História Os dias de uma garota um tanto complicada. - Capítulo 71


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 10
Palavras 1.153
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Bishounen, Crossover, Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


oi ooi ooi pessoinhas mais maravilindas desse universo :3
tudo bem com vocês? espero que sim S2

gente, desculpa não ter postado semana passada ;-; desculpa mesmo T--T

obrigada genteeeeee agora que me dei conta! 41 favoritos S2 obrigada gente ;-; quando comecei ela achava que com algum milagre ela chegaria a no máximo 10 favoritos ;-; obrigada a cada um que favoritou e acompanha a história S2

obrigada blue_lice por estar sempre comentando e acompanhando a fic S2 sua maravilhosa S2

enfim....

espero que gostem do capitulo :3
até as notas finais S2

Capítulo 71 - Sempre tem alguém pra atrapalhar.


Lucy:

 

- cheguei.

Ouvi uma voz e a porta ser fechada.

 

- uhm?

Fui abrindo meus olhos lentamente e me espriguiçando.

 

- ainda estão dormindo? Vocês sabem que horas são?!

Meu pai entra na sala e vai em direção a janela e abre as cortinas.

 

- você é um estraga prazer, deixa a gente dormir tio.

Disse nagisa tampando os olhos.

 

- qual éeee!

Jake reclamava.

 

- pai, você não vai ter janta por uma semana depois dessa, como assim você abre as cortinas do nada?! Isso não se faz nem com seu pior inimigo... quer queimar meus olhos?

 

- kkkk, andem, levantem e venham comer algo.

Ele disse e saiu da sala.

 

Nós nos levantamos depois de um tempo, lavamos o rosto e fomos para a cozinha. Lá meu pai tinha feito o café da manhã e ele foi muito bem feito pelo visto.

 

- bom dia belas adormecidas.

Disse meu pai sorrindo.

 

- bom dia.

Respondemos em unisono.

 

 

Tomamos café da manhã calmamente e depois fomos para a sala arrumar aquela zona, assim que terminamos sentamos no sofá e ficamos morgando ali, num silencio que era até incomodo se tratando da gente.

 

- ta, agora eu tenho que ir embora.

Disse jake se levantando.

 

- já?

 

- já, minha mãe me pediu pra voltar antes do almoço, então.... tchau.

 

- ata, ta bom, tchau.

Disse nagisa.

 

- tchau.

Disse mike.

 

- vou te levar lá fora.

Digo e me levanto.

 

- okay.

Ele concorda. Levo ale até o portão.

 

- tchau peste, manda um beijo pra annie e pra sua mãe.

Digo e dou um tapa em seu ombro.

 

- ai, precisa dessa agressividade?

 

- precisa.

 

- kkk, ta, tchau.

 

- bye bye.

 

Depois de ele ter ido embora eu me virei pra entrar e dei de cara com mike saindo de casa.

 

- onde tu vai?

 

- vou pra casa ué, tenho que ficar de olho no vincent, minha mãe e meu pai daqui a pouco vão sair.

 

- uhm, ta bem então.

 

- daqui a pouco a gente se vê.

Ele me dá um beijo na testa e sai. Eu entro dentro de casa e vou para a sala.

 

- agora tá só a gente.

Disse Nagisa.

 

- pois é.

 

- vamos fazer o que?

 

- sei lá, quer ver filme?

 

- ah não, a gente passou o dia todo vendo filme ontem, vamos fazer outra coisa.

 

- ahh Nagisa, primeiro de tudo, vamos lá pro quarto, quero tomar um banho e deitar na cama, lá a gente pensa no que fazer.

Digo e assim o fizemos, subimos para meu quarto, eu peguei uma roupa e fui tomar um banho, nagisa ficou deitada na cama mexendo no celular enquanto isso.

 

Aós um tempo, terminei de tomar banho e saí do banheiro.

 

- quer tomar banho? Pega uma roupa no armário se quiser.

 

- quero sim.

Ela se levantou e foi em direção do armario, o abrindo e procurando uma roupa.

 

- tem umas roupas menores na parte de baixo.

Aviso a ela. Ela é bem mais baixa que eu, então geralmente minhas roupas ficam muito compridas nela.

 

- okay... ah, lucy, sabe onde a gente podia ir?

 

- onde?

 

- a gente podia ir no parque.

 

- uhmm, vou pensar no seu caso.

 

- ahhh, lucy, vamos, não tem nada pra fazer em casa.

 

- enquanto você toma banho eu penso.

 

- okaay, pensa rapido então.

Ela disse e foi até o banheiro.

 

(....)

 

Nagisa saí do banheiro e pula em cima de mim na cama.

 

- e ai? Pensou?

