História Os Caçadores de Creppypastas - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Creppypastas
Exibições 5
Palavras 2.090
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Mistério, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Bom, depois de meses, aqui voltamos com a nossa serie de creppypastas.
Gente prometo que vem mais 5 capítulos ainda esse ano.

Capítulo 3 - Capitulo 3:O jogo mortal


Fanfic / Fanfiction Os Caçadores de Creppypastas - Capítulo 3 - Capitulo 3:O jogo mortal

Capitulo 3:O jogo mortal

(Em um apartamento de luxo em Copacabana)

-Nós temos todos os 151 pokemons, agora não tem mais graça irmão - disse um dos dois irmãos gêmeos

-Claro, vamos só esperar nossos pais chegar para o jogo continuar - disse o outro irmão

-Mas o nosso mais velho esta aqui - falou o primeiro

Ambos foram na cozinha e pegaram facas e foram ate o sofá, ao chegarem lá viram o irmão mais velho deles dormindo, e sem nenhum remorso eles começaram a esfaquea-lo, o irmão acorda desesperado, mas logo apaga em meio ao sangue.

-O que aconteceu.... MEU DEUS - gritou a irmã mais velha ao chegar em casa e ver a cena trágica

Os gêmeos partem para cima da garota e a agarram, e começam a corta a roupa dela fora, e sem nenhum sentimento eles abaixam as calças e cada um começa a meter nela ate gozarem dentro da irmã deles, e assim foi ate ela cair no chão chorando.

Mas logo em seguida entra os pais da família, mas sem saber o que acontecia, ao entrarem na casa com o cachorro que voltou do veterinário, os gêmeos enfiam as facas no peito de cada um dos pais juntos, e cada um começa a esfaquear a sua vitima. E depois eles fizeram o mesmo com o cachorro.

Em meio ao sangue eles voltaram para a irmã e continuaram o estupro, só que dessa vez eles estupraram ela enfiando uma facada na barriga dela a cada gozada, ate ela morrer de sangramento, e ambos os irmãos, saíram da casa e partiram dali depois de tomarem banho e se arrumarem para parecerem pessoas normais, levando apenas cada um o seu cartucho de pokemon Red e Blue.

E os irmãos chegaram em um parque, e no mesmo lugar ambos cortaram a garganta um do outro, e caíram mortos ali mesmo.

(Em um armazém)

Diga onde você esconde sua obra suprema, seu merda - disse Natan desferindo mais um soco na cara do homem

-Vão se fuder - disse o homem cuspindo sangue no chão

-Yuri vem aqui - disse Natan chamando Yuri para um canto

-Cara, ele não vai falar nada, temos que força ele com uma tática merda - disse Natan

-Como assim? - perguntou Yuri

-Saca só - disse Natan indo voltar a falar com o homem - Yuri, se lembra que semana passada que sua mãe fez uma torrada chamada creppypasta e geral se matou para comer?

-Porra matei você para comer aquela torrada mesmo - disse Yuri já entendendo o plano

-Vocês acham que eu caio nessa? - perguntou o homem ficando aborrecido

-Ate minha vó faz creppypastas melhores - falou Natan continuando a zombasão

-Os jogos do pokemons red e blue são geniais, eles mostram a dor que meu mestre quer mostrar, e eu represento essa dor - falou o homem com raiva

-Nossa, enganamos mesmo esse otário, agora só falta saber quem é o chefe - disse Yuri impressionado com a facilidade

-Quer saber, eu vou falar mesmo, pois ele vai matar vocês, ele é o senhor Smile - respondeu o homem

-Yuri liga para o Bruno, pede para ele localizar algo estranho ligado com pokemon, e esse Smile vamos deixar para depois - falou Natan dando uma ordem

2 horas depois

-Sim, claro - Yuri desligou o telefone - Ai Natan temos um caso, acho melhor irmos logo para a delegacia, no caminho eu explico, mas pega o revolve, o Bruno vai nos encontrar lá

-PORQUE NÃO ME MATAM - gritou o homem

-CALA A BOCA JOSE DOS MENDIGOS - gritou Natan em resposta

-Vamos deixa-lo ai sozinho? - perguntou Yuri com duvida

-Não sei, você é o chefe - responde Natan

-Então que ele fique ai sozinho ate nós voltar - disse Yuri pegando o revolve em cima de uma mesa

(Na delegacia)

-Caramba, que demora, eu acho que vou entrar sozinho - disse Bruno para si mesmo

Ao entrar dentro da delegacia uma policial mulher recebe ele, mas antes de inventar uma historia, dois policiais sacam a arma dentro da delegacia e começam a falar e a atirar.

