História Orgasm (Namjin) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, V
Tags Crossover, Ecchi, Novela, Romance, Shoujo, Yaoi
Visualizações 548
Palavras 745
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Lemon, Musical (Songfic), Shoujo (Romântico), Visual Novel, Yaoi
Avisos: Bissexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aeee
Como sou um anjo de pessoa, já tem cap.
Bjo

Capítulo 1 - Capítulo I


Fanfic / Fanfiction Orgasm (Namjin) - Capítulo 1 - Capítulo I

Kim Namjoon on


Termino de lacrar todos os 100 potes de bolo, e falo com Taehyung, para que venha buscar.

 Gosto de ajudar as pessoas, mas não de aparecer por conta disso. E uma pessoa, com uma bandeja cheia de bolos saíndo de um apartamento bem conhecido, é oque vai atrair mais atenção. 

 Amanhã, tenho uma gravação cedo, então preciso descansar.

 E pensar que, pela tarde, vou ser obrigado a ter uma consulta terapêuta.

 Hoseok (meu chefe), disse que precisamos disso. Não só eu, como todos que fazem parte dos filmes. Porque podemos ter algum tipo de distúrbio, (depressão, estresse, etc...) Acho desnecessário. Faço isso desde meus dezoito anos, e nesses seus anos não tenho nenhum problema. 

 ... 

Tomo meu banho, correndo e parto para o estúdio. 

 _bom dia Namjoon! - A recepção de lá é bem educada (e atirada, preciso ressaltar). 

... 

Jh: Por que está tão nervoso? - Pergunta hoseok me tirando dos meus devaneios

 Nj: Não estou nervoso! - Sim, eu estou. Por que tenho que conversar por um hora, com um cara que nem conheço?

 Mas ele não é somente meu chefe, é um amigo, sabe por que meu comportamento está estranho.

 Jh: Nam... - Coloca a mão em minha perna - você precisa, são ordens maiores. Se não fizer, vão querer fechar isso aqui, e você sabe que vai ser um perrengue. Não sei pra que essa tempestade em copo d'agua. 

Nj: é, verdade. - Suspiro pesado, tirando um peso das costas - Eu vou no banheiro, já vamos gravar. 

Jh: okay...

 ... 

Passo aquela porcaria de creme em meu pênis, para estimular o mesmo. Ou você achou que realmente nós (atores), sentimos prazer com tudo isso? Haha, coitado de você... 

... Puxo seu cabelo, e instalo um tapa em suas nádegas, arrancando um gemido mais falso que minha ereção, em uma loira oxigenada. Retiro meu membro dela, e sem pedido ela o chupa. ... 

Foram três horas tediantes, realmente. 

 _você foi ótimo. - A loira, enrolada em uma toalha chega e fala.

 Nj: é, eu sei. -Respondo seco

Retiro-me do local, indo para meu apartamento. Não vou tomar banho lá, preciso de um tempo, para mim, antes da sessão de "tratamento". 

 Seokjin on

Olho o vídeo porno em minha frente, sem acreditar que vou ver essa pessoa daqui trinta minutos. 

 Jn: Paaaaaaark, por que você não vai recebe-lo mesmo? - Reclamo vendo um vulto pra lá e para cá recolhendo suas coisas. 

Jm: Omma... - ele me chama assim porque as vezes sou como uma mãe. Kk - a Jennie está com febre, e o Jeon está muito irritado comigo, porque ontem eu cheguei tarde do trabalho. Já está vindo me buscar, então, por favor, é só um sessão, e prometo que te pago comida pelo resto do mês...- se ajoelha em minha frente, com as mãos cruzadas. 

Jn: ah, para. - Dou risada de sua cara - claro que faço isso por você, meu nenezinho.

 Jm: OBRIGADO OMMA!! - Me abraça ainda de joelhos, quando uma criatura aparece na porta, e uma carranca se forma em seu rosto.

 Jk: estou atrapalhando? - Olha para a televisão, onde ainda está passando o maldito filme - achei que fosse um local de trabalho. 

 Desligo a TV.  Jimin já de pé, pega sua mochila e me diz

 Jm: Oque você precisa saber sobre ele, está naquela pasta - Aponta para um azul, e eu aceno com a cabeça.  

Jk: o que ouve? 

Jm: sabe aquele rapaz no filme? - Aponta para a TV - deveria ter um consulta com ele hoje, mas Jin ficará por mim. - Ele fala mudo: "obrigado Omma" 

 Jk: não quer ficar e receber o senhor maravilhoso? 

Jm: Kookie - o pequeno levanta a cabeça - Eu não preciso atender o "senhor maravilhoso", quando tenho um todos os dias em casa para mim.- O maknae cora, agarrando o Minnie, dando um beijo no mesmo. 

 Jn: TA TUDO MUITO LINDO, MAS AGORA TCHAU - empurro todos para fora do escritório, fechando a porta. 

Nada mais que cinco minutos, alguém bate na porta, e uma voz grave fala:

 _ posso entrar? 

Jn: Sim. - Falo sem tirar os olhos de uma pasta

 _ Oi. eu sou Kim Namjoon... - Entra meio receoso na sala - você é Park Jimin? 

Olho de cima a baixo, e balbucio para que se sente. 

 Jn: Na verdade o senhor Park teve uma emergência familiar. Então eu vou lhe atender hoje, Sr. Kim! Prazer, sou Kim Seokjin.


Notas Finais


Gente, eu tive uma palesta de sexologia no colégio. Sei que vcs acham desnecessário falar, mas é importante.
Nos filmes porno, tudo é falso, desde os gemidos até ereçoes e ejaculação.
O creme que o Namjoon passou (na ficção obv) existe, e é mto usado.
Achei que deveria esclarecer isso.
Bjao


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...