História Opostos - Capítulo 18


Escrita por: ~ e ~Temachan_

Postado
Categorias Meninas Super Poderosas (The Powerpuff Girls)
Personagens Ace, Arturo, Big Billy, Bruta, Docinho, Durão, Ele, Explosão, Florzinha, Fortão, Furiosa, Lindinha, Pirralha, Prefeito de Townsville, Princesa MaisGrana, Professor Utônio, Senhorita Bellow
Tags Bluexblue, Meninas Super Poderosas, Redxred
Visualizações 254
Palavras 7.812
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


VOLTEIIII, meus amores desculpa a demora
Desculpa qualquer erro de português

Eu estava estudando e fazendo provas, era trabalhos para tudo que é canto planejado a formatura, planejando como passa de ano etc


mas bem boa leitura e o próximo capítulo vai ser mais rápido

Capítulo 18 - Batalha final


Fanfic / Fanfiction Opostos - Capítulo 18 - Batalha final

Pov's Butch




Estava olhando com tanta raiva para a Buttercup que estava com os braços cruzados olhando com um sorriso de lado, olhei para Boomer que estava em estado de choque e o Brick que estava analisando aquela situação sério mas ainda surpreso.



O Brick ser assustou quando o Rage ao lado da Berserk tinha agarrado seu ombro que o olhou confuso.




- vamos separa-las, como elas fizeram comigo e minhas irmãs - fala Berserk entediada olhando pro resto dos vilões - quem tive afim de batalha com qualquer uma delas vai nos acompanha.



Vi o Brick concorda e mandando um olhar para mim e pro Boomer que logo entendemos o recado, eu e loiro voamos na direção de nossos alvos, agarrei a Buttercup e voando para longe o mais rápido possível sendo acompanhado pelos outros.




Ia sair da cidade mas a Bc agarrou meu rosto me fazendo parar e dando um chute na minha barriga me jogando no centro da cidade a destruindo e fazendo uma grande buraco.


Me levantei sentindo uma dor em minha barriga mas estranhamente eu estava ficando animado com aquela lutar.


Sair do buraco vendo a Brute e o Raze chegando perto junto com a gangue gangrena logo atrás.



- como vamos derrota ela ? - perguntei vendo o líder da gangue gangrena ser aproxima.


- sabe eu e meus manos nunca precisamos de poderes para briga com elas - fala o Ace passando a mão nos cabelos negros compridos, essa afirmação fez com que o Raze e Brute prestassem mais atenção no esverdeado. - nos apenas usamos a cabeça mas precisamos de um pouco de tempo e essa parte é com vocês três.




Ele fala fazendo o sinal para o resto do pessoal dele que correram para dentro da cidade e ele o acompanhou, não entendi muito mas vou deixa um pouco da minha confiança neles.




A Buttercup pousa no chão e logo dando um soco no chão pegando uma grande pedra e jogando já nossa direção, o Raze e a Brute pularam para longe da pedra e eu dei um soco a quebrando mas logo senti um soco no meu rosto fazendo eu quebra alguns prédios. 



Me levantei massageando meu rosto e limpando um filete de sangue da minha boca e do meu nariz, eu sair dos escombros voando na direção dela que estava em posição de luta.




- ei Bc…..Você sabe quem eu sou né ? - perguntei colocando as mãos no bolso, ela balançou sua cabeça pro lado parecia que não entendia o que eu dizia - Buttercup ? 



Ela correu em minha direção me dando vários socos que desviei todos tempo mas ela aumentou a velocidade e tive que começa a acerta-la que foi em vão, ela estava analisando todos os meus movimentos até que ela agarrou meu punho, ela ia quebra minha mão.



- desculpa Bc - falei dando um chute na sua barriga mas ela nem se moveu - você está realmente me irritando.




Então dei um soco com toda a minha força em seu rosto a fazendo ser afasta, isso está ficando interessante, comecei a fazer um costume de criança, comecei a me contorce animado com aquela lutar .




Ela ia correr na minha direção quando vários carros caíram ao redor dela meio que a aprendendo e o último carro por cima fazendo ela fica preso lá dentro, olhei para cima vendo que era o Big Billy no alto do prédio.



- eles acham que só isso pode deter ela ? - me perguntei não acreditando na " grande idéia " deles.



- pare de reclama desordeiro e fique olhando - fala o Ace aparecendo do meu lado quase me assustando. - Snake.



O Snake aparece com enorme sorriso de lado.



- por que você acha que eu tenho essa cara de cobra ? Só por decoração moleque ? - ele pergunta logo depois rindo de maneira debochada e assobiando, apareceu várias cobras e ser enrolando por todo o corpo da Buttercup que apenas observava tudo em silêncio. 




Então o Grubber aparece com uma arma enorme ao lado do Arturo que estava com outra arma e atiraram na Bc, a Arma do Grubber era de lava e do Arturo gelo fazendo uma cobertura ao redor daquelas monte de carros.



- o Grubber parece um imbecil mas por trás daquela cara estranha tem um gênio, foi ele que fez aquelas armas - fala o Ace que ser aproxima pegando do bolso um pequena granada e jogando nela a explodindo.



- merda !!!! SEU MALDITO VERDE, VOCÊ ACABOU DE MATA-LA - gritei agarrando a gola da blusa dele fazendo uma bola de energia e chegando perto do rosto dele.



- calminha, não era esse o objetivo ? - ele pergunta nervoso enquanto ia atingi-lo uma outra explosão chamou nossa atenção, olhei vendo a Buttercup saindo dos escombros, sua roupa estava rasgada e tinha alguns arranhões leves em seus braços e pernas.



- está chica es el diablo - fala o Arturo assustado ao lado do Grubber e o Big Billy já tinha descido do prédio e estava abraçado no Snake morrendo de medo.



