História Only you - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Originais
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 42
Palavras 1.517
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


E olha quem veio de novo? Eu, sim... Me perdoem pelos erros e que comecem as tretas.
Só pra deixar claro: Hoseok foi para essa escola depois das férias de julho.

Capítulo 2 - Bad Boy


Fanfic / Fanfiction Only you - Capítulo 2 - Bad Boy

Hoseok pov

Chego lá dentro e vejo que a maioria dos estudantes, são garotos, já vi que vou gostar muito dessa escola(aquela carinha). 

Olho para todos os lados e, gente, que Deus perdoe os olhares que eu lanço para esses garotos. Esses foram meus pensamentos até que uma placa enorme surge da puta que pariu,me chama a atenção, estava escrito: "escola para meninos", meuSantoDeus, já tô vendo que essa escola é pura putaria.

E em geral, foram esses pensamentos que me seguiam até Mark me dizer que estávamos na mesma sala. Aí que eu fiquei feliz e quase banquei um cavalo desdentado dando risada da cara dele quando este deu de cara no professor de Química.

Eu- Se fodeu, não é esse professor que você me disse que te odeia?

Mark- É esse mesmo. Eu te juro que não sei o por quê dele me odiar.

Eu- Pode ser uma paixão, você não acha?- provoco e vejo meu amigo corar.

Mark- N-nem brinca com isso. Aliás, posso te contar uma coisa? Você já me disse que é gay e tals, mas a verdade é: eu também sou.

Eu- Sério? MeuSantoDeus, que foda, agora a gente pode conversar sobre os garotos dessa escola, sem o clima ficar pesado.

Mark- Você não tem medo que eu possa um dia gostar de você?

Eu- Na verdade não, mas... você é um cara legal então se fosse você eu acho que seria legal ficar/namorar.

Mark cora ainda mais e nem responde, eu dou risada de sua situação e ele me da uma leve cotovelada.

Entramos na sal(ssim, isso tudo aconteceu fora da sala de aula), e vimos alguns garotos(seis pra ser mais exato) nos encarando. Eu admito que fiquei um tanto intimidado. Depois de um tempo, o professor chega e corta minha conversa com Mark, que estava sentado ao meu lado.

Professor- Vejo que temos um aluno novo, Jung Hoseok, certo?

Eu- Sim, senhor.

Professor- Meu nome é Kim Seokjin, sou o professor substituto de matemática. Espero que se de bem em minhas aulas, e não só minhas.

Eu- Prazer em conhecê-lo também, só uma coisa, posso te chamar de Jin? Seokjin é meio formal demais e você na me parece tão mais velho que eu.

Prof. Seokjin- Na verdade, tenho 23 e sim, você pode me chamar de Jin.

Eu- Ca...cete, nem parece, mas a gente releva esse fato.

Jin- Pode ser também.

Nós rimos e a aula começa. Pqp de novo, mano!!! Além do Professor ser gostoso para um caralho, não é careta e ensina muito bem, como alguém pode ser tão perfeito?(N/A: simples, renasça como Kim Seokjin ou qualquer um deles e vc verá como é bom ser perfeito.)

A aula com esse professor gostoso, passa rápido(até demais), logo vem o professor de Química, aquele que esbarramos no corredor, ele me pede para me apresenta, então eu o faço rapidamente e retorno ao meu lugar, quando volto, Mark me manda um bilhete.

No bilhete:

Pqp, n tem ninguém feio nessa caralha? Amei.

Voltando:

Eu dou risada, tentando abafar o máximo possível(tentativa falha) e sou repreendido pelo professor.

O tempo passa rápido, até que chega a hora do intervalo.

Eu- Finalmente.

Mark- Vamos para um lugar mais afastado? Não quero tretas.

Eu- Por que haveriam tretas?

Mark- Sabe aqueles quatro que tavam praticamente comendo a gente com os olhos, quando a gente entrou na sala?

Eu- Sei, o que tem?

Mark- Eles são primeiro anistas e tal, mas é como se eles comandasem a escola, eles são conhecidos com Bangtan Boys, há rumores de que tinha um quinto membro, mas que ele não é mais um estudante.

Eu- Quem é o "líder"?

Mark- Costumava ser o Kim Namjoon, mas parece que ele tá dividindo o cargo com Kim Taehyung. E não, eles não são parentes.

Eu- Ah tá.

Saímos, comemos e conversamos muito.Até zoamos os Bangtan Boys, Perigoso? Talvez,  a gente liga? Não.

Depois de voltar para a sala, eu recebo um outro bilhete, no começo penso que é de Mark, mas quando o abro, tenho uma surpresa.

Bilhete:

Vc sabe como provocar, não é?

Kim Taehyung.

Voltando:

Não consigo acreditar que ele me mandou um bilhete pra falar isso. E o que ele quer dizer com "provocar"?

Escrevo no verso do bilhete e peço para que seja passado até ele. O que eu escrevi: oq vc quer dizer com "provocar"?

Poucos momentos depois o bilhete volta.

No bilhete:

Acho que você não sabe, mas quando vc abaixou para pegar algo q caiu no chão(hora do intervalo), eu consegui ver até demais(mentira, queria ter visto bem mais). Aliás, além de saber provocar, vc não tem medo de nós, não é?

Voltando:

Como caralinhos voadores ele sabe que eu derrubei minhas coisas no intervalo e que estávamos falando mal deles? Só estavamos eu e Mark lá.

