro pensando que era a sala de aula - Dinah fala e todas nós rimos.
- E eu entrei no banheiro dos meninos, eles estavam tomando banho, porque aqui tem chuveiro para quem quiser tomar banho após a aula de educação física, tinha um monte de meninos sem roupa, outros com toalhas, e como não tinha uma placa dizendo que era o banheiro masculino eu entrei - Camila falou e todas nós rimos novamente.
- Aproveitou pra ver os gatinhos Mila - Normani falou.
- A verdade é que eu nem achei tão interessante ver eles sem roupa, nem olhar nas partes sem roupa eu olhei, foi nesse dia que eu comecei a perceber que não me interessava por meninos, mais sim, por meninas - todas deram um sorrisinho malicioso.

Bateu o sinal para nós entrarmos na sala, as duas últimas aulas eram livres, pois os professores estavam em reunião. Eu perguntei para as meninas aonde era o banheiro e logo fui até o mesmo.

Cheguei no banheiro e fui até o espelho, molhei meu rosto, enxuguei, e quando me virei pra ir embora eu dei de cara com a Dinah, eu não tinha visto ela chegar.

- Aí meu Deus que susto - estava com a respiração pesada pelo susto que levei e coloquei a mão no peito.
- Desculpa, não queria te assustar - ela falou - só vim aqui pra dizer que as meninas decidiram sair mais cedo, já que não vai ter aula, e aproveitar essas aulas para nós irmos em uma lanchonete que tem aqui perto, você quer ir com a gente? - ela estava muito perto de mim e eu podia sentir sua respiração calma.
- S-sim, va-vamos - falei gaguejando.

Saímos do banheiro e fomos até a sala aonde as meninas estavam.

- E então, vamos? - Lauren se levanta e vem em minha direção passando o braço pelo meu pescoço e apoiando em meu ombro.
- Vamos - todas falam.

Lauren ficou com seu braço em meu ombro o caminho todo e eu passei meu braço em volta da cintura dela, percebi o olhar de Dinah sobre nós, mais não liguei muito pra isso.

Chegamos na lanchonete e eu sentei ao lado da Lauren, Dinah na minha frente, Camila ao lado dela e Normani ao lado de Dinah.

Pedimos nossos lanches e ficamos conversando sobre qualquer coisa. Dinah estava estranha, e eu não entendi o porquê disso.

Falei que ia ao banheiro para as meninas, pois não estava me sentindo muito bem, mais não falei que estava mal para elas. Sai dali e fui em direção ao banheiro, chegando lá eu fui até o espelho e fiquei me olhando, peguei um remédio na minha bolsa e tomei. Quando me virei para sair do banheiro, dei novamente de cara com a Dinah, e levei mais um susto.

- Dinah, você me assustou, você gosta de me assustar né? - fiquei com a respiração pesada novamente.
- Desculpa de novo Ally, só vim ver como você está, achei você meio estranha agora pouco - ela tira os cabelos que estavam no meu olho e colocou atrás da orelha, e com isso eu me arrepiei.
- Você também estava estranha - falei baixinho pra que ela não ouvisse.
- O que? Eu não escutei - ela olha pra mim.
- Nada não, deixa pra lá, e eu estou bem, não precisa se preocupar - olhei pro chão, não consegui olhar nos olhos dela.
- Tem certeza? Você está um pouco pálida - ela segura meu queixo fazendo eu olhar pra ela.
- Tenho sim, é só uma dor de cabeça, já vai passar - dei um leve sorriso. E ela beija meu rosto fazendo eu corar.
- Ok então, vamos, as meninas devem estar nos esperando - ela sai e eu vou logo em seguida.

Quando chegamos as meninas nos perguntaram o que tinha acontecido e eu falei que só estávamos conversando.

- Meninas, eu vou indo, tenho que ir pra casa, tchau - Normani se despede de todas nós com um beijo no rosto e logo sai.
- Eu também já vou indo, tenho que cuidar da Sofia, vamos comigo Lauren? Sofia quer muito ver você de novo, ela ama você - Camila fala.
- Claro, já estou com saudades daquela pequena - elas saem é só resta eu e Dinah.
- Bom, eu já vou também - me viro pra ir embora mais Dinah me chama.
- Ally, espera, vamos juntas? Não é muito legal você sair sozinha por aqui - ela segura meu braço.
- Tá bom, vamos - sorrio pra ela.

No caminho ficamos em silêncio, mais ela corta esse silêncio e fala.

- Me conte um pouco sobre você Ally - ela me olha.
- Não tem muito o que falar de mim, me conte sobre você, aí depois eu vejo o que falar de mim - dou risada.
- Vai falar mesmo - ela sorri. - Bom, eu tenho mais histórias engraçadas pra contar, uma vez estava eu e minha irmã, Kamila, em uma praia. Nós estávamos andando pela praia e ela me desafiou a convidar um um menino que estava parado um pouco à frente da onde a gente estava, pra sair, então eu, com meu charme, fui até lá, e comecei a falar com o garoto, falei o quanto eu era bonita, engraçada, e etc. E ele "cagava" pra mim, ficou só dizendo "hum" e eu continuava a dizer todas as minhas "qualidades" e no final eu disse, "E aí, aceita sair comigo, talvez nós encontraríamos uma química entre nós, e talvez nós podemos descobrir que somos um casal perfeito" e a única coisa que ele fez foi dar risada e dizer "Eu sou gay, desculpa, você é muito bonita mais eu não gosto dessa fruta" e saiu, eu fiquei tipo "o que foi que eu fiz", Kamila que viu tudo, não parava de tirar sarro da minha cara, e depois que nós estávamos voltando pra casa eu cai um belo tombo na rua e fiz um corte na minha perna, fim.
- O meu Deus Dinah, queria ver sua cara quando ele falou que era gay - comecei a dar risada dela - foi muito legal vir com você, você é engraçada e eu gosto de pessoas engraçadas - parei em frente ao portão da minha casa quando Dinah e eu chegamos na mesma.
- Obrigada, e eu ainda vou querer saber sua história tá? Não pense que eu me esqueci - ela sorri.
- Não se preocupe, outro dia eu conto um pouco sobre mim, mais agora eu tenho que entrar, tchau, até amanhã - dei um beijo no rosto dela e entrei na minha casa.

Passar esse tempo com ela foi perfeito, ela é uma pessoa super legal e engraçada.

Meus pais não estavam em casa, então eu subi no meu quarto e deitei na cama, fiquei pensando em várias coisas, principalmente o caminho com a Dinah, e toda vez que lembrava eu ficava com um sorrisinho bobo nos lábios.


Notas Finais


Gostaram?
Aí está um capítulo grandinho pra vocês 😘❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...