- Billy está com muito medo - fala o grandão tremendo junto com o Snake que olhava pro Ace que estava sem palavras tinha até tirado o óculos escuro chocado, o larguei andando na direção dela.


Mas ela simplesmente sumiu diante dos meus olhos e apareceu na frente da gangue gragrena, ela começou com o Big Billy dando um soco em sua barriga o fazendo desmaia depois para o Snake que agarra seu cabelos o jogando para longe e depois dando um chute no Grubber e usando sua visão laser atingindo o Aturo e andando em direção do Ace.




- Buttercup, Bc ?……Docinho - ele tentava chama ela em vão, Bc agarra o pescoço dele com apenas uma mão o enforcando - Amor ? 



Por algum motivo ela parou de enforca ele mas ainda o segurando, será que ela lembrou dele ? Eles namoraram por um tempo mas nunca soube porque eles terminaram.



- amor, você lembra….foi muito especial….. Você lembra né ? - pergunta ele segurando o pulso dela com um sorriso nervoso, ela olhou e logo começou a enforca-lo com mais força do que antes.




Tive que ser rápido e agarra o braço dela a fazendo solta-lo, o Ace estava tossindo muito, o Raze correu ajudando o esverdeado e ser escondendo junto com o resto da gangue. 



- você é tão irritante Fortão - fala ela um raio de luz e me atingi me afastando dela alguns metros, ela me chamou de Fortão ? meu antigo nome ? 



- Buttercup, quanto anos você tem ? - eu perguntei vendo ela balança a cabeça por lado não entendendo a pergunta - Bc…..o que você odeia ? 



- eu odeio…..quase tudo…..odeio barulhos altos, os robôs idiotas do Macaco louco, minha irmã sendo mandona, os choros irritante toda hora da Lindinha, a metida da mais grana e principalmente o Fortão sendo irritante com seus irmãos desordeiros, odeio como o Mitch maltratava o roedor, odeio como o Ace me traiu……- ela falava olhando pro nada com uma voz baixa, acho que estava entendendo o que o Ele fez para controla a Bc e provavelmente as outras irmãs.



O Ele colocou todas as más lembranças nelas junto com tudo que ela odiava e o sentimento que ela mais demonstrava quando criança que é a raiva fazendo não enxergar o agora e nem lembra do presente.



- aquele demônio é mesmo um maldito desgraçado - falei com um sorriso de lado - você me odeia ? Como você me via Buttercup ? 



- apenas um estorvo para essa cidade - fala ela dando um soco no chão fazendo um terremoto fazendo vários prédios caírem e tive que desvia e segurando alguns prédios e colocando no chão, ainda bem que não tem ninguém na cidade.



- ei imbecil ! - eu segurava um dos prédios quando ouço a voz da Brute com minha super audição, me virei em direção da voz.



- o que foi agora ? - perguntei colocando o prédio no chão e dando soco em outro quebrando ao meio. - não está vendo que estou um pouco ocupado.


- tem um maldito cachorro ali - ela fala apontando, olhei vendo que o cachorro estava ser coçando enquanto o prédio estava vindo na direção dele.



- só pode ser brincadeira - falei voando na direção dele mas fui atingido por um raio verde claro vindo da Buttercup quase cair mas consegui fica no ar e agarrando o cachorro antes do prédio cair.



O segurei no meu peito o protegendo pois cair com tudo no chão me ralando todo. 



- droga, rasguei minha jaqueta favorita - falei olhando minha melhor jaqueta enquanto o cachorro lambia meu rosto feliz - cãozinho, melhor fica aqui.




Suspirei me levantando com dificuldade tirando minha jaqueta e colocando no cachorro que estava com o rabo abanando todo feliz.



- senta - falei vendo ele senta latindo - bom garoto, fica aqui.



Então sair voando para dentro da cidade de novo a procura da morena que estava ser escondendo, olhava tudo a procurando então ouço uma risada, olhei para cima a encontrando com os braços cruzados.



Não sei como derrota-la, a Brute e o Raze não tem como me ajuda e a gangue gangrena estão todos desmaiados e assustados, como posso fazer ela volta si ? 



Então me deu uma idéia.



- tenho uma idéia mas acho que eu vou gosta mais do que você - falei voando na direção dela agarrando pelo braço mas ela me deu uma cabeçada mas continue segurando então ela ser joga do prédio comigo agarrada nela. - está ficando louca ? 




- tem medo, você não tem medo de nada - ela falava com uma voz fria e com um sorriso de lado.




Bufei, agarrando seu cabelos com força e forçando um beijo, apenas um beijo seco pois ela não ficou surpresa ficou apenas parada, abri meus olhos vendo que ela continuava com os olhos abertos.




Quando atingimos a chão, eu apaguei por alguns segundos mas logo me levantei procurando a Buttercup desesperado.




- meu primeiro beijo foi com você…..eu o destruí - fala ela jogando uma pedra que estava em cima dela para longe, ela estava ofegante e finalmente parecia que estava cansada. 




Eu estava bem pior que ela, precisava descansa um pouco então me levantei rápido e usando minha super velocidade entrando em um dos prédios abandonados, entrei em uns dos quartos me sentando.





- não deu certo - suspirei percebendo algo estranho, olhei para minha barriga estava sangrando, levantei minha blusa vendo que tinha um grande caco de vidro perfurado - que ótimo.




Tirei o caco jogando para longe sentindo dor, fechei os olhos, estava cansado mas logo abri os olhos ouvindo passos e fiquei em posição de lutar.



- finalmente te encontramos - entra a Brute ao lado do Raze e a gangue - você está ferrado.




- cala a boca sua punk de merda - falei gemendo de dor logo em seguida me sentando, o Raze ser aproximou levantando minha camisa.



- eu cuido disso - fala sério rasgando sua blusa e enfaixando meu ferimento. - precisamos dos nossos poderes.