 

- ta bom, vamos.

 

- ebaa, coloca uma roupa e vamos.

 

- okay.

 

- ai a gente passa lá em casa pra mim trocar de roupa.

 

Dito e feito, coloquei uma calça jeans preta, uma camisa azul com alguns detalhes pretos e meu tenis. Arrumei o cabelo, peguei meu celular e um dinheiro, dei um beijo em meu pai e logo eu e nagisa saimos de casa.

Chegando na casa dela, cumprimentei helena e fiquei esperando nagisa se arrumar (o que demorou quase uma hora.) logo ela se despediu da tia e fomos em direção ao parque.

 

- eu quero ir na montanha russa.

Disse nagisa animada.

 

- que tal irmos na casa do terror?

A provoco.

 

- NADA DISSO!!!!

 

- kkkkk.

 

Ao invez de comprarmos varias e varia fichas, compramos a pulseira, que no caso com ela você ´pode ir em todos os brinquedos livremente, sem precisar ficar se preocupando em comprar as fichas toda hora.

 

- vamos aonde primeiro?

Perguntou nagisa.

 

- onde você quer ir?

 

- uhhmmm, vamos primeiro nos mais leves.

Disse ela e saiu andando, e obviamente eu a segui.

 

(.....)

 

Após longas horas de diversão, já fomos em quase todos os brinquedos, estamos morrendo de fome e um pouco cansadas.

 

- ai ai ai, to azul de fome.

Disse nagisa com a mão na barriga.

 

- vamos comer algo.

Digo e nós fomes em direção a praça de alimentação.

 

(...)

 

Compramos algumas coisas e nos sentamos numa mesa ao ar livre pra comermos. Após algum tempo, terminamos de comer, mas optamos por ficar um pouco sentadas pra descansar um pouco e digerir a comida.

 

- viu, eu disse que ia ser divertido.

Disse nagisa com um enorme sorriso no rosto.

 

- kkk, percebi.

Digo abrindo um sorriso.

 

- kkkkk.

 

- ahhh não acredito.

Digo e desmancho completamente meu sorriso ao avistar lilia andando com as “amigas” dela por ai.

 

- o que foi?

Nagisa perguntou não entendendo.

 

- vem, vamos pra outo lugar.

Pego na mão de nagisa e me levanto, fazendo ela se levantar também. A levo pra um lugar bem longe dalí, onde imaginei que seria mais facil não encontrar com a lilia.

 

- ta, qual é o problema?!

 

- nada não, vamos nesse brinquedo?

Digo e aponto pra um brinquedo enorme.

 

- m-mas lucy, ele é muito....

 

- vamos.

Digo e a puxo até a entrada dele. Entramos no mesmo e nos sentamos, logo fechando tudo que tinha de segurança naquele mostro e ouvimos um apitar e o brinquedo começar a se movimentar.

 

- lu-lucy... m-me tira daqui.

 

- kkkk, calma, ta tudo bem.

 

- ai meu Deus, eu sou muito nova pra morrer!!!

 

- kkkkk.

 

Depois de muitas voltas, giros, muita cabeça pra baixo, muito grito, muito cabelo bagunçado, e muita risada da minha parte. Descemos do brinquedo, eu estava super animada.. por outo lado nagisa estava pálida e com a cabeça abaixada, encostada na grade.

 

- ai, eu não to bem.

Disse ela com uma voz meio.... sei lá.

 

- kkk ah, para, foi divertido.

Digo animada.

 

- acho que vou vomitar.

Disse ela colocando a mão na boca.

 

- kkkk calma calma.

 

- olha, o que temos aqui?

Ouvi a voz que conheço muito bem vindo de tras de mim.

 

- sempre tem algo pra estragar o dia.

Digo enquanto meu sorriso some de meu rosto.

 

********fim*********


Notas Finais


foi isso pessoas S2

gostaram? :3
espero que sim S2

desculpa qualquer erro perdido por ai ;-; desculpa tbm estar vindo postar tarde, é pq só cheguem em casa agora (fui passar uns dias na minha avó), como disse antes estou escrevendo no notebook, e a anta aqui esqueceu de levar o adaptador da tomada, lá não tem tomada que sirva pro note ;-;, ai agr que cheguei eu liguei ele e vim postar ;-; S2 ( gente minha gata ta carente, to adorando isso S2 acho que ficou com sdds de mim S2 (ou não) kkkk ta querendo amor hj que voltei, não quer nem me deixar escrever aqui ( nunguém liga Eduarda) (eu sei, mas quis falar aqui pq não tenho mais onde falar isso kkkk) enfim... é isso)
obrigada por ler S2


até o proximo capitulo \o/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...