História Opposite Hearts! - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Tags Aguslina, Gaslena, Joara, Liona, Michaetina, Ruggarol
Exibições 94
Palavras 1.664
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ooi amores, tudo bem com vocês? Aqui está mais um capítulo, espero que gostem!

Capítulo 4 - Um jogo dentro do ônibus!


Fanfic / Fanfiction Opposite Hearts! - Capítulo 4 - Um jogo dentro do ônibus!

Agustín acordou com dor nos braços, levantou e percebeu que seu lençol estava com um pouco de sangue que saiu dos ferimentos que Caro tinha feito. "Tão linda e tão marrenta" pensou é sorriu ao lembrar dos olhos castanhos dela encarando o olhos castanhos dele, "Para Agustín, você a odeia, não pode ter esse pensamento" pensou pra si mesmo, levantou e foi pro banheiro, tomou um banho rápido, saiu se secou e enrolou a toalha na cintura, saiu do banheiro e encontrou Valu com Mike.
Michael-Pela amor de Deus Agustín, poderia se vestir no banheiro.-disse tampando os olhos da Valentina com a mão e fazendo ela rir.
Agustín-Desculpa, desculpa mesmo.-falei pegando uma roupa e voltando para o banheiro.
Michael-Desculpa esse imprevisto Valu-falou tirando as mãos dos olhos dela.
Valentina-Tudo bem.-riu-Bom então vamos nos encontrar as 14:00 para gravar as músicas certo?
Michael-Ok-sorriam.
Valentina-Até lá-deu um beijo no rosto de Mike e saiu, Agustín saiu do banheiro.
Michael-Da próximo vez leva a roupa pro banheiro.
Agustín-Desculpa, como ia saber que você Tava com sua namorada aqui.
Michael-Ela não é minha namorada.
Agustín-Aham sei-riu.
Michael-Se bem que não seria nada mal ela ser minha.
Agustín-Ah pera aí Mike, escutei direito? Você gosta da Valentina?
Michael-Interpreta como quiser Agus.-riu e saiu do quarto deixando Agustín sozinho rindo.
No quarto das meninas Caro estava terminando de se arrumar, só havia ela no quarto, passou as mãos nos braços roxos, deixou umas lágrimas caírem , ainda doía muito. Limpou as lágrimas e colocou um casaco e desceu, olhou em volta da cozinha e viu que só havia uma mesa.
Chiara-Diretor resolveu sumir com as mesas menores e colocar apenas uma.
Caro-Pq?
Ana-Disse que é para nós nos entender melhor. Ele soube da briga do Agus e do Jorge.
Caro-Ah sim.-sorriu e pegou seu café e sentou ao lado de Jorge.
Jorge-Bom dia Caro-sorriu.
Caro-Bom dia. Como foi a noite?
Jorge-Ótima, e a sua?
Caro-Boa.-falou sorrindo, mais desfez o sorriso assim que viu Agustín entrando na cozinha. Agustín pegou seu café e olhou a mesa, sentou ao lado do Lionel.
Agustín-Bom dia-disse e depois ficou quieto nenhuma palavra saiu de sua boca, tomou seu café em silêncio, acabou antes de todos, se retirou e foi até a sala para treinar algumas falas. Sentou no sofá e começou a ler. Percebeu Jorge se aproximar.
Jorge-Cara você ta bem?
Agustín-Você acabou comigo ontem, como acha que To?
Jorge-Foi mal, é que você provocou.
Agustín-Não provoquei Tava de boa na minha e você chegou batendo em mim.
Jorge-Eu sei, foi mal, é que a Caro é tão indefesa que eu...
Agustín-Ela não é indefesa, mais você pensa o que quiser.-falou se levantando.-Te desculpo por bater em mim, mais na boa não se mete no meu problema com a Kope ok?-bateu em seu ombro e saiu.
Chiara-Jorge?
Jorge-Fala loira.
Chiara-Vamos gravar?
Jorge-Vamos sim-saíram até lá fora.
Chiara-Cadê a van?
Gastón-Não é mais van e sim ônibus.
Malena-Tudo culpa da Carolina e do Agustín.-ambos reviraram os olhos.
Caro -Aí você fala como se nunca tivesse ódio de alguém.
Agustín-Mais passamos dos limites.-falou reconhecendo seu erro.
Caro-Ninguém te chamou na conversa Agustín.
Malena-É disso que To falando, as pessoas tentam ser legais com você, mais você não colabora.-Caro ficou triste com isso, ela sabia que não fazia de propósito, tinha um motivo que ela nunca contou pra ninguém. Apenas saiu de perto deles e foi perto de Jorge.