- ei ! Ace não ? - fala a Brute com o braços cruzados - como ficaram verde ? 




- quando éramos crianças estávamos brincando em uma área tóxica e um dos contenes caiu em cima da gente nos deixando dessa forma - explica o Ace tirando do bolso um cigarro e o acendendo - por que ? 




- você disse que esse esquisito aí - fala ela apontando para o Grubber - era um gênio, faz ele devolve nossos poderes.




Arregalei os olhos, seria uma grande ajuda eles com poderes mas muito arriscado, elas não são confiáveis podem muito bem mudar de lado e dificulta toda essa situação. 



- estou sentindo esse olhar imbecil - fala a Brute de costa para mim - mas não sabe como eu odeio aquela aberração, a única coisa que eu e minhas irmãs queremos é matar ele…..Então não ser preocupe.



Ela me olhar sério, apenas dei de ombros, estava de saco cheio já de ser bonzinho, nunca fui assim e não serei hipócrita de ser agora.




- então vá agora cria alguma coisa - fala a Brute pro Grubber que olhar pro Ace que apenas concorda então eles foram embora, provavelmente procura os matérias necessários. - agora é só espera. 




- ela vai encontra a gente logo, melhor melhora - fala a Brute ser encostando na parede de olhos fechados com os braços cruzados.




Meu ferimento estava quase curado quando a janela é quebrada e sou agarrada sendo jogado no chão.



Estava puto, puto com todos os acontecimentos até aqui, puto que ainda não estou lutando de verdade, me levante devagar olhando para a Bc, irritado mas estava excitado por ter uma boa lutar.




- sabe estou me divertindo - falei tirando o pó da minha calça - eu não vou mais pegar leve Buttercup.




Então avancei nela agarrando seu pescoço e jogando no chão com tudo quebrando fazendo uma grande cratera, eu segurava ela com força, ela estava sem reação.



- ser eu te der um soco, vai acorda - falei levantando meu outro punho e tentando dar um soco nela mas ela segura e percebi que ao redor do corpo dela estava fazendo uma energia negra e deixando seus olhos mais sem vida. - BUTTERCUP ACORDA !!!!!!!! 




Ela parou e estava tremendo, parecia que estava lutando consigo mesmo, será que Boas lembranças ia dar certo ?




- você lembra…..Quando ganhou seu primeiro jogo de futebol ? - sabia ela jogava futebol e basquete a muito tempo. - ou lembra quando ficou feliz quando descobriu seu poder especial ? Você é a única da cidade toda a enrola a língua, lembra ?



Ela continuava estática me olhando sem demonstra nada.



- você gosta de rock e odeio dias chuvosos, você ama essa cidade idiota ao ponto de colocá ela em minhas mãos, lembra ? - falei a agarrando com um pouco de força quebrando um pouco o chão.




Eu perguntava então finalmente vi ela solta uma risada abafada, ela estava com um pequeno sorriso contido mas aquela energia negra estava ficando mais forte ao redor dela mas não ia sair dali agora. 



- lembra…..Quando me derrotou rindo de mim….lembra da bunda branca do Brick ? - perguntei vendo que ela começa dar pequenas risadas contidas, estava dando certo.




- lembra….. - ia continua mas ela me interrompe dando um grito de dor e dando um chuta em minha barriga saindo do buraco, ela saiu gemendo de dor com as mãos na cabeça.




- saiiiiir da minha cabeça - ela falava e vi que estava começando começando a chora de dor então corri abraçando ela.



- Buttercup……eu gosto muito de você - falei agarrando o seu rosto fazendo olhar nos meus olhos - amei transa com você e quero muito repeti.



- seu….idiota pervertido - finalmente puder ver brilho dos olhos dela com seu rosto vermelho - Butch…..




Ela desmaia nos meus braços, será que ela voltou mesmo ? 




- o Grubber conseguiu uma fórmula - chega o Raze e quando olhar a Buttercup arregala os olhos - você conseguiu ? 





- eu não sei ainda - falei me levantando com dificuldade com ela nos meus braço - seus poderes conseguiram ? 




- mais ou menos - chega a Brute olhando minha situação e depois para a Buttercup - o que ele fez vai dura em nossos corpos por pelo menos 1 hora mas tem uma consequência, nosso corpo vai sofre bastante.




Ela explica segurando algumas seringas com um brilho branco brilhante.



- temos que dar essa seringa por outros - fala o Raze pegando uma das seringas e aplicando no próprio braço e a Brute fez a mesma coisa - a gangue gangrena foi para casa com medo. 



Então os dois flutuavam, e comecei a flutua ao lado deles.




- vamos logo procura por eles - falei vendo os dois concordarem e começamos a voa a procura do Boomer, olhei para a Bc que estava adormecida, ela estava muito machucada. 




Minha raiva está num nível que sentia meu sangue ferve de tal forma, a única coisa que quero é enfia meu punho na cara do Ele.





Pov's Boomer 




Segurava a Bubbles voando o mais rápido possível para longe da cidade quando senti algo molhado em minha camisa, olhei vendo que a Bubbles estava chorando.




- Bubbles ? - parei e a loira deu um soco me fazendo cair com todo na areia, areia ? Fui para longe até demais, estávamos numa praia ao lado da fkoresta que ficava um pouco afastado da cidade de Townsville. 




Eu olhei para ela, percebi que ela estava chorando mas ainda seria. 



- A lindinha mudou muito com o passa do tempo - ouvi uma voz e me virei olhando paras os três seres mais inúteis de toda Townsville, o trio ameba.



- so pode ser brincadeira - falei sentindo um pouco de dor de cabeça.




- o que foi garanhão acha que só porque somos amebas que somos inúteis ? - pergunta o líder do trio que usava um chapéu preto.



- na verdade, eu acho sim - falei sincero para o três que ficaram ofendidos.