Lhe mando novamente o bilhete com minhas dúvidas e logo meu meio de comunicação volta.

No bilhete:

Acho que vc n prestou muita atenção na árvore. Enfim, eu estava em cima da árvore que vcs usaram como guarda-sol.

Voltando(de novo)

Nem me dou o trabalho de responder. E começo à prestar atenção na aula(na verdade foi uma tentativa). 

Chega o último período do dia, que no caso, é educação física. Descemos para a quadra e o professor manda irmos nos trocar.

Dentro do vestiário, tudo estava normal até eu perceber que o garoto que anda com Taehyung nos secar de uma maneira até incômoda. Finjo que nem percebi e volto à me trocar. Tiro a camisa e vou para meu armário para pegar a de educação física, mas no meio do caminho, sou prensado no armário por ninguém mais, nimguém menos que Kim Taehyung.

Taehyung- Quem diria que você teria um corpo assim.- disse com uma voz grossa lambendo os lábios.

Eu- Tá louco é garoto?

Taehyung- Talvez...

Quando fui responder sinto meus lábios serem calados por Taegyung... demora um tenpo para que a ficha caia e eu perceba que ele havia me beijado e que ainda estava. Admito que esse filho de uma boa mãe beija bem para o caralho, mas como tudo que é bom dura pouco... a bendita falta de ar chega sem aviso prévio e nos separamos. Volto à pensar e vejo que ele ainda me prensava contra o armário. 

Eu- Dá pra me soltar?

Taehyung- Na verdade até dá, mas eu não tô afim...- diz bocejando.

Eu- Para com essa putaria, que eu não sou uma das/um dos putinhos ou putinhas que você pega por aí.- empurro ele, coloco o uniforme de ed. física e saio em direção à quadra.

Na quadra...

Eu- Mark... Tarhyung me beijou.- digo tímido.

Mark- Como é? Caceta,chegou hoje e já ta pegando todo mundo.- diz/grita rindo de minha vergonha.

Eu- Pelo amor de mei santo God, cala a boca ou fala baixo.

Mark- Ele beija bem?

Eu- Embora eu odeie ele, não posso negar que o filho de uma boa mãe beija bem.

Mark- Hum... dizem que ódio pode se tornar amor.

Eu- Duvido.

Mark- Não interessa, você pode ir lá em casa depois da aula?

Eu- Claro, vamos juntos?

Mark- Sim, e um amigo meu vem junto, você vai gostar dele.

Eu- De boa. 

A aula estava boa até que o aprendiz de capeta, Kim Tarhyung aparece.

Taehyung- Gente, às vezes eu gostaria que essa não fosse uma escola só para garotos, talvez até tivessem garotas bem... com corpos que nos satisfação.- Okay, essa doeu.

Ah, Kim Taehyung, não ache que só porque eu sou quietinho que eu vou deixar isso pra lá. Se prepare para o verdadeiro inferno se continuar com essa putaria aí. (Sim, eu estou com ciúmes, do quê? Não sei.)

As aulas terminam, Mark e eu vamos até o portão, onde encontramos um garoto muito fofo e lindo nos esperando.

?- Mark, podemos ir agora?

Eu- Mark, esse é o seu amigo?

Mark- Sim, esse é Jeon Jungkook. Ele é da nossa sala, mas ele senta meio longe.

Eu- Prazer em conhecê-lo, meu nome é Jung Hoseok, mas pode me chamar de Hope.

Jungkook- Digo o mesmo, pode me chamar de Kook ou Kookie.

Eu- Okay, Kook.

Mark- A cena tá linda e tals, mas vamos jogar algo lá em casa?

Eu e Kook- Vamos.

No caminho até a casa de Mark nós rimos, falamos mal dos bangtan boys e falamos qual dos membros era mais irritante.

Kook- Eu não gosto do Park Jimin. Irritante, narcisista e metido.

Eu- Eu odeio o Kim Taehyung. Mesmo assim, ele me beijou hoje!

Kook- Pelo menos ele beija bem?

Eu- Pelo menos isso sim. E para você, Mark?

Mark- Eu nao gosto do Yoongi. Só não vou com a cara dele e ele não vai com a minha.

Eu e Kook- Hum...

Chegamos na casa de Mark e bagunçamos até demais, tinham louças quebradas, livros rasgados, moveis tombados, etc.

Mark- Vamos arrumar isso e depois vocês podem ir. Se quiserem, é claro.

Eu- É melhor eu ir daqui à pouco.

Arrumamos tudo rapidamente, nos despedimos e eu vou para casa.

Em casa:

Chego, subo para meu quarto, separo algumas roupas e vou tomar banho, que demorou uns 40 minutos.

Como algo rapidamente e volto para meu habitat natural. Ligo meu rádio e conecto com meu celular. Começo à escutar e acompanhar meus raps. Até ter vontafe de dormir. 

Mensagem ON:

Eu- Oii, Kook. 

Kook- Oii, Hope. Foi bem legal te conhecer.

Eu- Kkkk, eu sei. Eu sou maravilhoso e vc tbm é.

Kook- Eu tbm sei. Até amanhã.

Eu- Até amanhã.

Mensagem OFF

Tenho certeza de que amanhã Kim Taehyung se arrependerá de ter falado do corpo das ex putinhas dele. Ah, foda-se. Ele que começou essa treta. E que o inferno comece...



Notas Finais


Eu nem sei se ficou bom, mas eu sei que o próximo capítulo vai dar merda.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...