-Todos os 151 foram pegos, a diversão tem que continuar de outra forma - disse ambos policias

Policiais indefesos ou novatos estavam sendo mortos por tiro na cabeça e peito, eles matavam sem remorso.

-Abaixa - disse Bruno se jogando em cima da policial e salvando a vida da moça

Antes que Bruno e a policial saísse da zona da morte, dois homens, um usando escopeta e outro metralhadora entram.

-Verde e Amarelo se juntam em um só jogo - disseram ambos os homens

-Ai caralho - disse Bruno todo cagado

Bruno puxou a policial e correu para uma porta e se trancou nela, eles estavam em um banheiro.

-Cacete - disse o Bruno de novo todo cagado - porque eu não esperei o Yuri e o Natan

-Meu deus, meu deus, eu tenho uma arma e não fiz nada - disse a policial chorando

(Fora da delegacia)

-Onde será que esta aquele gostoso do Bruno? - perguntou Yuri

-Não se... CACETE, UM DOS CARAS, ATIRA - gritou repentinamente o Natan quando viu um homem com metralhadora

Yuri disparou o revolve no pescoço do homem por acidente. O homem caiu das escadas e se espatifou no chão da rua sangrando muito, mas estando morto.

-Caralho, eu matei, eu matei, um negão, eu sou um racista de merda - disse Yuri tremendo

Natan colocou a mão nos bolsos do homem e retirou um cartucho amarelo, chamado pokemon yellow, e ele toma a arma a arma do Yuri e estoura a fita com um tiro.

-Cara, TU GASTOU UMA BALA - disse Yuri com raiva

-E tu fez piada de nego - disse Natan

-Isso não foi piada - retrucou Yuri

-Mas não deviam ser apenas 2 fitas, uma azul e vermelha?Porque tem amarela? - perguntou Natan com duvida

-Caraca, são as 4 primeiras versões de pokemons, são 4 pessoas controladas - disse Yuri - Mas se a gente destruir a fita talvez podemos salvar a pessoa controlada

-Bom plano - aprovou Natan

Ambos  entraram na delegacia aonde ainda ouviam tiros.

Viram um dos policiais com uma arma entrando dentro de um banheiro, e ao entrar ele levou um tiro na cabeça.

-Peguei - disse o Bruno tirando um cartucho azul do bolso do homem

-Bruno, devia nos esperar caceta, tu podia estar morto - falou Yuri com raiva

-Mas não estou - disse Bruno dando um tiro no cartucho - Falta 3

-Dois - retrucou Yuri

-Nossa, vocês são rápidos mesmo - disse Bruno

-É minha virtude - disse Yuri se achando

-Sem brincadeira por favor crianças - disse a policial saindo do banheiro

-Gente essa é a Camile, ela é uma tira - disse Bruno apresentando a Camile

Camile começa a olhar o chão e ver tantos companheiros mortos.

-Malditos - disse Camile chorando

Camile tem lindos cabelos negros, com um corpo exuberante, peitos médios, usando uma roupa colada de policial, deixando seu bumbum mais lindo.

-Vamos nessa - disse Yuri subindo correndo para achar os dois últimos possuídos

-Ai caramba - disse Natan indo atrás dele

Bruno não seguiu o grupo, invés disso ele puxou a policial pela cintura e deu um beijo na Camile.

(Enquanto isso)

-Todos já morreram - disse o policial possuído

-Agora temos que matar os não mortos da cidade - disse o outro possuído

-Acho que não - disse Yuri dando um tiro na perna de um dos policiais e destruindo o cartucho

-AHHH - berrou de dor o policial quando saiu do transe psicopata da maldição do pokemon

O homem com a escopeta não perdeu tempo e estourou a cabeça do policial.

-Filho da puta - disse Yuri pulando em cima do homem e o derrubando no chão

Yuri tenta desferir soco em sua cara, mas o homem da escopeta se vira no chão e se levanta e pega a escopeta e mira em sua cara.

-Fim de jogo - disse o homem

Mas três tiros foram disparados, e nenhum dos três foi da escopeta. Quando o homem olhou pro seu peito e viu 3 buracos, ele logo caiu no chão morto. A pessoa que matou foi a Camile que foi chamada pelo Natan, que devia ter ajudado o Yuri na luta.