- no passado eu até concordaram mas hoje em dia não - continua a líder com um sorriso vitorioso - mas você vai primeiro.




Revirei os olhos voando em direção da Bubbles que junta suas mãos fazendo um grande raio de energia azul bebê que eu tive que desvia e jogando uma bola de energia nela que joga para longe e dando o seu grito sônico me fazendo tapa meus ouvidos com os olho fechados e quando abri ela me deu um soco e um chute em minha costela.




- Bu…..Bubbles - falei cuspindo sangue mas ela nem se importa mas continuava a chora seria, apenas lágrimas caiam.




- por que ela está chorando ? - ouvi uma voz de deboche, me virei encontrando a Brat de braços cruzados ao lado do Rave que olhava a Bubbles.



- o Ele deve está controlando elas por emoções negativas - fala o Rave vendo que a Bubbles pousou no chão esperando o próximo movimento nosso.



- Booboo, melhor luta de verdade….use seus poderes que conseguiu do Ele - fala a Brat me ajudando a levanta mas logo me afastei dela com raiva.



- posso matar-la - falei olhando a Bubbles muito preocupado.



- ela vai matar todos nós ser não consegui lutar de verdade - fala o Rave e olhei pro lado irritado com aquela situação então senti a gola da minha camisa sendo puxada, o Rave fez eu encara ele que estava com uma expressão de raiva - quer parar de ser covarde pelo menos uma vez na vida !  



Ele me solta, olhando para a Bubbles ser aproximando dela atue estava parada logo ficou em posição de luta.



- Bubbles…….Você é mais forte que isso - ele começa com um tão sério mas ela não fez nada - você não é fraca e….




- eu sou sim…..- ela o interrompe, fiquei chocado com sua voz sofrida - sou a mais fraca das minhas irmãs, sempre choro por tudo…..tenho medo de muitas coisas e nunca conseguir supera-los direito…..Não consigo nem salva a pessoa que mais amo.




- está enganada - fala o Rave tentando ser aproxima dela que afasta dele e faz uma expressão de pura raiva - merda. 




Ela começa a começa a fazer sons de animais e veio vários tipos de pássaros atacando o Rave, droga esqueci que ela consegui fala com os animais, voei tirando o Rave daquele ataque mas os pássaros estão me seguindo.



- não sabia que ela controla os animais - fala os Rave olhando os pássaros, ele estava bastante arranhado - ele está usando o sentimento de tristeza dela. 



- segura firme - falei vendo ele me agarra com força, virei para sempre batendo palma fazendo um grande vendo afastando os pássaros sem machuca-los, coloquei o Rave no chão ao lado da Brat que estava com os braços cruzados entediada e o trio ameba. 




Voei em direção da Bubbles que começa a fazer um grande furacão fazendo do mar ir junto e ela fez vários raios aparecerem ao redor do furacão, ela ficou muito forte.




- como vou deter isso - me perguntei forçando meu corpo a fica parado pois estava quase sendo sugado pelo furacão, quando ouvi um grito muito alto vindo de longe, olhei vendo o Fuzzer confusão saindo da floresta correndo na direção do furacão. 





- SAI DA MINHA PROPRIEDADE - ele grito ferozmente entrando dentro do furacão e agarrando a Bubbles caindo na praia, fiquei surpreso com tamanha força que aquela coisa rosa tinha.





Ele dava socos e arranhões na loira que ser defendia com os braços no rosto então ela dar seu grito super sônico ser levantando dando um chute na barriga dele fazendo ele voa quebrando várias árvores. 




As roupas dela tinha rasgado um pouco e seus cabelos loiros agora estavam soltos no rosto fazendo ela fica um pouco mais assustadora, ela se vira olhando na minha direção mas ela parou olhando pro chão. 


- agora é nossa vez - fala o líder do trio agarrado na perna esquerda dela junto com o maior do trio na direita e o pequeno estava olhando ela - TRIO AMEBA ENTRA !  




Grita ele fazendo os três ser juntarem e entrarem no corpo da loira pela pele dela, a Bubbles deu apenas uma risada de lado levantando o braço fazendo uma bolha de energia e coloca na própria barriga fazendo uma explosão fazendo o três saírem rapidamente do corpo dela caindos no chão desmaiados e a loira o chutou fazendo eles voarem para longe. 



A Bubbles ser alto atingiu, e ela não gritou com o tamanho do impacto estava com uma expressão vazia. 

 


- ei explosão - ela me chama flutuando até fica frente a frente comigo - vamos ver quem morre primeiro ? 




Ela faz uma grande bola de energia e jogando na minha direção mas consegui fazer meu taco de beisebol inteiramente feito de relâmpagos o jogando para longe atingindo o mar fazendo uma grande explosão de água, ela dei uma risada fazendo várias bolas de energia e jogando na minha direção e tive que joga-los para longe com meu taco fazendo várias explosões.  



Até que umas das bolhas me atingiu me fazendo cair, droga levantei minha blusa vendo aquele ferimento com uma boa queimadura, ri sarcasticamente, merda mesmo agora nessa situação estou amando essa lutar.




- nostálgico não ? - me virei vendo a Brat sorrindo - quando eu tinha lutas Boas, era excitante, era tão maravilhoso a sensação da luta era o único momento que me sentia vivo de verdade. 




Era verdade, minha última boa luta foi com a Bubbles a três anos atrás, e como a Brat me sentia vivo lutando e depois que formos para o inferno treina, estava louco para lutar mas depois de tudo eu desiste dessa idéia mas agora nesse momento estou agitado por essa lutar.




- melhor aproveita essa lutar - fala a loira ao meu lado dando um risada sarcástica - será sua última lutar com a super poderosas, se você conseguir vence vai salva sua namorada. 




- pela primeira vez….Você falou algo decente - falei voando na direção da Bubbles e começamos a nos soca, percebi que mais eu socava ela mais ela ficava mais forte conseguindo me machucar. 




