História Os Filhos da Outra - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Karin, Kushina Uzumaki, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga
Exibições 38
Palavras 1.817
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Demorei, e peço desculpas, mais já está aqui o novo capítulo.

Capítulo 10 - Capítulo 9 - Vergonha Total I


Ino pov's

Jiraya nos deixou na escola, e descemos do carro com cara de paisagem, pra quem nós olhava, nós dois estávamos normais, não passávamos de adolescentes inocentes entrando na escola, ficamos um pouco conversando com nossos colegas no pátio, assistimos a aula, e depois saímos para almoçar, a refeição seguiu normal, mais sempre teve aqueles olhos nos observando, nós dois não tínhamos liberdade para fazer nada. 

- Já chega, não suporto mais ele. _ Naruto fala rosnando, ao mesmo tempo que levanta da cadeira. 

- A onde você vai? _ perguntei temendo o que ele poderia fazer. 

- No banheiro. _ ele saiu brusco, enquanto eu fiquei isolada na mesa, com todos os outros clientes do restaurante me olhando, abaixei a cabeça, e voltei a comer constrangida. 

Depois de alguns minutos, levantei a cabeça, e olhei em direção ao toalete, Naruto estava demorando, olhei ao redor e não visualizei o detetive na mesa. 

* Aí meu senhor, ele seguiu meu irmão até no banheiro? Agora sim o Naruto perde o juízo! Ôh meu senhor, se ele fizer confusão aqui, o restaurante vai nos expulsar, e proibir nossa entrada! 

Comecei a entrar em desespero, e em prova de meu nervosismo, eu não parava de tremer a perna no chão, já tinha pedido a conta, e pagado a mesma, mais nada de Naruto voltar, estava a ponto de levantar da cadeira e entrar no banheiro masculino, estava me segurando para não levar as unhas longas, e impecavelmente lixada em oval a boca, mais antes de estragar minhas unhas, ele finalmente saiu do banheiro. 

E pelo o mais incrível que possa ser, ele estava normal, não tinha vestígio de brigas em seu perfil, levantei da mesa, e peguei nossas mochilas. 

- Porque demorou tanto? _ perguntei próximo a ele, quase em um sussurro. 

- Estava ocupado. _ ele responde enquanto saímos do restaurante. 

- Com o que? Por favor não me diga que espancou o homem lá dentro! 

- Não, mais não foi por falta de vontade. 

- Então o que diabos você estava fazendo lá dentro? 

- Eu estava falando com uma mina no telefone, acho que demorei mais que o previsto. 

- Você acha? Eu nem percebi!_ não poupei ironia. _ Mais e o cara? _ perguntei esperando o sinal abrir para os pedestres. 

- Estava lá sentado no vaso. _ o sinal abre, e atravessamos a rua. _ Mais eu estive pensando. 

- Não me diga, você pensando? Não vou ficar surpresa se chover hoje. _ falei sorrindo. 

- hahaha... To chorando de tanto rir. _ ele finge está chateado. 

- Mais fala, o que você pensou? 

- Eu pensei que se ele me segue no banheiro, uma mulher também deve seguir você. _ agora fiquei séria. _ Nunca percebeu um rosto familiar? _ forçei a memória. 

- Acho que sim, não lembro bem, mais a sua opinião tem fundamento, com certeza alguém deve ficar de coruja em me! 

- Precisamos ter certeza. _ confirmo com a cabeça, e deixamos o assunto morrer, voltamos pra escola, e seguimos para os vestiários, eu para o feminino, e Naruto para o masculino. 

Troco o uniforme escolar, pelo o uniforme de animadora de torcida, um conjunto de blusa e saia short azul marinho, com uns detalhes azul claro no colo e na barra, o uniforme de treino era bem comportado, comparado com o de apresentação, que era bem ousado e revelador.

