História Open your eyes - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Tags Exo
Exibições 16
Palavras 1.041
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura gatinhas ;)

Capítulo 2 - Que bom né?


   -eles não não são o exo ___________?
  -é eles são.....
  -que foi _______?parece que travou .ei!-disse a Gih balançando a mão na frente de meu rosto. Eu realmente tinha travado. Estava preparada para ver eles só a noite. Mas eu me comportei normalmente.
    Olhei pro baekhyun meu utt e olhou pra mim , ele ficou um  bom tempo olhando como se estivesse curioso. Eu o ignorei e fui fazer oque eu tinha que fazer.
                                                           Baekhyun on
    Eu fiquei realmente paralisado por ela. Era bonita mesmo sem ser asiática. Ela tinha cabelo enrolado e uma pele morena, um pouco mais escura  que a noona de kai.
    -vamos baek - disse chanyeol rindo da minha expressão - viu uma gatinha?-disse procurando alguém.
    -não viaja Chan , vamos que eu preciso descansar pra hoje a noite.
   No caminho eu não parava de pensar nela. Tomara que ela seja exo-l quero vê-la  de novo.

      ____________  on

    Entramos em escritório bem grande por sinal
     - vocês devem ser as meninas estudadas - disse um mulher que parcial ser nossa futura chefe
   - sim somos nós - disse a Gih sorrindo e apertando forte minha mão.        
    A Any tinha ido embora , oque me deixou um tanto nervosa, desde que chegamos lá ela nos supre em tudo que precisamos como uma mãe na Coréia do Sul .
     - sente-se meninas não precisam ficar nervosas já foram aceitas.- disse a mulher com um sorriso consolador.
   Nós sentamos e ela pediu um copo de água.
   - como vocês devem ter percebido em nossa casa recebemos vários artistas  - eu e Giovana fizemos que sim com nossas cabeças - bom quero que se comportem como se vissem eles todos os dias , como se fosse normal.(mulher)
     - OK - dissemos em uníssono.
    -pensei que seria mais difícil.- disse ela rindo.finalmente a aguá chega.- querem água?
    -por favor - dissemos em uníssono mais uma vez, eu realmente estava nervosa para falar em uníssono com a Gih.
    Ela colocou aguá em dois copo para nós duas e nos emtregou
    -obrigada (Gih)
    -obrigada(eu)
   - bom vocês podem começar. Giovana você ira trabalhar de garçonete - Giovana fez que sim com a cabeça - e __________ ,você vai trabalhar na parte delivery OK?
     -Ok
    -vamos,vamos,vamos - disse ela nos apressando divertidamente
   Chegamos lá fora e eu procurei os meninos do exo superficialmente mas não os encontrei.
     - pode respirar amiga eles já foram.-disse a Giovana no meu ouvido ,com um ton de sarcasmo.
   - besta - disse batendo no ombro dela com força oque a fez gemer de dor e rir ao mesmo tempo.
   -bom vamos trabalhar - ela disse pegando um avental da parede e amarrando na cintura.
    - vamos trabalhar , melhor do que ficr ouvindo suas piadas exóticas.
    - você gosta- disse ela piscando pra mim e se afastando.
    Fui para os fundos do local. Chegando lá só encontro garotos.
    - Nossa nenhuma menina - disse eu surpresa.
    - é não existe muitas garotas no serviço de delivery - disse um menino alto sorridente amarrando uma jaqueta na cintura.
    -Parece que nenhuma.
   -esse é seu pedido do outro lado da cidade gatinha.
   - serio?
  -depende , se for a parte do gatinha é verdade , se for a parte do ser do outro lado da cidade é mentira.
    - nossa que menino engraçado meu Deus.
    -obrigado e pode me chamar de siro
    -prazer siro disse estendendo a mão pra ele.
    -prazer - disse apertando minha mão.
    - e aonde eu encontro minha moto sr siro ?
   -lá na frente - disse ele rindo da minha cara.
   - obrigada.
   Fui até minha moto, coloquei o capacete e vi os garotos dali olharem pra mim surpresos , eu ignorei e fui fazer minha entrega

   Baekhyun on 

  Fui tirar um cochilo e não consegui, equela menina realmente estava me tirando o sono , 
    -mas eu não voi deixar ela fazer isso comigo , não mesmo .
    -falando sozinho baek?
    -não, pensei alto.
    -quem você não vai deixar fazer "isso" ?(d.o)
    - Aish , ninguém 
    - sei - d.o disse rindo                       
    -é verdade
    -oque é verdade mesmo?(d.o)
     -aish kyungsoo você é chato.
    -nem tanto,mas fala aí é por causa dela né?(d.o)
     - dela quem ?
     -cê mete do loco mesmo. A moreninha da casa de carnes.(d.o)
     -é ela mesmo -  disse eu lembrando dos olhos dela.
      - mas o que ela fez pra você?(d.o)
      -ela não sai da minha cabeça.
     - geralmente quando vimos uma menina bonita é assim baekhyun.(d.o)
       - eu sei só que ela é diferente
       - diferente como? - disse d.o confuso.
        -ela é americana
        -e nós somos asiáticos. Qual o problema? Vai me dizer que nunca gostou de americana - nessa hora eu gelei. Não , nunca tinha gostado de uma americana antes.
         - esquece kyunsoo
         - tudo bem agora vamos. Temos que ir pra fanmetting.(d.o)
          Tomei meu banho , me troquei , coloquei uma camisa branca,um suéter preto meio azulado e uma causa cinza. Fui no quarto do Chan pegar meu boné que estava com ele . Cheguei lá abri a porta e o Chanyeol estava nú.
            -  Querido amigo
            - Sim querido amigo(Chan)
            - eu não estou afim de ver seus volumes - disse eu a mão no rosto.
             -Então vai embora(Chan)
             -eu até iria se o ladrãozinho tivesse devolvido meu boné .
            -pode olhar
             -vc cubriu seus volumes?-disse eu abrindo um espaço meus dedos para enxergar
             - sim todos eles(Chan)
            - engraçadinho. Cadê meu boné?
             -toma .(chan)
            -Obrigadinho
          Sai do quarto de Chan um pouco chocado com oque eu tinha acabado de ver. Isso realmente foi  estranho. Fiquei girando o boné , que no caso era cinza, um pouco mais claro que minha causa. Eu fui pra sala, adiantado como sempre , só estava eu e o Kai lá.
         -ta com fome ?
        - não muita
        -bom eu pedi comida daquela cada de carnes que você gosta.
        -obrigado ,vai ser melhor comer antes mesmo.
        Kai saiu da sala e me pediu pra  receber a comida ,até aí tudo bem. Mas a campainha toca pra acabar com meu sossego
          - bom dia,aqui esta sua comida.- com uma voz afeminada que me deixou um tanto confuso. Ele tirou o capacete e era ela , não , ela não.
           - você?                  


Notas Finais


Obrigada desde já e desculpa desde sempre :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...