Ficamos vários minutos, eu já estava exausto enquanto ela estava apenas ofegante quando ela faz um grade raio me atingindo mas fiquei na mesma posição, eu ri me divertindo um pouco tirando do meu bolso um pirulito que estava um pouco derretido, ela ia fazer outro movimento quando uma bola de energia verde escuro a atingiu fazendo ela afunda no mar.



Olhei pro chão encontrando a Brute com a mão levantada com um sorriso dela junto com o Raze e meu irmão segurando am Buttercup que estava desmaiada, desci rapidamente.




- você está detonado - fala o Butch com um sorriso de lado me olhando divertidamente, fiz um bico com raiva dele.



- olha quem fala sua cara está toda ferrada - falei apontando para sua cara ele me deu cotoco - mas como conseguiu apaga ela ? 



- Boas lembranças, ela estava com sentimentos de raiva fazendo sua mente fica nublada mas acho que conseguir ela volta - fala ele olhando para a Buttercup que também estava bem machucada por causa da luta. 




Olhei para trás vendo que o Raze estava aplicando uma injeção no Rave junto com a Brute estava fazendo na Brat que estava com um sorriso de lado.



- o que é isso ? - perguntei curioso então a Rave começa começa a flutua - como conseguiram seus poderes ? 


- um gênio improvável mas só por uma hora depois nosso corpo vai fica bastante detonado - explica a morena, ia questiona quando sentimos uma forte presença, olhei para vendo a Bubbles sair do mar divaga.




- descansa um pouco Booboo - fala a Brat voando em direção da Bubbles tenta dar um soco mas ela agarra seu punho dando um outro soco fazendo ela cair com tudo no chão - SUA VADIA ! DESGRAÇA……




Ela parou vendo que tinha uma aura negra ao redor do corpo dela e suas lágrimas estava mais grossas, voei em sua direção ficando na frente dela.



-Bubbles….Você é muito forte - falei vendo ela nega com a cabeça pondo as mãos no rosto.



- sou tão fraca ela inútil…..sou um estorvo para todos - falava ela começando a uma risada sarcástica. 



- você é muito forte, consegui fala com os animais e fala vários idiomas diferentes, você tem um grito super sônico, é a mais gentil da cidade mas consegui ser a mais assustadora quando quer - eu falava um pouco desesperado vendo ela discordar murmurando várias coisas que não entendia. 



Então agarrei seus ombros fazendo ela me olhar.



- me ouça, você salvou tantas vezes essa cidade e também….- falei tentando enxugar suas lágrimas - você me salvou meu amor, por favor volta para mim. 




Eu disse encostando minha testa na dela fechado os olhos com força, já estava esperando um chute ou um soco mas senti uma mão macia em sua cabelos, abri os olhos vendo que ela tinha voltado ao normal.




- Bubbles você…..Você voltou mesmo ? - perguntei tocando em seu rosto vendo ela dar um sorriso meigo e me abraça, eu retribuir a abraçando com força.




Então senti ela fica mole, olhei vendo que ela tinha desmaiado, ela estava exausta tanto fisicamente quanto psicologicamente, rapidamente pousei no chão.




- precisamos encontra o Brick - falei segurando a Bubbles estilo noiva com sua cabeça deitada em meu ombro, o Butch ainda estava sentado com a Bc.



- temos que dar essa injeção pra Berserk - fala a Brute ao lado da Brat que olhava para a Bubbles com pura raiva, eu ia briga com ela quando vimos uma grade explosão vindo onde Brick estava.




- já disse que sempre tive medo de luta com a Blossom e o Brick que está lutando com ela é mais assustador ainda - fala o Butch um pouco branco com um sorriso de medo eu concordei, de todas as três a Blossom era a mais assustadoras. 



- a Berserk e o Rage estão lá, me dar até arrepios de chegar lá - fala o Raze abraçado com o Rave que estava com os braços cruzados.


- é mais divertido ainda - fala a Brat com um sorriso enorme ao lado da irmã que concorda - vamos logo, seus inúteis. 



Concordamos começando a voar para o local onde estava acontecendo a última luta, que será a decisiva. 


Pov's Brick 



Vi os meus irmãos levaram as meninas para longe dali, estava preocupado e sentindo uma estranha sensação que eu sentia só quando era criança mais ainda era desconhecida para mim .






O Ele riu, fazendo uma fumaça e aparece sua poltrona vermelho.



- vocês acham mesmo que vão ganha da líder ? Minha querida Florzinha, pode matar - fala Ele fazendo a Blossom concorda estralando o punho esquerdo.




- já faz um tempo que não usava essa roupa para lutar - fala a Princesa mais grana rindo olhando para a Blossom desafiadora, ela usando sua roupa quando era criança numa versão maior e parecia que tinha mais armas.




- minha vingança será plena - fala a Medusa com seus novos cabelos agitados, olhei para o Rage que estava com um bastão de baseball suspirado ao lado da Berserk.




- macaco louco está preocupado com aquela coisa ali - fala o Macaco louco apontando para o Ele que percebeu o Macaco e dar um sorriso maior.



- oiii macaquinho, sentiu saudades ? - ele pergunta acenando pro Macaco que ser irrita pegando sua arma e atirando nele mas invés dele ser proteger sozinha a Blossom ficou na frente e o tirou foi no braço dela a fazendo sangra - ah…..esqueci ser ousarem me tocar quem vai ser machuca é minha ruivinha. 




- tenham cuidado, precisamos da Blossom viva - fala o Rage para três que não gostaram muito da idéia mas concordaram.




Então a Medusa jogar seus cabelos a predendo mas ela consegue solta umas das mãos agarrando os cabelos e puxando para si e dando um soco com tudo no rosto da Medusa a jogando no chão, então a Princesa mais grana vôoa para cima dela pegando sua arma e atirando nela que desvia de todas e fazendo uma bola de luz e jogando nela que desvia fazendo uma grande explosão atrás dela que até eu fiquei assustada.




