História Os doces de Kim Taehyung - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, V
Tags Doces, Fluffy, Hoseok, Jhope, Taehyung, Vhope
Visualizações 74
Palavras 509
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Fluffy, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Minha primeira Fluffy, espero que gostem! <3
Tenha uma boa leitura~

Capítulo 1 - Capítulo Único - Tão Doce.


      Onde os beijos de Kim Taehyung poderiam ser tão doces quanto seus sorrisos

Hoseok achava que nada mais poderia ser tão doce quanto os biscoitos de natal que sua mãe fazia. O garoto adorava observar como os doces eram feitos com tanto amor, carinho e o principal: Açúcar.

Seus olhinhos brilhavam e seu pequeno coraçãozinho se esquentava e batia mais forte quando a forma de biscoito entrava para aquela grande máquina de esquentar chamado fogão, onde ficava por alguns minutos até sua linda e doce mãe retirar, e a fragrância maravilhosa se espalhar ao ar. 

O pequeno garoto era tão viciado em doces, e sempre tentava contar os preferidos em seus pequenos dedos gordinhos: Chocolate, baunilha, brigadeiro, creme de leite, morangos caramelizados, flocos e o sorriso de Taehyung.

E na última parte de seus pensamentos o garoto corava. Suas bochechas se esquentavam e adquiria uma cor avermelhada, então suas pequenas mãozinhas iam até aquele pedaço de pele quente e ele fechava os olhos, numa tentativa de esquecer o quão doce TaeHyung era.

Hoseok era uma criança extremamente sentimental, seu pequeno coraçãozinho se amolecia facilmente, bastava Taehyung sorrir.

Mas também derrama lágrimas com facilidade: A última vez foi quando seus coleguinhas da turma o chutaram porque ele preferia brincar de bonecas ao invés de carrinhos.

E quando o falaram mal por conta de seu amor por Taehyung. 

Não que ele contasse isso para as pessoas, mas desde que viu o pequeno caderno cor de rosa, no qual chamou de diário, não pode deixar de anotar coisas cruciais em sua vida. E Taehyung era extremamente importante para si.

Por isso havia saído correndo da pequena sala de sua escolinha.

E TaeHyung, que era seu melhor amiguinho, foi atrás.

-H-Hyung! P-por favor, hyung! Não corra, minhas perninhas doem! – Resmungou o pequeno Tae, fazendo Hoseok encostar-se à parede e dobrar os joelhos, apoiando suas mãozinhas em cima e fechando os olhinhos com força, se permitindo derramar lágrimas.

- Hoseok Hyung! Porque choras?

Tae levou suas mãos até o rosto do garotinho mais velho, e puxou as suas devagar, fazendo seus olhos vermelhinhos e inchados se abrirem lentamente e encarar a si.

- Não chore Hyung!

- Mas eles contaram meu segredinho, Taehyung! Eles espalharam o segredinho de minha vida!

TaeHyung o olhou confuso, vendo as bochechinhas do pequeno garoto ficarem vermelhinhas. E então gargalhou

O som melodioso que saia dos lábios de Taehyung fizeram Hoseok levantar a cabeça, o observando com um careta na cara, enquanto passava as mãos gordinhas pela bochecha, retirando o líquido que havia ali.

-O - O que é tão engraçado, TaeTae?

- Você Hyung! – Riu um pouco mais. – Por nunca ter percebido.

Então Taehyung se aproximou de seu Hyung, fazendo este corar cada vez mais.

E então fecharam os olhos

Taehyung selou os lábios de seu Hyung

-Por nunca ter percebido que eu te amo também.

 

 

E no final de tudo, por mais que os doces de sua mãe fossem bons, eles não se comparariam com o sorrido e com os beijos de Taehyung:

O seu verdadeiro amor.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...