História Os filhos dos deuses gregos ( INTERATIVA) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Grega, Percy Jackson & os Olimpianos
Tags Deuses Gregos
Visualizações 29
Palavras 664
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas da Autora


Gente desculpa a demora é eu não ter postado especial de Natal é que eu fiquei sem meu telefone é daí não pude escrever

Capítulo 21 - Selinis e Solis


Um mês passou e hoje irá acontecer o casamento da Selinis e do Solis, o  casamento iria ser em uma ilha secreta e mágica que só os dois tinham acesso .

Pov Selinis

Eu e as meninas estávamos nos arrumando e eu pergunto pra Thalia que é caçadora dá minha mãe e minha amiga 

— Thals tu viu a minha mãe ?

É ela diz

— última vez que eu a vi ela estava com teu pai na praia

É eu digo

— Shh então não volta tão cedo 

Daí todas nós rimos e voltamos a nos arrumar 

Pov Solis

Eu e os meninos estavamos nos arrumando quando eu pergunto pro Nico

— Nico tu viu meu pai ?

E ele  diz 

— eu o vi na praia com a tua mãe 

E eu disse

— então não voltam tão cedo 

Logo nós rimos e eu tive que convencer o Nico a usar um terno e foi muito difícil 

Pov Selinis




Depois que nós arrumamos meu pai chegou e nos fomos de braços dados até o altar, a decoração era tipicamente grega mas com um toque de coisas modernas já que a decoração dá ilha é moderna e nos estamos no século 21, quando nós chegamos ele me deu um beijo na testa e deu meu braço para o Solis e disse

— filhinho cuida dá tua irmãzinha

Logo ele saiu e a tia Hera (que estava muito engraçada com essa roupa de casamenteira que ela insiste em usar ) começou 

— Selinis deusa dos crepúsculos e reconstrução dos sentimentos aceita Solis deus dos eclipses e novos estilos musicais como seu marido por toda a eternidade?

— sim

— Solis deus dos eclipses e novos estilos musicais aceita Selinis deusa dos crepúsculos e reconstrução dos sentimentos como sua esposa pela eternidade?

— sim

— agora os votos

Daí eu comecei 

— eu prometo sempre te amar não importa o que haver e que possamos passar por muitas  coisas boas eu me lembro que antes dá gente ficar juntos nós sempre brigávamos por coisas idiotas e ridículas, as vezes passava dos limites que nem aquela vez que nos acabamos aparecendo sem querer no quarto dá vovó e do vovô e vimos uma coisa que não deveríamos ver e eu me lembro que a tia Dite sempre disse que toda essa nossa implicância um com outro era nos nos negando ao amor e não é que a maluquinha dá dite tinha razão, eu te amo Soli e sempre vou te amar.

Todos estavam emocionados com o meu voto e agora foi o Solis 

— eu sempre ire te amar não importa o que acontecer sempre irei te amar e apoiar e como tu falou eu também me lembro de todas essas coisas me lembro do dia que admitimos que nos amávamos e que esse dia foi o segundo melhor dia da minha vida porque o primeiro está sendo hoje e eu me lembro perfeitamente a Dite nos trancou naquela casa e disse que nos sairíamos assim que falássemos todas as verdades mas os outros deuses nunca souberam deste dia daí quando nos fomos contar para todos a Dite começou a comemorar e os outros deuses a darem drakman pra ela eles tinham apostado que o plano ia dar errado e a tia Dite que ia dar certo. Eu te amo S e sempre te amarei por toda a minha eternidade e farei o possível e o impossível para te amar, alegrar, cuidar, te tornar a deusa mais feliz do mundo.

Todos estavam emocionados pelos votos então a Hera (vovó) falou

— então eu os declaro marido e mulher pode beijar a noiva

Daí ele me beijou e parecia que não havia ninguém lá só nós dois e quando acabou todos batiam palmas (a Afrodite chorava) e eu fiquei corada. A festa era enorme parecia aqueles bailes reais e estava muito engraçado os discursos e foi muito legal depois que todos foram embora eu e o Solis também , então começou a lua de mel que seria uma volta ao mundo de um jeito romântico, carinhoso, quente e divertido.








Notas Finais


Espero que tenham gostado o próximo vai ser do próximo casal na ordem dos pedidos de casamento


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...