A Princesa mais grana olha para a explosão um pouco assustada e volta olhar a ruiva que estava seria a olhando.



- Blossom você está tentando me matar ? De verdade ? - ela pergunta e vi que sua mão estava tremendo, a verdade é que a Blossom nunca usou todo o poder nela no inimigo, ela e suas Irmãs nunca queriam machucar ou matar algum inimigo então sempre guardaram seus poderes para si.




Até mesmo lutando com a gente elas nunca lutaram 100% , era por isso que eu sentia mais raiva dela, ela nunca lutou comigo com todos os seus poderes.





- Florzinha, você lembra que sou uma humana muito rica né ? - continua a Princesa mas a Blossom apenas levantou a mão com outra bola de luz um pouco mais forte e joga na princesa que fica paralisada mas a Medusa consegue agarra ela com os cabelos a fazendo ir pro nosso lado enquanto fazia outra explosão mais intenso.



- fedelha, você acha mesmo que ela não vai te matar ? Olha para ela - fala a Berserk apontando para a ruiva que estava fazendo uma expressão de raiva enquanto começava a dar um sorriso de lado. - essa é a expressão de uma assassina.




- como sabe disso ? - pergunta a Medusa irritada com os braços cruzados.




- simples, ela é a psicopata do meu mundo - fala o Rage que faz a Berserk dar um sorriso de lado.




- não sei quem eu mais odeio, essa vadia ou a vadia do outro mundo - fala a Princesa mais grana ajoelhada dando um suspiro então senti uma presença atrás de mim, virei vendo a Blossom ser aproximando da gente com calma.




- o macaco louco te proteger filho - fala o Macaco ficando na minha frente e pegando suas armas dando vários tiros, ela jogava todas os tiros longe e não a machucava.



Que me chamou atenção, os tiros não a machucava nem um pouco.



- percebeu, né Brick ? - pergunta o Rage, o olhei e percebi que estava olhando atentamente para a Blossom e o Macaco louco que começaram a lutar. - o ferimento naquela hora já sarou e os tiros nem um arranhão.




- ele colocou mais poder nelas - falei vendo o Macaco controla vários robôs que a atacaram, ela desviava e usava todos os seus poderes.




- mas tudo tem uma consequência, para elas e principalmente para o Ele - falei olhando para ele que estava ser divertindo em poucos minutos todos os robôs estavam quebrados ela estava quebrando o Macaco - agora é minha vez, fiquem preparados.




Então voei para cima dela e dando um chute com tudo na barriga dela a fazendo voar longe e quebrando vários prédios.




- Blossom, acho que a nossa lutar de alguns anos atrás será decido hoje - falei vendo ela sair dos escombros e voa na minha direção dando um soco mas segurei fazendo ela me encarar. - você lembra ? De umas das nossas brigas que eu disse que te mataria ? 



Ela não me respondeu, os olhos rosas sem vidas ou alguma emoção. 



- você lembra ? Eu sei que esta aí, lembra que naquele dia você não usou 100% do seu poder ? Por isso que eu estava com raiva porque nunca lutou comigo igual para igual - falei vendo ela segura minha mão com força e batendo sua cabeça com a minha fazendo sangra mas continue segurando.




- você…..- arregalei meus olhos vendo que ela ainda estava sem nenhuma emoção - vai morre.




Então ela dar um chute na minha barriga e agarrando meu rabo de cavalo com força e fazendo uma bola de energia e colocando no meu rosto mas antes de ela solta aquela bola, ela foi atingida na cabeça por um taco de baseball.




Ela solta meus cabelos ser virando lentamente para o dono daquele taco que era a Berserk que não estava com medo ou tremendo, ela estava com um sorriso enorme no rosto.



- essa expressão sem vida em seu rosto é maravilhoso - fala ela que tenta dar outro golpe com o taco de baseball mas a Blossom segura a quebrando com a mão - maldita, você ganhou dos pesadelos do Ele e você ganhou até mesmo de mim e mesmo assim não consegue ser livra disso ? Ficou fraca ruiva de merda. 



Ela fala com desprezo mas isso não afetou nem um pouco a Blossom que apenas agarrou o pescoço dela a levantando a enforcando mas a Berserk não desfez o sorriso de lado. 



- sabe…..Você vai ser que nem eu…..um monstro…..uma assassina…..Você vai ser a….destruição dessa cidade patética - ela falava com dificuldade então a Blossom a larga com tudo no chão a chutando na barriga. 




- Blossom…..- me levantei sendo ajudado pelo Rage que estava sério.




- você não está lutando de verdade - fala ele ao meu lado - você é o pior dos desordeiros, seu ódio e rancor ainda está aí dentro bem guardado.



- eu prometi que não ficaria com tanto rancor - eu falei vendo a Blossom nos olhar e começando a andar na nossa direção bem divagar - depois na ida ao inferno e volta, queria esquece de tudo e tenta ser normal.




- mas você não é e nunca será, você precisa da sua raiva para ganhar e salva da Blossom - ele explica e eu fechei os olhos com raiva daquela situação - lute de verdade.





Ele me largou correndo para pegar a Berserk e a Princesa mais grana que ainda estava em estado de choque. 




Eu olhava a Blossom ficando com raiva, lembando que sempre quis lutar de verdade com ela e derrota-la, tira aquele sorriso de superioridade da cara dela que sempre exibia, a humilha como ela me humilhou na nossa primeira e segunda lutar quando eu morri por um beijo e outro ela e suas irmãs me humilharam e nesse momento posso mostra todo o meu poder.




Eu avancei nela dando um soco com tudo no rosto dela fazendo o chão ser quebra com a força do impacto mas ela não caiu apenas virou o rosto, ela voltou a olhar estava com um filete de sangue na boca apenas.




