História Os Demônios da Raposa! - Capítulo 2


Escrita por: ~

Exibições 345
Palavras 1.195
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Hentai, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Opa! Desculpa, desculpa, desculpa, desculpa, desculpa, desculpa, desculpa!!!!
Sei demorei - pra caralho - me desculpe mesmo!
Eu estava com bloqueio criativo com essa fanfic, mais aí do nada, veio criatividade, pra alegria de vocês!
Sério, eu gostei muito desse cap, amei escrever ele.
Obrigado, obrigado mesmo pelos comentários, e os favoritos, I Love vocês!
Como vocês podem ver, mudei meu nick, antes era ~Kushi-Uzumaki, agora sou SonMary-Dragnel!

Capítulo 2 - Oh, pisei no sapatinho de cristal da Cinderela?


( Hinata)

- Idiota, não é desse jeito que joga! - falei pra Naruto, ele nunca aprendia que tinha que saltar antes de ser acertado pelo demôniozinho? 

- Não me chame de idiota, idiota! - fala - Mais o capiroto veio antes do esperado, a culpa não minha - fala dando de ombros. 

- Tá, tá, mas desse jeito não vou passar dessa fase - falei suspirando - Ela é tão difícil! Mais eu vou passar dela, pela minha honra! - Naruto me olhou como se eu fosse um ET.

- Tá chega! Vamos dormir, amanhã tem escola nova - fala se levantado e indo para cozinha, só beber água, por que se for comida ele só vai encontrar aqueles besouros fedorentos, eca!

- Ah, seu babaca, pra que foi me lembra disso? - falei revirando os olhos.

- Por que eu tinha lembrando, e não iria sofrer sozinho - fala abrindo um sorriso cínico, maldito!

- Vai se ferrar - disse mostrando a língua, ele revirou os olhos.

- Ei - fala chamando a minha atenção - o que você acha que vai  ter nessa escola nova?

- Garotas, quer dizer putas querendo te dar, e garotos chatos dando em cima de mim -falo revirando os olhos, já estava cansada disso, sempre a mesma coisa.

- È..você tem razão, mais será que as garotas são bonitas? - pergunta.

- Como caralhos eu vou saber? - falo fazendo ele ele revirar os olhos.

- Mudando de assunto - nesse mesmo instante se forma um sorriso maléfico em seus lábios - vamos chegar tocando o terror, né?

- Claro! - falei  com um sorriso demoníaco nos lábios.

- Os Demônios da Raposa estão chegando Konoha! - falamos ao mesmo tempo, com um sorriso de dar medo em qualquer um!

Konoha você já era!

•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°

( Naruto)

- Naruto, me passa a água - pede - manda - já que aqui não tem nada, por que não deu tempo de fazer as compras ontem, vai ser na base da água mesmo.

- Tó - passei - Nos precisamos fazer as compras logo, Hinata.

- Tá, tá, depois do colégio vamos passar em um mercadinho, tá bom pra você? - me olha com uma cara de tédio.

- Esta ótimo! - sorrio cinicamente, e ela revira os olhos.

- Tá, já que terminamos nosso "café da manhã bem reforçado" temos que ir pro colégio! - suspira.

- Falando em colégio..as aulas começam que horas? - perguntei.

- As 08:00 - fala calmamente enquanto mexia em sua mochila - trapo, isso não pode ser chamado de mochila.

- Ah, legal, sabe que horas são? - perguntei, e ela negou com a cabeça - 08:10.

- Hum - murmura.

- " Hum" nada, nos estamos atrasados, sua burra! - puxei ela pelo braço.

- Naruto, eu não estou nem aí,  por mim nem ir eu ia - fala revirando os olhos. 

- Como eu disse, burra! Vamos logo! - depois disso fomos pra escola calmamente, realmente eu não estou nem aí também, odeio a escola com todas as minhas forças, se eu pudesse explodiria ela, mas, voltando ao assunto, só estou curioso pra ver as garotas de lá, e se vale a pena tocar o terror lá.

°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°

Chegamos na escola, vimos que o pessoal de lá já estavam sala.

- Pelo menos, Deus me poupou de olhar pra cara de gente chato - fala suspirando. Concordei com a cabeça.

-  Nos precisamos ir na diretoria -reviro os olhos. Isso é chato.

- Sério? -revira os olhos. - Que porcaria.

- Vamos. - falo com uma falsa animação, ela sorriu, um sorriso muito forçado.

°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°

Chutei a porta do diretor.

Isso mesmo, Chutei.

Sou mal.

