História Os Guardiões Das Estações - Capítulo 44


Escrita por: ~

Exibições 16
Palavras 1.084
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Escolar, Fantasia, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Estou meio ocupado hoje, so passei pra atualizar mesmo ^-^ boa leitura a todos.

Capítulo 44 - Tentativas De Rotina


Pov. Autor – O dia teria começado como outro qualquer, teria, se não começasse com uma “pequena” discursão entre Jai e Hic... ou poderia ser apenas mais um dia “normal” para estes jovens!
- Como você se atreveu a ir tão longe só para me dar o troco? Foi muito baixo o nível Hic! (O rosto de Jai estava completamente vermelho, mas não era possível dizer se de raiva ou de vergonha).
- Eu não acho que fui longe demais, acho que foi ao ponto certo! Você bem que mereceu! (Hic estava se divertindo com as expressões que Jai fazia, Jack que o mantinha em seu colo sentado em uma das cadeiras da sala de aula apenas tentava não sorrir, o que parecia uma tarefa bem complicada neste momento).
- Como assim eu mereci? O que eu fiz de errado para merecer aquilo?
- Serio? Quer que eu traga a lista ou posso recitar como um poema? Se quiser eu aproveito e descrevo a “cena” para as pessoas que estão boiando ao nosso redor!
Como era o esperado, as três garotas estavam completamente curiosas para saber o que havia acontecido, juntamente com Jack, o qual também nada sabia, mas que não parecia se importar em descobrir.
- Que tal o sexteto feliz parar com a discursão de relacionamento e se sentarem para a aula? (Falou um dos professores sem ao menos ter sido notado entrando na sala de aula).
- Eu já vou indo, mais tarde nos encontramos no mesmo local, não é? (Els disse piscando um dos olhos para o resto da turma, recebendo um aceno positivo como resposta e saindo da sala de aula).
- Só espero que o senhor não vá dar aula apenas para cinco pessoas, não é? Onde estão o resto dos alunos? (Perguntou Jai, tanto para o professor quanto para seus amigos a sua volta, ignorando o sorriso bobo de Hic).
- Seus queridos colegas estão na sala de informática e como vocês estão aqui que tal termos uma aula só nossa mesmo? (O olhar que o professor lançou a Hic o fez corar violentamente e saltar do colo de Jack, os demais se sentaram formando uma única fileira na sala, todos um do lado do outro). - Muito bem, então? Como podemos começar a aula? Que tal um pequeno teste rápido de matemática? Vamos começar! ...
No intervalo, estavam todos reunidos na arvore que antes havia sido fulminada pelo raio de Hic, Els chega até os jovens e percebe seus olhares fuzilantes para Hic que apenas mantinha a cabeça abaixada.
- Ei vocês? Porque estão todos aqui? E assim?
- O professor maluco passou um teste surpresa, e digamos que o único que se saiu bem foi o traste do Hic! (Rinda parecia um tanto zangada, ela olhou para o outro lado e tratou de se corrigir). - E claro, a Punzie também se saiu bem!
- Acho melhor vocês pensarem em estudar também, já que ele resolveu fazer a mesma coisa em nossa sala e eu também me saí bem! (Jai e Rinda enviaram a garota um olhar perturbador, ela logo percebeu que não devia ter tocado no assunto).
- Eu não me importo nem um pouco com essa nota! (Jack parecia completamente despreocupado, o que acabou chamando a atenção de Hic).
- Como assim? Você tirou uma nota tão miserável, porque não se importa?
- Para que eu iria me importar se tenho um ótimo professor como namorado? (Hic corou com as palavras e Jack sorriu, este se preparou para dar um selinho no menor, mas foi interrompido por Punzie).
- Parem já com isso vocês dois, estamos sendo observados, e eu não estou gostando nem um pouco dos olharem em nossa direção.
Os jovens perceberam o que Punzie dizia, alguns alunos os estavam observando, mas seus olhos continham uma expressão de ódio. Aquilo atraio a curiosidade deles, porque motivo sentiriam ódio deles? Não haviam feito nada de errado, além do que, grande parte dos que estavam a olha-los eles nunca tiveram conversado antes.
- Gente, eu não queria dizer nada antes porque achei que era paranoia minha, mas por alguma razão não estamos em um lugar que eu chamaria de “lar”. (Jai teve a atenção dos jovens).
- Como assim? Está dizendo que alguma coisa aconteceu com nosso mundo? (Punzie perguntou, sem muito ter entendido sobre o que Jai queria dizer).
- Eu não saberia explicar, mas acho melhor nos reunirmos na base para conversarmos melhor!
Todos concordaram e novamente foram para suas salas, apenas para aguardar o dia de aula terminar...
Quando todos saíram do colégio resolveram ir diretamente para o local de encontro sem passar em suas casas, eles precisavam conversar e decidiram fazer isso o mais rápido possível. Jai foi novamente o anfitrião e os teleportou até a entrada da base em questão de segundos, os demais prepararam seus pingentes e entraram.
- Bom, eu não sei o que está acontecendo, mas tem algo de estranho no ar, eu não sei ao certo o que é, mas este lugar parece totalmente desconhecido para mim. (Jai começou a andar de um lado ao outro tentando achar uma explicação para suas sensações).
- Eu não tenho a mesma sensação do Jai, mas com certeza algo estranho está acontecendo, porque aqueles jovens estariam nos encarando daquela forma? Até agora não fizemos nada que chamasse a atenção ou despertasse a raiva deles. (Els se interpôs na conversa).
- E onde estavam os outros alunos da nossa sala? Porque todos estariam reunidos na sala de informática e nós não?
- Acho que pode ser apenas impressão nossa, mas estes com certeza não são comportamentos normais, porque um dos nossos professores que sempre são rígidos abririam espaço para que apenas cinco alunos fizessem um teste?
- Na minha opinião, ele sairia correndo atrás dos demais alunos como um louco! (Rinda e Punzie declararam respectivamente suas observações).
- Agora que vocês tocaram no assunto, ninguém sentiu a falta dos guardiões? (Todos pararam suas análises e encararam Jack). - Desde que voltamos para casa nenhum dos guardiões disse uma só palavra, Norte, Coelhão, Fada, Sand, nenhum deles. Tudo isso pode ser apenas coincidências mas se juntarmos tudo temos um grande mistério. Porque tudo isso está acontecendo de uma única vez?
- Gente, acho que eu entendi tudo, se o Jai sente alguma coisa estranha ao seu redor, e tudo isto está acontecendo acho que eu teria apenas uma explicação... não estamos na nossa dimensão, aqui não é a nossa casa...
 


Notas Finais


Bom, como eu deixei uma aura de misterio vou so dar um spoiler, talvez essa temporada seja menor que a outra, mas ainda nao decidi direito como ela vai acabar (sim, eu penso em tudo antes de postar, e ate ja tenho minhas ideias). Depois eu explico melhor porquê ela sera mais rápida, ate outra hora ^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...