O uniforme de treino tinha o short não muito curto, e a blusa também não era curta, cobria toda a barriga, coloquei meu tênis branco, e segui para o ginásio, enquanto nós treinavamos no ginásio coberto, o Naruto e o time de futebol treinavam no campo oficial da escola. 

Saí do vestiário, e esbarrei em três bruta montes do time de futebol, Darui, Omoi e C, quase tombei pra trás, também, ficava uma anã do lado deles, eles deviam ter 1,96 de altura, sem falar que eram músculos pra caralho. 

- Opa, vai com calma loirinha, está com pressa? _ Omoi pergunta me segurando. 

- Um pouco, vocês viram o Naruto? 

- Seu irmão? Ele já foi pro treino! _ C fala sério, ele tinha uma personalidade reservada, ao contrário de Omoi, que tinha uma personalidade bem humorística. 

- Obrigado pela informação. _ falei já caminhando para o ginásio. 

- Ino. _ virei para fitar quem me chamou. _Tome cuidado para não ser pisoteada, você é pequena, passa despercebida pela a maioria. _ Darui fala com a preguiça de sempre, era como se eu estivesse escutando shikamaru, só que a palavra chave de shikamaru era "problemático", e a de Darui era "chato".

- Ela não passa despercebida, isso é impossível, ela pode ser pequena, mais é bonita, e com um corpo de fazer os homens quebrar o pescoço. _ agora eu fiquei vermelha. 

- Eu tenho que ir. _ falei enquanto corria para o ginásio. 

O meu ensaio foi como todos os outros, ficamos repetindo a coreografia diversas vezes, a música escolhida foi a de Gwen Stefani - Hollaback girl, já estava cansada de ser arremessada pro alto, eu ficava nas duas posições, no solo, e nos saltos. 

A coreografia teria saído perfeita, se eu não tivesse olhado para as arquibancadas, e visto Jiraya, Hiashi e Neji assistindo o ensaio, começei a ficar nervosa ao ver a satisfação no sorriso dele, fui levantada pra cima mais uma vez, me equilibrei só em uma perna, enquanto a outra estava levantada, quase encostando no meu seio, os braços estavam jogadas acima de minha cabeça, olhei mais uma vez pra arquibancada, e sem perceber, fiquei distraída com o olhar de Neji, mas só voltei a realidade quando perdi o equilíbrio, e quando percebi que iria cair, me desesperei ao ver o tamanho do tombo que ia ser, fechei os olhos com força, e esperei a pancada. 

Mais a pancada não veio, pelo o contrário, senti alguém me segurar, abri os olhos devagar, e respirei aliviada, um companheiro de equipe me pegou a tempo. 

- Valeu. _ agradeci enquanto ele me colocava no chão. 

- De nada. 

- Ino, o que houve? _ Samui pergunta surpresa, ela era a capitã das lides de torcida, olhei ao meu redor, e eu tinha parado todo o ensaio. 

- Nada demais, perdi o equilíbrio. _ ela franzi as sobrancelhas. 

- Está bem, voltem aos seus postos, vamos recomeçar a coreografia. _ ela fala alto, e todos obedecem, olhei mais uma vez para a arquibancada, e Jiraya parecia preocupado, fiz um gesto de legal com as duas mãos, e sussurrei "eu estou bem" pra ele, depois voltamos a ensaiar. 

Depois Samui trocou a música, e começamos outra coreografia, nessa eu não era arremessada, mais dava muitas acrobacias no solo repetidamente, dançava um pouco, pulava, voltava pra acrobacias, e assim seguimos ensaiando ao som de Ashley Tisdale - He Said She Said. 

Quando o ensaio acabou, voltamos para o vestiário feminino, não iria tomar uma chuveirada na escola, apenas peguei minha mochila, e saí do vestiário, segui para a saída da escola, Jiraya já deve estar me esperando. 