Jorge-Está bem?
Caro-To sim.-falando forçando seu melhor sorriso. O ônibus chegou todos entraram e se sentaram cada um em um lugar.
Katja-Genteeee, vamos brincar de perguntas?
Ruggero-Como assim?
Katja-Uma pessoa pergunta e a outra responde e assim sucessivamente. Então quem topa?
Todos-Eu.
Katja-Ok, eu começo então.
Karol-Mais que tipos de perguntas?
Katja-Qualquer uma-falou e todos concordaram.-Ok, então Malena eu te desafio a contar pra gente com quantos caras já ficou?
Malena-Não sei acho que uns 8, não sou de ficar com muitos caras.
Katja-Agora você desafia alguém.
Malena-Anita conta pra gente, como foi seu primeiro beijo?
Ana-Ah foi bom, eu acho-riram-Eu tinha treze anos gente.
Gastón-Nova demais.
Ana-Então Gastón te desafio a falar com quantos anos você perdeu sua virgindade?
Gastón-Anita isso não é pergunta.
Malena-É sim, e eu fiquei curiosa.-todos riram.
Gastón-16 anos, foi com a vizinha.-todos riram.-Agora você Michael, joga na nossa rodinha, quantas garotas já passaram pelo seu coração?-Mike riu.
Michael-Duas.-falou e todos os olharam- Que foi gente? Eu gosto de ser romântico-riu-Agora Karol quantos namorados já teve?
Karol-Nunca namorei.-falou e sorriu-Valentina me fala, quantos anos você ficou pela primeira vez com um garoto?
Valentina-Com 15. E você Chiara, já recebeu cartinhas de namorado?
Chiara-Sim, muitas-riu.-Jorge já se apaixonou seriamente?
Jorge-Já, mais nunca fui correspondido-riu-Lionel quantas namoradas já apresentou pra família?
Lionel-Namorada mesmo só uma-riu-Ruggero ta na pista outra vez?
Ruggero-Sim, solteiro e livre-riu- Caro e você com quantos namorados foi pra cama?
Caro-Nenhum-todos olharam para ela.
Agustín-É virgem ainda?
Caro-Sim. Não me entrego tão fácil assim.
Ruggero-Ta certa você.-sorriu.
Caro-E você Agustín, quantas garotas já passou de uma ficada?
Agustín-Três ou quatro.-riu-Katja só falta você, então responde, Quanto tempo de namoro tem?
Katja-Um ano e seis meses.
Todos-Huuuuuuuum.-riram.
Karol-Faltou alguém?
Michael-Acho que não-riu, logo todos chegaram. Desceram do ônibus e foram gravar.
Ana-Você é virgem mesmo?
Caro-Sim-falou-É tão ruim assim?
Valentina-Não é que achávamos que...
Caro-Tudo bem meninas eu entendo-sorriu-Vamos gravar.
Meninas-Ok-riram, e foram gravar.
Ruggero-Então foi com a vizinha?-bateu no ombro do Gastón.
Gastón-Sim-começou a rir-Foi muito engraçado.
Lionel-E a mãe da menina soube?
Gastón-Não, mais o pai dela quase me matou-riram mais.
Michael-E ela era muito nova?
Gastón-Aí já querem saber demais-riu.
Jorge-Vamos gravar galera.-foram grav ar. Quando terminaram voltaram para o ônibus.
Katja-Vamos brincar outra vez?
Todos-Não-responderam e riram.
Katja-Ah vamos sim, só que vamos mudar, dessa vez vamos fazer desafios.
Malena-Katja por favor, estamos todos cansados.
Katja-Tudo bem.-sorriu-Mais da próxima vez vamos brincar.
Todos-Ok-riram e ficaram quietos.
Ruggero-Caro, posso pedir sua ajuda?
Caro-Depende do que é.-riu.
Ruggero-Quero conquistar a Karol, mais não sei como.-falou-Tem alguma ideia?
Caro-Nossa-riu-Não tenho nada em mente agora, mais se quiser podemos organizar algo pra vocês.
Ruggero-Você me ajudaria?
Caro-Claro que sim-sorriu.
Ruggero-Obrigado Caro-abraçou a morena-Você é uma grande amiga.
Caro-Que isso.-riu e desfizeram o abraço.
Lionel-Ta bem?
Agustín-To-pegou seu celular e colocou os fones-Quer escutar?
Lionel-Não, valeu.-riu, Agustín deu de ombros e começou a escutar músicas. Chegaram na casa e desceram.
Karol-Do que você e o Rugg estavam rindo?
Caro-Nada não Karol, ele só estava tentando me animar.
Valentina-Pq esse ciúme todo Karol?-riram.
Karol-Não é ciúme, só fiquei curiosa.