- interessante, você está ficando com raiva meu filho ? - olhei vendo o Ele me olhar fascinado me deixando com muita raiva.



- cala a maldita boca, você é próximo - falei com o tom frio voltando para Blossom que começa a dar socos e chutes que desviava todas e fiz a mesma coisa com mais velocidade.





Ela não mudava sua expressão então usei meus olhos laser a atingindo que não a afetou apenas continuo fazendo vários socos e chutes me fazendo recuar um pouco.




Ela ia fazer seu sopro de gelo mas foi impedida com os cabelos da medusa a enforcada fazendo ela olhar para trás vendo a morena com um sorriso enorme no rosto.




-você acha mesmo que pode me derrota só com aquilo ? - ela pergunta fazendo todo o cabelo ser enrola no corpo da ruiva que estava estranhamente silenciosa e quieta.




- Blossom, você vai volta ao normal agora - fala a Princesa mais grana atirando com uma nova arma ao lado do Macaco louco que ser levanta apenas para atirar com sua nova arma. 




Mas a Blossom deu um sopro mas de fogo no cabelo da Medusa e na balas da princesa do Macaco os destruindo, fazendo a Medusa dar um berro de ódio. 




- MEU CABELO NOVOOOOO, BLOSSOOM - grita a Medusa segurando seus cabelos chamuscados, a ruiva não ser importou voltando a minha direção.



Fiz uma bola de energia jogando nela ela fez a mesma coisa fazendo uma grande explosão, quando a fumaça sumiu ela me agarrou me jogando no chão me enforcando, segurava seus braço com força fazendo seus pulsos sangrar mas ela não me soltava. 



- Blossom, você ficou patética - a Blossom parar de me enforca olhando pelo ombros o Rage que estava com as mãos no bolso sério sem ser importa que estava sem poderes. 




Ela me larga ficando de pé sobre mim enquanto eu recuperava o ar olhando que ela estava ficando com raiva.



- está ficando fraca e burra Blossom ? - ele pergunta então a ruiva começa andar em sua direção mas antes dela dar um soco do Rage a Berserk dando um soco nela fazendo quebra o chão.



Me levantei correndo para perto dela.



- como recuperou seus poderes - perguntei vendo ela balança uma seringa vazia e dando um cheio para o Rage que apenas guarda no bolso.


- irmãs - chama a ruiva que aparece a Brat e a Brute - a gente vai derrota nosso querido mestre, Brick salva a Blossom eu ainda quero lutar com ela. 




Ela falou voando em direção do Ele que estava chocado com a volta dos poderes dela então fica começam a lutar com ele.




- ei irmão,parece melhor lutar direito - ouço a voz do Butch, olhei vendo que ele estava bem machucado junto com a Bc ao lado do Boomer que estava ofegante segurando a Bubbles que estava molhado.



- irmão, vamos ajuda elas - fala o Rave para o Rage que negar com a cabeça, o Rave parece até entendido alguma coisa implícita ficando com raiva enquanto o Raze apenas deu um abraço no ruivo voando para lutar com o Ele.



- por que não foi com seus irmãos ? - perguntei vendo que o Rage apenas me olhar e dar pequeno sorriso e faz um sinal com a cabeça, olhei vendo a Blossom ser levanta e quebrando o chão agarrando uma grande pedra e jogando na nossa direção. 




Eu a quebrei, e percebi que ela estava com uma aura negra ao redor dela e parecia que estava ficando com cada mais rainha.



- por que….Você não simplesmente perde Durão ? - ela pergunta usando ser sopro de gelo mas consegui desvia a tempo - tenho que ser…perfeita….Não posso perde….É minha única responsabilidade. 



- você não é perfeita - falei jogando várias bolas de fogos que desvia mas alguns a atingiram mas ela não ser importou muito - você não precisa ter essa droga de responsabilidade….Você não é perfeita e isso é bom.




- NÃO É…..VOCÊ NÃO ENTENDE - ela grita com muita raiva e do nada sumindo e aparecendo bem perto de mim, ela ia enfia a mão no meu peito mas ao invés de me atingi o Rage ficou na minha frente sendo ele atingido. 




Estava com os olhos arregalados, o Rage cuspiu sangue no braço da Blossom que estava parada o olhando.



- Blossom…..Acho que só assim você pode volta ao normal…..- ele falava segurando o braço dela com força - numa luta sempre há sacrifícios e você sempre se sacrifício, dessa vez é minha vez.



Ele fala e logo cair no ombro dela e caindo no chão.



- Blossom….. - falei vendo que ela arregala os olhos,olhando pro Rage no chão começando a chora olhando para as próprias mãos - eu…..ela lá matei ele ? 



Segurei suas mãos, ela me olhar e parecia que estava voltando ao normal ao poucos.



- ei Pink….Você está lembrando ? - perguntei ela ia responde quando ouvimos um grito.




- LINDINHA, FLORZINHA E DOCINHO VENHAM - o Ele grita fazendo a Blossom volta como era me dando um soco e voando para perto dele junto com a Buttercup e a Bubbles que tinham acordado. 



Droga, estava quase lá, voei pegando o Rage e voando rapidamente para o laboratório do professor Utonium coloquei ele na mesa e o professor entendeu e voltei para o campo de batalha.




Quando voltei as meninas tinham jogado as meninas do outro mundo no chão junto com o Rave e o Raze.



- estou cansado de brinca, minhas meninas, acabem com tudo - fala Ele com sua voz medonha então as três levantaram o braço fazendo um grande bola de energia juntando as três deixando muito maior.



- vamos fazer a mesma coisa - fala a Berserk já levantado o braço mas a segurei a parando., ela me olhar confusa e com raiva.


- elas vão volta - falei olhando para a Blossom.



- está ficando cego ruivo ? Elas vão destruir tudo - fala a Brat um pouco desesperada.