Vi a expressão do diretor, mistura de surpresa e raiva. Segurei o riso, assim como a Hinata.

- O QUE È...- paralisou.

- Ô diretor, passa logo a nossa sala, estamos com pressa - falou. Tirando o diretor dos seus pensamentos.

-V-vo-vocês...são os alunos novos? - perguntou.

- Sim. - Tinha a impressão que já vi em algum lugar..só não sei onde.

- A-ah sim, prazer, sou o diretor dessa escola, prazer M-Minato Namikaze. - levantou a mão pra mim. Ficou no vácuo, não costumo pegar em mãos de diretores. Mais esse nome...acho que já ouvi falar em algum lugar? Me parece que sim...

- Nossa sala. - Hinata falou, seca e fria.

- Vocês são N-Naruto U-Uz-Uzumaki e Hi-Hi-Hinata U-Uzumaki? - pergunta, sério por que ele está gaguejando? Ele está com medo da gente? Desnecessário.

- Sim. Nossa sala? - pergunto jásem paciênci.

- A sala de vocês e 3-A, podem ir, estão atrasados - fala suando mais que panela de pressão.

- Tó sabendo - falou. Depois saímos da sala,indo em direção a nossa.

- Você sentiu que já conhecia aquele cara? - perguntei. Estava confuso.

- Sim, só não sei onde...

- Eu também. Mas vamos logo. - falei.

°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°•°

Chegamos na porta da sala, e a Hinata deu um chute na porta. Chamando a atenção de todos, como sempre ela faz.

- O QUE ESTÁ ACONTECENDO? - perguntou um professor, um albino com...uma máscara?

- Estamos entrando na sala - fala calmamente, olhando de um jeito frio pra todos na sala.

- Ah, vocês são os alunos novos? 

- Já viu a gente por aqui antes? - perguntei olhando pro cara com uma sombrancelhas arqueada.

- Certo, certo - suspirou - Bem vindos, sou Kakashi Hatake, seu professor de literatura. 

- Foda-se - Hinata fala, assustando a todos, e arrancado risadas de alguns.

- Você não pode falar palavrões nesta sala - fala fazendo nos revirarmos os olhos - Mas, apresentam-se. 

- Não interessa meu nome a vocês. - falei.

- Muito menos o meu.

- Mas é necessário se apresentar. - suspira.

Não ligamos, fomos pra duas cadeiras vagas, no fundão. Sentei atrás de uma garota de cabelos..rosas? E a Hinata do lado de um garoto de de cabelos pretos, e muito branco, vamos o chamar de emo! 

A aula inteira recebi olhares de algumas garotas, e ignorando todos, são sempre iguais. Praticamente a aula inteira os nossos "coleguinhas" ficaram nos olhando. Nunca viu pessoas com tatuagens? Ou por que já chegamos causando? Muito gay, mas tá bom.

A aula do tal Kakashi acabou bem rápido, nem eu nem Hinata estávamos prestando atenção, eu estava rabiscando no meu caderno, enquanto Hinata estava com os fones ouvindo música. Logo as duas aulas que faltava pra o recreio acabaram, fazendo eu agradecer a Deus, já estava insuportável.

Eu e Hinata saímos da sala, indo direto pro refeitório, estávamos morrendo de fome, já que não tomamos café. Ela estava andando de costas pra frente, até esbarra em alguém.

(Hinata)

- Garota, não olha por onde anda não? Você pisou no meu sapato! - Sério? Tenho que ouvir esse ser reclamando por pisar no sapato dele?

- Oh, pisei no sapatinho de cristal da Cinderela?  - disse sarcasticamente.Irritando o garoto na minha frente.

- O que você disse? - pergunta vermelho de raiva. Naruto só observava tudo, segurando o riso.

- Eu gaguejei? - pergunto. Ele estava mais vermelho que um tomate.

- Idiota! Que você pensa que é?

- Cala a boca. - falo calmamente, fazendo ficar ainda mais vermelho - Vamos logo, Naruto.

- Ei, espera eu ainda não terminei!

- Eu sim, Cinderela! - provoquei, já saindo dali, deixando o garoto quase explodindo. Fomos em diao refeitório.

- As vezes você parece o Demo, Hinata - comenta.

- Obrigada pelo elogio - falei e ele riu.

Fomos direto pro refeitório, com muitos olhares sobre nós.


Notas Finais


Tuts, Tuts, Tuts, e aí o que acharam?
Eles já chegaram causando!
Comentem pakas!
Favoritem pra caramba!!

Bjos!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...