- Ino. _ parei e olhei para trás, vi Samui correndo em minha direção. _ Espera, quero falar com você. _ fiquei esperando ela chegar até me, olhei para a saída da escola, já estava quase no portão, e eu podia visualizar Jiraya, Hiashi e Neji de onde eu estava. _ O que foi aquilo no treino? _ ela pergunta se aproximando. _ Você é uma das melhores, depois de me tem você, e você nunca perdeu a pose! 

- Sempre tem uma primeira vez!

- Nem vem com desculpas esfarrapadas pra me, que não cola, como aquilo foi acontecer com você? 

- Não sei. _ respondi séria, mais ela não engoliu, fechei os olhos, e respirei fundo. _ Olha para a saída! _ ela faz o que eu mandei, e faz um verdadeiro "O" com a boca. 

- É o cliente de olhos pálidos da lanchonete, e ao lado dele tem um homem parecido com ele, e o seu padrasto, eles se conhecem? 

- Sim, ontem a noite eles jantaram em nossa casa, e eu quase tive um ataque cardíaco. _ Samui põe as mãos na boca, estava chocada. _ E também fiquei com uma reação semelhante a sua. _ vi Naruto saíndo da escola. _ Olha, eu tenho que ir. 

- Não espera, eu quero saber mais, não me deixa no suspense. _ ela fala me segurando pelo o braço. 

- Não posso demorar mais, tenho que ir embora, estão me esperando, me liga mais tarde, que eu juro que conto tudo. _ ela concorda e me solta, Naruto chega perto de me. 

- Quer que eu te carrega nas minhas costas? _ Naruto pergunta, e eu confiro minhas roupas. 

- É melhor não, eu vou caminhando mesmo. _ nos aproximamos dos três._ Oi, boa tarde._ comprimento os três, e Naruto faz o mesmo. _ Chegou cedo, o combinado foi as 15:00 hrs. _ falo diretamente para Jiraya. 

- Hiashi queria ver vocês treinando. _ sorri para o senhor Hiashi. 

- E o que o senhor achou? _ Naruto pergunta. 

- Eu achei que vocês são muito bons no que fazem, mais também notei que seu esporte é um pouco agressivo_ ele responde a Naruto. _ E que o de Ino é um pouco perigoso. 

- Hoje você quase caiu de uma altura consideravelmente alta. _ Neji completa. _ Poderia ter se machucando. 

* Isso não teria acontecido se você não estivesse lá, a culpa é toda sua por me distrair! 

- Mais graças a deus não me machuquei. _ não era isso que eu queria responder. 

- O que fez você cair?_ Jiraya pergunta. 

- Perdi o equilíbrio. 

- Você? Não brinca, isso sim é novidade! _ Naruto fala surpreso. 

- É pois é, agora vamos, ainda tenho outro compromisso pra ir. _ falei tentando mudar de assunto. 

- Vamos. _ Jiraya responde, e caminha em direção ao carro da minha mãe, da minha mãe? Eu e Naruto nos olhamos surpresos. 

= Mamãe já chegou? _ perguntamos juntos. 

- Já, ela saiu mais cedo do trabalho. 

- Ah, tá aí outra novidade. _ Naruto deixa escapar sua opinião. 

- Verdade, acho que hoje vai chover granizo. _ falei enquanto Naruto entrava no banco de trás do carro, e entrei logo em seguida, sentando do lado dele. 

- Também acho. _ Jiraya concorda, e não deixamos de rir da sinceridade dele, Neji também entra no carro, sentando do meu lado, fiquei entre os dois meninos, enquanto os adultos iam na frente. 

* Aí que vergonha, eu estou toda suada, eu devia ter tomado uma chuveirada na escola, mais se eu colar no Naruto, fico distante de Neji. 

- Você tomou chuveirada na escola? _ falei no ouvido de Naruto, e ele nega com a cabeça. 

- Ino, porque está se afastando de me? Eu assusto você? Tem medo de me? 

Continua...


Notas Finais


Gostando de Os Filhos da Outra? Então deixe seu comentário, bjos 😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...