Caro-Relaxa, o Rugg é todo seu-riu e Karol ficou com as bochechas coradas.
Karol-Suas bobas.-riu.
Valentina-Bom vou me arrumar, tenho que gravar umas músicas com o Mike.
C&K-Huuum o Mike.-riram.
Valentina-Duas palhaças-foi se arrumar.
Karol-Vai fazer o que hoje?
Caro-Não sei, e você?
Karol-Vou treinar com o Rugg.
Caro-Ah sim-Karol começou a se arrumar junto com Valu, logo elas estavam prontas.
Karol-Nós já va mos ok?
Caro-Ok-sorriu e as duas desceram, Caro esperou um pouco, colocou um biquíni e um short com uma blusa e pegou uma toalha, desceu até a piscina e não encontrou ninguém, agradeceu por isso. Foi até uma cadeira que tinha ali e colocou a toalha ali e se sentou, encarou a piscina, tirou a blusa e passou protetor solar em seus braços e barriga.
Agustín foi até a piscina e encontrou Caro sentada, sorriu malicioso ao ver a morena tirando o short e passando protetor em suas pernas "Como pode ser virgem ainda" pensou pra si e mordeu seu lábio. Se aproximou dela.
Agustín-Quer ajuda?-perguntou e viu ela colocando a toalha na frente do seu corpo.
Caro-Não sua-falou com raiva.
Agustín-Na boa....
Caro-Já disse que não. Da um tempo Agustín, eu quero você longe de mim. Já me machucou de mais.-Agustín bufou.
Agustín-Então ta-tirou a camisa e se jogou na água, Caro tirou a toalha e sentou na beira da piscina, revirou os olhos, queria estar sozinha.
Agustín-Não vai entrar Kope?
Caro-Não To afim-falou emburrada "Tão chato e irresistível ao mesmo tempo" ela pensou e riu. Agustín mergulhou e foi até ela e puxou o pé dela fazendo ela cair. Se levantou e começou a rir dela que se debatia e se afundava mais e mais. Ele percebeu que ela demorava para se levantar mergulhou pegando ela e saindo da piscina com ela no colo, colocou ela na cadeira.
Agustín-Você ta bem Kope?
Caro-Seu idiota-bateu nele-Pq fez isso?-se levantou.-Eu não sei nadar.-falou tossindo.
Agustín-Desculpa eu não sabia, se rio mesmo.
Caro-Você é um inútil e imprestável mesmo.-pegou sua roupa e toalha e saiu dali, deixando Agustín rindo. Entrou no seu quarto e fechou a porta, encosto na mesma e começou a chorar, só de pensar que podia ter morrido. Chorou de raiva, jogou as coisas na cadeira e foi tomar um banho.
Agustín voltou pra piscina ainda rindo, não conseguia parar de pensar, como uma garota de 20 anos não sabe nadar? Deu um mergulho e saiu da piscina, pegou uma toalha e se secou. Saiu dali e foi pro quarto, encontrou Ruggero compondo uma música.
Agustín-Oi-falou e foi pro banho, tomou um banho rápido se secou e se vestiu, saiu e deitou na cama.
Agustín-Ta apaixonado?
Ruggero-Sim-riu e pegou o caderno-Já volto.-Ruggero saiu e foi até o quarto da Caro e viu que ela não estava lá, então desceu até a cozinha e encontrou a garota comendo um sanduíche.-Caro, podemos conversar?
Caro-Claro-sorriu-Aconteceu algo?
Ruggero-Fiz a música para a Karol.
Caro-Sério?-sorriu-Que bom.
Ruggero-Ó da uma olhada-entregou o caderno a ela que leu e sorriu.
Caro-Ta apaixonado mesmo-começou a rir.-A música é linda.
Ruggero-Obrigado, mais pensou em algo?
Caro-Sim, que tal você levar ela pra praia, e lá se declarar?
Ruggero-Acho demais.-sorriu-Me ajuda a fazer um coração com velas na areia?
Caro-Sim-sorriu.
Ruggero-Obrigado.-abraçou ela.-Quando vamos fazer isso?
Caro-Amanhã?
Ruggero-Não pode ser hoje? Não aguento mais não ter ela nos meus braços.-Caro riu.
Caro-Tudo bem romeu, hoje.-riu-Compra as velas e me encontra na praia antes de anoitecer.
Ruggero-Ok, vou guardar o caderno e ir comprar as velas.-sorriu e saiu deixando ela rindo dele...

Notas Finais


Então, o que acharam? Esse jogo rendeu ne? Haha e o plano da Caro e do Rugg? Gostaram? E será que um dia a Kope e o Agus vão se dar bem? Haha até o próximo ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...