-Obrigado Camile - agradeceu Yuri - E Natan, era pra você ter me ajudado, mas mesmo assim muito obrigado por chama-la a tempo

-De nada pivete - respondeu Natan se sentindo especial e fazendo um sinal de like com o dedo.

-De nada garotos - disse Camile agradecida - Mas vocês precisar ir embora agora, eu vou apagar o vídeo das câmeras, e vocês poderão ir embora

-Ainda não - disse Natan tirando a arma da mão da Camile, e pegando a última fita no bolso do homem, e destruindo ela com um tiro da arma - Agora sim podemos ir - entregou a arma de volta para Camile, mas a Camile deixou sua arma com o Bruno mesmo.

O trio foi embora dali correndo na rua mesmo com a roupa cheia de sangue direto para o armazém.

-Bruno, volte um dia para me ver - disse a Camile se despedindo

-Pode deixar - respondeu o Bruno correndo para longe dali

(Em frente ao portão do armazém)

-Nem acredito que você deu uns beijos na policial, meu deus, velho, você é o cara - elogiou Natan sentindo um pouco de inveja

-Eu sei, tomara que possamos nos encontrar novamente - disse Bruno feliz com o relacionamento

-PAREM, meu deus - disse Yuri ficando nervoso - Vamos torturar e prender o Fiteiro - foi interrompido

-Como assim Fiteiro? - perguntou Natan

-Foi o nome de vilão que dei para ele - respondeu Yuri - Mas eu quero dizer que apenas eu devo ir sozinho pelo Brasil todo atrás desse chefe do Fiteiro, o tal do Slime, ou como eu pesquisei, o Slime the dog

-Irmão, acho melhor você pensar duas - disse Natan abrindo a porta ate ver que o Fiteiro tinha sumido - Merda, ele conseguiu arrebentar as cordas

-Ele deve ter ido se encontrar como o chefe dele - disse Bruno respirando ofegante

-Então eu vou atrás dele, vou pegar a van e ir sozinho - disse Yuri indo pegar a van, ate reparar que ela foi roubada - FILHO DA PUTA

-Que droga - falou Natan

-Ai Yuri, eu te arrumo um fusca velho para ir atrás dele - ofereceu Bruno um presente

-Também, pega ele e traga para mim - aceitou Yuri

3 horas depois

-Que demora - falou Yuri impaciente

-Agora é seu - disse Bruno saindo do fusca amarelo e jogando a chave para o Yuri

-Obrigado Bruno, mas eu não tenho tempo, eu vou sozinho - disse Yuri entrando no fusca

-Espera mano - disse Natan entrando no fusca - Cara, você precisa de dinheiro, combustível e comida, se você esperar, nós arrumamos isso para você e iremos com tigo

-Tudo bem então - aceitou Yuri o presente do amigo

-Eu não vou, alguém tem que ficar para tomar conta da cidade para o Fiteiro não voltar e tenta ferir nossas famílias - disse Bruno se recusando ir com eles - Então vou buscar a comida e o dinheiro

2 horas depois

-uma bolsa de porcarias e outra bolsa de mais porcarias, e 700 reais - disse Bruno se apoiando no fusca

-E eu trouxe 50 reias, e uma mochila de porcarias também - disse Natan sentado no banco de passageiros

Yuri estava pronto para partir com o carro, mas algo fez ele falar as últimas coisas para o Bruno.

-Mano, por favor, diga a Raquel que eu a amo, e eu não queria que as coisas terminassem assim. Eu acho que nunca mais vou vê-la - disse Yuri com lagrimas nos olhos

-Não fala assim irmão, você vai voltar - disse Bruno motivando ele

-Eu que não vou morrer, eu vou voltar meu irmão - disse Natan desmentindo a hipótese de alguém morrer

Yuri sem medo deu partida no carro com lágrimas nos olhos e foi em direção a São Paulo.

-Tchau caras, fiquem com deus - se despediu Bruno com um grito final

-Tchau amiguinho gostoso - se despediu Yuri

-Tchau branquelo - e se despediu Natan

-Então irmão, agora é só a gente na estrada - disse Natan confiante

-Pode apostar - respondeu Yuri com um vento no rosto

E eles seguiram a viagem atrás do Smile the dog e do Fiteiro.


Notas Finais


Pessoal vou deixar vocês decidirem, entre qual dos 6 personagens vocês querem que morra nos próximos capítulos e porque.

Yuri
Natan
Bruno
Raquel
Camile
Fiteiro

´´Smile`` ele não conta por ainda não aparecer.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...