- elas não vão - fala o Butch com os braços cruzados.



- como pode sabe disso ? - pergunta a Brute vendo que aquela bola aumenta.



- simples…..essa cidade é delas - fala o Boomer e ficamos olhando, o Ele estava gargalhando mas vi a ruiva dar um sorriso junto com suas irmãs, elas viraram com tudo e jogando naquela bola de energia no Ele.




- isso é impossível - fala o Ele antes de ser atingindo, ocorre uma grande explosão, e elas flutuam até o chão ainda um pouco afetadas mas logo voltando ao normal e desmaiaram a três.




- acabou ? - pergunta o Rave um pouco na dúvida - Ele foi realmente destruído ?  




- ainda não - fala a Berserk olhando pro lado pegando um cabo de ferro com uma ponta fina - meninas ficam aqui.




A ruiva começou a andar, a Brat e a Brute concordaram, eu e meus irmãos pegamos as meninas voltando para o laboratório do professor.




- minhas meninas - fala o professor um pouco desesperado, colocamos elas nas outras camas.



 - e o nosso irmão ? - pergunta o Raze olhando pro Rage que estava dormindo com ataduras no peito.



- ele quase morreu, se ele ficasse mais cinco minutos ele iria morre mas consegui salva-lo - explica o professor cuidando das meninas, eu me sentei sentindo meu corpo todo doe.



O Butch começa vomita sangue, ia levanta mas meu corpo estava muito detonado.




- todos vocês estão muito machucados, Rave e Raze por favor me ajude - pedi o professor Utonium, eles concordam começando a ajuda a gente, eu olhava a Blossom que dormia.




Dopois de quase duas horas vários remédios, pomadas e ataduras estava muito melhor, estava deitado no sofá da sala fumando junto com do Butch que assistia TV e Boomer que comia doce.



- meninos - olhamos para o professor que tinha acabado de sair do seu laboratório - as meninas vão dormi por alguns dias, o corpo delas estão muito machucados e psicologicamente também, muito obrigado meninos.




Eu olhei apenas acenando com a cabeça junto meus irmãos.



- pensei que ia morre - fala o Butch com um sorriso de lado - sabiam que a Bc me achava um estorvo antigamente ? 



- a Bubbles ser acaba inútil - fala o Boomer enquanto comia distraidamente, apenas ri amargurado, a perfeição da ruiva quase que que a domina. 



Me levantei tirando meu boné jogando pro canto, estava indo pro banheiro quando passei num espelho percebi que minha tatuagem do ombro tinha sumida, estava sem camisa.




Corri de volta para a sala vendo meus irmãos me olhando estranho. 



- o Ele está morto - falei vendo eles não acreditando - minha tatuagem do ombro sumiu.




Então eles começaram a olhar, a tatuagem do tornozelo do Butch tinha sumido como o da barriga do Boomer também tinha sumido, estamos livres, de verdade.




- merda, finalmente estamos livres - falei me encostando na parede pasmo.




Finalmente livre.




Pov's Berserk 




Estava dentro da floresta andando divagar até um pouco distraída quando finalmente encontrei meu alvo.



- que visão patética - falei chegando perto do Ele que estava acabado no chão apenas tremendo.



- minha querida, você voltou para mim ? - o Ele pergunta com um sorriso doce na cara, comecei a gargalha colocando meu pé em seu peito colocando a ponto do ferro em seu pescoço - querida ? 




- cala a boca - falei seria vendo ele fica com raiva - eu disse que te mataria com minhas próprias mãos.



- eu sou o mais forte do mundo, você não ousaria - fala ele com um sorriso de lado, apenas ri me divertindo.



- você está fraco e sem poderes com o corpo danificado pelo uso excessivo do seus poderes - fala vendo ele começou a treme - você matou meu pai…..sabe por que não morreu com aquele ataque ? 




Ele arregala com os olhos entendendo aquela conversa.



- a Blossom me prometeu que eu te mataria e assim foi feito - falei levantando o cabo vendo ele desesperado falando várias besteiras que ignorei todos - adeus, a vingança é plena. 




Finalmente perfure seu coração fazendo ele parar e seu corpo virou uma fumaça vermelha sumindo, eu comecei a ri muito feliz.




Fiquei andando por várias horas pela cidade de Townsville, as pessoas estavam voltando, mesmo com toda aquela destruição, todas elas estavam felizes e se ajudando, esse mundo é totalmente diferente de Villetowns.




Quando cheguei na casa na casa das meninas já era 3 da a manhã e todos estavam dormindo, quando o Ele morreu meus poderes voltaram automaticamente mas eu corpo ainda está sofrendo efeitos da injeção. 



Entrei no quarto da Blossom vendo que estava dormindo, me aproximei sentado do lado da cama, a observei tocando em seu rosto.



- eu tenho que admitir, você é bem mais forte do que eu - falei tirando algumas mechas do seu rosto - só dessa vez, vou deixa vocês sem paz mas próxima vai ser mil vezes pior então nunca tente volta para Villetowns. 



Falei me levantando encontrando minhas irmãs me esperando, formos para o laboratório do professor Utonium encontrando o Rage de braços cruzados nos olhando.



- mudo, você falou bastante - falei rindo junto com minhas irmãs indo para máquina do outro mundo a ligando - não vem ? 



- preciso conversa com a Blossom - ele fala com seu típico olhar de tédio que sempre me irritou - quando voltamos, dessa vez eu e meus irmãos vamos derrota-las. 



- então volte logo Rage momo - falei me sentindo muito animada, tudo vai ser mais divertido, eu e minhas irmãs entramos na maquina voltando para o nosso mundo.




Olhei para a Brute e Brat que também estavam animadas, tudo vai volta ao normal, não vai ser melhor do que antes, estou ansiosa para tudo isso.




Continua.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...